O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
3 min para ler 79 Compartilhado 28 Comentários

Os aplicativos do seu smartphone sabem mais sobre você do que se imagina!

Uma pesquisa feira pela HP revelou algo que já imaginávamos há um certo tempo. Segundo o relatório da empresa, além de coletar dados básicos do sistema operacional, os aplicativos disponíveis em lojas como o Google Play estão cada vez mais invasivos. Confira detalhes a seguir.

A pesquisa foi feita pela HP entre os meses de maio e junho do último ano, e analisou cerca de 26 mil apps disponíveis na App Store, da Apple, e no Google Play, da Google. Em média, 96,52% dos aplicativos analisados realizavam uma quebra de privacidade fundamental, segundo o relatório.

De modo geral, os aplicativos buscam informações de geolocalização - em 70% dos casos - enquanto outros consultam dados do calendário e da agenda. Porém, você deve estar imaginando que os apps que consultam a agenda de contatos do usuário são mensageiros ou clientes de e-mails em sua maioria, certo? Errado. Segundo a pesquisa, 19,8% dos aplicativos financeiros acessam essas informações secretamente.

eric galaxy s6 encryption
Aplicativos estão invadindo a privacidade do usuário / © ANDROIDPIT

Além disso, muitos jogos e apps sobre o clima consultam dados que vão além da localização básica do usuário, como eventos do calendário, por exemplo. Aliás, por qual motivo um aplicativo de previsão do tempo precisaria dessas informações?

A situação fica um pouco mais estranha quando a pesquisa revela que apps de saúde, medicina e boa forma utilizam ferramentas relacionadas a publicidade ou análise de dados. Ou seja, podemos presumir que essas informações são repassadas para a indústria "fitness", que envolve desde a criação de sistemas até produtos e wearables, como pulseiras no melhor estilo Fitbit.

Como garantir a sua privacidade?

Todos nós sabemos que muitas gigantes do mundo da Tecnologia - Google e Facebook são os maiores exemplos - têm o grosso da sua receita gerada a partir da coleta de dados e venda de publicidade online nos mais diversos formatos. Mas, de onde essas informações saem? A pesquisa da HP revela o óbvio, porém preocupante, cenário da privacidade do usuário de smartphone.

Quem nunca se deparou com anúncios no Facebook de pesquisas que você realizou aleatoriamente no Google, muitas vezes sem intenção de compra? Pois bem, podemos dizer que não existe uma solução 100% eficiente para fugir dessa invasão de privacidade, mas é possível se precaver.

Com relação a privacidade nos apps, nada me vem a cabeça a não ser o Android 6.0 Marshmallow, que possui um excelente sistema de gestão de permissões para aplicativos. Já falamos sobre o modo de funcionamento deste recurso no review do SO (links abaixo).

O lado ruim dessa "solução" é que muitos smartphones ainda aguardam a atualização para a última versão do Android, fazendo com que essas permissões sejam exploradas por apps em segundo plano. Recentemente, a Apple liberou o uso de bloqueadores de anúncios no Safari (navegador padrão do iOS), ainda que o uso dessas extensões beneficiem mais o navegador de internet do que os aplicativos.

E aí, como você controla sua privacidade no smartphone?

Os comentários favoritos dos leitores

28 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi