O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
3 min para ler 127 Compartilhado 22 Comentários

Bateria que carrega completamente em apenas 1 minuto é anunciada na Califórnia

Diga "adeus" às baterias de íon-lítio e "olá" às baterias de íon-alumínio! Químicos da Universidade de Stanford desenvolveram uma nova tecnologia quando o assunto é a bateria do seu smartphone. Imagine poder contar com uma bateria flexível, mais segura que a de lítio e com capacidade de carregamento completo em apenas 1 minuto?

akku smartphone new format
Que tal um smartphone com bateria que carrega em apenas 1 minuto? / © ANDROIDPIT

Baterias de alumínio não são uma novidade e, geralmente, estão associadas a problemas de carregamento após serem carregadas por 100 vezes. Entretanto, estes cientistas dizem ter criado uma bateria de alumínio capaz de ser carregada até 7.500 vezes sem nem mesmo perder em capacidade. Para se ter uma ideia do que isso significa, imagine que a bateria de alumínio possui 7,5 vezes a vida útil das atuais bateria de íon-lítio, essa que neste momento fornece energia para o seu smartphone funcionar.

De acordo com o professor de química da Universidade de Stanford, Hongjie Dai, tais baterias de alumínio podem substituir aquelas que usamos em computadores pessoais e celulares: "Nós desenvolvemos uma bateria de alumínio recarregável que pode substituir as que temos hoje em dispositivos de armazenamento de dados, tais como as alcalinas, que são ruins para o meio ambiente, e as de íon-lítio, que ocasionalmente explodem. Nossa nova bateria não vai pegar fogo, mesmo se você perfurar ela com uma furadeira". Contudo, a bateria de íon-alumínio não é perfeita... ainda.

Até o momento, as baterias de alumínio produzem apenas 2 volts, menos que os 3,6V entregues por aquelas de íon-lítio. Somado a isso ainda existe o fato que elas suportam apenas 40 watts de eletricidade por quilograma em comparação às de lítio, que suportam entre 100 e 206 W/kg de densidade elétrica. De acordo com Dai, isso pode ser otimizado com o aprimoramento do material usado na construção da bateria, ou seja, um alumínio com mais eletrodos aumentaria a voltagem e a densidade elétrica da bateria.

Assim, solucionando a questão do cátodo, teremos no futuro uma bateria mais barata de se produzir, mais segura, com capacidade de carregamento rápido, flexível e com um ciclo de vida maior. E não precisa ser nenhum gênio para saber que a fabricante que investir primeiro nesta bateria será a primeira também a cair nas graças do povo, certo?

E aí, você trocaria seu celular com bateria íon-lítio por um íon-alumínio? Deixe-nos saber sua opinião os comentários abaixo.

127 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

22 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi