O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
15 Compartilhado 5 Comentários

Possível benchmark do Note 3 revela processador Snapdragon 800 com clock de até 2,3 GHz!

O site GSM Insider cantou a bola: a pontuação de benchmark AnTuTu do dispositivo Samsung SM-N9005 pode ser referente ao Galaxy Note 3 LTE. O aparelho atingiu pouco mais de 22 mil pontos e deve ser alimentado por um processador com frequênica de 2,3 GHz, roda com Android 4.3 e possui internet móvel de quarta geração (LTE).

samsung galaxy note3 leak
 Possível imagem do Galaxy Note 3 vazada pelo Tech Kiddy. / © Techkiddy

O benchmark vaza na rede praticamente um mês antes do lançamento da nova flagship da linha Galaxy Note. E, segundo o site, a pontuação somada à frequência do processador confirma que o Note 3 será embalado pelo chipset Snapdragon 800 - a um clock de até 2,3 GHz.

note 3 antutu
Possível benchmark AnTuTu do Galaxy Note 3 chega a pouco mais de 22 mil pontos. / © Antutu

Como o potencial de velocidade da frequência de um processador Snapdragon 800 pode chegar a um valor de clock maior que 2,3 GHz, podemos dizer que este deve ser um sinal de que o teste AnTuTu foi realizado em um protótipo muito longe da versão final que será comercializada. Em todo o caso, depois do escândalo de manipulações de testes do Galaxy S4, acredito que a Samsung irá se comportar de maneira diferente em comparação ao índice de referência do Galaxy Note 3.

Rumores sobre as especificações do Galaxy Note 3 indicam que o aparelho vem com 3GB de RAM, um display de 5.7/6 polegadas, com resolução de 1080p e câmera de 13 MP. O lançamento do Galaxy Note 3 é esperado para setembro, durante a IFA 2013, em Berlim.

E aí, na sua opinião este é o benchmark do Galaxy Note 3?

Atualizado às 14h20min - A Samsung anunciou, por meio de um convite oficial, que o evento unpacked do Galaxy Note 3 será realizado em 4 de setembro. E o AndroidPIT fará a cobertura do evento e trará em primeira mão as novidades sobre o novo carro-chefe da Samsung. Fique ligado!

5 Comentários

Escreva um comentário:
  •   28

    Bom eu não tenho nada contra os benchmarks, é uma ideia legal, bem intencionada, mas é que eles são muito pouco confiaveis (ou nada confiaveis). Talvéz até seja util quando temos dois dispositivos em comparação ( é disto que esta falando +Camila?), mas antes precisa-se analisar as especificações, usando o benchmark apenas para fechar o comparativo, para dar aquela noção (gasosa) de como um dispositivo se sobressairia sobre o outro ( putz, contraditorio estou eu não?). É que é dificil explicar. Usuarios um pouco mais rodados neste mundo apenas pelas especificações conseguem ter uma noção de como o dispositivo se comportará, já os menos experientes precisam de uma coisa mais palpavel, e aí o que é mais exato (inexato) que os números? Em uma tabela que ainda mostra qual dispositivo é pior/melhor que o seu? E este é o "pulo do gato", pois manipulações destes números, enganam muita gente.
    Bom prefiro mesmo não levar em consideração este tipo de teste, são muito vulneráveis para merecerem minha confiança.

    Abraço.

  • A Samsung parece que finalmente confirmou o data de lançamento do Galaxy Note 3, aí sim vamos saber o que é rumor e o que é verdade.

  • Camila Rinaldi
    • Admin
    • Equipe
    5/ago/2013 Link para o comentário

    Pois é +Daniel e +Rafael, na prática o desempenho do aparelho não condiz com estes resultados, tanta para mais quanto para menos. Vejo estes testes muito mais como um comparativo entre especificações que propriamente uma demonstração de desempenho de um aparelho. (espero que isso não tenha soado contraditório)

  • É difícil acreditar em um teste que não representa na prática o desempenho do aparelho. Basta olhar nos fóruns especializados e ler as diversas reclamações de todo o tipo de usuários, iniciante ou avançado.
    Ok, esses testes podem mostrar dados interessantes? Podem. Vários fabricantes usam esses testes para impressionar seu público alvo? Certamente. Mas, como tudo nessa vida, está sujeito a distorção. E isso acaba com a confiança, pelo menos pra mim, que as vezes foi conquistada depois de anos.

  •   28

    Eu nunca acreditei muito em benchmarks, depois do episódio da Sammy, estes testes passaram de "não fede e nem cheira" para " Aham Claudia,senta lá."

    Abraço.

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi