O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
6 min para ler 50 Compartilhado 79 Comentários

A BMW está acelerando a revolução digital e o próprio carro autônomo

A BMW apresentou as últimas inovações na área de serviços digitais durante a conferência Innovation Days 2017, em Chicago, nos EUA. O destaque foi o lançamento do BMW Connected+, a nova versão do seu aplicativo móvel. Na data, tive a chance de testar o carro inteligente da fabricante alemã e ver a que passo anda o desenvolvimento do seu carro autônomo.

Mesmo que carros autônomos sejam provavelmente o futuro dos transportes, ainda continuam sendo protótipos. A sua comercialização em larga escala e a disponibilidade para o público em geral ainda levarão tempo (provavelmente em 2020).

Mas é certo que os carros inteligentes são o futuro e vêm para impulsionar mais uma vez a indústria automobilística. Os fabricantes finalmente entenderam a necessidade disso, e estão se preparando para sua chegada. Além dos novos equipamentos de segurança que podem detectar perigos e antecipar acidentes, os fabricantes estão adicionando novas tecnologias aos seus veículos para que estes estejam adaptados às vidas dos usuários em relação à conectividade.

Obviamente, como todos os fabricantes de automóveis, a BMW está levando muito a sério a revolução digital. Sendo um dos fabricantes mais bem-sucedidos nos últimos anos, não pode se dar ao luxo de não inovar. É por isso que o fabricante multiplicou suas iniciativas, mantendo um princípio básico: a personalização.

Antes do carro autônomo, o carro conectado

Como em qualquer revolução, tem que haver um ponto de partida, e o smartphone é a resposta neste caso. Embora a BMW realmente tenha começado a executar o seu programa no ano passado, as coisas avançaram rapidamente.

O fabricante começou por adicionar o cartão SIM em cada um de seus novos veículos, chamado de BMW ConnectedDrive, e lançou um aplicativo para Android e iOS chamado BMW Connected para oferecer aos proprietários de um BMW um serviço digital. E o resultado disso? 

Depois de menos de um ano, 8,5 milhões de carros da BMW estão conectados, e mais de um milhão de pessoas em mais de 29 países usam regularmente o aplicativo. Isso comprova o interesse dos usuários nos carros conectados.

androidpit bmw car 1
O aplicativo BMW Connected funciona lado a lado com o sistema de entretenimento a bordo / © AndroidPIT

Melhorando o aplicativo

Em 2017, a BMW decidiu acelerar sua revolução digital. A empresa aproveitou o Innovation Days para anunciar uma versão otimizada do seu aplicativo. O BMW Connected+ pretende ser o elo entre o smartphone e o veículo, oferecendo a máxima personalização aos usuários.

O aplicativo que pude testar no último BMW 530e me deixou com uma boa impressão. Agora, você pode bloquear (e desbloquear) o seu veículo usando o aplicativo, acionar o ar condicionado remotamente, tirar uma foto em 3D do seu BMW a qualquer momento e informar seus amigos e colegas sobre a sua posição quando estiver em trânsito. O aplicativo também informa quando você precisa reabastecer e pode orientá-lo sobre o seu destino final quando estiver a pé. A cereja do bolo é que você pode até mesmo reservar uma garagem para quando precisar. 

O BMW Connected+ também pode acessar a sua agenda e oferecer a navegação à bordo até o seu próximo compromisso. O aplicativo não só calcula o tempo de viagem, mas também inclui o tempo necessário para sair com o veículo do estacionamento.

A BMW também oferece suporte para a assistente de voz da Amazon, a Alexa, para o qual você pode pedir para ativar o ar-condicionado com antecedência através da Amazon Echo. A compatibilidade com outros assistentes de voz deve chegar em breve.

androidpit bmw app 2
Com o BMW Connected+, você pode compartilhar seu status de viagem com colegas e amigos / © AndroidPIT

Por último, mas não menos importante, a BMW não economiza em segurança. A proteção de dados é imperativa no campo de transporte, e o aplicativo está protegido por várias camadas de codificação. Toda a informação que você troca com o seu veículo é anônima e mantida pela BMW, que é analisada para melhorar a experiência geral do cliente. Nenhum dado é vendido ou compartilhado sem o seu consentimento.

Atualizações frequentes

Esta revolução digital e a transição para o carro autônomo, obviamente, incluem uma melhoria no sistema de atualizações. A BMW está ciente da rápida evolução do software e diz estar comprometida em levar as novas versões do seus serviços aos seus clientes.

Novos recursos serão liberados Over-the-Air para o seu smartphone

Apostando no Aprendizado de Máquina

Assim como o Assistente do Google confia no Aprendizado de Máquina, a BMW fará o mesmo. Ou seja, vai permitir que a máquina/sistema aprenda por si só, erradicando a necessidade de programação clássica, que consiste em simplesmente dar ordens. Além disso, os carros da BMW serão capazes de se adaptar a situações, aprender com seu comportamento e reter todas as suas informações.

Transformando o carro na sala de reunião

De acordo com o vice-presidente de serviços digitais da BMW, Thom Brenner, "o carro não deve mais ser visto como um meio de transporte, mas como integração à vida dos usuários". Assim, o carro do futuro servirá como espaço de trabalho, no qual será possível atender a reuniões de forma confortável.

Por esse motivo, o fabricante alemão juntou-se à Microsoft para integrar o Skype para empresas para a BMW Série 5. O serviço será integrado com a interface iDrive on-board esperançosamente até o final de 2017.

androidpit bmw car 2
A BMW quer transformar seus carros em salas de reuniões / © AndroidPIT 

Obviamente, o sistema de bordo poderá enviar notificações para o Skype para empresas. Você pode ser avisado sobre os próximos compromissos, reuniões canceladas ou adiadas, mas acima de tudo, iniciar uma videoconferência com apenas um clique. O sistema será totalmente controlável por comando de voz, e as reuniões via Skype permitirão ter até dez participantes.

E quando teremos o carro autônomo da BMW?

A longo prazo, a BMW está obviamente pensado em construir o próprio carro autônomo. Esta transição para um espaço de trabalho é apenas um passo para chegar até ele. O objetivo é gradualmente fazer com que o veículo assuma o controle de si e deixe o motorista livre para praticar outras ações.

Porém, isso ainda está longe de ser alcançado, e levará ainda algum tempo (e vários eventos da inovação). Enquanto isso, a BMW está fazendo tudo o que pode para chegar o mais rápido possível lá, oferecendo a melhor experiência para convencer os motoristas de que seus serviços são os melhores.

Opinion by Pierre Vitré
A BMW está na direção certa em busca do próprio carro autônomo.
O que você acha?
50
50
69 participantes

Um dos desafios agora é fazer com que todos os usuários adotem o seu aplicativo e passem a integrá-lo ao cotidiano. Ou seja, a BMW precisa deixar de ser vista como uma fabricante tradicional para se estabelecer como uma empresa preocupada com a revolução digital. A tarefa parece difícil dada a concorrência (Tesla, Apple, Volvo), mas a BMW está confiando em sua experiência e capacidade de inovar para alcançar o seu objetivo final. Se isso será suficiente? Só o tempo irá dizer!

O que você acha dos carros conectados da BMW?

50 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Jairo rios há 2 semanas

    Interessante observar como as montadoras estão bem atrás da Tesla e seus veículos autônomos e conectados , mas concorrência é bom , espero que as demais montadoras invistam e tentem superar a Tesla

  • AC&MM há 2 semanas

    O avanço da tecnologia, obviamente, é inevitável, mas o que me deixa com o pé atrás não é esse crescimento tecnológico e sim o próprio ser humano. Pois, de uma certa forma, seria uma desculpa mais do que esfarrapada para acidentes. Quantos motoristas que, após um acidente, diriam que foi um "problema" no software do carro que calculou uma determinada distância errada e não deu tempo pra uma frenagem segura ou outra desculpa qualquer? Quantos motoristas que, principalmente aqui no Brasil, costumam dirigir embriagados e com um carro desse tipo se confiariam na auto direção dos mesmos veículos pra conduzí-los irresponsavelmente e assim causar acidentes terríveis?
    Isso sem contar outras calamidades que podem acontecer devido a falta de responsabilidade do ser humano e não por culpa do avanço tecnológico., pois o mesmo visa facilitar a vida dos seus usuários.

  • Sandro há 2 semanas

    Interação do carro com o smartphone é cada vez maior... Mas carro totalmente autônomo ainda creio que está distante... Mesmo a tesla sendo a maior nesse ramo, houve vários acidentes com seus carros, ou seja, ainda há um longo caminho a percorrer nessa tecnologia..

  • Sandro há 2 semanas

    O Brasil não vai receber nem dentro de mil anos, pois o sistema do carro é sincronizado com semáforos, reconhecimento de placas e etc...o Brasil não tem infraestrutura para tal... O Brasil não é mercado pra esse tipo de tecnologia

  • Victor Lima há 2 semanas

    chega no Brasil custando 700.000 reais... até um milhão...

79 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi