O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
96 Compartilhados 36 Comentários

Como liberar espaço na memória do seu smartphone Android

Você possui um slot microSD, mas ainda é obrigado a instalar a maioria dos apps na memória interna do seu dispositivo? Ou você tem pouca memória e precisa liberar espaço? Seus problemas acabaram! Neste tutorial, você vai aprender a aumentar a memória interna com um cartão microSD e liberar espaço na memória interna e RAM do seu Android.

Vá direto ao que interessa

Como aumentar o armazenamento interno do seu Android com um cartão microSD

Com a chegada do Android Marshmallow, ficou ainda mais fácil usar o seu cartão microSD como memória interna. Confira o passo a passo no artigo abaixo.

Se você não tem um dispositivo com o Android 6.0 Marshmallow, siga as Instruções abaixo.

Pré-requisitos:

  • Seu smartphone precisa ser "rooteado"
  • Faça um reset do seu smartphone (o que leva à perda de dados). Antes, faça um backup de tudo o que é importante em primeiro lugar.
  • Uma vez que o reset é feito (parâmetros, salvar e reiniciar), desligue o smartphone.

Ferramentas e Downloads necessários

Link2SD Install on Google Play

Como aumentar o armazenamento interno do seu Android

  • Conecte o cartão MicroSD no computador;
  • Abra o MiniTool Partition, e clique no seu cartão microSD;
MiniTool1 w620
Não toque nos outros discos pois são do seu computador!/ © QDL/ ANDROIDPIT 
  • Clique em Formatar partição, em seguida, nomeie-a PRIMÁRIA;
  • Selecione o sistema de arquivos FAT32;
MiniTool22
Verifique bem os processos antes de confirmar. Modificar partições pode ser perigoso / © QDL/ ANDROIDPIT
  • Em seguida, clique em Split Partition;
  • Nós separamos o cartão microSD em duas partições. Temos um cartão de 16 GB SD com 15 GB utilizáveis. Assim, temos 13 GB em uso. Segue abaixo uma lista com diferentes exemplos de partições:
    • SD 2 GB: 1 partição primaria FAT32 de 1.5 GB; 1 partição primaria FAT32 de 500 MB
    • SD 4 GB: 1 partição primaria FAT32 de 3.2 GB; 1 partição primaria FAT32 de 800 MB
    • SD 8 GB: 1 partição primaria FAT32 de 7.2 GB; 1 partição primaria FAT32 de 800 MB
    • SD 16 GB: 1 partição primaria FAT32 de 15 GB; 1 partição primaria FAT32 de 1 GB
MiniTool3
Deixe aproximadamente 2GB em uma partição / © QDL/ ANDROIDPIT
  • Selecione a partição menor recém-criada, e então clique em "Format Partition", entrando no sistema de arquivos Ext2;
  • Clique com o botão direito do mouse na partição e, em seguida, no menu de deslizar para baixo selecione "Modificar";
  • Clique em Definir como partição primária.
MiniTool4 w620
Ambas as partições devem ser do tipo "Primário" / © QDL/ ANDROIDPIT
  • Clique em Aplicar no canto superior esquerdo da MiniTool Partition. Note que o procedimento leva alguns minutos. Você pode ir fazer um café enquanto isso;
MiniTool5
Não se preocupe se as vezes parecer demorado. Não toque em nada / © QDL/ ANDROIDPIT
  • Uma vez feito isso, não insira o cartão SD no seu smartphone. Por agora, mantenha-o ao lado;
  • Reinicie o seu smartphone, mas não salve nenhuma aplicação e não deixe que o Play Store o faça;
  • Inicie o aplicativo SuperSu e atualize o binário SU;
SuperSU
Instalar / Atualizar o aplicativo SuperSU / © ANDROIDPIT
  • Desligue o seu smartphone e insira o cartão microSD;
  • Reinicie o telefone, sem fazer quaisquer outras atualizações e instale e inicie o aplicativo Link2SD;
  • Uma mensagem aparecerá perguntando o que é o sistema de arquivos da segunda partição do seu cartão SD. Clique em Ext2 e reinicie;
  • Inicie o Link2SD e, em seguida, Configurações. clique em Local de instalação e selecione Interno;
  • Sempre dentro dos parâmetros do Link2SD, clique em Auto-binding.
Expandir memoria 03
Com o Link2SD você escolhe o local de instalação dos seus aplicativos / © ANDROIDPIT

E voilà! Em sua próxima instalação, você verá uma notificação alertando que o aplicativo instalado está associado ao cartão SD. Ah, e uma última dica: Não remova o cartão SD enquanto o smartphone está ligado. Primeiro desligue o seu Android!

Como liberar espaço e ter mais memória no seu Android

Memória interna

Dicas para viver bem com pouco armazenamento

Você já deve conhecer aquela famosa dica do cache e dos dados de aplicativos, certo? Você pode eliminar dados de navegação que são salvos por cada aplicativo instalado no seu aparelho, fazendo com que o tamanho final desses apps seja reduzido.

Por mais que você ache que ambas as funções façam coisas semelhantes, saiba que existe uma diferença entre limpar dados e limpar o cache de aplicativos. Abaixo, compartilho um artigo que está repleto de informações para você entender melhor essa diferença e saber como proceder para limpar seu smartphone:

Armazenar arquivos na nuvem

Calma, não estamos induzindo ninguém a comprar uma passagem aérea. A questão aqui são os serviços de armazenamento em nuvem, que são bem conhecidos entre os usuários mais avançados, mas que passam despercebidos pela maioria. 

O Google Drive, por exemplo, vem pré-instalado em aparelhos Android e pode ser um aliado interessante. Os 7GB oferecidos pelo Google gratuitamente podem ser úteis para quem faz backups pontuais, a cada dois meses, por exemplo, guardando fotos e arquivos que sejam mais importantes.

AndroidPIT how to transfer pics 12
O Google Drive é uma boa opção de serviço em nuvem / © ANDROIDPIT

Particularmente, uso o Google Drive, o One Note e o Box, fazendo backups a cada três meses no meu smartphone. Opto por não deixar o upload automático ativado, visto que isso demanda muita internet. Mas, a cada trimestre, realizo essa terapia tecnológica. Recomendo que vocês façam o mesmo!

Escolher o que você quer ver no WhatsApp

Certo dia, você é colocado em um grupo do WhatsApp da escola, ou do trabalho, do bingo, seja lá de onde for. Por mais que você silencie o grupo para não interagir sempre com as pessoas que ali estão, sempre teremos o interminável envio de arquivos entre os participantes do grupo. Quem paga o preço? Sim, o armazenamento do seu smartphone.

O que mais vejo no meu Twitter ou na casa das minhas tias é: pouco espaço no armazenamento interno. E o quadro é sempre o mesmo: o WhatsApp ocupando gigas preciosos do celular por causa do envio e download de arquivos. Portanto, siga os passos abaixo, caso você ainda não tenha seguido:

  • Abra o WhatsApp e clique em "Configurações";
  • Selecione "Chats" e desmarque a opção "Salvar arquivos de mídia automaticamente"
AndroidPIT best messenger apps 1 whatsapp
O WhatsApp pode ser um vilão do armazenamento do seu smartphone / © ANDROIDPIT

Com isso, nenhum arquivo será baixado e nem salvo automaticamente no seu smartphone. Mas, mesmo aqueles que você optou em baixar, considere excluí-los ou enviá-los para alguma mídia de armazenamento removível em algum momento. Tudo isso por alguns gigas adicionais.

Desinstalar as extensões do Facebook

Se depender do Facebook, 50% do armazenamento do seu smartphone será usado para baixar os apps da rede social, que executam funções diferentes. Mas a verdade é que eles deveriam estar todas no aplicativo oficial. É o caso do Messenger e suas extensões.

Mas, convenhamos, ninguém precisa se sujeitar a isso se estes serviços podem ser usados pelo navegador padrão do Android. Na versão web do Facebook, por exemplo, você poderá usar o Messenger, administrar páginas e navegar pela rede social sem quaisquer problemas. Isso vale também para o Twitter e para sites de notícias. 

androidpit FACEBOOK i quit
O Facebook na web é melhor que o app individual (acima) / © ANDROIDPIT

Comece a usar redes sociais e serviços em suas versões web, limpe o cache do navegador com certa frequência e ficará tudo bem. Você ganhará espaço no armazenamento, memória RAM e algumas porcentagens de bateria, inclusive.

Usar serviços de streaming

Você sabia que, na maioria dos casos, a assinatura de um serviço básico para streaming de músicas leva até 4 anos para atingir o preço que você pagou pelo seu smartphone? Sim, se você pagou 800 reais pelo seu smartphone, por exemplo, investir em um serviço que lhe custará cerca de 14 reais ao mês pode ser uma boa ideia.

A compactação das músicas feita pelos serviços de streaming é menor do que aqueles arquivos de áudios que estão disponíveis na web. Além disso, você poderá usufruir de uma qualidade padrão das canções, visto que, na prática, nem sempre achamos arquivos com Kbps iguais do mesmo artista.

google music apple music spotify
Serviços para streaming de músicas podem se uma boa para poupar armazenamento / © ANDROIDPIT

Outra vantagem do streaming é a independência do computador. Chega de cabos, de pastas e de todo aquele trabalho redobrado do tipo: ter que baixar a música no PC, salvar, passar para o celular e depois limpar do computador.

Recomendamos que você teste versões gratuitas desses serviços antes de se comprometer a assiná-los. Depois, conte-nos como foi sua experiência e se você irá aderir ou não a um deles.

Memória RAM (Random Access Memory)

A memória RAM é uma memória de acesso aleatório onde a instruções que executam o processador e outras unidades de computação são carregadas. Aumentar espaço na memória RAM só é possível com uma nova placa, o que requer despedaçar seu dispositivo e ter conhecimentos suficientes para não fazer besteira. Contudo para liberar espaço neste tipo de memória há uma serie de dicas. 

Desativar Widgets e fundo de tela em movimento

Muita gente usa uma grande quantidade de widgets na tela do dispositivo, além de fundos de tela em movimento. Este processos precisam de memória RAM para funcionar continuamente. As gotinhas de água ou peixinhos que se movem pela sua tela ocupam um bom espaço da memória RAM do seu aparelho. Por isso, se eles não são completamente necessários para você, não os utilize!

androidpit best widgets hero 7
Evite usar muitos widgets e fundos de tela animado  / © ANDROIDPIT

Desativar aplicativos

Quais aplicativos você realmente precisa? E quais são estão instalados no seu smartphone que você nunca nem ouviu falar? Pois é, este apps que você nunca usa, e talvez nem saiba que estão lá, também ocupam a memória RAM do seu dispositivo. Você pode desativá-las. Nós te ensinamos como no artigo abaixo.

AndroidPIT best fantasy football apps 8
Libere memória RAM do seu dispositivo eliminando os apps que você não precisa / © ANDROIDPIT

Desativar animações

Nas opções de desenvolvedor, é possível desabilitar as animações dentro do sistema operacional. Basta ir a Configurações > Opções do desenvolvedor >Escala de animação da janela > Animação desligada. Assim, não serão ativadas animações que ocorrem quando você abre e fecha aplicativos, tornando todo o processo mais rápido e ocupando menos memória RAM. Você pode reativar as animações qualquer momento.

escaladeanimacaoappdev
Desligue as animações do sistema / © ANDROIDPIT

Você pode ativar as opções de desenvolvedor indo em Configurações > Sobre o telefone > Número de montagem ou Número de compilação (clique sete vezes sobre este número). Estas opções podem alterar profundamente o funcionamento do seu aparelho e as configurações não devem ser mudadas a não ser que você tenha certeza do que está fazendo.

Mudar o launcher

Se você usa um launcher alternativo ao original do seu dispositivo, uma mudança pode ser sua melhor aliada na hora de liberar espaço na memória RAM. Existem launchers que consomem menos desta memória por utilizar menos processos em segundo plano, menos animações e um número menor de funções. O que não quer dizer que eles sejam piores. Vale a pena pesquisar. 

AndroidPIT best apks lmt launcer 1
Há inúmeros launchers interessantes na Play Store, vale uma pesquisa / © ANDROIDPIT

E aí, conseguiu liberar todo o  espaço que precisava? Agora você vai fazer o que com essa memória toda?

36 Comentários

Escreva um comentário:
  • Estou usando um cartão Samsung EVO 32 GB classe 10 SDHC UHS-1 que tem velocidade de transferência de 48 MB/s. Uso uma ROM AOSP 5.1.1 com o launcher 3 home que é original dela já pra evitar consumo de RAM. Como tenho poucos apps, repassei os que tinha acesso para esse cartão. Praticamente esse cartão tem o mesmo desempenho da memoria interna do Moto G2. Não notei nenhuma lentidão na hora de executar os apps que havia repassado pra ele. Adorei!!! Mas o meu problema não é falta de espaço, mas sim que eu quero mais memoria RAM livre. Aqui eu tenho 315 MB livres. Não é ruim, mas acredito que eu poderia ter mais uns 200 MB se me livra-se de alguns apps aqui, mas como eles são importantes pra mim isso nunca irá acontecer...rsrsrsrs...enfim, o smartphone está rápido e sem problemas, eu que sou um maniaco por modificações...rsrsrs...

  • Ótima matéria!
    Alguém sabe me dizer em um cartão de 32Gb qual o tamanho máximo que eu posso deixar para a segunda partição?

  • muito arriscado, já fiz isso com dois cartões meus de 64gb e acabei perdendo. Optei por usar um SD como portatel e a memória interna para instalar apps, com os jogos eu transfiro para o cartão com a ajuda do foldermount da super certo e é mais prático.

  • valeu pelas dicas

  • Espetaculares essas dicas, gostei muito, agora uma pergunta, e para cartões acima de 16 GB, qual o procedimento?

  • Uso o Dropbox e o Apple Music. Ótimos apps. De resto sempre uso o gerenciador que já veio no A5.

  • Boas dicas, memória é algo precioso pra smart de 16 GB....

  • Facebook no meu Moto G 2 Geração não ultrapassa os 100mb de consumo, enquanto eu vejo que em outros dispositivos ele ultrapassa os 300mb, o que eu acho bem ruim é que ele trava o dispositivo. Acho que Facebook não deveria se preocupar com a interface do app, mais sim com performance e compatibilidade com dispositivos.

  • Estou travado no Lollipop. E furioso com Google por não permitir usar me cartão SD sem burocracia. Isso devia ser praxe desde o KitKat...

  • Achei uma ótima dica sobre o uso de alguns launcher, em relação a memoria interna, particionando o microsd ja uso a bastante tempo, e o link2sd é um ótimo app e é o unico que comprei, no meu tablet uso um cartão de 32GB dividido ao meio, pois gosto mto de jogar e hj em dia os jogos ocupam mto espaço, e qto menos app na memoria interna mais rapido fica o android

  • Nunca recorri a esses apk. Acho 32 GB suficiente.

  • Ótimas dicas vou dividir meu cartão agora

  • No meu Moto G 2014 eu instalei uma ROM customizada nele, e mudou completamente a velocidade dele, e como instalei a baseada no Android 6.0.1 tenho a opção de usar meu SD como interna ficou top e o facebook nessa ROM esta liso.

  • Esse Link2SD eu acho um app muito ruim. Qd usava o Note 4 baixei ele e deu pau em diversos apps e tive que reinstalar tds os que linkei. Qd reinicia o aparelho os widgets somem, fica só o nome e um símbolo do Android. Agora um que funcionou muito bem comigo foi o módulo do XPosed ObbOnSD. Com ele vc move data e arquivos OBB, bom pra qm tem muitos jogos grandes instalados. Agora como tô no Note 5, fico só na esperança que volte o slot pra micro SD no Note 6...

    • Estranho Andreu, este app nunca me deu problemas.
      Lembro que o utilizei no Motorola Milestone, Milestone II e Defy ME, e me foi útil por um bom tempo.

      • Pois comigo aconteceu no Note 4. Fiz td o processo e resolvi reiniciar o aparelho pra ver se estava td 100%. Os ícones de alguns apps estavam assim, só apareceu o nome e um símbolo do robô Android, como se ñ estivesse mais instalado e qd clicava em cima dava erro. O app do AndroidPit foi um que tive que reinstalar. Mas pior foram os jogos pq são grandes pra caramba. Agora com o módulo do XPosed funcionou muito bem.

      • Putz, que tenso Andreu. Entendo sua frustração perante o aplicativo, se acontecesse o mesmo comigo, com certeza não o usaria mais.

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi