O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
100 Compartilhados 39 Comentários

Tudo o que você precisa saber sobre o Daydream

O nome não poderia ser melhor (algo como 'sonhar acordado'). O Daydream é o futuro da realidade virtual em uma plataforma que a Google vai controlar e criar usando hardware e software diferentes. É claro que eles querem que seja móvel, como Cardboard, mas aqui explicarei exatamente o que o Daydream representa para nós, usuários.

O que são o Daydream e o Daydream view?

O Daydream é uma plataforma móvel de realidade virtual de alta qualidade que vem com tudo o que é necessário para criar uma experiência única e imersiva. Os futuros smartphones Android terão suporte a essa plataforma.

O Daydream é compatível com telefones que rodam Android Nougat, que serão encaixados em um headset/óculos que ganhará ainda um pequeno controle remoto. O headset de realidade virtual e o controle juntos são o Daydream View (uma versão atualizada do Google Cardboard), e podem ser comprados diretamente da loja da Google a partir de 69 euros (infelizmente, não no Brasil).

AndroidPIT Daydream View VR 0169
O futuro da realidade virtual / © AndroidPIT

Um ecossistema completo de apps será naturalmente construído para o Daydream, assim como o que já existe para o Cardboard. Os desenvolvedores já têm 3 SDKs disponíveis para criarem apps e jogos usando o motor gráfico da Unreal e da Unity.

Daydream é um ecossistema de realidade virtual, um sistema de aplicativos e um padrão para headsets e controles de VR, como os do Daydream View. Isso quer dizer que apps de realidade virtual serão desenvolvidos de maneira facilitada e com mais qualidade devido à facilidade de uso da plataforma. Outro ponto que não podemos esquecer é o padrão para óculos e controle, que garante imersão e compatibilidade com os apps.

AndroidPIT Daydream View VR 0214
Controlador Daydream View, tátil e com giroscópio / © AndroidPIT

Quais dispositivos terão suporte ao Daydream?

Em 2016, a primeira versão do Daydream foi liberada para desenvolvedores que já sabiam algumas das características necessárias para um telefone suportar a plataforma. Existem três aspectos básicos para um smartphone ser compatível com o Daydream:

  • Sensores de alta sensibilidade para que ele consiga controlar perfeitamente o posicionamento do smartphone e então seguir os movimentos de olho e cabeça do usuário.
  • Uma tela com resolução e taxa de atualização altas o suficiente para garantir uma boa experiência.
  • Um bom processador. O processador é o mais importante, porque tudo depende da velocidade dos cálculos espaciais sendo feitos enquanto o usuário move a cabeça.
AndroidPIT Daydream View VR 0221
O Daydream View foi anunciado com o Google Pixel / © AndroidPIT

O Google Pixel é o primeiro smartphone a oficialmente ter suporte ao Daydream e ter os três pontos acima. O outro lado da moeda é o software que esses telefones incríveis rodam. Android Nougat está no comando de criar todo esse ecossistema de realidade virtual, garantindo uma performance e interface dedicada à realidade virtual. Você pode até receber notificações enquanto estiver no metaverso.

Desenvolvedores podem usar o Nexus 6P como dispositivo principal, e colocar um segundo aparelho com giroscópio dentro do headset, desde que tenha, no mínimo, Android KitKat para emular o controle. O site do Daydream esclarece que o Nexus 6P pode esquentar bastante durante as sessões, mas que os dispositivos aos quais o Daydream é destinado não esquentarão tanto.

AndroidPIT Daydream View VR 0148
O Daydream View possui apenas uma fivela para ajuste ao redor da cabeça / © AndroidPIT

A maioria das fabricantes (Samsung, HTC, LG, Xiaomi, Huawei, ZTE, ASUS e Alcatel) terão dispositivos compatíveis ainda esse ano. Também é possível que dispositivos high-end atuais sejam capazes de usar o Daydream, desde que estejam com Nougat, é claro.

Você está preparado para o próximo passo da realidade virtual?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Steven Oliver há 4 semanas

    É difícil saber onde tudo isso vai parar, mas uma coisa é fácil de prever. O ser humano vai se mexer cada vez menos e vai ter cada vez menos vida social real.

39 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi