O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
4 min para ler 125 Compartilhado 45 Comentários

Teste de fidelidade: Facebook pode retirar seus apps da Play Store e lançar loja alternativa

Não é raro ouvirmos as pessoas falarem, especialmente entre os mais entendidos de tecnologia, que o app do Facebook no Android é lento, é bugado e fecha sozinho às vezes. Inclusive, temos alguns artigos aqui no AndroidPIT onde aconselhamos a desinstalação do mesmo em prol de outros tipos de acesso à rede social. Porém, o que pensávamos ser uma incompetência dos desenvolvedores da companhia, revelou-se uma jogada proposital de Zuckerberg para testar a lealdade de seus usuários. Sim, caro leitor, é quase um teste de fidelidade do João Kléber, mas ao contrário.

Mark Zuckerberg queria saber se os seus usuários seriam “leais” à rede social mesmo se o app apresentasse problemas. Com isso, ele tratou de fazer com que o aplicativo para Android parasse de funcionar por várias horas ou apresentasse erros bizarros. Adivinhe qual foi a reação das pessoas. Acertou quem disse que elas continuaram tentando acessar aos seus perfis no Facebook. Em outras palavras, elas (ou no caso nós) estavam dispostas a enfrentar as falhas para continuar acessando a rede social.

Infelizmente, não sabemos quantos usuários foram submetidos propositalmente a essa “pegadinha”. Porém, como salienta uma fonte que falou ao site The Information, “as pessoas nunca pararam de entrar” no Facebook, mesmo com todos os problemas e bugs. Os desenvolvedores notaram que quando o app estava com tantos problemas a ponto de impossibilitar o acesso, os usuários usavam o navegador do smartphone para acessar a versão móvel do Facebook.

facebook notifications
Você é fiel ao Facebook? / © ANDROIDPIT

Qual o objetivo de tal teste grotesco? Bom, Mark Zuckerberg queria saber o quão dispostos os seus usuários estavam para continuar usando o Facebook. Não foi difícil constatar que eles podem facilmente contornar os obstáculos e arrumar meios alternativos de ver suas timelines. O objetivo por trás disso é que o dono do Facebook está cogitando retirar seus apps da Google Play Store e lançar uma loja de aplicativos própria. Porém, retirar os seus apps da loja da Google é uma jogada mais do que arriscada. Era preciso validar a ideia. E foi isso o que ele fez.

Quando voltamos um pouco no tempo e lembramos que o Facebook vem, gradativamente, lançando uma série de apps separados, começa a fazer sentido a ideia de uma loja de aplicativos própria. Além do app do Facebook, temos um aplicativo separado para o Messenger, para gerenciar páginas e grupos e também para enviar fotos aos amigos, como é o caso do Moments. Sem falar nos apps associados ao Instagram e ao WhatsApp.

AndroidPIT Facebook Messenger login hero
O Messenger é um app separado do Facebook. / © ANDROIDPIT

Pois bem, com a ideia validada, falta entrar na fase de implementação. Não sabemos quando e nem se isso vai realmente acontecer, mas se o Facebook lançasse uma loja de apps alternativa e retirasse seus programas da Google Play, você continuaria a usar o Facebook? Creio que a maioria dos usuários faria isso.

É interessante pensar que na internet tudo é muito rápido e efêmero. Quantas redes sociais já estiveram no topo antes do Facebook? De cabeça, eu lembro do My Space e do Orkut. Ainda antes disso, tinham os Fotologs. Porém, naquela época ninguém sabia como gerenciar uma rede social. Tudo era muito novo, embrionário. O Facebook apareceu numa época de amadurecimento da internet e, principalmente dos negócios dela.

Diferentemente do Orkut, por exemplo, o Facebook é muito mais que uma rede social, é uma empresa que visa lucros. E, como tal, está sempre em busca de fazer seus usuários passarem mais tempo em seus domínios, vendo fotos, assistindo a vídeos, clicando em anúncios e dando likes e compartilhamentos. Porém, me assusta pensar que cada vez mais pessoas estão dependentes do Facebook e de seus likes tão efêmeros quanto à bruma.

E aí, você se considera fiel ao Facebook? Se o app da rede social saísse da Play Store, você continuaria utilizando o Facebook pelo navegador?

Fonte: 9to5google

Os comentários favoritos dos leitores

  • Daniel 5/jan/2016

    Depois que me livrei do Facebook comecei a ver como o "mundo real" está cada vez mais "deserto"...
    passeava no shopping, ia a barzinhos e sempre é a mesma coisa só vejo pessoas imersas em seus smartphones, amigos sentados na mesma mesa sem se olhar, pessoas andando na rua batendo com a cara em postes... Hoje vi uma notícia de uma chinesa que andava distraída olhando o smartphone e caiu num rio e morreu afogada...
    Já viram o desenho do robozinho wall-e? A parte que aparecem as pessoas no espaço obesas andando em cadeiras voadoras vivendo e interagindo entre si só através da tela de suas cadeiras? Parece maluquice mas esse é o nosso futuro...

  • Arthur S. 5/jan/2016

    Se nem o facebook home funcionou, imagina um sistema kkk

  • Arthur S. 5/jan/2016

    Mais fácil a google comprar o Face

45 Comentários

Escreva um comentário:
  • Abrirá e terá ganhos, já tem cacife para isso e há povão que adota quase tudo com o selo Facebook.
    Será um sucesso, por quanto tempo é uma incógnita. Tem que aproveitar enquanto não existe migração para outra rede social.

    Não considero que era tudo novo e embrionário, não na época do Orkut, que alias abocanhou outras como a MySpace. Existiam várias redes sociais há alguns anos, até mesmo a Microsoft com a Windows Live Space, que mesmo numa época de sucesso do Messenger ninguém usava.

    "...Porém, naquela época ninguém sabia como gerenciar uma rede social..." /
    "...O Facebook apareceu numa época de amadurecimento da internet e, principalmente dos negócios dela...."

    Rede social sempre usou os mesmos moldes, mesmo o Facebook hoje o CORE é o mesmo, que é ter usuários, grupos, mural de notícias ou em grupos, comentários, chat privado ou em grupo, o resto são acessórios e serviços atrelados, alguns bem rentáveis, outros só bobeiras. As melhorias sobre esse itens é que o Facebook vai se adequando ao mercado.

    Adesão a sistema (Facebook como app de rede social) é muito volátil, quase como movimento migratório, as pessoas mudam em bandos, uma chama a outra, não adianta fazer o top must have app online se ninguém adota ou conhece que existe.

    O Facebook conseguiu entregar o que as pessoas da época queriam no momento certo, quando todos passaram a ser nerds, computadores, internet, tablet, rede móvel, isso lembra bastante o iPhone quando foi lançado, não que não existissem melhores, mas souberam vender o peixe melhor e um peixe adequado ao que as pessoas gostariam, também o fator "algo novo no mercado" ajudou com o marketing em cima (que o diga Apple).
    A partir daí tem que saber manter e entender o que os usuários querem, evoluir junto com os usuários e sociedade.

  • Devia era melhorar esse APP para ele parar que acumular cache e gastar bateria...

  • Cade a reportagem da compra da Alcatel pela nokia

  • sim

  • Queria ver o que ia ser de metade dos usuários Android se o Zuck tirasse o Whats da Play. Olha o problemão aí pra quem não sabe nem escrever WhatsApp.

  • Por mim podem tirar, não faz falta nenhuma, logo logo fecha a loja, isso para aprenderem a respeitar os clientes e fazerem um app que preste, tanto não presta que nem consegue trabalhar sozinho, depende do app do messenger para que quer bate papo

  • O Zucka tá viajando.

  • Seria apenas retirado o aplicativo do Facebook ou tudo ligado à empresa Facebook? porque veja bem tem disponível para download os app do face e do whatsapp tanto na play store como na lojinha da Samsung "Galaxy Apps" não deixa de ser uma concorrência...

  • Concordo completamente com a opinião do Douglas abaixo. Eu continuaria a utilizar. Mas aposto que eu seria apenas 1 dentre 1000 usuários que saberiam fazer a instalação. A forma com que a play store automatiza a instalação é muito eficaz. Conseguiria o tio Mark preparar um modo tão otimizado e simples de instalação?

  • Facebook está esquecendo que a maioria dos usuários Android são leigos?
    Quase ninguém sabe que precisa ir nas configurações de segurança para liberar instalação de aplicativos fora da Play Store.
    O pior é que basta o Google fazer campanha de medo apenas informando os perigos ao liberar o acesso à fontes desconhecidas.

    • Concordo plenamente contigo.

    • Depois de ver um monte de gente instalando VPN, não duvido de nada. No dia que o WhatsApp foi bloqueado tinha um coroa no metro todo pimposo instalando um app de VPN.

      Sobre as configurações de segurança, quando tenta instalar um app de fora da Play Store aparece um botão para ser redirecionado para a tela de configurações, ou seja, no site onde a pessoa vai baixar o apk dessa loja basta o desenvolvedor colocar um detector de user agent para saber o aparelho que a pessoa está usando e exibir um tutorial de como ativar os recursos nas configurações.

  • Acho que a porcaria vai piorar...

  • Então é ....bom .... pois é .... humm... Whats ? 👇😮

  • Certas porcarias televisivas, mídia, e afins, só existem porque tem quem assiste ou acessa. Sinceramente o povo gosta de uma porcaria... A ocasião faz o ladrão. A culpa não é do João Kleber, do Galvão bueno, do Datena, do Luciano Huck... Etc.... A culpa é de quem assiste. As porcarias só existem, porque tem quem assiste.

  • Honestamente? Vá com Deus

  • Nem acredito que eu li isso, Facebook só entro de vez em quando e pelo Chrome, mas agora criar uma loja de apps já é demais.

  • Facebook para mim nunca mais.

Mostrar todos os comentários
125 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi