O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
OPINIÃO 119 Compartilhados 38 Comentários

Esqueça o Facebook, Google. É hora de focar nas redes sociais menores

Não se sabe exatamente os motivos, mas o Google é movido por algum tipo de orgulho ferido quando o assunto são redes sociais. Entra ano, sai ano, a empresa insiste em tentar criar um “Facebook killer”, para desbancar a plataforma de Mark Zuckerberg. Mas será que isso é realmente necessário?

A última novidade “Big G” para esse setor passa pelo YouTube.  Segundo site Venture Beat, a plataforma de vídeos utilizará um recurso que se chama Backstage, permitiria aos usuário compartilhar fotos, enquetes, links e textos, além dos vídeos, com outros usuários.

Com previsão de lançamento para o final do ano, o Backstage teria um visual parecido com o do Facebook e do Twitter, funcionando de forma bastante similar a uma rede social padrão, mas dividido por abas com cada canal de vídeo do YouTube. Os posts apareceriam em ordem cronológica, e também contariam com notificações quando postados para os usuários inscritos no canal, deixando-os visíveis para os fãs.

AndroidPIT youtube in the background
O YouTube é a nova aposta do Google para as redes sociais / © AndroidPIT

Em resumo: a ideia do Google é transformar o YouTube em uma rede social completa, onde o usuário possa encontrar tudo o que precisa e se engajando com o conteúdo.  A diferença é que a empresa quer usar o YouTube – e sua audiência em crescimento perene – como a base de tudo. 

Mas será que é o suficiente para bater o Facebook?

RM
Rui Maciel
O Google tem mais chances de triunfar nas redes sociais se quiser competir com plataformas como Snapchat e Instagram.
O que você acha?
397 participantes
50
50

Os monopólios quase indestrutíveis do mundo da TI e onde o Google deveria focar

Existem certos “semi-monopólios” no mundo da Tecnologia que são quase impossíveis de serem quebrados. Exemplos não faltam: Microsoft e o Windows entre os PCs, a Apple com o iPod na música, o próprio Google no mercado de buscas...e o Facebook quando o assunto são redes sociais. 

Para que esse tipo de monopólio seja quebrado, é preciso que uma série de fatores trabalhe de forma sincronizada. Má administração por parte dos líderes, tecnologia defasada, produtos caros, descaso com o usuário e, claro, surgimento de uma concorrência que traga algo revolucionário e funcional. Tudo isso precisa aparecer ao mesmo tempo. E isso muito raramente acontece. 

androidpit FACEBOOK i quit
O Facebook praticamente monopoliza as rede sociais. E não dá mostra de que está perdendo o fôlego / © ANDROIDPIT

Logo, muitas empresas desistem de tentar bater de frente com aquelas que dominam o setor. A partir daí, elas tentam ou criar uma parceria com as mesmas ou atuar em outras áreas para expandir suas receitas e que não sejam dominadas por apenas uma companhia. E é exatamente isso que o Google deveria fazer quando falamos de redes sociais. 

A ideia de fazer uma rede social em torno do YouTube é boa. Afinal, a audiência da plataforma de vídeos sempre apresentou um crescimento bastante estável e, mesmo depois de várias tentativas por parte de suas rivais – incluindo o próprio Facebook – ela nunca se encontrou ameaçada.  Mas a Big G precisa saber escolher as suas batalhas. 

Isso porque não adianta brigar com uma rede social com mais de um bilhão de usuários mundo afora e que não dá mostras de que vai perder o fôlego. Talvez fosse mais produtivo para o Google focar os esforços do Yoube / Backstage para competir com redes sociais de nicho, mas que demonstram ter menos “gás” a longo prazo, como Instagram e Snapchat.  Redirecionar a popularidade do YouTube para essa disputa pode ser a melhor estratégia para ser dominante como uma “rede social audiovisual”. 

Daí para frente, o usuário vai decidir o que melhor lhe atende.  Que o próximo round dessa “batalha” comece!

E você estaria disposto a usar uma rede social baseada no YouTube? 

38 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi