O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
2 min para ler 21 Compartilhado 6 Comentários

HTC em crise: fracassos, frustração de funcionários e CEO sob críticas

A HTC está em crise há algum tempo. Após terem de lutar no ano passado contra uma forte queda nos lucros em suas vendas de smartphones, as coisas pareciam ter melhorado um pouco com a apresentação do HTC One. Agora, além do complicado lançamento do First - o smartphone do Facebook - há problemas internos atormentando a companhia.

O LG G6 é o smartphone mais legal de 2017.
O que você acha?
50
50
856 participantes
HTCOne M4
© AndroidPIT

 

Funcionários em cargos de liderança deixam empresa

Na semana passada, o gerente de produto sênior da HTC, Kouji Kodera, deixou a empresa. O The Verge informa que que ele não foi o primeiro em uma posição de liderança a fazê-lo. Muitos outros já se despediram da HTC, como por exemplo o vice-presidente de comunicação global, Jason Gordon, a gerente de marketing, Rebecca Rowland, o gerente de estratégia de produto Eric Lin e o diretor de marketing digital, John Starkweather. Este último se encontra agora trabalhando na AT&T, e Rowland passou à Microsoft.

A HTC se encontra em "queda livre", de acordo com a dramática descrição do The Verge. Nesse contexto está uma postagem no Twitter de Eric Lin:

"Para todos os meus amigos ainda na HTC - apenas demitam-se. Vão embora agora. É difícil fazê-lo, mas vocês estarão bem mais felizes, eu juro."

twitter eric lin
Eric Lin em uma recomendação bem intencionada? / © Twitter - Eric Lin

 

HTC First - fiasco?

O "Facebook Phone" HTC First chegou ao mercado em estreita cooperação com o Facebook, mas rapidamente tornou-se um fracasso. O modelo foi introduzido juntamente com o novo aplicativo Facebook Home, e, de acordo com o site The Verge, deveria receber uma vantagem em relação aos concorrentes: o Facebook Home deveria inicialmente rodar exclusivamente no First. Mas o Facebook supostamente recuou.

Na verdade, o novo aplicativo já estava disponível na Google Play Store para download em dispositivos específicos antes do início das vendas do HTC First. 

Peter Chou está sozinho

O CEO da HTC, Peter Chou, também está sob críticas, segundo o The Verge. Ele foi considerado como alguém que prefere decisões rápidas ao invés de uma estratégia de longo prazo, e que fez as escolhas erradas: embora estivesse ciente dos problemas de abastecimento iminentes de componentes, optou por um rápido lançamento do modelo flagship HTC One.

Dados os enormes problemas e a concorrência agressiva, especialmente por parte da Samsung, fica a assustadora pergunta: para onde vai a HTC? 

O que você acha? Opine na seção de comentários. 

Fonte: The Verge

6 Comentários

Escreva um comentário:
  • Não falo nada se daki a alguns meses, o predio que hj esta escrito HTC, estiver bem grande e iluminado "Sob Nova Direção - Samsung" kkkkkk do jeito que a Sammy esta, comprar a HTC; ainda mais com um começo de crise como esse, e a possibilidade da falencia em medio-prazo, seria a coisa menos Surpreendente do mundo.... e eu falo, a Samsung comprar a HTC, a Apple dismonta e a Googlerola Nao vai ter impacto muito "significante" na marca, pelo menos nos primeiros meses (ou anos quem sabe).
    No mundo dos negocios, principalmente em smartphones, tudo eh possivel hj em dia....

  • Está acontecendo com a HTC agora o que estava acontecendo com a Motorola a 7 anos atrás

  • Sempre tive smartphones da HTC, sou fã da marca. Foi triste saber que a HTC havia deixado o Brasil desde o lançamento da serie One, ano passado...
    Busquei meu HTC Sensation em 2011 nos EUA e esse ano como ainda não tinha disponível o HTC One, pra não perder a viagem fiquei com um Nexus 4... ainda vou ter esse HTC One, e a HTC ainda vai correr lado-a-lado com a Samsung... espero!
    Porque qualidade e poder de inovação eles tem!
    Tinha que apostar pesado no Brasil, antes que outras marcas dominem de vez este grande mercado em expansão...

  • vdd não tem como sair de uma crise se o smartphone q poderia salva-la esta restrito a poucos paises e nem consegue supri a demanda do MSM!

  • realmente era muito previsível: uma empresa que lança um telefone ótimo mas não consegue produzir o suficiente e muito menos distribui-lo propriamente não tem como evitar uma crise. acho que esse ceo precisa mesmo cair fora antes que seja tarde demais - se já não o é.

  •   60

    sinceramente demorou pra isso acontecer, essa política de fabricação de apenas aparelhos tops e vendas só em alguns países, só tinha um destino, o fracasso, será que era tão difícil para os dirigentes da HTC perceber isso? a próxima a ir pro brejo é a Apple, rsrsrsrs.

21 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi