O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
5 min para ler 507 Compartilhado 92 Comentários

5 mitos sobre o seu smartphone Android que você considerava verdadeiros

Existem muitos mitos sobre smartphones e a melhor maneira de usá-los - a maioria deles nunca foi questionada. É fácil que isso aconteça, pois muitas lendas urbanas acabam se convertendo em regras, seguidas cegamente sem justificativa. Neste artigo, vou mostrar alguns dos mitos mais comuns que cercam o uso dos dispositivos Android. Será que você acredita em algum deles?

O Galaxy S8 é o smartphone mais bonito que já fabricado.
O que você acha?
50
50
2771 participantes

1. Usar apenas o carregador que vem com o smartphone

Se isso fosse certo, nenhum dos smartphones que testamos na redação funcionaria. Aqui normalmente não usamos quase nunca o carregador que inclui o dispositivo. De todas as formas existe um pouco de verdade neste mito.

Os amperes, volts e watts afetam a carga de um dispositivo. Cada carregador costuma ter diferentes especificações. Você pode conectar qualquer dispositivo com entrada USB a qualquer cabo USB e nada explode. O normal é que com um carregador mais potente o carregamento seja mais rápido.

O importante é respeitar a voltagem e os watts. Você pode usar um carregador com mais amperes de saída sempre que respeitar a voltagem. Se tiver um smartphone com carregamento rápido, o melhor é usar um carregador com o mesmo sistema, como ocorre com o Galaxy S6 e família, mas também funciona com qualquer outro carregador. QUando um carregador não tem poder suficiente para carregar algum tablet, é porque o dispositivo precisa de mais tensão na saída do carregador.

AndroidPIT OnePlus 2 USB Type C
O OnePlus 2 é uma exceção, por enquanto, com um USB Type C. / © ANDROIDPIT

2. Ter um fundo de tela escuro economiza a bateria

Isso é verdade, mas não uma verdade universal. Um fundo de tela preto pode economizar bateria em dispositivos com telas de tecnologia LED, como OLED ou Super AMOLED. As telas LED não precisam de energia para representar a cor preta. Os displays LCD, ao contrário, também iluminam os pixels de cor preta. Por isso se diz que as telas LCD não representam a cor preta de maneira pura.

androidpit best wallpaper apps teaser picture
Colocar fundo escuro numa tela LCD não melhora a sua bateria. / © ANDROIDPIT

3. Melhores especificações significam melhor performance

Quando as fabricantes fazem propaganda de 4 GB de RAM e uma câmera com 21 megapixels, somos tentados a acreditar que o dispositivo é necessariamente melhor do que outro com dados técnicos inferiores.

Se observarmos as estatísticas de performance do Geekbench, tomando como exemplo o HTC One M9, iremos nos surpreender. O M9 tem um processador octa-core Snapdragon 810, considerado um dos processadores mais rápidos do mundo. Apesar disso, o rendimento de um só núcleo do M9 perde para o LG G2 e seu Snapdragon 800 com dois anos de idade.

A performance com núcleo duplo do Nexus 6 e Galaxy S5, com a geração de processadores Snapdragon 805, também é muito superior à do HTC One M9. Claro, esse exemplo é extremo porque o One M9 tem uma CPU underclocked, ou seja, com o rendimento reduzido para evitar superaquecimento. Mas no GeekBench podemos encontrar mais exemplos de aparelhos antigos que superam os novos.

Um hardware poderoso não significa nada sem o emprego correto. Apesar de o rendimento ser difícil de quantificar, o número de megapixels de uma câmera é usado frequentemente para vender um smartphone. A diferença entre a “melhor” e a “pior” câmera da composição abaixo é de mais de 12 milhões de pixels. Que foto você considera a melhor?

androidpit camera specs comparison 2
iPhone 6 (acima à esquerda.), Nexus 5 (acima à direita), OnePlus 2 (abaixo à esquera) e o Sony Xperia Z3 Compact (abaixo à direita). A diferença é significativa? / © ANDROIDPIT

As quatro fotos foram tiradas com diferentes smartphones indicados na legenda da imagem. O formato foi 4:3 e com as melhores configurações que a câmera permitia. Deve-se destacar que o teste não foi feito estritamente nas mesmas condições, e que as imagens foram comprimidas para se adaptar ao formato do site, mas esses fatos não são tão importantes para mostrar o nosso ponto.

A diferença de 12 milhões de pixels entre a câmera de 20,7 megapixels (abaixo à direita) e a de 8MP (acima à esquerda) não se reflete num funcionamento objetivamente superior. Se fizermos um zoom de 20x em cada foto, a diferença será notada, mas a maioria não faz isso. Quase todas as fotos são vistas diretamente na tela do dispositivo, que não é capaz de representar todos os pixels. Dessa forma, a tabela de especificações sempre nos mostra quantos pontos dá cada imagen, mas não diz quão boa ficará a foto.

4. Sobrecarregar o smartphone danifica a bateria

Como nos melhores mitos, este também traz um pouco de verdade. Os smartphones modernos possuem sistemas que os protegem da sobrecarga, de forma que não há problema em deixar o aparelho carregando a noite toda.

Shane Broesky, co-fundador da companhia de acessórios de carga Farbe Technik, disse nas redes sociais: “Seu smartphone é muito inteligente. Quando sua carga se completa, ele sabe interromper a corrente para proteger-se da sobrecarga”.

androipit smartphone battery attack 9
Uma maneira bem mais eficiente do que a sobrecarga para destruir seu smartphone. / © ANDROIDPIT

Apesar disso, carregar um smartphone fará com que a temperatura da bateria suba, a qual, por sua vez, irá aumentar a temperatura geral do aparelho. No longo prazo isso pode prejudicar o dispositivo e a autonomia da bateria.

5. Uma restauração de fábrica apaga todos os dados

Sempre se recomenda realizar uma restauração de fábrica num smartphone usado antes de vendê-lo ou presenteá-lo. Trata-se de um bom conselho: uma restauração de fábrica irá remover diversos dados do seu smartphone, mas não retira todos eles. Numa estimativa do site Ars Technica, 630 milhões de smartphones não apagam contatos, emails, imagens e outros.

A razão disso é simples: o conteúdo não é “removido” por uma restauração de fábrica, ele apenas é colocado numa condição de pronto para ser reescrito. Aconselha-se que você codifique seu smartphone antes da restauração de fábrica. Dessa forma, tudo que permanecer no aparelho não poderá ser decifrado.

redefinir
Criptografe seu smartphone antes de fazer a restauração de fábrica. / © ANDROIDPIT

Conhece algum outro mito sobre os smartphones Android?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Joaquim neto 7/out/2015

    Engraçado que as duas primeiras vocês já botaram em matérias anteriores como se fosse VERDADE!

  • Marcos Barros 7/out/2015

    Felipe, discordo de você meu caro. Só porque o amigo acima tem um Samsung de entrada, ele não sabe muito de Android?! Pode até não saber, mas não é por conta que o celular dele é de entrada, ele simplesmente pode não ter recursos para um dispositivo, porém o conhecimento e a informação é gratuita! Abraço ;)

  • Felipe de Carvalho 7/out/2015

    Desculpe meu caro, mas se você comprou um smartphone Samsung de entrada, você não sabe muita coisa sobre Android, não.

  • Thiago Mendonça 7/out/2015

    Ai que voce se engana, LED é uma tecnologia usada para iluminaçao, que pode ser usada em portateis ou nao, ou voce acha que oled e amoled terminam com led por pura coincidencia, e como exemplo também temos as tvs de led, que nao são paineis ou telas gigantes.

  • Renato Garcia 7/out/2015

    Sim, EXISTE!

    Primeiro vamos entender o que é LED...
    LED (Diodo emissor de luz) em ingles, é um componente semicondutor que quando transpassado por uma corrente eletrica de polaridade correta, emite luz.
    Oled, amoled, etc são apenas as variações de tecnologias de fabricação de um LED. O Oled por exemplo significa (Diodo Emissor de Luz Organico) pq tem sua dopagem feita com carbono.
    Ou seja, numa tela LED, amoled, oled, etc... seja ela portátil ou não, cada pixel é formado por 3 led's nanométricos (RGB - red, green, blue). O nome só vai indicar a tecnologia de fabricação mas no fim das contas é tudo LED.
    Já as telas LCD (display de cristal liquido), não possuem geração de luz própria, e como vc disse tem uma lampada LED para retroiluminação. O cristal liquido apenas distorce a luz branca da lampada led de backlight formando a imagem na tela.

92 Comentários

Escreva um comentário:
  • Sei que nao é tudo, mas com outras configurações idênticas, o que seria melhor, um octa-core 1,5ghz ou quad-core 3ghz ??
    A pergunta de fato é : importa mais a quantidade de núcleos ou a velocixade deles ??

  • O que tem haver os Watts no carregamento da bateria? Watts é usado para expressar potência, quando você transforma energia elétrica através de qualquer meio em energia mecânica ou térmica. Matéria mais sem base.

    • Watts tem tudo a ver com o carregamento, os carregadores turbo tem uma potência maior, no caso do X style por exemplo são quase 15 watts

    • Watts é potência como você mesmo mencionou, por isso se tenho um carregador de maior potencia, logo terei um tempo menor de carregamento se assim o celular também ou table permitir. Por exemplo se um carregador de 5v com 500mA logo terá 2,5w Se tenho outro com 5v com 1A logo terei 5w Que demorar metade do tempo que o primeiro demoraria para carregar uma bateria.

    • Potência elétrica (Watts) é o produto da corrente (Ampére) x tensão (Volt). Toda bateria precisa de uma tesão específica e uma corrente MÍNIMA, além de ter um limite de temperatura máxima. Isso tudo é gerenciado pelo celular, e começa pela tensão de carga, visto que os carregadores são compatíveis com o padrão usb (5V), a maioria dos celulares têm bateria de 3,6V. Ter um carregador mais potente acelera a carga até o limite da temperatura da bateria ou do regulador de tensão do celular. Nesse ponto, o valor de potência máxima(w) ou corrente máxima (expresso em mA na maioria) de um carregador influencia no tempo de carga. Dependendo do fabricante pode ter indicado potência ou corrente. O carregador original do Z3 é de 5vdc/1500mA. Algumas pessoas reclamam de que o celular demora pra carregar, até com o original, basicamente porque alguns estão recebendo um carregador de 850mA, levando até 5 horas pra uma carga completa.
      Além disso tudo, a matéria realmente tem que usar linguagem técnica, porém sem deixar de ser acessível ao grande público que não conhece as relações entre grandezas elétricas.

  • Você só danifica a bateria se quiser isso, propositadamente. A bateria aquece porque está havendo a reação químico-elétrico e isso é normal e por isso que é importante usar o carregador original. Toda vez que um sistema fica aquecido além do normal, seu tempo de vida vai diminuindo, isso com bateria, com o plástico, com o metal, ...., no caso da bateria, com certeza durará menos a cada recarga.

  • Performance é uma coisa e resolução é outra. O que tem haver a resolução das imagens com o subtítulo "performance" da matéria? A resolução depende somente do sensor e do software que a controla. O zoom que não foi citado, quando é ótico, dá-lhe uma imagem ampliada real. Se eu tiro uma imagem com resolução de 20mpixel, terei mais detalhes e isso é importante sim! Tenta tirar uma foto do que está escrito na lousa da faculdade com duas câmeras diferentes e você saberá oque estará escrito mais ao fundo.

  • Melhor especificação é sempre melhor performance. Quem é técnico de hardware e software sabe muito bem disso. A única diferença é que o sistema operacional pode influir muito nisso e juntamente com os drivers. Não se compara performance somente com núcleos de processamento ou só com memória ou ... Tem é que sempre avaliar pelo conjunto / tempo de resposta.

    • Melhor especificação não é sempre melhor performance.
      Um Galaxy XYZ com Snapdragon 400/410 e 1GB de RAM, NUNCA terá a mesma performance de um MotoG com o mesmo processador/memoria.

      • Foi isso que eu disse quando afirmei que o sistema operacional e os drivers podem influir na performance. No caso, você compara duas especificações iguais de hardware e não uma melhor que a outra. O sistema é que atrapalha.

    • Nossa mano. Ta achando defeito na matéria onde não tem. As especificações não são a única fonte de rendimento do celular. Você mesmo disse. Então para de discordar quando você na verdade ta concordando

  • Usar o carregador original é o correto. Usar outro que tenha a mesma amperagem também é o correto. Agora, essa história de voltagem não tá certo né!? Se aumenta a amperagem, tem é que diminuir a resistência para manter a tensão que é a voltagem, então como você pode aumentar a amperagem e achar que vai carregar mais rápido e com segurança!? É lógico que haverá uma sobrecarga e aumentando o risco da bateria explodir.

  • Voltagem?
    É demais pra mim!
    Até outra matéria.

Mostrar todos os comentários
507 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi