O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
14 Compartilhados Sem comentários

Mitos e verdades sobre celulares causarem danos à saúde

 

É verdade que nos últimos tempos meu smartphone tem sido meu maior companheiro. Quando acordo ele está do outro lado da cama, quando vou trabalhar ele está na minha mochila, quando estou aqui na AndroidPIT ele está do lado esquerdo da mesa ou nas minhas mãos. Uso para ligações, mensagens instantâneas, utilizo diferentes apps durante o dia e quando chego em casa ou estou em um happy hour lá está ele na minha mão de novo. Assim, comecei a pensar sobre que tipos de problemas esta relação “simbiótica” com o meu celular podem ser gerados sobre a minha saúde. A reflexão foi bastante interessante, confira.

Existem muitos mitos e verdades sobre como devemos lidar com a bateria dos nossos celulares, um destes dogmas diz respeito a linfomas, câncer ou tumores. Há alguns anos, este tema é debatido na literatura científica e leiga e, depois de alguns dias de pesquisa, o que posso dizer é que não existem pesquisas conclusivas sobre possíveis efeitos danosos dos celulares sobre a saúde humana.

Depois de pesquisas realizadas em diferentes países, desde o ano 2000, a Organização Mundial da Saúde (OMS) defende que as radiações emitidas pelos dispositivos móveis não trazem problemas à saúde. No ano passado, um estudo publicado no jornal da National Cancer Institute, envolvendo aproximadamente 1.000 adolescentes, de quatro países, que usavam celular há pelo menos 4 anos, motrou que crianças em desenvolvimento são mais vulneráveis ​​à radiação do telefone celular, mas não puderam encontrar uma relação entre o câncer de cérebro entre crianças e uso de telefone celular.

Smartphones e radiação

A primeira questão que deve ser esclarecida é que telefones celulares emitem radiação eletromagnética, mas que não possuem nada a ver com radiações ionizantes - raio X, raios Gama e outras radiações emitidas por fontes para tratamento e diagnóstico de doenças. Ao contrário da radiação eletromagnética, a ionizante altera a estrutura genética das células humanas, dando origem a tumores e destruição de tecidos.

Os celulares utilizam uma faixa de radiação eletromagnética muito baixa, que não possui a capacidade de estimular o desenvolvimento de um câncer em seres humanos. Para quem se interessar, existe um aplicativo chamado Tawkon que monitora os níveis de radiação emitidas pelo celular. Recentemente, a desenvolvedora do app criou um infográfico com os cinco smartphones com maior emissão de radiação do mercado, em conformidade à taxa de absorção específica ou SAR de cada aparelho, segue a lista:

  1. Blackberry - 1.37 W/Kg
  2. iPhone 4S - 1.11 W/Kg
  3. HTC Evo 4G - 1.03 W/Kg
  4. Motorola Droid 4 - 0.7 W/Kg
  5. Samsung Galaxy S3 - 0.34 W/Kg

Lembrando que, quanto mais baixo for o número, mais baixa será a exposição à radiação. O limite máximo da SAR é de 1.6 W/kg.

Conclusão

Apesar de não existirem informações aprofundadas com relação ao uso do celular estar vinculado a problemas de saúde, deve haver um equilíbrio entre o tempo de uso do aparelho e o tempo em que você se liberta dele. Esta pode não ser uma das escolhas mais simples, mas é a mais acertada segundo especialistas. Aqui segue uma lista de conselhos para quem quer um pouco de desprendimento destes aparelhos cada vez mais usuais em nosso dia-a-dia:

  • Evitar as ligações demoradas
  • Utilizar dispositivos “hand free” para reduzir o tempo de exposição direta do cérebro à radiação eletromagnética
  • Evitar usar o aparelho em locais fechados como elevadores e carros, pois nestes ambientes o aparelho aumenta a potência para localizar a antena mais próxima

Não existem dúvidas de que dispositivos móveis emitem radiação e que estamos expostos a elas diariamente, por mais que nenhum estudo tenha sido conclusivo com relação aos danos causados por estes aparelhos à nossa saúde, ainda assim, existem pesquisas acontecendo ao redor do mundo com o objetivo de provar que a tecnologia pode ser nociva aos seres humanos. Por isso, para evitar problemas futuros, usufrua com moderação!

Qual é a sua opinião, o uso excessivo de smartphones e outros dispositivos móveis causam algum problema a sua saúde?

 Imagem: prefaciounitri.wordpress.com

Sem comentários

Escreva um comentário:

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi