O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
6 min para ler 72 Compartilhado 41 Comentários

Comparativo: Moto E 2014 vs. Moto E 2015

Com intervalo de 10 meses a Motorola lançou recentemente a segunda geração do Moto E, o dispositivo de gama baixa que preenchia com êxito a faixa abandonada por muitas fabricantes. A nova versão conta com diferenciais que fizeram com que seu preço aumentasse levemente durante seu lançamento, mas seguindo o plano de custo/benefício que a empresa tem empregado, acaba fazendo valer o investimento. Neste comparativo vamos eleger entre os dois modelos qual é a melhor escolha para você.

Eu realmente gosto de smartphones com tela grande.
O que você acha?
50
50
2901 participantes
COMPARATIVOE
Moto E 2014 vs. Moto E 2015. / © ANDROIDPIT

Design

Podemos dizer que este é o ponto que mais agrada, como também o mais perceptível no novo Moto E em comparação com o seu antecessor. O dispositivo ganhou novas linhas e formas, tornando-o mais agradável ao toque e anatômico. Com o modelo de 2014 tínhamos a opção das capas intercambiáveis, que permaneceram na segunda geração em formato de bumper. As bordas, principalmente a inferior, foram melhor aproveitadas para a tela, sendo o principal motivo a perda do auto-falante que preenchia este espaço.

moto e side
O design do Moto E 2014 é mais simples. / © ANDROIDPIT

A altura se manteve a mesma apesar do ganho de 0,2 polegadas na tela, resultando no aumento do peso em 0,3 gramas, praticamente imperceptível. Os botões de volume e energia permanecem no mesmo lugar, sendo os demais virtuais do sistema. Neste ponto, conforme relato no review, o Moto E 2015 é mais agradável, bonito e robusto.

moto e 2015 entrada fones ouvido
Design do Moto E 2015 é mais esportivo e robusto. / © ANDROIDPIT

Tela

Neste quesito quase tudo permanece intacto, mantendo-se as mesmas especificações do projeto inicial, com exceção da densidade de pixels, que é menor com a tela maior do Moto E 2015. A resolução de 960 x 540 pixels agrada, não é um primor, mas é totalmente aceitável pela proposta e público-alvo do dispositivo. As cores são satisfatórias assim como contraste, e o mesmo vale para a nitidez, mas com um pequeno esforço já se consegue observar os pixels na tela. O revestimento em Gorilla Glass 3 se manteve, o que ameniza riscos e arranhões mais leves. Neste ponto temos um empate técnico para ambas as telas.

Software

O Moto E 2014 está em processo de recebimento do Android Lollipop, mas seu sucessor já roda de fábrica com a versão mais recente do sistema. Não somente a versão do software os diferencia, como também os novos recursos introduzidos na nova geração. O Moto Tela traz as notificações inteligentes para o novo dispositivo, o que dispensa o desbloqueio da tela para checar a chegada de e-mails e mensagens.

moto e 2015 UI
O Android Lollipop trouxe beleza e mais poder de fogo. © ANDROIDPIT

Os dois dispositivos rodam com Android quase puro, sem implementos na interface por parte da Motorola, que opta por adicionar seus recursos por intermédio de aplicativos proprietários. No total são 6 aplicações, sendo uma delas a loja BR Apps para inclusão do dispositivo na lei do bem, e o aplicativo de TV Digital. Obviamente manusear um dispositivo com Android Lollipop resulta em uma experiência mais agradavél, neste quesito ponto para o Moto E 2015.

moto e front
Rodando com Android KitKat de fábrica, o Moto E 2014 está recebendo aos poucos o Lollipop. / © ANDROPIDPIT

Se você possui o Moto E e quer ficar por dentro das melhores dicas e recursos para turbinar seu novo dispositivo, não deixe de conferir a seleção especial que preparamos. Clique no link abaixo para acessar.

Hardware

Saltamos de um Snapdragon 200 Dual-core 1,2GHz para o Snapdragon 410 Quad-core 1,2GHz, mantendo os mesmos 1GB de RAM. O ganho de performance não é enorme, até mesmo porque o Android Lollipop requer mais processamento do que a versão KitKat 4.4.4, mas tem seus méritos em multitarefa. Lembrando que apenas o modelo 4G do novo Moto E possui este processamento, sendo o modelo 3G embalado pelo processador Snapdragon 200, o mesmo do modelo 2014, porém Quad-core. A GPU também foi atualizada, embora os ganhos gráficos durante os jogos sejam relativamente pequenos. Ponto para o Moto E 2015.

Câmera

Aqui um ponto que me chamou muita atenção na segunda geração do Moto E. Mantendo a mesma resolução de 5 megapixels, a Motorola mudou o sensor fabricado pela Sony para outra instrução, o que resultou em uma melhor entrada de luz e foco mais rápido. As cores se mantiveram satisfatórias, embora levemente mais vibrantes na segunda geração. Nota-se mesmo visualizando as fotos pelo computador, que os detalhes são mais preservados no novo dispositivo. 

IMG 20150228 134537335 HDR
Foto capturada em luz ambiente com o Moto E segunda geração. / © ANDROIDPIT

A filmadora registra vídeos em HD 720 pixels a 30qps, contra os 480 pixels a 30qps do modelo anterior. A qualidade como um todo melhorou, embora a preservação de cores, som ambiente e estabilização via software permaneçam os mesmos. Por fim, a segunda geração ganhou uma câmera frontal VGA, possibilitando vídeo-chats. Por todos esses motivos, o quesito câmera ficou com o Moto E 2015.

androidpit moto e review picture 2
Foto capturada em luz interna com o Moto E 2014. / © ANDROIDPIT

Bateria

A bateria ganhou um aumento significativo, para dar conta do recurso LTE e da câmera frontal. A autonomia é praticamente igual, embora com 3G ativado no Moto E 2015 ela ganhe pelo menos 5 horas em relação ao modelo anterior.

Especificações técnicas

  MOTO E 2014 MOTO E 2015
Sistema Android KitKat 4.4.4 de fábrica (atualização para Lollipop) Android Lollipop 5.0.2
Tela 4,3 polegadas, 960 x 540 pixels, 256 ppi 4,5 polegadas 960 x 540 pixels, 245 ppi
Processador Qualcomm Snapdragon 200 Qualcomm Snapdragon 410 - LTE
RAM 1 GB 1 GB
Memória interna 4GB com SD até 32GB 8GB/ 16GB com SD até 32GB
Bateria  1.980 mAh  2.390 mAh
Câmera 5 MP traseira 5 MP traseira - VGA frontal
Conectividade Wi-Fi 802.11 b/g/n, Bluetooth, 3G 4G, Wi-Fi 802.11 b/g/n, Bluethoot
Dimensões 124,8 x 64,8 x 12,3 mm 129,9 x 66,8 x 12,3 mm
Peso 140 g 143 g
Extras Auto-falante estéreo Moto Tela

Veredito Final

O Moto E 2015 foi lançado com ótimos recursos, comprovando mais uma vez que a tática da Motorola permanece a mesma, aliando recursos a um custo acessível. Mesmo com essa questão de custo/benefício, o preço do novo dispositivo foi criticado por muitos usuários que acreditam que o modelo bate de frente com o Moto G 2014. De fato, o novo modelo faz frente ao intermediário da empresa, deixando a faixa de dispositivos de entrada um pouco abandonada. Mas, se lembrarmos, o preço de lançamento da versão mais completa Moto E 2014 era de R$ 599,00, com 8GB e dual-chip 3G. Atualmente, a versão com 16GB, 3 capas coloridas, dual-chip 4G e câmera frontal possui o valor de R$ 664,00 - pouca diferença do preço inicial do modelo anterior. Da mesma forma como o valor do produto foi caindo, acredito que acontecerá o mesmo com o novo Moto E, que deve caminhar para voltar a ser referência na categoria de entrada. Pelo custo/benefício, câmera e hardware eu elejo o Moto E 2015 a melhor escolha.

E aí, qual a sua escolha entre os dispositivos deste comparativo?

41 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários
72 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi