O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
Opinião 141 Compartilhados 79 Comentários

Três mudanças que podem acontecer na linha Moto com a chegada do Moto Z

Todos nós esperávamos que a Lenovo lançasse uma linha premium que levasse o nome e o prestígio da série Moto. De fato, foi isso que houve com o anúncio oficial dos novos Moto Z. Porém, outras mudanças devem acontecer com a chegada desses novos dispositivos em alguns mercados. A seguir, você confere minhas teorias e o que podemos esperar da linha Moto para este ano no Brasil.

1. Moto X Play pode ficar só na lembrança

Não faz muito tempo que o vice-presidente da Lenovo, Sr. Chen Xudong, deu uma entrevista falando sobre o rumo que a linha Moto X teria nas mãos da fabricante chinesa. O lançamento dos novos Moto Z surpreendeu inúmeros fãs da Motorola, mas, se olharmos com mais atenção, podemos ver que as teorias de Xudong, em certas parte, estão se confirmando.

Isso porque, na ocasião, o SVP da Lenovo havia dito que a linha Moto X iria ceder seu posto para uma nova série de dispositivos premium, que representariam a estréia da linha Moto no continente chinês. E é exatamente isso que está acontecendo.

Que a nova linha Moto Z é realmente premium não há dúvidas, mas, é exatamente essa característica que exclui a possibilidade da existência de um irmão mais modesto, como foi o caso do Moto X Play no ano passado.

motoxplayvsmotog4plus
O Moto X Play pode não receber um sucessor este ano / © ANDROIDPIT

Esse raciocínio também pode ser visto por outro ângulo, como: por que a Lenovo investiria em um dispositivo Moto intermediário para o mercado chinês, se por lá os usuários estão bem servidos com os aparelhos da série Vibe?

Aqui no Brasil a história não deve ser diferente, visto que o Moto G4 Plus supera o Moto X Play em todos os sentidos e, além disso, novos modelos da linha Vibe deverão chegar ao país ainda este ano, com essa proposta de custo/benefício a todo vapor.

Existe a possibilidade da linha Moto Z ser focada em experiências diferenciadas e com uma proposta mais inovadora, como uma série paralela à Moto X 2016. Se este for o caso, a Motorola terá ainda mais dificuldade de emplacar novas versões do Moto X por aqui este ano, que competirão com os Moto G4, com os modelos da série Vibe e também com os novos Moto Z. Resumindo: seria a Motorola "samsungando".

BS
Bruno Salutes
Não tem mais espaço para um Moto X Play este ano
O que você acha?
1170 participantes
50
50

2. O Moto Maxx também

Acho que não podemos mais negar que o Moto Maxx foi uma edição especial da linha Moto vendido apenas em 2014. Se a intenção da empresa fosse fazer do Maxx uma série de sucesso, ela não teria concentrado todos os seus esforços na fabricação do Moto X Force no ano passado. Aliás, o Moto Z Force é a prova de que este investimento valeu mais para a Motorola do que o aparelho com mega bateria.

Podemos notar que o Moto Z Force possui quase as mesmas características do Moto Maxx. Durante seu lançamento, a Lenovo fez questão de destacar a capacidade da bateria deste dispositivo, de 3.500 mAh, que, segundo ela, é capaz de oferecer até 30 horas de autonomia. 

motorola motomaxx enquete
 O Moto maxx dificilmente ganhará um sucessor / © ANDROIDPIT

Outra característica que pode ser comparada entre ambos os modelos é a resistência, que passou do Nylon balístico do acabamento traseiro para a tela, que conta com a tecnologia anti-impacto Moto ShatterShield. Pois bem, são duas grandes características do Moto Maxx: autonomia de bateria e resistência. Acredito que para os fãs do Moto Maxx só restará o desapego.

3. A série Moto Z pode ser ainda mais cara do que linha Moto X 2015

Se alguém achava que o posto de aparelho mais caro da Motorola ficaria restrito ao o Moto X Force, pode estar completamente enganado. Seguindo o conceito de smartphone modular, os novos Moto Z e Moto Z Force devem chegar ao país em setembro por um preço bem salgado.

Claro, esperamos que a Lenovo não faça como a LG que, além de alterar as especificações do G5 e apresentá-lo por aqui como G5 SE, lançou o aparelho e seus módulos no país por um preço bem alto. 

androidpit MOTO Force 4
O Moto X Force é o dispositivo mais caro da Motorola no Brasil / © ANDROIDPIT

O Moto Z Force, além de ser um dispositivo "modular", possui a tecnologia de tela ShatterShield que, como nós vimos com o Moto X Force, encarece consideravelmente o preço final do dispositivo.

Pessoalmente, acredito que a Motorola não deverá comercializar os novos dispositvos por aqui à preços estratosféricos, mas, é claro que aquele conceito de "popular e acessível" ficará restrito aos modelos da série Moto G e aos aparelhos Vibe.

Você acredita nessas mudanças? Na sua opinião, o que mais a Motorola irá na linha Moto no Brasil?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Augusto Silva há 5 meses

    Continuo achando que manter a estratégia da Google com apenas 3 celulares (E, G e X) sem variantes, sendo um pra cada tipo de público seria a melhor opção. A Lenovo enlouqueceu quando tomou posse da Motorola, se vai dar certo ou não é difícil saber mas que a estratégia da empresa tá cada vez mais sem sentindo isso é fato.

79 Comentários

Escreva um comentário:
  • Sempre vi a Motorola precisar de um High end de verdade e para isso veio o Moto Z que tem pelo menos 2 anos que vem sendo falado que a Motorola o lançaria, hoje veio e está chegando para ser diferente, a linha X sempre foi mais uma intermediaria TOP que um high end no mercado, nunca vi ninguém deixar de pegar um Galaxy S por um Moto X, pelo preço era um excelente aparelho, mas nada mais que isso.

  • Quando será que o povo vai ver que a Google não fez nada dentro da Motorola? Ela só pegou o que quis que foi as patentes e deixou a Motorola se virá, as linha Moto G e X já eram um desenvolvimento da Motorola lla.

  • Eu espero um nova linha moto x force mais atualizada! Tenho um moto x 2014 e quero um mais potente! Eu espero que em setembro a Motorola apresente um novo dispositivo raiend!

  • Tenho um Moto Maxx desde 2015 e até hoje não foi atualizado.

  • 1. Realmente, não há espaço. A Lenovo/Motorola já lançou dispositivos para todos os nichos possíveis (e até um pouco mais), esse ano - exceto a gama de entrada. Colocar mais um pra concorrer com os próprios Moto G's (como aconteceu no ano passado) seria uma burrice extrema.
    2. Tampouco. Porém, o Moto Maxx deu lugar à linha "Force", então é outra situação.
    3. Isso já é evidente. O custo x benefício atraente da Motorola de 2013, hoje, é inexistente.

  • o que falar da Samsung e sua infinidade lista de aparelhos?

    o caso da Motorola/Lenovo.. compra quem quer, ao menos, ela não deixa seu aparelho mais antigo, ao relento.

  • E sobre o Moto X Style, alguma novidade referente ao sucessor?

  • Não vejo que a Lenovo esta ferrando a motorola como alguns falam. Custo benefício tem o K5, intermediário tem o G4 plus, o G4 normal por R $1100.00 não está absurdo. Agora a linha Z vai ser top de linha, no mercado brasileiro top só vende iphone. Não adianta tentar vender aqui que não vende. Olha o S7 gasta milhões com propaganda e faz grandes lançamentos, mas as vendas são pequenas. O que vende no Brasil da samsung é a linha J ( que não Boa não tenho coragem de comprar) essa é a realidade.

  • Não tenho dúvidas de que o Moto Z Force virá bem caro para o país, porém, acho que virá uma versão mais barata.

  • Daqui a pouco os bancos estão fazendo alienação financiária para celulares, com o preço de uma moto, o que a motorola quer mostrar com tudo isso. kkkk vamos ver no próximo capítulo de dragon ball z será...


    "A MOTOROLA ESQUECEU DE TOMAR O SEU GARDENAL COM LEITE MORNO?"

  • Eu não vejo tanto problema na linha 2016! Essa evolução e mudanças acontecem todos os anos em todas as marcas! O que senti falta no Style veio esse ano! Tela resistente e sensor biométrico... Só isso já deixa a troca interessante... Moto X, Moto Z, Moto Y, Moto Yamaha... Sendo bom, não me importa o nome...

  • Acho que a estratégia da Lenovo é um tiro no pé. É evidente que estão tentando impor a nova marca, no caso do mercado brasileiro. Entretanto, a linha Vibe, embora nominalmente interessante, é bem inferior aos Moto G e X.

  • Como eu sempre ando falando, os Moto Force são os novos Moto Maxx. O Moto X Force é um Moto Maxx 2 e o Moto Z Force seria um Moto Maxx 3. Isso ao meu ver e em minha opinião.

  • Só digo uma coisa: a impressão digital pra mim foi a melhor e a coisa que eu mais esperava. Com certeza moto G4 plus!

  • Por isso sai do Android pra o IOS. é muito aparelho, é muita obsolência, logo deixam de dar suporte e aí abarrotam o mercado com um monte de aparelhos novos sem nada de realmente inovador. O único que pode ganhar meu investimento é o Zen 3 da Asus. aparelhos lindos a Asus lançou e tomara Deus, tô orando que a Asus traga a um bom cxb, senão já era!

  • meu moto maxx abandonado

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi