O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
3 min para ler 28 Compartilhado 20 Comentários

O Google Glass não está morto, eis a prova

Há algumas semanas, sem alarde, a equipe de desenvolvedores e engenheiros daquilo que conhecíamos por Google Glass atualizou o sistema operacional do dispositivo e, depois disso, muito pouco se ouviu falar a este respeito. No entanto, hoje, a X Company, empresa irmã da Google e também subsidiária da Alphabet, anunciou o Glass Enterprise Edition. Este wearable é basicamente o Google Glass, mas voltado para uso industrial e na área da saúde, ou seja, não é para o público em geral.

Antes de mais nada, é preciso desassociar a companhia Google deste projeto, pois dentro da Alphabet, a empresa responsável agora por estes óculos de realidade aumentada é a X Company (ou simplesmente X). Essa é a mesma empresa que toma conta de projetos como o Loon e o carro autônomo.

Dito isso, o Glass Enterprise Edition estava em desenvolvimento a cerca de dois anos como parte do programa Glass Explore. Em 2015, aliás, todo o potencial do Google Glass - como era chamado na época - para aplicação na agricultura já estava sendo explorado, como vemos no vídeo abaixo. Hoje, no entanto, isso passa a ficar a cargo do novo Glass Enterprise Edition.

Google Glass # Glass Enterpreise Edition

De acordo com Jay Kothari, chefe do Projeto Glass na X Company, a nova edição do dispositivo teve que receber uma série de aperfeiçoamentos para atender às necessidades da indústria e dos profissionais de saúde. Assim, houveram melhorias no design e no hardware dos óculos, para que estes ficassem mais leves e confortáveis para o uso prolongado. Eu tenho o primeiro modelo na minha mochila e, por experiência, digo que essas mudanças são realmente importantes, pois o peso incomoda, em especial na parte em que está localizada a bateria.

Google glass prisma
O prisma é essa parte de vidro, na qual podemos enxergar as ações realizadas no Glass / © AndroidPIT

Outras mudanças ocorreram em relação ao tamanho prisma, essa parte de vidro que vemos na imagem acima e que simula que simula uma tela, na qual vemos as ações em execução. Bem como, houve a troca no processador e no tamanho da bateria. Isso foi feito, segundo Kothari, para oferecer mais agilidade aos profissionais da saúde e mundo corporativo.

Mas o que realmente chama a atenção é que o Glass, enquanto dispositivo, não superou as questões relacionadas à privacidade e, em grande parte, pode ser usado agora apenas com softwares específicos para cada área. Um exemplo disso é o sucesso que sempre fez entre cirurgiões e profissionais da saúde, tanto que agora essa é uma das bandeiras do Glass Enterprise Edition.

Médicas/Médicos e enfermeiras/enfermeiros poderão, por exemplo, usar o Glass Enterprise Edition para tomar notas das condições do paciente ao mesmo tempo em que visualizam seu histórico médico. Em outras palavras, será possível automatizar o atendimento médico, baseá-lo em dados e, talvez, inclusive registrar imagens e vídeos do paciente em tempo real.

Glass enterprise edition medicine
Glass e a medicina estiveram sempre juntos / © Blog X Company

Sinceramente, essa é uma ótima notícia. O Glass é um dispositivo que merece investimento, pois possui um grande potencial, que muitas vezes é colocado de lado por conta da privacidade. Acredito que o atual uso para o Glass Enterprise Edition seja a solução prática para manter o desenvolvimento deste gadget.

Fonte: X Company

28 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

20 Comentários

Escreva um comentário:

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi