O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
18 Compartilhado 24 Comentários

Em qual tecnologia o país deveria investir: Offload ou 4G?

De acordo com a empresa de pesquisa Cisco, a rede 4G terá participação de 35% no tráfego total das redes móveis no país em 2018. Porém, até lá, parece que depender da tecnologia 3G/2G é certeza de não completar o serviço de troca de dados, pois o Wi-Fi sempre responderá pela maioria dos acessos móveis. Assim, a solução para a cobertura de internet no Brasil parece estar na pesquisa offload e não na construção de antenas 4G.

android 4 G
© AndroidPIT

A pesquisa Visual Networking Index (VNI) Global Mobile Data Traffic Forecast mostrou que em 2018, o 4G no Brasil terá maior participação no avanço do tráfego das redes móveis, algo em torno dos 35%. Para se ter uma ideia, no ano passado, o 4G representou 2% do tráfego de dados móveis e, para chegar ao tal crescimento identificado pelo estudo, a tecnologia de quarta geração teria que crescer cerca de 158 vezes.

Previsões para 2018

Segundo a Cisco, o usuário brasileiro terá uma conexão um pouco melhor daqui a quatro anos, chegando a obter em média 2,468 Mbps para o 3G (crescimento de 2,2 vezes) e 6,823 Mbps para o 4G. Isso levando em consideração que a velocidade 3G em 2013 foi de 1,15 Mbps, enquanto a de 4G era de 4,26 Mbps. Já a conexão Wi-Fi teve velocidade de 6,55 Mbps no final do ano passado, um crescimento de 23% em relação a 2012. Para 2018, a previsão é de crescimento dobrado, chegando a 14,2 Mbps. Assim que entrei em contato com estes dados, me pareceu mais lógico que, em vez de investirmos em internet 4G, talvez seja melhor oferecer cobertura Wi-Fi pelo país, no melhor estilo Offload!

Mas o que é Offload?

Em resumo, o offload nada mais é que tirar o tráfego da rede móvel. Na realidade, fazemos isso todos os dias quando chegamos em casa e ligamos o Wi-Fi do telefone para acessar a internet através dele e não do plano de dados 3G. Podemos dizer que isso é fazer uma espécie de offload manual.

Porém, o offload ainda não funciona no Brasil como deveria, pois como dito no exemplo acima, é preciso ativar o Wi-Fi manualmente, ou seja, procurar a rede e se cadastrar. Além disso, este não é um processo simples para a maioria dos usuários. Em resumo, mesmo que cobrissem o país inteiro com redes Wi-Fi, acabaríamos ainda usando o 3G, e não ocorreria o offload.

No final ano passado, 31% do tráfego do 4G foi escoado para as redes alternativas. Já com o 3G foram 28% e com o 2G foi 32%. E, segundo o Cisco, em 2018 a previsão é a de que o offload será ainda maior. Assim, se redes alternativas Wi-Fi já estão em desenvolvimento, são mais rápidas e não pesam tanto quanto os planos 4G no bolso dos consumidores, talvez esteja na hora do país investir mais em tais serviços.

Iniciativas como a da prefeitura de São Paulo, que já está investindo em redes Wi-Fi grátis para liberar as redes móveis e, com a grande sacada de não precisar de cadastro prévio, podem facilitar a conexão automática no futuro. E, levando em consideração a burocracia por trás da construção de antenas 4G, talvez as operadoras pudessem dedicar mais esforços em pesquisa Offload do que em tecnologias como o 4G.

Por enquanto, o offload funciona mais para aliviar as redes de celular e tem gerenciamento feito pelas próprias operadoras. E aqui vem um número muito interessante: Em 2013, de todo o tráfego associado a dispositivos móveis e portáteis, 96% foi por meio de Wi-Fi e 4% em redes móveis. Cerca de 1,7% destes acessos Wi-Fi foram por conta de offload.

E aí, em qual tecnologia o país deveria investir: Offload ou 4G?

Fonte: Cisco

24 Comentários

Escreva um comentário:
  • olha só o que eu descobrir^^ "Só quem é NET acessa a Internet sem fios de lugares públicos, gratuitamente. Assine hoje mesmo e veja como."
    Sou cliente net empresa vou ligar agora mesmo e saber dessa net wifi.. ganhei o meu dia hahahahaha..

  • Que pergunta em!!
    É obvio q offload, pois se ja sugam nossas almas com preços enexistentes num 3g que e uma merda. imagina o que vai ser o 4g: a mesma. porcaria que nao pega em lugar algum e que tem um preço maior ainda

  • melhor offload.

  • Conheço lugares que as pessoas roubam cabos de cobre das telefonias, o vejo muitos orelhos quebrados por arruaceiros, por isso acho que não daria certo em orelhões.

  • costumo me conectar a claro wify é bem útil...

  • Olá Yuhara.
    Eu sempre utilizo a rede Oi Wifi FON quando vou a shoppings, é bem rápida por sinal.
    Antes vc precisa fazer um cadastro no site da Oi, se vc for usuário (a) Vélox basta colocar o CPF junto com o número do fixo com DDD e alterar alguns dados caso seja da sua vontade (senha, login, etc). Após esse cadastro vc poderá utilizar o serviço quando estiver disponível no local que vc estiver. Eu recomendo fazer o cadastro no PC e não no celular.

  • tirou a palavra da minha boca.. rsrs em Brasília ñ tem 1 orelhão rsrs agora procurar no ML tem muitos a venda hahahahahahaha..

    Obs: aqui tem a Oi wifi fon.. mais nunca conseguir conectar rsrs

  • Seria mesmo mas no Brasil provavelmente não daria certo.

  • a um tempo atraz teve um rumor de qe deveriam tornar algum orelhões em pontos wifi e eu apoio isso so nao sei se seria viavel mais assim toda a cidade estaria coberta pelo wifi ! seria incrivel ja penso ??? :-)

  • Mas a maior parte dos adaptadores wify dos aparelhos não chega nem perto do que o 4G tem a oferecer.

  • offload é um melhor custo benefício para as operadoras e pro usuário já que o 3G consome bastante bateria, o 4G parece que suga a bateria chega a assustar...

  • A OI já presta um serviço desses, com o nome de rede OI WIFI FON. No sudeste ela funciona, pois quem tem Velox, automaticamente está liberando sua banda larga pra outro usuário Velox navegar através do wifi.
    Mas no Nordeste, onde moro, o Velox é muito ruim e não há cobertura OI WIFI FON em quase nenhum lugar. Por isso, a estratégia usada da OI não foi a melhor escolha em nossa região. Ela perdeu muito cliente com seu 3G com pouca cobertura.

    •   17

      Poucas cidades do nordeste tem 3G e pouquissímas conhecem. (não se ofendam nordestinos, mas é real, vocês sabem disso)

      • Joãog18, não é bem assim! A Vivo tem cobertura 3G em mais de 50% dos municípios brasileiros. Sendo o Nordeste uma das maiores regiões em tamanho, acredito que essa estatística também se aplique por aqui... O que eu disse foi sobre a OI.. .Ela investiu no WIFI, deixando o 3G como segunda opção. Hoje, a OI tem 10% de cobertura que a Vivo tem, ou seja, algo em torno de 250 municípios apenas, no país todo! E isso porque ela domina a rede fixa de telefone e não aproveitou a estrutura pra fornecer 3G...

      • Tecnologia 3G no nordeste tem (estrutura física em vários lugares), sinal e aproveitamento são outros 500...

        As operadoras não estão fornecendo nem de longe como deveriam, vá à São Bernardo do Campo e comprove a diferença do quê você acredita ser sinal 3G XD

      •   28

        ????? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Com certeza não tem cobertura aí no Sudeste onde você mora, aí fica imaginando que no Nordeste seja pior ainda. Pois saiba que aqui no Nordeste muitas cidades tem 3G, poucas que possuem o 4G. Mas consigo usar todas, mesmo estando no NE.

      • Eu moro no nordeste cara, vc é de Salvador é? u.U

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi