O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
7 min para ler 16 Compartilhado 28 Comentários

Moto E em teste: o novo smartphone de entrada da Motorola

Testamos o Moto E, a mais nova aposta da Motorola na categoria dos smartphones low-end. Forte candidato a acabar com os feature phones, o Moto E vem com 4 GB de armazenamento interno, mas possui slot para cartão micro SD, que expande a capacidade para até 32 GB. O Moto E chega ao mercado brasileiro em duas versões: por R$529,00 (dual SIM) e R$599,00 (dual SIM + TV Digital). A versão com TV digital é exclusiva no Brasil, que tem também um recurso novo chamado "Alerta" e gestão de SIM cards inteligente.

moto e front
Moto E: smartphone de entrada com Android 4.4. / © AndroidPIT

Desenho e Qualidade de Construção

O aparelho tem design bem parecido com o Moto G, apesar da borda grande demais e de ser um pouco mais espesso que o Moto G, com 12,3 mm. A construção é de plástico, mas gosto do fato de poder personalizá-lo com 9 opções de capas de diferentes texturas e cores. A versão de R$599 reais possui, além da TV digital, duas capas coloridas: uma verde e uma amarela (mais a preta).

Com as suas 4,3 polegadas de tela, o aparelho possui uma pegada consistente e não escorrega com facilidade das mãos. Apesar de ser um smartphone de gama baixa, o aparelho tem bom acabamento e aparência de mais firme e resistente do que outros celulares low-end e mid-range presentes no mercado.

DSCF3132
9 opções de cores permitem customização do Moto E. / © AndroidPIT

A entrada para os fones de ouvido está localizada na parte superior do dispositivo, o que não me incomoda na hora de manusear no celular. Os botões de volume e de ligar/desligar estão no lado direito. O auto-falante foi reposicionado na frente do aparelho, na parte inferior da tela e o dispositivo permite operação com uma das mãos com facilidade. Apesar de não podermos esperar que o Moto E sobreviva a imersão na água, ele oferece resistência a respingos, já que vem com Corning Gorilla Glass.

Tela

A grande borda que prejudica o máximo aproveitamento da tela, de certa forma compromete a estética do aparelho. O Moto E possui uma tela de 4,3 polegadas, com resolução de 960 x 540 pixels (256 ppi). Como comparação, o Galaxy S5 e o Moto G possuem 432 ppi e 329 ppi, respectivamente.

br teaser
Em comparação com o Moto G (esquerda), podemos notar a diferença entre o tamanho das telas. / © AndroidPIT

Os engenheiros do Moto E tiveram que abrir mão de alguns ítens para garantir a produção dentro do orçamento e a luminosidade mais fraca da tela foi um deles. Com 389 nits de brilho máximo e 16 de mínimo e 1:1270 de contraste, a tela do aparelho não o torna um bom dispositivo para uso externo em dias ensolarados. Um ponto positivo da tela é o Corning Gorilla Glass, que garante proteção contra poeira e respingos de água.

Software

A oportunidade de ter acesso ao Android puro em um smartphone de gama baixa é muito boa, sobretudo para aqueles que terão no Moto E o seu primeiro smartphone. Ao contrário de alguns outros dispositivos que trazem experiências personalizadas do Android - tornando a experiência de uso um tanto quanto complicada, com muitos recursos desnecessários - o Moto E proporciona uma experiência mais simples, intuitiva e que não sobrecarrega o celular com funcionalidades inúteis.

Um novo recurso que vem pré-embarcado no Moto E e será oferecido a outros aparelhos através de um app na Play Store é o "Alerta", que permite o compartilhamento da localização com seus contatos, além de enviar alertas para um contato pré-definido caso você esteja em alguma situação de risco. O app pode ser últil para idosos ou pessoas com necessidades especiais, por exemplo, que com um toque no celular, têm o recurso de enviar um alerta pedindo ajuda.

Uma outra funcionalidade especial do Moto E anunciada em seu lançamento pelo presidente global da Motorola é a inteligência na gestão dos cartões SIM. O Moto E é capaz de selecionar automaticamente o melhor chip para realizar uma ligação baseado em dois fatores: o primeiro e o comportamento de uso, ou seja, se você esta acostumado a utilizar o SIM 1 para ligar para um determinado número, ele passara automaticamente a selecionar este mesmo chip nas ligações futuras. O outro fator é a operadora. O Moto E identifica qual a operadora da pessoa para a qual você está ligando e se um dos seus dois SIM cards forem da mesma operadora, ele automaticamente seleciona o SIM card correspondente, para melhor aproveitamento dos créditos e redução de custos. Esta e outras opções podem ser configuradas manualmente.

moto e sim sd
Slot SD expande capacidade de armazenamento interno © AndroidPIT

Características Especiais

Um dos mais importantes recursos exclusivos do Moto E no Brasil é a TV digital, que funciona por meio de um aplicativo que vem pré-instalado no aparelho. Ele busca automaticamente os canais disponíveis onde você estiver toda vez que o app é aberto e vem com uma antena para melhorar a recepção do sinal. O aplicativo de TV permite também gravar um programa, mas não é possível mudar de canal enquanto o vídeo é gravado. Outro recurso interessante é a possibilidade de agendar estas gravações. Ao fazer um agendamento, com hora e canal definidos, o aplicativo da TV abre mesmo se o celular estiver bloqueado e começa a gravar. Depois de gravado o programa, o arquivo é salvo em MP4. O sinal da TV estava sempre muito bom em todos os meus testes. Esta versão do Moto E com TV digital custa R$599.

445971 8
Bom sinal: Moto E com TV digital funciona com app pré-embarcado / © Motorola

Performance

A memória interna do Moto E tem apenas 4 GB (dos quais 2,2 GB ficam disponíveis para o usuário), o que sempre ocorre com estes modelos mais básicos, mas é possível expandir esse armazenamento para até 32 GB com um cartão SD. Espero que a Motorola continue oferecendo isso em seus aparelhos, uma reivindicação de muitos usuários.

moto e sd
© AndroidPIT

A limitação do Moto E fica por conta da GPU (Adreno 302), que apesar de ser suficiente para rodar diversos apps sem problemas, é básica e pode travar em alguns jogos mais pesados e mais sofisticados. No entanto, ainda assim ele é capaz de processar os efeitos 3D do Android 4.4.2 KitKat de fábrica. O Moto E tem suporte a rádio FM (sem RDS) GPS, GLONASS e Bluetooth 4.0 LE.

Segundo informado no evento de lançamento do Moto E, comparado com um Samsung Galaxy S4, o Moto E é 1,1 segundo mais rápido para abrir o telefone para fazer chamadas, 0,9 segundos mais rápido para abrir o navegador e 1.7 segundo mais rápido para abrir a câmera.

Câmera

Uma das desvantagens do aparelho é a ausência da câmera frontal. Ou seja, as “selfies” com o Moto E ficam mais difíceis! Acredito que com uma câmera frontal de baixa qualidade, mesmo que VGA, tornaria o aparelho mais atraente. No entanto, a câmera traseira tem 5 MP e é suficientemente boa, com 2592 x 1944 pixels. Ao ser ativada, a câmera abriu rapidamente e foi capaz de tirar fotos de boa qualidade em sequência.

moto g moto e cam sidebar
Câmera do Moto E (direita) tem funções básicas e tira boas fotos. O software é muito parecido com o da câmera do moto G (esquerda). / © AndroidPIT

A filmadora grava com resolução de 480x854p, mas ela não conta com recursos avançados como estabilização de imagem. Por isso, não espere muito da gravação de vídeo do dispositivo. A câmera não tem flash mas tem suporte a HDR e tira fotos de bom tamanho. Ela não se comporta bem com fontes de luz, mas possui recursos como geo tagging.

Bateria

moto e open
 Moto E: bateria não removível  / © AndroidPIT

A bateria do Moto E, que é de lítio e tem 1980 mAh (é maior que a do iPhone 5S - 1.560 mAh), foi desenvolvida para durar um dia inteiro. É isso que promete a Motorola. Enquanto estive testando o aparelho, a bateria durou até mais que isso, com uso médio do Wi-fi, 3G, apps e câmera. Um ponto negativo aqui é o fato da bateria ser não removível. 

Especificações

O aparelho possui processador Snapdragon 200, da Qualcomm, dual-core de 1,2 GHz, tela de 4,3 polegadas, câmera traseira de 5 megapixels, TV digital, Android 4.4, 1 GB de RAM e 4 GB de armazenamento interno. Com carcaça a prova d’água e poeira, novidade para um low-end, o dispositivo da Motorola tem ainda Wi-fi, 3G, Bluetooth e versão dual SIM. Ele pesa apenas 142 gramas e possui bateria de 1980 mAh, que promete durar um dia inteiro com uso médio das tecnologias de conectividade como Bluetooth, Wi-fi e 3G.

Tela 4,3 polegadas Corning Gorilla Glass; resolução de 960 x 540 pixels
Processador Qualcomm Snapdragon 200 Dual-core, 1,2GHz
RAM 1 GB
Armazenamento interno  4GB + microSD até 32 GB
Sistema operacional  Android KitKat com upgrade garantido (Android 4.4.3)
Câmera  5MP (traseira)
Bateria 1980 mAh
Dimensões 124,8 × 64,8 × 12,3 mm
Peso 142 g
Conectividade Wi-Fi, 3G, Bluetooth, versão Dual SIM

Veredito Final

Tive uma excelente impressão do Moto E. Gosto do fato de que a Motorola não alterar muito a interface do usuário em seus aparelhos, o que facilita a usabilidade e a troca de um smartphones. Apesar de não ter um design dos mais modernos e da ausência da câmera frontal, além da bateria não ser removível, o Moto E mostrou fluidez e não apresentou nenhum atraso na navegação básica, nem ao rodar aplicativos que exigem poder de processamento. É claro que ele não se aproxima dos smartphones top de linha, até porque nem é essa a intenção da Motorola, mas é um bom aparelho que por R$529, te dá a versão mais recente do Android com atualizações garantidas pela fabricante! 

Considerando as opções que temos hoje no mercado, não hesito em afirmar que trata-se do melhor custo-benefício na faixa dos smartphone low-end.

E você, o que achou do Moto E?

16 Compartilhado

28 Comentários

Escreva um comentário:
  • Estou com medo de atualizar meu Android.se a internet cair no processo de download o que acontece?ira danificar o aparelho?

  • Gostei muito do Moto E com Android puro aí sim

  • oi alguem pode me ajudar meu moto e muito bom so tem um problema descarrega muito rapido,se fica muito tempo sem carga demora uma eternidade pra comecar a carregar de novo agora o pior msm que me incomoda e a capacidade dele tem quem 4 sendo que e uma propaganda enganosa pois o usuario so tem 2.2 de capacidade msm assim nao etao pouco comprei um cartao sd de 16gb o que e terrivel e que sempre que recebo foto ou video muitas das vezes fala capacidade insuficiente como num catao com 16gb se nem tem muita coisa?e ja passei fotos imagens pro cartao sd msm assim ainda aparece sem memoria suficiente aff o que devo fazer?

  • gostei do meu moto e e ben eficiente n achei ele iferio a nenhum celular ele e um celular ben bon e eficiente simples mas bom

  • Rapaz faz tempo que tinha visto um dual chip tão fluido...tinha comprado um Galaxy s2 tv mais troquei na mesma hora no outro dia pelo moto e ...e olhe que o Galaxy tv tinha camera frontal e flash ....que já tenho meu g2 e este novo moto e se continuar assim em 2015 terei o meu top será moto também apesar que g2 possui uma das melhores baterias do mercado hj faz 2 dias com wifi ligado e ta marcando 69% de bateria che amanhã de noite com n 24% ainda com wifi 3 g e blutotch ....melhor dual chip moto e e g e melhor qualidade e processamento e resto g2...melhor bateria e tela ei processador.

  • Parece ser um bom aparelho, porem não gostei muito do design dele! prefiro o Moto G.

  • Tirando uma dúvida? o Moto E tem algum tipo de GPS?

  • O problema não esta no aparelho e sim no usuário final pois cada um prioriza uma especificação e muitos querem um verdadeiro high end em meros 600 reais tenho um nexus 4 que até então atende minhas necessecidades(deixo claro {minhas}) com seus únicos 2 gigas de memoria RAM inéditos na categoria até 1000 reais mid-end esta para mim foi um dos principais motivos por rodar bons jogos sem travar de forma alguma. TV digital 150 reais ,celular simples para ligações 80 a 130 reais(alguns com radio,lanterna,WiFi e tela maior se for com Android {qualquer modelo } nada menos de 230 reais por mais porcaria que possa ser a bagaça RS) nisso já temos 380 que com mais 220 que seria por uma boa versão do Android, uma boa bateria câmera de 5 megas que não se acha em aparelhos de 230 reais (citados acima) uma tela com Corning glass e proteção anti poeira e água capas coloridas e um dual chip com após para melhorar a migração de chips ta ai se vale ou não a aquisição

  • eu comprei um, e ele e MT bom e rápido, só o q deixou a desejar foi a câmera, q n tem o foco automático, mais o melhor e o gerenciamento dos cartões sim, e impecável.

  • Puts, como perdem a oportunidade de ter um lowend super completo, quase insuperável na categoria por falta de uma pífia câmara frontal. Santo desperdício.

  •   20

    É favorável, thiago rs...

  • para pessoal nunca que MOTO G vai ser melhor que o s4 para, compara para ver ?

  • Posso estar errado, + provavelmente o Cláudio tem um S4 kkkkkk

  •   20

    Olhar Digital? Pfff kkkkkk

  • Olhar Digital, aprenda como se faz uma matéria

  • Quero ver se com o s4 puro ele abre mais rápido. Nessa comparação aí.

  • tenho uma dúvida. os apks podem ser movidos pro cartão sd? senão não compensa! Android tem atualização todo dia! não tem memória que aguenta!

  • Sacanagem essa do S4

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi