O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
2 min para ler 191 Compartilhado 42 Comentários

Samsung se prepara para apresentar a primeira tela OLED esticável

The Display Week é o principal evento do mundo onde os fabricantes apresentam suas novidade relacionadas às telas, que acontece em Los Angeles nos próximos dias. Tal como acontece com todos os eventos de tecnologia que a Samsung participa, a empresa deve apresentar uma novidade que vem sendo desenvolvida há anos pela marca. Se trata do painel OLED esticável.

O site Korean noticiou recentemente que a Samsung apresentará nos próximos dias um painel de 9,1 polegadas que pode ser dobrado em até 12 milímetros em várias direções. Logo, o porta-voz da Samsung emitiu uma declaração sobre a notícia:

Enquanto o OLED flexível que conhecemos hoje pode ser dobrado para apenas um dos lados, o novo painel pode ser esticado e transformado de diversas formas, curvado, dobrado ou enrolado, para cima ou para baixo e em qualquer um dos lados.

Essa tecnologia poderia ser usada em wearables ou dispositivos da Internet das Coisas (IoT), embora não seja remota a possibilidade deste tipo de tecnologia estar presente em nossos smartphones. Ainda não está claro se essa tecnologia chegará ao mercado, ou quando isso acontecerá. Como mencionado pelo porta-voz da empresa, a diferença desse OLED para o que já conhecemos é sua maior flexibilidade.

samsung flexible display
Samsung vaia apresentar um novo painel OLED flexível / © Yonhap, Samsung

Essa não deve ser a única apresentação que a Samsung fará na The Display Week, visto que é esperado ainda que a marca mostre um pequeno painel de 1,96 polegadas com resolução UHD (3.840 x 2.160 pixels). Esse mini display teria densidade de 2.250 pixels por polegada. Esse tipo de painel deve ser apresentado com a tecnologia LCD, e não o tradicional AMOLED, e pode ser usado em dispositivos AR ou VR.

E aí, curioso para saber o que vem por aí?

191 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

42 Comentários

Escreva um comentário:
  • O mercado mobile parece que está mais preocupado em surpreender com estética, do que com um Hardware competente seguido de um suporte eficaz aos updates de sistema.

  • Lembro-me do protótipo NOKIA Morph, um smartwatch cujo display dava a volta completa no seu pulso. Vejo que a SAMSUNG vai inovar e se consolidar com esta nova tecnologia, e junto disso, novas disputas por posse de patentes entre a coreana e a finlandesa na justiça, capaz de até a Microsoft estar envolvida no processo.

    Cuidado, Sammy: foi a NOKIA quem começou com isso em 2009, investindo justamente em tecnologia AMOLED com nano circuitos.

  • O que o pessoal mais pede é evolução da bateria. Concordo, mas lembrem-se que várias indústrias procuram uma bateria melhor, não só a de smartphones. A indústria mais interessada nisso é a automobilística e eles estão investindo milhões em pesquisa e mesmo assim ainda não saíram do lugar. Acho que chegamos a um ponto da evolução onde o avanço vai ser muito difícil.

  • É muita tecnologia pra minha cabeça.

  • Legal, bacana e tudo mais!
    Mas eis a questão... Realmente precisamos de uma tela que estica?
    Não seria melhor baterias que durem mais ou atualizações sem demora?

  • Esse novo modelo de telas OLED vai revolucionar o mercado.

  • nao eh pq estao falando ou demostrando algo, que significa que a tecnologia sera lançada em breve... muito pelo contrario... talvez seja o tipo de tech q soh sera viavel (em relacao ao bolso do consumidor) daqui a mais de 5 anos... mas concordo com a maioria: o que o povo precisa eh de bateria !!!

  • Deviam estar focando em autonomia de bateria que ultimamente lançam smarthphones com processadores igual ao de PC's e os mesmos mah de bateria de smarthphone de 2013 aí fica difícil.

    • Nunca que um processador de smart irá ser comparado a um de desktop. Se um processador de smart chegar até 10% da potência de um desktop, pode ter certeza que você não vai aguentar segura-lo na mão, tendo em vista que um de desktop gera até 300 watts de calor, daí da para ter uma noção a diferença de desempenho de ambos

      • Brother ultimate os Smartphones top de linha está saindo com 6GB de Ram processador Octa Core ou seja oito núcleos de processamento, 128GB de memoria interna com bateria de 5.000 mah e arquitetura de 64 bits que deixa muitos PCs e Notebooks passando mal por ai.

      • Kerssy, desculpe, mas não concordo de jeito nenhum com você. O processamento dos smartphones estão muito aquém dos PCs. Falar que é octa core não quer dizer nada. Na verdade eles são 2 processadores quad core e bem fraquinhos perto dos processadores intel Core i7 de 4 núcleos. Eles perdem até para Core i3 de dois núcleos que são encontrados na maioria dos processadores de notebooks.

      • Eu fiz a comparação com PCs ou Notebooks com processadores Intel Aton, Inside ou Dual Core com 1GB a 2GB de Ram e arquitetura de 32 bits que praticamente serve para o básico por exemplo trabalho de faculdade, escolares e leitura por que se instalar um jogo pesado por ex: GTA San Andreas, Crisys, CS GO, Battlefield entre outros acima de 3GB começa a travar falo isso por que fui técnico em informática e manutenção de micro e fiz programação agora atualmente trabalho em outra área.

      • Compara um desses com o Galaxy Y que vai ser mais justo. Querer comparar um smartphone top de linha com um computador podre, aí vai ganhar mesmo. Ou compara os tops ou as porcarias, mas não dá para fazer essa analogia que você fez. Concordo com o Steven, os PCs estão anos luz à frente dos smartphones, que para mim foi uma grande regressão tecnológica.
        Obs. Mesmo essa configuração que você citou, se colocar um emulador, roda qualquer jogo para Android. Agora quero ver um smartphone, mesmo o mais top dos tops, rodar um Photoshop ou Adobe Premiere completo.

      • Nessa questão concordo com você Sidney e Steven se for comparar com Pcs e Notebooks top's de linha atualmente não nem comparação são completamente superior tanto em hardware e software peço desculpas pela minha ignorância.

      • E revendo essa comparação entre PC, Notebook e Smartphone que eu fiz por um lado foi meio sem noção mesmo. Mais no quesito autonomia de bateria eles deviam focar mais nessa questão.

  • Ainda acredito que a nossa maior necessidade seja evoluir quanto as baterias, incluindo o carregamento sem fio. Telas são importantes, mas não vão mudar nosso dia a dia como as baterias podem fazer.

    • Sou totalmente de acordo brother Marcos Champion!

    • Quanto as baterias, tem estudos sobre como melhorar o desempenho, inclusive com composições totalmente diferente nas que são utilizadas hoje, e também vi que em uma matéria que uma pessoa no ramo da tecnologia, diz que é mais fácil diminuir o tempo de carregamento de uma bateria do que criar uma que dure mais em uso intenso, daí os estudos. Então pensei, evoluem tudo no celular mas as baterias continuam sendo as mesmas, claro, porque agora nenhuma fabricante apareceu com uma inovação importante sobre a mesma, por um bom tempo ainda vamos ter as velhas e bias baterias de lithium.

  • li tantos comentários sem noção. ..toda evolução e bem vinda sendo para o bem ...as pessoas realmente são ipocrita se uma coisa boa não serve pra elas elas acham que não servirão pra outras lamentável

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi