O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
4 min para ler 73 Compartilhado 39 Comentários

Samsung Z1: especificações, preço e disponibilidade

Depois de quase virar lenda, a Samsung finalmente oficializou o Samsung Z1 hoje, na Índia. O dispositivo não é um destaque por suas especificações técnicas, mas roda com o novo sistema operacional móvel da Samsung, o Tizen. Para quem não lembra, durante o MWC 2014, tive a oportunidade de ver como o SO se comporta na prática e, já adianto, não é nada diferente da TouchWiz rodando no smartphones Galaxy S4 em conjunto com o Android. Abaixo, você confere as principais características do Samsung Z1, o primeiro smartphone rodando Tizen no mundo.

O Galaxy S8 é o smartphone mais bonito que já fabricado.
O que você acha?
50
50
2732 participantes
samsung z1 tizen
Samsung Z1 chega ao mercado da Índia! / © Samsung

Samsung Z1: Design e Tela

O Samsung Z1 é um smartphone de entrada, com especificações bastante modestas, logo, não espere ver aqui uma obra da criatividade humana em relação ao design. Pelo contrário, o aparelho é bem básico e lembra bastante o Galaxy S Duos. Com botões físico e capacitivos, o modelo chama mesmo a atenção por tentar seguir as linhas de design da série Galaxy A, porém, ao contrário da moldura metálica, o material usado é plástico.

O display do Samsung Z1 também não é uma das grandes características do aparelho, mas é satisfatório para um low-end. Com 4 polegadas de diagonal de tela, o novo smartphone rodando com Tizen usa a tecnologia WVGA PLS com resolução de 800 x 480 pixels.

Samsung Z1: Processamento e Software

No quesito desempenho, a Samsung parece contar com o sistema operacional para compensar o hardware. Com um processador dual-core rodando na frequência de 1,2GHz, podemos dizer que o Z1 da Samsung é praticamente um smartwatch da linha Gear. A memória RAM e a memória interna são dignas de um low-end, respectivamente, 768MB e 4GB. Entretanto, é possível expandir a memória até 68GB com o auxilio de um cartão microSD de 64GB. E o aparelho ainda conta com a possibilidade de uso de dois cartões SIM, o que é realmente popular em países como a Índia e o Brasil, por exemplo.

De acordo com a fabricante, a interface do usuário do Samsung Z1 é simples e fácil de usar, o que deve oferecer mais rápido e desempenho ao dispositivo. Isso quer dizer que a nova plataforma é mais leve que o atual sistema operacional da Google, pois grande parte dos aparelhos low-end da Sammy não rodam lisos com o Android somado à TouchWiz e essas especificações técnicas.

samsung z1 tizen design
A moldura é de plástico, mas lembra a linha Galaxy A! / © Samsung

O grande empecilho ao lançamento do Samsung Z1 é a falta de aplicativo para Tizen. Por agora (ou até a Google deixar), a OpenMobile resolveu esse problema com o seu Application Compatibility Layer (ACL), que permite que aplicativos Android rodem lisos no Tizen. O ACL é um app, que após ser instalado emula apps Android. Ainda não se sabe se a Samsung trará oficialmente o ACL com o Z1 ou se será necessário baixá-lo separadamente. O que se sabe é que com isso, praticamente todos os aplicativos da Play Store estarão disponíveis para o Z1, ainda que não diretamente.

Além disso, a fabricante oferece um pacote de entretenimento gratuito, no qual os usuários terão acesso ao conteúdo do Clube Samsung, que conta com mais de 270 mil músicas, além de filmes e programas de TV ao vivo.

Vídeo hands-on Tizen durante MWC 2014

Especificações Técnicas do Samsung Z1

Tela 4 polegadas, WVGA TFT
Processador dual-core a 1,2GHz com 768MB de RAM
Armazenamento 4GB internos com suporte a cartão microSD de até 64GB
Câmera traseira de 3.1MP com flash, frontal VGA
Sistema Operacional Tizen 2.3
Bateria 1.500mAh + modo de economia de bateria

Samsung Z1: Bateria

Assim como o restante das especificações, a bateria do Samsung Z1 deixa a desejar com apenas 1.500mAh. Contudo, a empresa otimizou o seu serviço de economia de bateria usado nos smartphones high-end, como o Galaxy S5 e o Note 4. Assim, uma coisa é certa, os usuários do Z1 irão fazer uso deste recurso muito mais vezes que aqueles que usam um aparelho Android da fabricante.

Samsung Z1: Câmera

A câmera é digna de um smartphone de gama baixa. O sensor da câmera frontal é VGA e a câmera principal possui apenas 3.1MP, ou seja, o corte de custos foi extremo, especialmente para uma empresa como a Samsung. O curioso é que cada vez mais usuários estão buscando smartphones para contar com uma câmera no mínimo satisfatória, porém, os dispositivos de entrada parecem andar no caminho contrário.

camera samsung z1 tizen
Câmera frontal e câmera traseira não são o forte do no smartphone com Tizen da Samsung. / © Samsung

Samsung Z1: Preço e Disponibilidade

Como disse acima, o Samsung Z1 é um smartphone de entrada, com especificações bastante modestas, mas o preço se parece apropriado ao aparelho: cerca de 245 reais (na Índia). Não existem informações sobre a chegada do aparelho ao mercado nacional, mas não acho impossível ver o Samsung Z1 nas estantes das lojas brasileiras.

E aí, você acha que a Samsung está certa em colocar no mercado um dispositivo com um novo sistema operacional mesmo tendo o Android como o SO principal das suas principais linhas dispositivos móveis? Deixe-nos saber sua opinião nos comentários abaixo.

39 Comentários

Escreva um comentário:
  • Gostei! Uma inovação da Samsung! Aff centenas de marcas usam o Android, eh muito chato isso!

  • Tomara que o tizen não trave...

  • Tomara que somente a Samsung use o Tizen, para que o hardware seja construído junto com o software, que nem os iPhones. Assim nao precisa de 5 Thz pra rodar fluido, como os Android.
    Ps: nao sou fanboy de nada.

  •   28

    feio pacas... a home sistema parece ser interessante apenas com o discador e atalho pra aplicativos. Mas duvido muito os desenvolvedores darem tanta atenção

    • Olha .. Creio eu que se o Tizen rodar de forma lisa igual o iOS, não teria o porque ter um hardware bruto, a prova disto são os iPhones, eles tem um hardware bem abaixo dos concorrentes que rodam Android e nem por isso decepcionam. e assim se Samsung fizer um Smart Top de linha com Tizen e os sensores e o tizen nao ser bugado , o Smart top Provavelmente NUNCA irá trava ... Muitos iram migrar para um smart com Tizen , ai a samsung dará mais atenção ao tizen se isso ocorrer .E Sabe tomará que isso aconteça :)
      Vai ser demais

  • celular legal

  • Só não gostei do nome do aparelho kkkkk z1? kkkkk poxa já temos no mercado um z1 :P ms vamo ver como eles se saem cm o novo OS

  • Esse sistema já nasceu morto. Hoje a Google tem varias parceiras com o Android, tais como a Sony (que ta dando tudo se si no Android TV inclusive), LG, Asus, Motorola. Essas empresas tem muito nome e prestigio e ainda que a Samsung movimente quase metade do mercado, ela não vai ter apoio dessas fabricantes para o tizen. Em uma hipótese remota de que o sistema cresça teremos mais concorrência e menos soberania do Android, mas ultrapassado por um OS sustentado apenas pela Samsung e talvez outras empresa menores? haha.

    Vamos raciocinar:
    A LG é inimiga n1, se não fosse Android, seria firefox os (segundo últimas movimentações).
    A Sony tem se mostrado uma grande parceira da Google.
    A Motorola Parece ter um rabo preso ainda depois da compra pela lenovo.
    A Asus esta em grande acessão e eu duvido ele se render ao OS da coreana.

    Vamos a um outro ponto: O windows phone vem crescendo bastante, mas não deslanchou ainda apenas por falta de apps, pois os aparelhos, o suporte a atualizações e preços estão excelentes. No momento em que o Tizen incomodar a google corta a playstore. Acha que vai ser fácil atrair os desenvolvedores? eles vão se negar ate mesmo para querer manter a Samsung com o sistema que eles estão acostumados a desenvolver.

    E por fim: Conhecemos a Samsung. Serão milhares de aparelhos e somente poucos terão suporte.

    • Sabe qual o problema da Samsung agora? eles querem entrar cm un OS pra disputar cm os já consagrados no mercado, não digo q o tizen é ruim, mas digo uma coisa, qnd os desenvolvedores do Android pediram pela primeira vez patrocínio eles vieram na Samsung, oq foi feito? eles desdenharam do SO Android, disseram que não teriam futuro e olha no que deu, a samsung é 100% Android nos aparelhos dela, ou seja, estão tentando desvincular essa "dependência" do robozinho e da google, pode ser que o tizen seja bom sim, mas pode ser que não, eu gosto mto do android e sempre vai ser minha primeira opção e de preferência o puro, por isso escolhi um smart da motorola, sei q não é puuuuro ms eles deixaram no esquema sem alteração cm apps desnecessários :)

  • quantos críticos nesse fórum bah ...
    bom que maioria deve ter ido num futuro próximo e testou o novo SO e já estão nos dando um feedback de que é ruim . assim eu pelo menos evito de gastar meu dinheiro atoa .-.

  • Uma bela de uma bosta. Mais um smartphone para a interminável lista da Samsung.

  • Por mim a Samsung pode lançar oque ela quiser e quando quiser, eu só vou comprar oque eu quiser, não me importo com oque ela lança no mercado.

  • mais um lixo da Samsung..... mais esse e mais lixo ainda pq n tem Android

  •   17

    Qual a graça de usar um sistema que não tem nada para ele? Eh o mesmo de usar um WP da vida. Nao tem graça. E sobre esse emulador, pode até ser que rode apps e jogos mas já é uma "gambiarra". Fiko com o Android mesmo.

  • Uma coisa temos de ser realistas, se o Tizen rodar de forma lisa igual o iOS, não teria o porque ter um hardware bruto, a prova disto são os iPhones, eles tem um hardware bem abaixo dos concorrentes que rodam Android e nem por isso decepcionam. Resta aguardar estes smarts saírem com Tizen pra ver como será o funcionamento em si!

Mostrar todos os comentários
73 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi