O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
744 Compartilhados 161 Comentários

Sony não produzirá mais smartphones no Brasil

Atualizado: Comunicado oficial da Sony Mobile Brasil

Você é usuário dos celulares da Sony? Temos uma má notícia: ela não produzirá mais os seus aparelhos em fábricas nacionais. Uma executiva da filial brasileira confirmou a mudança de estratégia da empresa japonesa, que agora opta apenas pela importação dos produtos. Procurada por nossa equipe, a Sony Mobile Brasil nos enviou um comunicado sobre essa mudança. Confira a íntegra dessa nota, logo abaixo.

Destacar mudanças recentes

Uma das justificativas para isso é a falta de incentivos fiscais por parte do governo brasileiro e a instabilidade gerada pela crise econômica. O mesmo aconteceu com a recém-chegada Xiaomi, que anunciou que não tem planos de trazer novos produtos ao país à curto prazo.

A diretora de marketing da Sony, Ana Peretti, explicou ao G1 que “a Lei do Bem foi suspensa e só temos produtos acima de R$ 1,8 mil, então decidimos importar esses modelos”. Isso mostra claramente que a revogação da Lei do Bem realmente desestimulou as fabricantes de produzirem seus aparelhos aqui. A Sony então substitui as fábricas do interior de São Paulo pelas unidades localizadas na China e na Tailândia, onde o custo é menor.

Procurada por nossa equipe, a Sony Mobile Brasil nos enviou um comunicado sobre a nova estratégia da empresa, e reforçou que essa prática foi adotada em recentes lançamentos da marca. Confira a nota na íntegra:

A Sony Mobile reitera que a estratégia de importação de produtos premium permanece a mesma desde o final do ano passado. Os modelos Xperia Z5 e Xperia Z5 Premium já eram importados e os lançamentos Xperia X e Xperia XA também serão. A marca permanece comprometida com o mercado brasileiro e iniciou ontem a pré-venda dos modelos Xperia X e Xperia XA, que estão sendo lançados mundialmente em junho. 

sony xperia xa 2
Xperia XA é um dos mais recentes lançamentos da Sony / © ANDROIDPIT

Uma das desvantagens da importação dos aparelhos é que é difícil se adequar rapidamente a velocidade do mercado. Se a fabricação continuasse sendo nacional, em caso de aumento de demanda, rapidamente eles poderiam ampliar o número de aparelhos fabricados. Se o contrário acontecesse, bastava mandar diminuir a produção para se adequar ao cenário local. Mas com fábricas no exterior, tais manobras ficam mais difíceis, devido à logística, mais complexa.

O cancelamento da Lei do Bem e a complexa malha tributária desencorajam as empresas a investir no Brasil

Além disso, o fim do investimento em fabricação local por parte de empresas como a Sony é ruim para o governo, que deixa de arrecadar impostos e vê a sua indústria encolher. E, claro, é especialmente ruim para nós, consumidores, que temos que pagar mais caro por aparelhos simples.

Dois exemplos disso vêm da própria Sony, a partir dos mais recentes lançamentos da marca. O Xperia XA, que é um celular intermediário, custa R$ 1,8 mil. Já o Xperia X chegou com o espantoso preço sugerido de R$ 3,8 mil!

androidpit sony xperia x power button
Xperia X custa quase R$ 4 mil / © ANDROIDPIT

A situação se torna um tanto paradoxal se observamos que os brasileiros têm topado pagar caro pelos celulares Segundo dados da IDC, a faixa de smartphones que custam mais de R$ 3 mil é a segunda mais vendida no país! Ela teve um crescimento anual de 101%. Talvez seja por isso também que as empresas não tenham pena na hora de definir o preço de seus produtos. Até porque são os topos de linha que proporcionam maior margem de lucro às fabricantes. 

Não custa nada relembrar que a Xiaomi tomou a mesma decisão de se afastar do Brasil. Os motivos para isso também têm a ver com os desmandos do governo. Primeiramente, o cancelamento da Lei do Bem; segundo, a mudança na tributação em vendas feitas via e-commerce. Estamos falando do ICMS, cuja faixa de cobrança agora muda de estado para estado. A Xiaomi só vendia seus aparelhos pela internet e agora opta por revendê-los em canais parceiros

Desta forma, fica difícil ver uma melhora no mercado brasileiro à curto prazo. Se a economia não entrar no rumo certo nos próximos meses, a tendência é que outras empresas diminuam seus investimentos no país. Daqui a pouco, ao caminharmos pelas lojas, poderemos encontrar apenas celulares intermediários da Samsung, Lenovo e LG à venda. Uma espécie de reserva de mercado mais "light"...

O que você acha que deve ser feito para que o Brasil se torne, novamente, um país atrativo para as grandes empresas de eletrônicos?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Alex Oliveira há 5 meses

    Vai fazer muita falta sim Bruno. Não pelos aparelhos e sim pelos empregos gerados com a produção nacional

  • Bruno Salutes
    • Admin
    • Equipe
    há 5 meses

    Já recebi o alerta e tratei do caso. Desculpe pelo transtorno, Renan.

  • 32
    Renan há 5 meses

    Alô, moderadores/equipe, um recado: não é a primeira vez que um membro vem dar piti no site e não é devidamente punido. Parem de olhar só pro próprio nariz, porque se fosse qualquer outro membro (antigo ou novo) falando diretamente pra um de vocês qualquer coisa, seja uma coisa besta como dizer que vocês colocaram uma letra a mais ou a menos em tal palavra, o comentário do usuário ia ser excluído e tudo aquilo que pelo menos uma pessoa daqui já deve ter passado, inclusive eu. Não é só vocês que têm que ser respeitados, os outros membros também têm. Fazer uma piada com uma resposta é uma coisa (feia também, mas é), mas vir XINGAR gratuitamente todo mundo, sem sequer ter entendido a opinião alheia e ficar por isso mesmo, trafegando livremente pelo site só porque fez isso com um usuário e não com um membro ouro da equipe... Por favor, ein.

  • Bruno Salutes
    • Admin
    • Equipe
    há 5 meses

    Renan, por favor, qual é o usuário?

  • 32
    Renan há 5 meses

    Yury Kastberg

    Valeu aí, Bruno!

161 Comentários

Escreva um comentário:
  • Eu gosto dos celulares feitos pela Motorola/Lenovo. Mas eu tenho vontade de possuir um aparelho da Sony. Agora, deixa pra lá. Vão estar muito mais caros, mais do que já são ...

  • Já vai tarde. Me deu dor de cabeça nas vezes em que tive que utilizar a assistência técnica porca deles, tanto para celular quanto para televisão. Que vazem e não voltem mesmo.

  • Roberta Miranda pra Sony... VAI COM DEUS!

  • Já vai tarde.

  • Poxa, sou fã da sony sempre uso seus smartphones. que pena :(

  • Gosto muito da Sony, mas cobra tudo caro.. Queria muito uma tv da Sony, Só não compro pelo preço.... Assim como smartphones...

  • e quem sempre sai perdendo e o povo que vai ficar sem emprego

  • chupa Sony kkkkkkkkkkkk

  • Nunca tive um Sony. Agora então...

  • Se Sony já era caro sendo fabricado aqui, imagina agora q vai ser importado.

  • Eitaaa ein....

    Já não bastasse a M$, que "praticamente" abandonou de vez o WP. Agora a Sony tb abandonou o Brasil.
    Para ter aparelhos Lumias agora tem que importar.

    É por isso que estou abandonando o meu Lumia 830, ainda tinha esperança, masss.....já deu.

    Estou partindo novamente para o Android, especificamente o Note 4 ou 5, ainda estou avaliando-os, qual o melhor.

    • moto x 2 e uma boa pedida
      estou só Te alertando que a Samsung vai te dar dor de cabeça no quesito atualização

      • Verdade Andrey tenho um aparelho da Samsung especificamente o Galaxy Tab S 8.4 4G e passo raiva exatamente por eles atrasar ou abandonar os aparelhos no quesito atualização nunca mais compro aparelhos dela.

  • Realmente os impactos a curto/médio prazo dessa crise estão acontecendo, até quem não entende nada de economia consegue perceber. Desemprego, dívidas, impostos exorbitantes e nenhum retorno do (des) governo.
    Somando a um consumidor alienado, que encara o smartphone como um sinal de status, e fabricantes oportunistas, aí temos esse cenário "tenso e dramático".
    O que causa estranheza é que a Sony anda praticando preços absurdos até em mercados mais estáveis e com grande concorrência. Basta procurar os preços no UK ou US. Lá a crise é bem menor. Qual a sua desculpa, Sony?
    Bom, isso só serve pra corroborar a máxima que tenho visto nos últimos anos: mercado brasileiro não é relevante. Países como a Índia tem muito mais importância, trouxa é quem acredita que essa "república dos bananas" tem alguma importância além ser uma colônia de exploração.
    Felizmente ainda temos fabricantes como a ASUS, que "se vira nos 30!" e trás tudo que lança lá fora pra cá, com preços relativamente em conta. Ela está longe de ser perfeita, mas pelo menos ainda nos dá opções...

  • Apesar da Sony abusar de preço exorbitantes, é muito ruim e lamentável que uma gigante como a Sony esteja desistindo de fabricar seus aparelhos telefônicos nacionalmente. Pois isso demonstra o quão está instável nosso país, e como os investidores estão cada vez fugindo do país.
    Mesmo que a Sony continue importando seus aparelhos, essa prática não irá longe, pois os preços irão aumentar em curto prazo, e sem falar que não veremos tantos aparelhos da Sony por aí, pois virá de acordo com o que está vendendo.
    Resumindo, em breve a Sony deixa de vez o país. E isso não é bom, é péssimo para a imagem do país.

    • Se você olhar retroativamente, a divisão mobile da Sony amarga um péssimo desempenho desde 2014.
      Some isso aí fato de que o Brasil tem pouquíssima relevância no segmento e terá a justificativa para essa "debandada". Sony já produziu aparelhos com "personalidade"; digo isso pois desde 2009 todos os meus smartphones sempre foram dela. E antes disso eu sempre optei pela Sony Ericsson (lembra?).
      A qualidade e conectividade dos produtos Sony sempre fizeram a diferença na minha escolha. Ambos os aparelhos que uso hoje são dela. E com todo esse know-how eu afirmo: os dias da divisão mobile Sony estão contados. Sem inovação e produtos competitivos não existe possibilidade dela continuar. Um fim trágico para um marca tão relevante...

      • Concordo, Rafael. Acho uma pena a Sony não produzir mais smartphones diferenciados, ela parou no tempo desde quando lançou o Z1. De lá pra cá foram somente pequenos refinamentos, nada de muito relevante.

  • Ainda bem, enfiam a faca no ceuluar poxa, muito caro estão cobrando, e no brasil piora por causa do imposto, deveria fazer custo beneficio igual a Asus.

    • Não é tão simples assim, que a asus não irá repetir o custo benefício do zenfone 2. E sem falar que ela fez uma jogada, colocou processador Intel, que é barato, e o acabamento de plástico, e conseguiu fazer um custo benefício nunca já visto.

  • Sony, tem o meu respeito apenas em TV's, aparelhos de som e obviamentes os consoles.

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi