O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
3 min para ler 50 Compartilhado 25 Comentários

Xiaomi Hongmi 1S: um competidor à altura para o Moto G?

Quando a Motorola lançou o Moto G - um dispositivo de baixo custo e alta qualidade - por apenas R$ 649,00 (8GB), toda a comunidade Android comemorou. O preço acessível combinado com uma experiência do Android quase puro, com poucos apps da Motorola na skin, se mostrou a receita certa para um mercado saturado de dispositivos caros e com interfaces pouco atrativas.

Podemos dizer que o Moto G causou uma revolução no universo Android, e será interessante ver a resposta das outras fabricantes a esse sucesso de vendas. Agora, por exemplo, a Xiaomi anunciou um dispositivo ainda mais barato e com especificações técnicas melhores do que as do Moto G. Será que o Hongmi 1S também cairá nas graças do público?

Hongmi 1S front
O Xiamo Hongmi 1S faz o Moto G parecer caro. / © Xiaomi

O 1S terá dual-SIM e um processador quad core Snapdragon 400 a 1,6 GHz, com 1GB de RAM e gráficos Adreno 305. Suas specs são bem semelhantes às do Moto G, mas o seu processador é mais rápido. O dispositivo ainda tem uma tela HD de 4,7 polegadas, 8 GB de memória interna, suporte para micro SD e uma bateria removível de 2.000 mAh. Até aqui a corrida está parelha, mas o Moto G tem um trunfo na manga: a última versão do Android 4.4.2 KitKat. Por sua vez, o 1S tem uma câmera melhor e memória expansível, apesar de ser lançado com a ROM MIUI V5 baseada no Android 4.3 Jelly Bean. Outro fator importante: a Motorola já é uma marca forte e conhecida mundialmente, e a Xiaomi, apesar de muito poderosa na China, ainda dá seus primeiros passos no mercado internacional.

  HONGMI 1S MOTO G
Fabricante Xiaomi Motorola
Sistema Operacional MIUI v5, baseada no Android 4.3 Android 4.4.2
Display 4,7 polegadas, LCD (1.280 x 720 pixels), 312 ppi 4,5 polegadas, LCD (1.280 x 720 pixels), 329 ppi
Processador Quad-Core Snapdragon 400, 1,6 GHz Quad-Core Snapdragon 400, 1,2 GHz
RAM 1 GB 1 GB
Memória interna 8 GB, microSD 8/16 GB
Câmera 8 MP (traseira), 1,6 MP (frontal) 5 MP (traseira), 1,3 MP (frontal)
Bateria 2.000 mAh 2.070 mAh
Conectividade GSM, CDMA, Wi-Fi, Bluetooth 4.0 GSM, HSPA+, Wi-Fi, Bluetooth 4.0
NFC Não Não
Carregamento sem fio Não Não
Dimensões / Peso 137 x 69 x 9,9 mm / 158 gramas 129,9 x 65,9 x 6-11,6 mm / 143 gramas
Preço 799 Yuan (aprox. 315 Reais) (8 GB) 649 Reais (8 GB) / 799 Reais (16 GB)

Na China, o Hongmi 1S será lançado por 799 Yuan (o equivalente a R$ 315,00). A pré-venda já começará no dia 20 de fevereiro. Ainda não foi informado se o aparelho terá um lançamento global, mas o sucesso do Moto G provou que o futuro do mercado está em dispositivos com características semelhantes. Com o Hugo Barra como o mais novo vice-presidente da empresa, é extremamente provável que a Xiaomi tenha uma estratégia agressiva para o mercado global, e que o Hongmi 1S faça parte dessa estratégia.

Você compraria o Hongmi 1S? As specs e o preço do aparelho convenceram?

Fonte: Xiaomi

25 Comentários

Escreva um comentário:
  • Xiaomi vem se destacando muito ultimamente, mas se ja estivesse com kitkat q acho eu q ira ser atualizado, ficaria com o Xiaomi

  • K

  • é só instalar um kernel que o moto g sobe para 1.6ghz, a motorola só fez um overclock

  • Ainda fico com o Moto G, não sou chegado em marcas ching ling, mesmo que eu saiba que quase tudo vem da China.

  • Na semana passada o moto x estava por 949 no boleto no shoptime

  • eu fiquei tentado com o xperia m ... é um bom intermediário.

  • O mais importante do artigo não é o fato de decidir qual é melhor, mas sim parabenizar a nova política de qualidade a um bom preço. Depois do MotoG, temos indícios de um Sony, seguindo as mesmas características e agora um Xiaomi, confirmado. Isto é muito bom para o consumidor. Claro que a grande sacada foi da Motorola e as outras estão apenas correndo atrás do prejuízo. Mas pela primeira vez desde 2010 vejo uma movimentação neste mercado onde o consumidor é quem sai ganhando.
    Agora sobre os dispositivos: MotoG é mais leve, com mais ppi, HSPA+, melhor espaço interno (espaço real) o SD só serve para mídias, prefiro o designe do Motorola.
    O Xiaomi tem câmeras com mais Megapixéis (o que não significa que é melhor), Tela maior, processador mais rápido, e cartão SD (para quem tem muita música, fotos, e vídeos.), tem também um Android modificado, porém é MIUI, dos males o menor (como já foi dito a MIUI é ótima).
    Eu ficaria com o Motorola, se enquadra melhor no meu perfil de usuário, e acredito mais no pós venda dela...não conheço a Xiaomi, nem sei se possui assistência técnica por aqui.
    Mas no final o preço é o que vai dizer o quão Xiaomi, Sony e quem mais quiser entrar na briga, vão se dar bem no mercado. E claro publicidade também. A Motorola garante que não esta perdendo dinheiro com o MotoG (e com o MotoX) mas cara, devem estar vendendo muito o MotoG, muito mesmo. Sabe quanto custa um comercial de 15 segundos no horário nobre da Globo?
    Finalizando, que venham os chineses, os japoneses, os americanos, coreanos, finlandeses... Que entre o mundo inteiro nesta guerra sadia dos mid-ends.

  • sera que da pra comprar pelo dx sem pagar os impostos?

  • O bom é com essas atitude que faz que as outras fabricante,reveja os preços do seus produto e assim pra gente aqui no brasil temos possibilidades para compra um celular a altura com um bom processador e uma boa configuraçâo com um presso acessivel para nós!!! queria que ele foce vendido aqui no Brasil seria muito bom sim...

  • vi ontem no shoptime o moto x por 990 no boleto .
    espero que tenham mais lançamentos assim a tendência é de cair mais e mais os preços .

  • uso a rom miui v5 no meu galaxy s2 já experimentei várias e várias mas igual essa miui não existe é fantástica

  • AInda iria de Moto G, o gerenciamento de bateria dos Moto's esta impressionante, e é uma das coisas que mais valorizo. Meu moto x com uso moderado chega em casa com 30% de bateria no final do dia. Enquanto que meus colegas com S4 na metade do dia ja tem que se conectar a tomada.

  •   11

    A Xiaomi está crescendo mais, acho que pode ser essa influência do Hugo Barra la dentro, vai ser bacana ver um dia ela brigando com a Samsung e outras pelo topo, esse é outra UI que eu gostei bastante visualmente

  • Com tecnologia CDMA? não compraria nunca, a não ser que a versão vendida no Brasil venha com HSPA...

  • Vai vender muito já que terá expansão MicroSD mais veremos isso logo logo

  • Essa ROM Miui é fantástica, utilizava uma versão mais antiga quando tinha um Motorola Defy+. Com essa configuração rodando a Miui e mais a possibilidade de expensão de armazenamento, este aparelho tem um grande chance de ser um sucesso. Meu medo é quando ele chegar ao Brasil, esse preço deve disparar.

  • Desistindo da compra de um Moto G em 3..2..1..

    • Se vc gosta de roms customizadas, é melhor nao desistir do moto g, que tem varias roms customizadas e ja se consolidou no mercado. E todas estão funcionando quase 100%, devemos isso ao google que quando era dono da motorola, liberou os codigos do moto g. A questão do processador é só colocar o fauxclock e alterar o clock, já a camera, depende da qualidade, pois a diferença de número de pixels não é grande e se o hardware de captura for de baixa qualidade, as fotos vao sair ruins.

  • isso pode ser sim uma boa para quedas dos demais... somos muito explorados aki... um ap que é lancado por 2500 em 6 meses cai para 1799 ate mesmo os moto
    motox lancado 1799 agora 949,00 shoptime.... 50% mais caro do que poderia ser vendido. nem sempre é so imposto.. o imposto da em torno de 25% um ap de 350 reais 432 reais com imposto ... ha tbm uma exploracao das marcas aki no brasil

Mostrar todos os comentários
50 Compartilhado

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi