O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
166 Compartilhado 89 Comentários

Review preliminar do Mi 5s Plus: o Pixel XL chinês

A Xiaomi é conhecida por vender telefones com hardware top a preços baixos. Embora nem todos os telefones da Xiaomi estejam disponíveis no Brasil, é possível importá-los. Nós temos um Xiaomi Mi 5s Plus de 5,7 polegadas e podemos mostrar nesse primeiro hands-on do que o smartphone chinês é capaz e se ele é uma alternativa ao Google Pixel.

Xiaomi Mi 5s Plus – Data de lançamento e preço

Não é tão fácil comprar smartphones Xiaomi no Brasil (fora os Redmi 2/ Redmi 2 Pro). Não dá para simplesmente ir em uma loja de eletrônicos e comprar um. O único jeito de conseguir um é viajando para a China e comprando lá, ou importando através de algum site (o Trading Shenzhen foi quem nos conseguiu um Xiaomi Mi 5s Plus).

Na China, o Xiaomi Mi 5s Plus vem em duas combinações diferentes de memória. A mais barata, que custa 2.299 yuan (cerca de 1.100 reais) vem com 4GB de RAM e 64GB de armazenamento interno. Se isso não for suficiente, temos uma opção com 6GB de RAM e 128GB de armazenamento interno por 2.599 yuan (ou 1.245 reais). 

Os preços são mais caros no Brasil, obviamente. Por exemplo, o Xiaomi Mi 5s Plus com 4GB de RAM e 64GB de armazenamento interno sai por cerca de R$2.000, enquanto a variante de 6GB/128GB, fica entre R$ 2.500 e R$ 3.400 no MercadoLivre.

Xiaomi Mi 5s Plus – Desenho & Qualidade de Construção

A Xiaomi fez algumas mudanças de design no Xiaomi Mi 5s Plus em relação ao Mi 5 apresentado no MWC 2016. A câmera e o sensor de digitais foram deslocados, e a traseira não é mais de vidro, e sim de alumínio escovado.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0002
A traseira é feita de alumínio, ao invés de vidro / © AndroidPIT

Várias mudanças de design não serão notadas por todo mundo, mas quem já teve um Mi5 vai reconhecer imediatamente as mudanças em desenho e construção. Por exemplo, o sensor de digitais foi deslocado da frente para a traseira do dispositivo. Isso faz o Xiaomi Mi 5s Plus mais parecido com um Huawei do que com o Samsung Galaxy S7 Edge.

As semelhanças entre o Mi 5s e a Huawei também estão no material usado no telefone. A traseira não é mais feita de Gorilla Glass, e sim de alumínio. Ao mesmo tempo, a Xiaomi garantiu que quase todo o telefone fosse feito de um bloco de alumínio. Para as várias antenas (GSM, NFC, Bluetooth e WiFi), fitas plásticas foram inseridas na moldura e em duas partes na traseira do telefone.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0008
Também temos uma entrada para fones de ouvido / © AndroidPIT

No todo, a construção do Xiaomi Mi 5s Plus é de altíssima qualidade e consegue competir de perto com Samsung, Huawei e Google. O botão de volume e o de ligar/desligar estão do lado direito do telefone, enquanto a entrada para os dois cartões SIM, do lado esquerdo. Existe uma diferença quase imperceptível da cor entre o slot do SIM e a moldura do telefone.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0007
O Mi 5s é muito bem construído / © AndroidPIT .

Xiaomi Mi 5s Plus – Tela

A tela do phablet da Xiaomi é provavelmente o único ponto fraco dele. Assim como a Huawei com o Mate, a Xiaomi limitou o Mi 5s Plus a um display de cristal líquido FullHD. Considerando o Mi Note 2, a escolha desse display foi acertada, já que ambos são phablets com hardware muito parecido.

Então se você estiver em busca de um phablet potente e barato,o Mi 5s Plus é uma ótima escolha. Se você precisa de um dual-edge com tela 2K, vale a pena dar uma olhada no Mi Note 2, que foi anunciado no dia 25 de outubro.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0031
A tela é boa, mas não convence sempre / © AndroidPIT

O fato de a tela de 5,7 polegadas ter resolução de 1024 x 1920 não quer dizer que ela seja ruim; apesar da baixa densidade de pixels (386 ppp) quando comparado a outros smartphones top de linha, as imagens, vídeos e até jogos são mostradas de forma nítida, e as cores são bastante vivas para um painel LCD. Infelizmente, o brilho máximo do Xiaomi Mi 5s Plus é um tanto fraco quando comparado com outros fabricantes.

Xiaomi Mi 5s Plus – Software

O Xiaomi Mi 5s Plus vem de fábrica com o MIUI-8. O firmware da Xiaomi é baseado no Android 6.0.1 Marshmallow e foi desenvolvido pensando nas preferências dos consumidores chineses. Ele vem sem gaveta de apps, todos os aplicativos instalados são mostrados nas telas iniciais.

Além disso, os Google Apps não vêm pre-instalados, já que a Play Store não existe na China. A instalação do APK da loja pode ser facilmente feita após a compra do telefone, então é possível instalar quaisquer apps da loja.

As inovações trazidas pelo MIUI-8 em relação ao 7 são várias e extensivas, então não conseguimos falar de todas elas no nosso primeiro hands-on. Daremos mais detalhes no nosso teste final. Dependendo da versão que você comprar, caso não seja a internacional, você terá que fazer o download e a instalação da versão global da MIUI.

Xiaomi Mi 5s Plus – Performance

Em termos de performance, o Xiaomi Mi 5s Plus está no mesmo nível do Google Pixel XL, que chega a custar 869 dólares (cerca de 2.800 reais, fora impostos e taxas). Assim como telefone da Google, o Xiaomi Mi 5s Plus vem com o último processador da Qualcomm, o Snapdragon 821 com GPU Adreno 530.

Não obstante, o nosso dispositivo de teste tem 6GB de RAM e 128GB de armazenamento interno. Esse hardware deveria conseguir arrasar com o Pixel XL.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0010
Ainda dá para melhorar os testes de benchmark / © AndroidPIT

Nos nossos primeiros testes de benchmark, o Mi 5s Plus não conseguiu superar o Pixel XL, apesar dos 6GB de RAM. Se isso é por causa do Android 7.1 Nougat ou por causa da memória interna mais lenta, só saberemos no nosso review final.

Xiaomi Mi 5s Plus – Câmera

Já apontamos algumas semelhanças de design com smartphones da Huawei. As semelhanças também podem ser encontradas na câmera principal. Assim como os Huawei P9 e P9 Plus, o Xiaomi Mi 5s Plus também vem com câmera dupla, com um sensor monocromático e um colorido.

AndroidPIT Xiaomi Mi 5s Plus 0022
A Xiaomi também trouxe uma câmera dupla / © AndroidPIT

É claro que, apesar das semelhanças, existem também diferenças. Primeiramente na resolução, porque o sensor do Xiaomi Mi 5s Plus tira fotos com no máximo 13MP e 1.12 µm. Desse modo, os pixels da câmera do Xiaomi são menores dos que os da câmera do Huawei P9. A câmera do Mi 5s Plus tem uma abertura maior (f/2.0 ao invés de f/2.2). 

À primeira vista, a câmera frontal com 4MP não promete selfies de qualidade, mas o tamanho do pixel de 2 µm junto com uma abertura de f/2.0 podem entregar fotos boas mesmo em condições ruins de iluminação. 

Levando em conta apenas os números, as câmeras do Xiaomi Mi 5s Plus prometem ser boas, mas temos que considerar várias coisas ainda antes de entregarmos uma conclusão definitiva. 

Xiaomi Mi 5s Plus – Bateria

A bateria do Mi 5s Plus é de 3.800mAh, ou seja, é maior do que a do Galaxy S7 Edge (3.600mAh) e que a do Google Pixel XL (3.450mAh). No entanto, o Huawei Mate 9 vem com 4.000mAh.

Entretanto, só os números da bateria não nos dizem muito sobre o quanto o smartphone pode durar no dia-a-dia. Como o Xiaomi Mi 5s Plus vem com um processador de última geração, assim como o Pixel XL, ele pode superar a baixa capacidade e superar o Huawei Mate 9. Teoricamente. Nos testes finais, teremos todos os dados.

Xiaomi Mi 5s Plus – Especificações Técnicas

Dimensões: 154,6 x 77,7 x 8 mm
Peso: 168 g
Tamanho da bateria: 3800 mAh
Tamanho da tela: 5,7 polegadas
Tecnologia da tela: LCD
Tela: 1920 x 1080 pixels (386 ppi)
Câmera frontal 4 megapixels
Câmera traseira 13 megapixels
Flash: Dual-LED
Versão do Android: 6.0 - Marshmallow
Interface: MIUI
RAM: 4 GB
6 GB
Memória interna: 64 GB
128 GB
Memória removível: Não disponível
Chipset: Qualcomm Snapdragon 821
Número de núcleos: 4
Velocidade máx. 2,35 GHz
Conectividade HSPA, LTE, NFC, Dual-SIM , Bluetooth 4.2

Veredito preliminar

Se ignorarmos todas as desvantagens de um dispositivo importado - garantia questionável e, em alguns casos, prazos longos de entrega - o Xiaomi Mi 5s Plus oferece um bom produto a preço baixo. Ele tem tecnologia para ser até mesmo considerado uma ameaça aos topos de linha. Iremos descobrir se o Xiaomi Mi 5s Plus realmente consegue entregar as expectativas na nossa review final. Mas até agora, tudo parece muito bom.

E aí, você queria ter o Xiaomi Mi 5s Plus disponível no mercado nacional?

Xiaomi Mi 5s Plus – Onde comprar

Como dito acima, o dispositivo não está oficialmente no mercado nacional, mas é possível encontrá-lo, por exemplo, no MercadoLivre:

 

166 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Josué Tds há 8 meses

    Esse link do mercado livre são muito ruins. R$2.250 em um Mi5s 64gb ? Esse aparelho é vendido na casa dos R$1100 nas principais loja de importação, e as taxas dificilmente passam dos 350 reais...
    E o anuncio do Mi 5s Plus por R$3399, não é a pronta entrega, aparelho de menos de R$1600, dar R$1800 pro cara só importar pra vc é assinar atestado de trouxa...

  • Deivis Schuman há 8 meses

    Tenho medo de importar e da problema brother!
    Já pensou vc espera 2 meses pra chegar, dai ele chega com problema, ou vem a dar problema nos primeiros dias?
    Dai é meio ano perdido! ^^

  • Bruno Bornia há 8 meses

    Nem precisa vender no Brasil, já que sai mais barato comprar lá e pagar as taxas do que comprar qualquer coisa semelhante aqui. Podem importar sem medo, que demora mas chega.

  • Deivis Schuman há 8 meses

    Mais um pra aquela lista dos ótimos aparelhos que nunca vai chegar aqui!
    Resta apenas se contentar com Videos e Imagens! Ou então correr o risco de importar um!

  • Andreu Vasconcelos há 8 meses

    Vai fundo Deivis

89 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi