Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

100 dias com o Galaxy S8 são suficientes para amar ou odiar o aparelho?

100 dias com o Galaxy S8 são suficientes para amar ou odiar o aparelho?

100 dias são suficientes para medir o sucesso e as realizações do primeiro mandato de um presidente. Esta é uma referência usada desde a década de 30, nos EUA. Levando em consideração o ciclo de vida de um smartphone, essa pode muito bem ser usada para avaliar o comportamento do hardware e do software de um aparelho. Me dispus a fazer isso e eis a minha impressão sobre a performance do Galaxy S8 durante 100 dias de uso.

Antes de tudo, preciso dizer que depois de dois anos sem um smartphone para chamar de meu, este ano resolvi investir no Galaxy S8 e, sinceramente, espero não ter que trocá-lo pelos próximos 18 meses, pois não foi barato. Apesar do atual carro-chefe da Samsung ter seus defeitos, é um smartphone que se encaixa nas minhas necessidades... por enquanto.

O Galaxy S8 é resistente

Sim, eu considero o design de um smartphone na hora de comprá-lo, mas isso necessariamente não é um dos pontos principais dentro da minha escolha. Verdade seja dita, passei bons dois anos usando o Sony Xperia Z2 e design não era o forte do aparelho.

O Galaxy S8 é um dos smartphones mais bonitos que já tive e, apesar da beleza ser uma característica subjetiva, muitos de vocês devem concordar comigo. E por ser um aparelho com um belo desenho, me recuso a usar qualquer capa de proteção nele. E este é um risco imenso!

Nestes 100 dias, derrubei o Galaxy S8 várias vezes no chão e me surpreendi com o fato de nenhum dos vidros ter quebrado. Uma das vezes, saindo do supermercado, realizei um verdadeiro drop test: 1,5 metro do chão, o S8 caiu, quicou três vezes e deslizou na calçada por 1 metro com a tela virada para baixo. Eu realmente achei que a tela estava em pedaços. Porém, o resultado desta queda você confere nas imagens abaixo:

AndroidPIT Samsung Galaxy S8 100 days 1906
Muitas quedas e a tela está intacta, mas a moldura... / © AndroidPIT

Em nenhum momento quero dizer que se isso acontecer com você, o aparelho terá a mesma sorte. Mas para mim essa foi uma surpresa, visto que olhando para o Galaxy S8, devido a sua tela com laterias curvas e delicadeza, parece que uma queda seria suficiente para que este se desmanchasse em cacos, mas o Gorilla Glass 5 mostra mesmo a que veio neste smartphone.

A última vez que derrubei o S8 foi há quatro dias, quando esqueci - como sempre - que o dispositivo estava no meu bolso de trás e, depois de alguns minutos sentada em um banco, escuto um barulho seco, era o S8 mais uma vez no chão: nenhum arranhão!

A proporção 18:9,5 é legal, mas ainda não é funcional

A tela AMOLED de 5,8 polegadas do Galaxy S8, com resolução WQHD+ e 568ppi é com certeza um belo motivo para se ter este aparelho. O brilho, a nitidez, a reprodução das cores, tudo é muito bom. Porém, a proporção de 18:9,5 ainda não mostrou totalmente a que veio no Galaxy S8. O motivo disso é a falta de suporte para tal aspecto de tela.

Este não é um problema exclusivo do S8, no entanto, pois poucos são os aplicativos que oferecem tal suporte. Assim, como no LG G6 e os novos intermediários da série LG Q6, para adaptar o conteúdo à tela, os aplicativos acabam por cortar conteúdo, como menus em jogos. Como já havia dito no meu review do S8, o problema é ainda mais sentido no smartphone da samsung devido às laterais curvas da tela.

AndroidPIT Samsung Galaxy S8 100 days 1901
Jogar em uma super tela é ótimo, mas acessar aos menus nem tanto assim / © AndroidPIT

No entanto, este é o preço a se pagar por uma tecnologia em andamento. A grande maioria dos aplicativos da Samsung, por exemplo, já oferecem suporte, bem como o Netflix, que vem filmando conteúdo original no formato 2:1, tais como as séries Stranger Things e House of Cards. Usar o Twitter ou o Reddit nesta tela também é excelente, pois temos mais conteúdo no display.

Além disso, a própria Google vem acelerando esse processo de suporte de aplicativos para tal aspecto. Em abril, a empresa emitiu um pedido aos desenvolvedores para que os estes façam as adaptações necessárias para o novo formato:

Com o objetivo de obter toda a vantagem gerada pelos formatos de display em smartphones Android, deve-se considerar aumentar a proporção de tela máxima suportada por os aplicativos na Play Store. Recomendamos o desenvolvimento de aplicativos para suportar proporções de tela de 2:1 (18:9) ou maiores.

Muito provavelmente os novos Pixel tenham este mesmo formato de tela (2:1), logo, este será um problema que terá uma solução logo, logo, mas ainda é chato perder conteúdo no display quando se poderia contar com mais.

Aliás, a Samsung vem trabalhando em formas de melhorar a experiência dos usuários com a tela. Através de um update do sistema, a empresa ofereceu a chance de rapidamente escolher esconder a barra de navegação para usufruir de toda a tela para o conteúdo:

Galaxy s8 button nav bar
Você pode rapidamente usar o botão localizado no canto direito, na barra de navegação, para esconder ou mostrar a navbar / © AndroidPIT

A Experience UI precisou de algumas atualizações com o tempo

Nestes 100 dias, a Samsung enviou um bom número de atualizações do sistema. A grande maioria para correção de erros, em especial em relação ao Bluetooth 5.0. Alguns dos problemas foram solucionados, outros ainda ocorrem, como a sincronização do dual áudio quando usado com dois alto-falantes Bluetooth conectados. Infelizmente, a Samsung ainda não conseguiu estabilizar tal função.

Aqui no site, cobri pelo menos duas grandes atualizações, uma de 613,44MB e outra de 664,12MB. No total, foram cinco atualizações até hoje, confira aqui. É claro que quando compramos um aparelho não esperamos ter que atualizá-lo com tanta frequência, mas alguns destes updates se fizeram realmente necessários, em especial para manter o aparelho atualizado em relação ao patch de segurança mais recente.

AndroidPIT Samsung Galaxy S8 100 days 1872
O tempo de lançamento de aplicativos ficou um pouco mais lento com o tempo / © AndroidPIT

Em relação ao hardware, nada mudou, claro, o aparelho continua respondendo rapidamente ao sistema e lidar com as opções de configuração - como as três diferentes resoluções de tela (HD+, FHD+ e WQHD+) - é muito mais simples agora. A Samsung pode ter removido uma série de bloatware da Experience UI, porém, as opções nativas do sistema são incontáveis e é necessário tempo para compreender o que é de fato eficaz para otimizar as ações do dia-a-dia.

O recurso Tela Edge é um bom exemplo. Uma das opções de uso na tela edge que não vem como padrão, mas deveria, é aquela que oferece atalho para as notificações (as melhores telas para notificação são as pagas). Como a tela do S8 é mais comprida, acessar a barra de notificações a partir da lateral é mais fácil do que tentar alcançar a barra de status com apenas um golpe da tela.

O sensor de impressão digital é "enfeite"

Muito se criticou a Samsung por colocar o sensor de impressão digital na parte traseira do Galaxy S8. No entanto, com opções como o scanner de íris posicionado na parte frontal do aparelho e o reconhecimento facial, você não precisa realmente utilizar o leitor que, no fim das contas, é uma mera decoração.

Venho usando o reconhecimento facial desde o início, é extremamente rápido para desbloqueio da tela e, caso você esteja em uma sala escura ou usando óculos escuros, terá que desbloquear a tela com um PIN. Já para abrir a pasta segura da Samsung ou validar pagamentos, o scanner de íris é bastante efetivo e seguro. 

É claro que muitas pessoas não abrem mão de usar o leitor de digital, mas para tanto, infelizmente, terá que prestar muita atenção para manter a lente da câmera sempre limpa, caso contrário terá que refazer fotos e vídeos, pois a posição do leitor biométrico é cretina.

A câmera continua espetacular

Apesar das configurações da câmera do Galaxy S8 serem basicamente as mesmas da geração anterior, com pequenas mudanças no software para melhorar a captura das imagens, qualidade das fotos ainda é impressionante, especialmente em ambientes escuros. Sem dúvidas a câmera do Galaxy S8 está entre as melhores do mercado.

Durante o dia, o Galaxy S8 oferece uma boa reprodução de detalhes, com cores vivas e bom equilíbrio de branco. Em condições inferiores, o modo automático no Galaxy S8 oferece ainda melhores resultados. Em ambientes de alto contraste, o modo Auto HDR da Samsung resgata muitos detalhes nas áreas mais escuras da imagem, deixando a imagem mais agradável aos olhos de um modo geral.

A estabilização de imagem ótica e as compensações do software da câmera do Galaxy S8 oferecem uma excelente experiência para quem deseja tirar o smartphone do bolso e capturar uma imagem, bem como o modo manual e o formato RAW podem fazer a felicidade dos usuários mais exigentes. Tanto a câmera traseira como a frontal, que teve um aumento de 5 para 8MP, nestes 100 dias nunca deixaram a desejar.

AndroidPIT Samsung Galaxy S8 100 days 1881
A câmera do Galaxy S8 é o que todos os influenciadores sociais desejam  / © AndroidPIT

O único recurso que poderia começar a funcionar de fato é o Bixby Vision, pois é extremamente funcional quando estamos buscando algo, seja para compra seja para lembrete. Contudo, a Samsung está enfrentando dificuldades em trazer este recurso, bem como o seu assistente virtual, o Bixby, para a sua principal linha de smartphones.

Aliás, como moro na Alemanha e o Bixby não está disponível por aqui, a não ser através do botão exclusivo que mostra alguns cartões como lembretes, alarmes ou a lista de trends do Twitter, por exemplo, não vou gastar nem o meu e nem o seu tempo falando sobre este assistente. O único detalhe que não posso deixar de mencionar é que a Samsung deveria deixar os usuários remapearem o botão. Mais sobre isso você encontra aqui.

A bateria continua sendo um problema, mas solucionável

A bateria do Galaxy S8 é apenas satisfatória para mim. Sim, você pode usar o aparelho um dia inteiro, mas isso vai depender de uma série de configurações. Nestes 100 dias, 65% deles não tive problemas com a bateria, mas como já relatei aqui no site que, nos dias em que mais precisei do aparelho, em especial durante a cobertura de eventos, fiquei sempre na dependência de uma bateria extra para suporte.

Durante a minha rotina de trabalho, não sofro tanto com autonomia de bateria do S8, pois normalmente faço uso do carregador sem fio ou limito o uso dos recursos do sistema usando o Modo Otimizado, que reduz a resolução da tela, por exemplo, para FHD+ em vez de WQHD+.

AndroidPIT samsung galaxy s8 fast charge 1579
O uso das ferramentas de economia de energia do software e acessórios ajudam a manter a autonomia do S8 / © AndroidPIT

Se depois destes 100 dias eu ainda compraria o Galaxy S8?

O Galaxy S8 poderia oferecer 6GB de RAM? Sim. O Galaxy S8 poderia oferecer uma autonomia de bateria melhor? Talvez sim. O Galaxy S8 poderia não ter um botão extra para o Bixby? Sim. Eu poderia comprar outro smartphone hoje? Pode apostar que sim. Eu quero outro smartphone? Não!

O Galaxy S7 era excelente e o Galaxy S8 é melhor. Neste tempo que estou usando o aparelho, não tenho reclamações a não ser pela autonomia da bateria e pelo fato do botão extra para o Bixby. Mas existem formas de driblar estes inconvenientes e, sinceramente, quem tem Google Assistente não precisa de meio Bixby.

O Galaxy S8 foi anunciado no Brasil custando R$3.999,00, desde então teve uma queda de mil reais no seu valor, podendo ser encontrado hoje por R$2.999,00, ou seja, cerca de 25% a menos. Se você está pensando em comprar um, este é um bom momento. Pode melhorar? Sim, a Black Friday seria uma ótima data também.

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

  • Deivis Schuman
    • Mod
    26/07/2017

    Se eu tivesse um Galaxy S8 eu iria dá um jeito de arrumar uma capa de titânio pra proteger as bordas, e na tela usaria umas 3 películas só pra garantir!
    Me daria um infarto de ver ele com as beiradas raladas como esse ai da Camila!

  • Camila Rinaldi 26/07/2017

    Não indico isso para ninguém também. O que relato no artigo é que fiquei surpresa com o fato de tantas quedas não terem quebrado a tela, isso me mostrou que o aparelho é resistente para o design dele, mas ele não é inquebrável.

  • ალაჰი დიდია 26/07/2017

    se eu tivesse um eu nem usava com medo de quebrar

  •   84
    Conta desativada 26/07/2017

    a mas acho q ninguem e maluco de paga preço de lançamento kkkkkkkk so o andrei pq ele é rico

  •   84
    Conta desativada 26/07/2017

    Deve ta cuidado das 35 empresas que ele tem , se acha que ele troca de aparelho mais do que troca de roupa como? kkkkkkk

135 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Bom dia! Excelente matéria, parabéns!
    Eu também saí do Xperia Z2 depois de 4 incríveis anos. Ele já estava sem tampinha, um único arranhão bem no biquinho de cima e uma bateria nova (depois de 2 anos de uso).
    Recentemente, perto do Black Friday, pensei: "Não vou comprar celular... Vou reformar meu Z2". Comprei uma tampinha nova e um carregador magnético (nunca havia usado) no Mercado Livre. Quando encaixou o carregador magnético, a tela apagou e subiu um cheiro de queimado. Justo na sexta-feira, dia 23 (Black Friday). Confesso a vocês que não dormi direito de tanta angústia.
    Passado o luto de 3 horas, fui a busca de um novo aparelho... Com boa câmera (Z2 tinha mais de 20MP), NFC, bom processador, tela no mínimo Full HD (igual o Z2), etc...
    Gostei do Moto G6 Plus e Asus Selfie 5 PRO. Mas olhando para esses intermediários, fiquei com medo de arriscar por conta de 500 reais a menos de diferença para o S8.
    Então comprei o S8 sem dó. Estou super feliz e espero que ele dure os mesmos 4 anos do Z2.
    Logo de cara, estranhei muito a entrada do fone de ouvido na parte de baixo (já estou me acostumando), pego direto o S8 de cabeça para baixo no escuro. Estranhei o botão voltar (já acertei nas configurações do aparelho).
    O que sinto falta do Z2, é o rádio FM e a TV em dias de jogos da Champions.
    Mas o S8 me surpreendeu muito, com a velocidade de download, a memória RAM e HD, a câmera, leitor de digital e íris, o emoji com meu avatar, o medidor de batimentos cardíacos, o Fone de Ouvido AKG (muito TOP), a câmera, meu que câmera incrível! Sem contar que tudo isso em um design super elegante! O q está difícil de achar é uma película, a capinha casca de ovo é TOP!
    E essa é minha avaliação depois de uma semana com o S8!
    Se vocês descobriram algo de legal também que eu não citei acima, favor compartilhar, pois o último celular Samsung que eu tive, foi o Galaxy Ace em 2011, kkk. Abraços!


  • eu tenho um s8 e os pontos negativos que vi foram: tela curva que além de deformar o conteúdo é frágil, botão bixby que é inútil e nao poder mover os apps pro cartão sd


  • nem é caso de quebrar a tela, mas sim se não der burnin, pq aposto que vai


  • Parabéns pelo post. Saí de Iphone 6 para um Galaxy S7 Edge e então para o Galaxy S8+. É um aparelho sensacional, quanto a bateria, discordo quanto a durabilidade, sempre o coloco para carregar em torno de 0:30 e o retiro do carregador às 6:00. Faço uso intenso do celular, com streaming de áudio, vídeos do YouTube, fotos, edição de vídeos e fotos, mensagens, jogo com o VR, enfim tudo o que ele me possibilita, e nunca fiquei sem bateria. Sempre que o coloco para carregar ainda tem entre 15 e 20%. É o melhor celular que já comprei. Altamente customizável, diferentemente do Iphone que tinha sempre o mesmo visual, o Android 7.0 está muito estável e fluido neste aparelho.
    Seria muito bom se avaliasse o DEX e publicasse seus comentários e impressões .


  • Po, Camila, vc abandonou as noticias pro S7... :-(


  • 100 dias e ele não explodiu ? eita, eita, ...

    Conta desativadaRafael


  • Estou apaixonado pelo meu Galaxy S8, mas no meu caso não achei que é tão resistente a quedas... caiu em uma altura de 70 cm e quebrou o vidro traseiro, paguei pra arrumar direto com uma assistência autorizada da Samsung por volta de R$340,00. Ainda bem que não foi na frente se não a dor no bolso iria ser o triplo praticamente!

    Conta desativada


  • ainda nao falou sobre DEX?????? estou com S8 ja ha 9 dias que sou segundo dono, que primeiro dono comprou dia 5 de julho, ele interessou meu iphone 7 plus para trocar dele, estou usando s8 muito muito satisfeito, poderoso sem duvida, entao comprei DEX STATION ja faz 7 dias do uso(depois 2 dias S8 que comprei kkkkk)


    vou falar sobre DEX!!! realmente, me mudei completo 100% PC unico do meu pessoal, usei ele mais agilidade mais rapido exemplo filmes, baixa, programa, organizacao e otimo ver tela, sendo whatsapp, mesmo video chamada. muito coisas o que eu fiz windows(tenho notebook ROG G751 poderoso). entao dificil uso meu notebook gamer, so eu uso dele apenas JOGOS e me agradavel demais com DEX, nao reclamo o custo dele, quem ja experimentou dex? acredito vai adorar e abandonar seu pc do windows DEFINITIVAMENTE !!!!


  • celular no bolso de trás típico de mulheres, percebo que mulheres só usam no bolso de trás.
    hábito péssimo para uso de smartphone

    Conta desativada


  • Tanto o Samsung S8 quanto o LG G6 são realmente excelentes aparelhos. Eu, particularmente, não gostei do formato deles (muito estreito e muito comprido - desproporcional). Mas NÃO foi por isso que não comprei. Preciso, pois uso muito, o infravermelho, e nenhum dos dois possui este recurso. Será que o note 8 terá?
    Infelizmente, estes fabricantes de M. só colocam dualchip em aparelhos midrange (intermediários). Espero que venha lançamentos de S8, Note 8, LG G6 e LG V30 com dualchip (e, claro, algum deles com infravermelho)

    Quanto ao título, na minha opinião, 3 dias são suficientes para se odiar um aparelho, e seis meses para que se goste realmente.
    Vassoura nova sempre varre bem.

    Conta desativada


  • Teve sorte !!! Tenho um que queimou a placa com uma semana!!! Outros ponto que poderia melhorar é a câmera de selfie!!


  • S8 é estreito demais. Parece uma régua. Se o S9 for mais estreito, vai parecer um palito de picolé. Ah, aquele sensor de impressão digital ao lado da câmera ficou trash. Achei aquilo horrível, além de ser pouco funcional.


  • A única coisa que me surpreendeu foi o relato das quedas. Essa tela passa uma fragilidade enorme.


  •   84
    Conta desativada 27/07/2017 Link para o comentário

    Se voce tem o S8 e odeia o aparelho eu tenho a solução , me mande uma DM aki no androidpit com o assunto " odeio meu s8" q vou te enviar meu cep


  • tenho um. O sensor de digital está todo arranhado, mesmo usando capinha. Também já derrubei algumas vezes mas não ficou absolutamente nenhum arranhão, está intacto!! Realmente é ótimo e gostaria muitíssimo se a Samsung liberasse o botão da Bixby.. não tem como vcs fazerem pressão pra isso?! Consegui fazer 16h e 7h de bateria, mas com um uso moderado. A média é 5h30.


  • E sobre o Dex? O que falar?


  • Mesmo com todos os chamarizes que todos falam do S8, eu não fui com o aparelho. Estou muito tentado em pegar o LG G6, que embora tenha um hardware inferior ainda me agrada mais que esse S8.


    •   62
      Conta desativada 27/07/2017 Link para o comentário

      A vantagem do LG G6 é o preço, no Ponto Frio a vista está R$2375,12. Já o S8 no Balão da Informática R$2899,00.


    • Realmente nesse caso é questão de opinião e gosto. Tenho o S8+ desde o lançamento e estou muito satisfeito. O dispositivo é excelente; a câmera é a melhor do mercado e o design é estonteante; não tem quem não olhe qdo vc o tire do bolso. A autonomia da bateria poderia sim ser melhor; mas é contornável e me atende perfeitamente. Já o leitor biométrico; esse eu só uso para pagamento nos apps de banco. Prefiro o leitor de iris que é bastante eficaz. No geral o Galaxy S8+ se mostrou bem superior ao S7 edge que era o meu dispositivo anterior. Eu não o trocaria por nenhum outro dispositivo existente no mercado até o momento.

      Conta desativada

Mostrar todos os comentários
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.