Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Fica para 2022: 5G só será popular na América Latina daqui a 3 anos

Fica para 2022: 5G só será popular na América Latina daqui a 3 anos

5G é a palavra do momento, e todos sonham com as possibilidades de uma conexão à internet ultra-veloz, com baixíssima latência e onipresente. Mas transformar o sonho em realidade é um grande desafio, que exige recursos tecnológicos e jogo de cintura político. Por isso, pode levar um tempo para o 5G se popularizar em nosso continente.

Quanto tempo? Três anos, é o que acreditam os participantes do 5G&LTE Forum Latim America, realizado entre os dias 24 e 25 de abril no Rio de Janeiro. A tecnologia existe, e já está em testes, porém há barreiras na regulamentação do serviço e até na definição do espectro de frequências nos quais as redes irão operar. 

Além disso, há questões operacionais. Segundo o site Convergência Digital, na opinião de Carlos Alberto Camardella, consultor de evolução tecnológica da Claro, “o 5G é uma solução em busca de um problema e tem disponível apenas a banda larga aprimorada, que é boa para monetizar a rede mas não deve ser a principal opção. Isso porque,quando houver massificação de smartphones não haverá recursos suficientes.”

Já José Otero, vice-presidente para a América Latina e o Caribe da 5G Américas, discorda. Em sua opinião “O 5G é mais que uma evolução do 4G”, e “viabilizará a transformação digital de diversos setores e aliado ao uso das Internet das Coisas terá papel decisivo para melhorar a economia dos países”. 

Aqui no Brasil, as coisas ainda estão em um estágio inicial. Apenas em março do ano que vem será feito o leilão das frequências de operação das redes 5G, e só depois disso as operadoras poderão colocar em prática suas estratégias de implantação. Enquanto isso, as pesquisas continuam. Segundo o Convergência Digital, a Claro já realizou testes com equipamento 5G em um laboratório de rede no Rio de Janeiro.

E você, ansioso pelo 5G? Ou acha que para nós, consumidores finais, não vai mudar muita coisa? Deixe sua opinião nos comentários

5G

Artigos recomendados

9 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.