Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

opinião 4 min para ler 120 Comentários

Oi? Apple é nomeada como empresa mais inovadora do ano por "antecipar o futuro"

A Apple é uma companhia bastante inovadora, não há o que contestar. Mesmo aqueles que acreditam que a empresa só costuma tornar usual algo que já existe no mercado sabe que o histórico da companhia de Cupertino é recheado de criações em diferentes áreas, como na indústria da música, softwares e hardware. Acontece que, atualmente, a Apple, apesar de manter seu viés de empresa inovadora aquecido, está alguns passos atrás de ser considerada a mais inovadora do ano.

Quem acompanha de perto o mundo tecnológico sabe que a Apple tem se dedicado a otimizar seus produtos nos últimos dois anos, pelo menos, ficando atrás de outras empresas que se esforçaram mais para implementar tecnologias novas ou até mesmo imaturas em seus produtos. OLED, USB-C, carregamento sem fio, design sem bordas e realidade aumentada são algumas dessas tecnologias que recém chegaram aos MacBooks e iPhones, por exemplo, mas que já estão em outras plataformas e produtos há alguns anos.

O argumento em torno dessa demora em apresentar novidades ou em se arriscar são inúmeros, tanto do lado dos usuários quanto da própria imprensa. O mais comum é que ''a Apple demora pois só usa tecnologias funcionais'' ou "essas tecnologias não estavam prontas para serem usadas", deixo aqui o espaço pra você fazer seu julgamento (___).

Além do uso de tecnologias em si, tanto em usar algo do mercado como em criar algo realmente novo, a empresa da maçã tem ficado para trás também em algumas soluções de design. Não estou me referindo exatamente a beleza estética dos produtos, mas levando em consideração as soluções que a empresa encontrou para justificar algumas de suas criações. Apenas olhem essa imagem com atenção que vocês irão entender do que estou falando:

iphone battery case apple pencil magic mouse
Soluções de design incompreendidas / © BGR

MacBooks novos, por exemplo, não contam com USB convencional, logo, eles precisam de um adaptador para conseguirem carregar os próprios produtos da Apple, como mouses e iPhones. Foram dois anos entre o iPhone 6 e o 6S para, no sétimo, a Apple descobrir que passar as antenas por cima e por baixo do dispositivo - e não pelo meio da traseira - era uma solução estética melhor, ainda que mantendo a mesma abordagem visual por quatro anos.

Mesmo assim, com o argumento de que a empresa "entrega o futuro hoje", a Fast Company resolveu dar o primeiro lugar do seu ranking das mais inovadoras do mundo a empresa de Tim Cook:

Criatividade é algo mais profundo do que a estética. A abordagem da Apple para a engenharia de hardware e software que cria suas experiências nunca foi tão ambiciosa.

A premiação ainda mandou um recado para as concorrentes da Apple, como Samsung e LG, dizendo que a Apple desenvolve processadores (oi, Exynos) e grande parte do seu hardware, além de otimizar melhor esses elementos ao software. Não discordo disso, mas o site não levou em consideração, por exemplo, que a tela do iPhone X é fabricada pela Samsung, o sensor dos iPhones é fabricado pela Sony e, com relação a otimização, digamos que ela não é tão excepcional assim, visto que recentemente a Apple teve inúmeros problemas e bugs envolvendo a segurança do MacOS (que usa processador Intel).

Como disse no início do artigo, a Apple tem seus méritos mas, talvez, a premiação não tenha sido tão criteriosa como deveria, principalmente por estar avaliando a marca para um ranking com as mais inovadoras de 2018. É claro que a Fast Company é uma revista de empresas voltada para o mundo corporativo, que leva em consideração processos de gestão e fabricação e outros pontos para classificar as empresas nesse sentido. Acontece que a revista foi bastante categórica ao dizer que a classificação feita aqui foi com base na experiência que a Apple vem entregando aos usuários, descrevendo o resultado como "mais ambicioso que nunca".

Você concorda com a premiação? Acha que a Apple está com essa corda toda?

525 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Gustavo L. há 5 meses

    Precisamos reconhecer que no Brasil a Apple inova todo ano, no preço! Cada ano está mais caro.

  • Phelipe B. há 5 meses

    Mas gente, o único futuro que a Apple antecipou é o de colocar o nome da galera que compra iPhone em 24x no SPC/Serasa mais rápido.
    Desde o iPhone 5 a Apple não inventa nada de novo, muito pelo contrário, tem se espelhado bastante no Android.

  • Sidney há 5 meses

    Caramba. Isso é absurdo. Mas tem que levar em conta que o mundo está infestado de pessoas doentes pela Apple e que não conseguem enxergar com a razão, somente com a emoção. E deve ser o caso dessa revista. Claro que a Apple inova, mas as outras têm inovado muito mais que ela.

  • Daniel há 5 meses

    PIADA_DO_ANO..........!!!!!

  • Carlos G. há 5 meses

    Tá vendo? E o brasileiro acha que só existe politicagem no Brasil...

120 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Mostrar todos os comentários

Recommended articles