Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

#CES2019 3 min para ler 2 Comentários

Apple não está na CES, mas nenhuma marca se esqueceu dela

Tradicionalmente, a Apple não participa da Consumer Electronics Show, a conhecida CES, que acontece todo início de ano na cidade de Las Vegas. Isso não significa que a empresa de Cupertino não esteja presente de certo modo, principalmente como parte de outros produtos inteligentes que são lançados por lá. 

Enquanto o MWC, em Barcelona, costuma reunir as novidades voltadas para o mercado de dispositivos móveis, vestíveis e software, a CES tem se tornado o palco das novidades relacionadas ao consumo inteligente de modo geral, como carros, eletroeletrônicos e eletrodomésticos para uso de sistemas Smart Home, entre outros. As grandes fabricantes desses segmentos apresentaram novidades por lá e, curiosamente, a menção honrosa de cada novidade apresentada por LG, Sony e Samsung era a Apple. 

Todas essas empresas lançaram televisores modernos, com painéis OLED e resoluções 4K e 8K, por exemplo, com tecnologias e recursos Apple. A Samsung, por exemplo, vai disponibilizar com exclusividade o aplicativo iTunes em Smart TVs da marca que rodam com Tizen OS vendidas em 2018 (modelos selecionados), via atualização de software, enquanto futuros televisores já sairão com o app de fábrica. Assim, usuários poderão alugar filmes e shows do catálogo da Apple sem precisar de uma Apple TV ou de um iPhone (ainda bem, né?).

LG, Vizio, Sony e Samsung também estarão incorporando em TVs vendidas a partir deste ano o recurso AirPlay 2, que tem a mesma finalidade de um Chromecast, mas que é compatível apenas com aparelhos com iOS, ou seja, iPhones e iPads.

Mídias, como vídeos e fotos, poderão ser espelhadas em televisores dessas fabricantes através de iDevices compatíveis. A própria Apple divulgou uma lista final e oficial de modelos compatíveis com AirPlay 2 de outras marcas.

mastvsam
TV Samsung rodando Tizen e com o app iTunes, da Apple / © Samsung

O grande destaque, contudo, ficou por conta da Sony, que apresentou uma série de TVs que, além de contarem com o espelhamento via AirPlay 2, oferecem suporte ao HomeKit. Mesmo rodando Android TV, os televisores das linhas Bravia A9G OLED 4K, Z9G 8K LCD e X950G poderão ser conectados ao aplicativo Home (Casa, em português) do iOS, permitindo que o usuário possa controlá-las remotamente através de seus iPhones.

O Home é uma espécie de central que reúne dispositivos inteligentes para controle remoto, como lâmpadas, interruptores, câmeras, speakers e TVs.

Além de promover maior inclusão aos usuários de iPhones, esses lançamentos são sinais claros de que a Apple está investindo forte em Internet das Coisas e em Smart Home, dois segmentos que são atualmente dominados pelo Google e pela Amazon. O Google Assistente, pro exemplo, já está presente em um bilhão de aparelhos inteligentes, enquanto a Amazon Alexa segue na cola. 

Os produtos anunciados por essas marcas citadas no artigo devem chegar ao Brasil nos próximos meses, custando caro, mas já é um bom começo para uma nova era onde produto Apple não é sinônimo de ecossistema fechado.

2 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Eu já até tinha me esquecido, mas o artigo me fez lembrar da marca da maçã mordida.


  •   42
    Conta desativada há 1 semana Link para o comentário

    É sempre bom notar a unidade formada entre concorrentes para promover o avanço tecnológico focado no bem comum dos seus usuários: o conforto. Nunca é demais para todas as gigantes tecnológicas se unirem para proporcionar qualidade de vida.