Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

2 min para ler 75 Comentários

Aquos R Compact é o smartphone da Sharp de tela infinita e menor

A japonesa Sharp anunciou na IFA 2017 que estava de volta ao mercado de smartphones. Agora, conhecemos o Aquos R Compact, um aparelho com tela infinita, mas menor do que a maioria: 4,9 polegadas. Em setembro, meu colega de AndroidPIT, Shu On Kwork, anunciava a volta da fabricante ao mercado de dispositivos móveis e ressaltava o conhecimento da empresa na área de painéis, já que tem vasta experiência em TVs, e também no de sensores de câmeras fotográficas. Mas mais do que isso, acredito que podemos destacar um terceiro ponto: o da inovação. 

Isso porque um dos primeiros produtos anunciados pela empresa, o Aquos R Compact, não apenas nasce seguindo a tendência da tela infinita, mas inovando ao trazer essa característica em um aparelho de tela menor. O smartphone possui uma tela Full HD de 4,9 polegadas com proporção 17:9. O painel ​​IGZO tem taxa de atualização de 120 Hz, exibindo conteúdo em movimento com mais nitidez  – smartphones normalmente usam displays de 60 Hz, veja você. 

O Aquos R Compact tem 66 mm de largura, o que comprova que é realmente pequeno. O iPhone 8, que tem tela de 4,7 polegadas, tem 67,3 mm, apenas a título de comparação. A borda inferior é grande porque abriga o leitor de digitais com suporte a gestos, enquanto a parte superior tem uma câmera frontal de 8 megapixels que pode ser circundada pela tela ou não, meio Essential Phone. Já a câmera traseira é de 16,4 megapixels – estranho, mas é real.

img index gallery 01
Aquos R Compact da Sharp/ © AndroidPIT

Rodando Android 8.0 Oreo, o Aquos R Compact tem um processador Snapdragon 660, 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento expansível via microSD. A bateria é de 2.500 mAh, tem carregamento rápido por meio de uma porta USB-C e, infelizmente, não há entrada para fone de ouvido. Há quem continue investindo nessa tendência, porém.

Por enquanto, não existe previsão do Aquos R Compact ser vendido fora do Japão, onde será lançado em dezembro, mas eu bem que queria ver essa tendência chegando em outros fabricantes e no Ocidente. 

E você, o que acha de smartphones de tela menores?

Fonte: Softbank, Sharp

Os comentários favoritos dos leitores

  • Stella Dauer
    • Admin
    • Equipe
    há 11 meses

    Taí, gostei, hein? Acho que faltam aparelhos com tela menor no mercado, e ainda ver um com tela infinita é bem peculiar. Espero que cheguem mais, e concordo com a Emily, no Ocidente também. :D

  • Rogério Valente há 11 meses

    As pessoas...

    A maioria não avalia o aparelho apresentado em si.
    Fica só na comparação. E se tiver os termos "Apple" e/ou "iPhone" no texto então, acabou. O aparelho não presta!

    Gente, não é só aparelho com o último chip SD, 6 ou 8GB de RAM, 256 de armazenamento, tela com 6" e resolução Ultra-Mega-Hiper-QHD que é bom não...

    E se o aparelho tiver 5,5" com o tamanho de um de 4.9 antigo? Não serve?
    Tem bastante gente confundindo as coisas. O conceito de tela infinita ou bordless dá essa possibilidade. Maior área útil em um espaço físico menor.

  • Tenente Zureta há 11 meses

    Fico muito feliz quando lançam aparelhos com tamanho de tela iguais ou inferiores a 5''... Tamanho ideal, afinal não queremos andar com projetos de tablets no bolso.

  • Marcus Vinicius Oliveira há 11 meses

    Tudo que eu queria era um celular com boas especificações com a tela pequena. O mercado começou a impor telas acima de 5" e não temos o poder de escolher telas menores sem abrir mão de boas especificações. Pra mim, apesar das especificações, o tamanho de tela e a espessura são importantes na compra de um aparelho e oferecer ao consumidor o poder de escolha faz toda a diferença. Espero que essa moda chegue aqui no Brasil.

  •   86
    Conta desativada há 11 meses

    Sharp voltando ao conceito que ela iniciou em 2014 com o Aquos Crystal, foi o primeiro smartphone que vi com tela assim, só tinha uma borda grande na parte de baixo "a la Sony". Pena essa câmera invadindo a tela, mas parece que não foi uma exclusividade do iPhone X, o Essential PH-1 (Smartphone do Andy Rubin, criador do Android) também é assim. Agora em qualidade de tela a Sharp sempre foi referência, principalmente pelos "retina display" dos iPhones. Atualmente meu smartphone também tem uma tela Sharp, o Mi5s Plus. O brilho é bastante alto e a qualidade de imagem é excelente....

75 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Mostrar todos os comentários

Recommended articles