Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
O lado ruim dos cartões microSD!
Hardware 4 min para ler 135 Comentários

O lado ruim dos cartões microSD!

Muitos smartphones estão chegando ao mercado sem o suporte para cartão microSD. Mas será que isso é de todo ruim? Entre todos os pontos negativos de se ter o suporte para expandir a memória do seu smartphone, existe um deles que preocupa mais que outros: em caso de roubo, a sua privacidade está perdida!

Há duas semanas, fizemos uma enquete no site perguntando se o suporte para cartão microSD era realmente importante para os membros da nossa comunidade e, para 74% dos 2.940 leitores que participaram da nossa enquete, a opção de expandir a memória usando um cartão microSD é realmente importante. Com certeza me incluo nesta estatística, porém, não descarto alguns fatores negativos que chegam junto com este recurso.

Em caso de roubo, como ficam seus dados?

Em setembro de 2014, tive meu smartphone roubado e com ele milhares de dados privados. Enquanto o acesso às minhas contas de e-mail, do dropbox, da Amazon, do Twitter ou do Pushbullet, por exemplo, puderam ser vetados através da troca de senhas, meus contatos, documentos e imagens armazenadas na memória "física" do celular não tiveram a mesma sorte.

gerenciador dispositivo android roubo
O gerenciador de dispositivos Android pode apagar dados do seu smartphone remotamente em caso de roubo, mas as chances disso acontecer dependem de muitos fatores. / © ANDROIDPIT

Na época lembro de ter acessado o serviço "Gerenciador de dispositivos Android" para tentar apagar os dados do meu dispositivo, mas o aparelho já não estava mais conectado à internet e, por via das dúvidas, preferi modificar minhas senhas para não correr risco de tê-las modificadas por terceiros. Contudo, mesmo que meu aparelho fosse formatado remotamente, meu cartão SD não o seria, como fica bem claro na mensagem do serviço do Google:


"Esta opção restaura a configuração original do dispositivo. Seus apps, fotos, músicas e configurações serão excluídos. Após limpar o dispositivo, o Gerenciador de dispositivo do Android deixará de funcionar. A restauração é permanente. Pode não ser possível apagar o conteúdo do cartão SD do dispositivo. Se o dispositivo estiver off-line, a configuração original será restaurada assim que ficar on-line."

Assim, como salvo todas as imagens direto na memória externa do Xperia Z2, o dispositivo que me roubaram na época, ou pastas com dados de aplicativos, PDFs e mesmo conversas do WhatsApp, todos esses dados estavam (e ainda estão) à mercê do uso de quem roubou o meu smartphone. Foram 64GB de dados que talvez se não tivesse espaço para armazenar com tanta facilidade, não os teria no celular. Ou melhor, podiam estar acessíveis na nuvem, que neste caso se mostra mais eficaz contra o uso indevido dos meus dados. Porém, essa é uma segunda discussão.

A criptografia dos dados do microSD ainda é mito!

No entanto, alguns usuários podem levantar aqui a questão do uso de criptografia dos dados do cartão microSD, porém, este não é um processo comum entre proprietários de smartphones e requer conhecimento avançado para tanto, coisa que a grande massa não possui.

criptografia dados android
Criptografar dados do seu presentes no cartão microSD pode ser uma alternativa que nem todos os usuários podem ter conhecimento para tanto. / © ANDROIDPIT

Desta forma, para que você mantenha os seus dados seguros, tenha em mente que você precisa fazer backups constantes e apagar manualmente dados que não precisam permanecer armazenados no celular. Fazendo isso, em caso de roubo ou perda do celular, muito do que você possui armazenado na memória externa do seu aparelho poderá permanecer privado. Ou então faça uso da nuvem. Contudo, subir um vídeo com resolução 4K poderá levar longos minutos e consumir significativamente o uso dos dados do aparelho.

Use o cartão microSD com moderação

Darth Vader micro SD ANDROIDPIT
Cartões microSD possuem seus prós e contras, cabe a você fazer bom uso deles! / © ANDROIDPIT

Por fim, a questão aqui é ter em mente que, mesmo que o cartão SD seja prático, existem pontos extremamente negativos no uso do mesmo, como a perda de dados gravados devido a um erro qualquer ou ter as informações pessoais vulneráveis em caso de roubo ou perda do aparelho.

E aí, quais são os cuidados que você toma hoje para que terceiros não tenham acesso aos dados do cartão microSD do seu smartphone em caso de roubo?

Os comentários favoritos dos leitores

135 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Lendo diferentes pontos de vistas, nos comentários acima, gostaria de expressar minha opinião .Já tive meu celular roubado. Entrei em contato com minha operadora que imediatamente bloqueiou meu aparelho, segundo ela, o ladrão jamais conseguiria desbloqueiá-lo, pois era pós-pago. Meu prejuízo foi a perda do aparelho que era top de linha.Meus dados além do micro sd, também estavam armazenados no meu PC através do oogle do google+, e tive como fazer a transferência para outro cartão.Para mim o melhor é fazer sempre o backup e transfer para o PC.


  • Não compro Smartphone sem suporte para micro SD pois eles são muito úteis.


  • Por isso e outras tenho e uso hd no router wifi
    utilizando como Lan e Ftp além de outro seagate portátil com wifi interno (muito bom) . Mas tenho e uso também é não abro mão dos benditos micro Sds.


  • Pra mim é muito importante sim o cartão SD, claro que fica venerável suas fotos informações no caso de roubo


  • Como profissional da área de segurança eu afirmo: não existe sistema 100% seguro. Então mesmo com criptografia, cadeado, guia de santo, etc você sempre terá uma chance (maior ou menor) de que suas informações fiquem expostas. Uma maneira de amenizar os riscos é usar a nuvem, criptografar e/ou escolher criteriosamente as informações que ficarão nos meios "menos seguros".


  • Gente, não entendo nada de tecnologia, mas to pensando em um HD externo. Vocês me indicam algum para salvar minhas fotos e docs que deixo no celular?


    • Oi, Lucia! Olha, o mais adequado realmente seria vc guardar estes arquivos em serviço de nuvem. Assim, vc terá acesso de qualquer dispositivo que conecte-se à internet; basta login e senha. Fora que vc não corre risco de perder seus dados. Já pensou se o HD que vc comprar queimar ou for roubado? Te sugiro o Fotos do Google, o Mega e o Dropbox. Ambos oferecem até 50 Gb de armazenamento gratuito. Abraço.


  • Pelo amor de Deus, é só criptografar o cartão, dá um baita trabalho pra quebrar a criptografia e estes ladrões de galinha não se dariam ao trabalho, os dados ficam salvos e caso o cel seja roubado, o prejuízo só vai ser financeiro! Sua vida fica protegida e eles não terão acesso.

    se todo mundo criptografasse o celular e avisasse as operadoras o imei apos um roubo complicaria bastante a vida destes marginais, afinal, clonar imeis é complicadinho...


  • Boa parte do que é constitui um Smartphone é de grande valia.
    Porém, se tem algo indispensável, este é o BACKUP.
    Sejam as configurações padrão de backup do Android ou as de um aplicativo de terceiros (como o Cerberus, por exemplo).
    Com apenas alguns toques configura-se o dispositivo para que envie seus dados para a núvem da Google ou outros servidores.

    Vale o ditame do mundo: "Seguro morreu de velho."

    Portanto o usuário final tem que, ao comprar seu gadget, adquirir intimidade com o mesmo e seu sistema.
    Aprender que segurança é essencial em um mundo cada vez mais globalizado, onde a palavra de ordem é conectividade.
    Saber que gente mal intecionada também se especializou em sistemas e está pronta para atacar mesmo aqueles usuários mais experiêntes.

    MicroSD é muito bom para armazenamento de músicas e dados não vitais.
    Não deve ser utilizado como porto seguro de ninguém.


    • voce está certissimo usei meu celular nas ferias e por conveniencia deixei a camera fotografica e usei apenas o celular,dois dias depois de voltar sofremos um assalto dentro de casa e levaram além do carro o celular com dados de clientes e fotos de parentes ferias e etc .


  • Concordo com o seu ponto de vista.
    Mas, as músicas e os filmes baixados podem ficar mais confortavelmente instalados em um cartão de memória.
    Encriptar os nossos dados é a melhor solução para a segurança.
    Em aparelhos mais novos, testes mostram que a criptografia dos dados não tem impacto significativo na performance geral do aparelho. Então, por que não usar?


  • sd é pra musicas e jogos.
    o resto como fotos e documentos importantes deixa na interna msm


  • O Pessoal que gosta de tirar fotos de sacanagem devem tremer na base quando perde o celular hehehehe. Agora ficar tirando fotos intimas e salvando nas nuvens, acham que está seguro e ninguém vê???? não esqueçam do caso Edward Snowden


  • Pra mim o cartão SD só tem uma finalidade: MÚSICAS!!! Fotos, documentos, essas coisas mais pessoais subo pra nuvem onde tenho controle de alterar senha e tals, se algum ladrão tentar formatar meu Moto de forma tradicional, vai se lascar pq dá logo erro pq uso custom rom, daí o mané acha q tá com defeito kkkkkk.


  • num confio nesse cartao nao..vai que todas minhas fotos caem na mao de alguem...eu ein, se me roubarem ja era..o q faco pra protger eh usar antivirusa da Psafe pra android que tem funcao de cofre e guardo tds minhas coisas importantes la


  • Hoje em dia, nem dou mais tanta importância aos cartões. Exatamente pela falta de segurança deles em caso de roubos, que fotos, arquivos e agenda de contatos, guardo sempre nas nuvens. Foi a melhor coisa. Já perdi um iphone num assalto à mão armada. Foi comprar outro aparelho, pegar o backup da nuvem e pronto. O mesmo celular de novo. Hoje com um Moto Maxx na mão, com 64GB internos, 57 para o usuário, e sem slot para cartão micro sd, continuo usando nas nuvens um back semanal do aparelho, mesmo tendo um sr espaço para utilizar. Segurança nas nuvens será o futuro.


  • Não existe a meu ver qualquer motivo para que os construtores não incluam um cartão SD. Aquilo que eu farei com ele só a mim diz respeito. Se quero lá colocar o que quiser posso é ninguém tem nada com isso. Se perco o tlm a responsabilidade é minha e assumo. Se mo roubam é o mesmo que me roubem a carteira com toda os documentos e o problema é meu. Não gosto que os construtores queiram assumir uma responsabilidade que é minha.
    Não compro um tlm que não tenha cartão SD, a não ser que aparecem com 256 GB de RAM. (pelo preço equivalente ao cartão ).


    • Marcos Liebermann, para mim você disse tudo o que penso a respeito de se utilizar ou não o cartão micro SD, que vem a ser um espaço a mais de memória disponível, barato, que eu posso utilizar a meu bel prazer sabendo os riscos de tal atitude. É a tal liberdade de escolha, livre arbítrio mesmo dos quais eu também não abro mão. Agora, guardar tudo na nuvem alheia também tem lá seus percalços e problemas que não são poucos não. O ideal mesmo é o "backup" transferido para o nosso PC e ponto final.


    • Memória RAM certamente não tem nada a ver com o caso. Por isso que o "usuário comum", que confunde armazenamento com RAM, que só lê mpx da câmera e tamanho de tela tem que ser protegido dos erros que nem sabe que comete.
      Essa inclusão digital massificada trouxe falhas de segurança que eu não imaginaria a dez anos atrás, coisas como alguém passar o número de celular pra um total desconhecido do outro lado do país ou expor e ainda marcar a família em fotos para todo mundo ver, ou deixar as fotos de dois ou três anos de minha vida a um passo de ser levada por um pivete armado eram impensáveis, não por falta de tecnologia, mas porque quem usava esse tipo de equipamento sabia com o que estava interagindo.
      Um usuário comum também pode achar que basta configurar a autodestruição remota e acreditar que está protegido (a maioria nem sabe que existe). Quando não funciona, por falta de configuração, limitação do funcionamento ou entendimento, aí culpam quem? As fabricantes! Está cheio de tópicos desse tipo nos grupos de Facebook, reclamado que não funcionou, assim como o próprio criador do artigo relatou. Existem alguns sistemas que permanecem ativos mesmo após um reset geral. Isso talvez seria um dos avanços esperados, uma forma genuína de apagar os dados (e até inutilizar totalmente) em caso de perda do aparelho, mesmo após um flash rom, já de fábrica.
      Por fim, também não citado, o sd limita a experiência de uso, assim como acontece com os planos diários de Internet ilimitado que dispõe de apenas 10mb antes de reduzir a velocidade. Um sd classe 4, por exemplo, não pode ser usado pra filmar em 4k, por mais espaço que tenha, mas como o usuário comum não sabe diferenciar isso, já diz que é erro no celular, também culpando a fabricante. Se tudo é culpa delas, então é melhor tirar. Tem a questão da nova guerra de celulares ultra finos, um slot a mais atrapalha a espessura.
      Mas o sd é útil sim, tanto pra aumentar o espaço para músicas, filmes e jogos grandes, como pra transporte de outros dados. Eu mesmo carrego uma "caixa de ferramentas" no sd do celular, programas que uso sempre pra reparar computadores. Só não deveriam ser usados para dados pessoais.


  • Por essa questão do roubo que não uso. A melhor coisa que fiz foi comprar um cel sem entrada pra micro SD.


  •   26
    Conta desativada 25/08/2015 Link para o comentário

    Eu guardo minhas fotos e vídeos na nuvem com o Shoebox.
    Mas dá pra criptografar os dados no cartão SD mole mole com o aplicativo RAR.


  • Acho que esse é o único motivo pelo qual os smartphones ainda não tomaram o lugar dos PCs de forma definitiva. O bom é que já estamos vendo aparelhos com uma quantidade grande de memória de armazenamento, então logo não teremos mais que nos preocupar com cartões externos. Pra mim, o ponto mais crucial de todos é mesmo a perda de desempenho do aparelho, que fica muito evidente.


  • Eu simplesmente não saio com um LG G3 na rua nem com ele na mão nem na mochila e nem no bolso fica apenas em casa... Aprendi q não vou morrer se eu deixar ele por algumas horas em casa no lugar levo um motorola C3 para ligações kkkkkk nos dias de hoje tem q ter um desses no minimo pra entregar pra não apanhar por nao ter nada ou ate mesmo morrer


  • O problema são fotos pessoais e conversas,e documentos claro. Tenho anotado senhas,conversas pessoais salvas,fotos da minha família e minhas de todo jeito,alguém até poderia te chantagear. Sobre o que o amigo ali em cima falou, que deixa as coisas mais importantes guardadas no pc,é praticamente a mesma coisa. Se alguém roubar sua cpu,vai acessar tudo e ainda pior,mesmo que se apague e formate um HD,ainda existe maneiras de recuperar arquivos apagados. Então eu não confio em computadores para guardar arquivos importantes,os computadores Na verdade,são os mais perigosos e traiçoeiros.


  • Bom micro sd é uma baita de uma bosta que só serve para deixar aparelho lento nem classe 10 se salva, agora se as empresas se tocassem e fizerem aparelhos com uma memória que preste ele não será necessário nunca mais, hj em dia ainda mas qm sabe não será em breve...


    • Diga isso para o meu Zenfone 5


    • Mr. André, eu acho que você está sendo muito radical em classificar todo e qualquer micro SD como uma "bosta", o que vai contra toda a racionalidade da análise prática. Eu tenho um sofisticadíssimo e raro Galaxy K Zoom (20 Mgpixels e zoom ótico de 20x mais 20 digital= 40x) ao qual associei um micro SD da SanDisk de 32Gb (SDHC +UHS-I classe 10, speed up to 30Mb/s**200x - ) que me custou míseros R$76,00, e não me arrependi até hoje de tão excepcional que é esse micro SD. Agora comprar um classe 10 XingLing, sem uma boa grife, pode dar bosta mesmo...Cada caso é um caso...


  • Eu já pensei e já sabia disso. Alguém pode por exemplo retirar o meu cartão sd sem eu ver e eu não saberia até dar falta dele. Poderia existir um tipo de senha para acessar o cartão toda vez que ele é inserido,como acontece com o bloqueio de pin das operadoras. Mas não existe infelizmente,então o único jeito é gravar apenas musicas na memória do cartão,já que imagens e vídeos são pessoais,documentos também,e a maioria dos aplicativos e jogos não vão para o cartão sd.


  • Não entendo porque que tanto medo em verem o que guardam no cartão sd. A galera anda tirando muito fotos comprometedoras hein. Eu tenho 105gb de arquivos no meu sd, fotos pessoais, vídeos, tenho filmes e alguns vídeos baixados do YouTube. Nada que alguém não possa ver. O único prejuízo seriam mesmo o cartão e o celular. Imbecil é aquele que tira foto sem roupa e deixa no celular, temos um bom exemplo agora com a filha do Leandro Hassum, linda ela.


    • De longe o seu comentário é o mais sensato de todos. Não entendo porque tanta neura com o que tem no SD.. Se roubarem o meu, vão receber 20 giga de música e uns 3 giga de fotos que não vão ter nenhuma utilidade.

      Eu prefiro ter a liberdade do SD que pagar uma insanidade em um aparelho com memória limitada ou ficar dependendo de um serviço de nuvem em um país que se o sinal do 3g não falhar a sua franquia de dados acaba em poucos dias.


      • Ok, então podem ver fotos suas, da sua família, de momentos PESSOAIS, etc., sem nenhum problema? A questão não são fotos peladinhas, e sim FOTOS. Fora os dados de aplicativos. Por favor, né!


      • Exato. São dados que lhe pertence e você não quer que ninguém que você não tenha autorizado ponha as mãos neles.

        Esse povo com esse discurso de "Não devo, não temo, não tem problema verem meus dados", me poupe.


  • Seria possível postar um tutorial para grande massa (me incluo nessa rsrsrsrsrs) que não possui o conhecimento da criptografia do SD?


  • O que for realmente importante deixo na nuvem, grandes arquivos como vídeos e mp3 vão pro cartão, fotos ficam na memória do aparelho mesmo e é claro que os arquivos comprometedores ficam em casa mesmo, guardadinhos no PC, kkkkkkkk


  • Hoje em dia não sinto muito a falta do cartão Micro sd, pois comprei meu celular com 64gb, ou melhor, fiz um upgrade de 32 para 64. Estou usando hoje por volta de 12gb de dados. Cartão sd é bom para quem tem trocentos gbs de dados, mas tem que ser um que preste e de classe 10.


  • pura verdades!


  • A questão em si não é tanto pelo compartimento da entrada micro sd que faz falta ou não. É mais pelo pouco espaço que os fabricantes estão oferecendo em alguns modelos.Celulares com 16g de armazenamento e 32gb para os recursos que oferecem e vários apps que vem instalados,acaba sobrando pouco espaço para suas músicas,vídeos ,fotos e games.
    Ja cobram um preço absurdo nos aparelhos, tinham que vir como padrão 64gb ,aí duvido que o pessoal sentiria falta do micro sd.


    • Eu penso que não é bem pela questão de pouco ou muito armazenamento interno, Pois quando se tem pouca memória necessariamente te obriga a ter um Cartão Micro SD mesmo. Todos (ou a maioria) sabem que o Micro SD não é o melhor dispositivo de armazenamento existente, mas a portabilidade, ou seja, o fato de eu ter um cartão para quantos celulares diferentes eu tiver torna as coisas mais fáceis, pois as músicas, as fotos e os vídeos já vão estar ali, independente se eu trocar ou não de aparelho. E um celular sem suporte a Micro SD, desconsiderando aqui opções na nuvem como Google ou OneDrive, te limita e te dá mais trabalho em garantir que os arquivos estejam em qualquer celular que eu tiver. Não que o "sofrimento" seja grande, mas o gerenciamento de memória com o Micro SD presente torna-se mais prático.


  • Eu n gosto muito do cartao de memoria, por isso comprei o Moto G 2013 ao invés do 2014, e vou comprar o Moto X 2014 ou Style justamente e por isso. Me julguem.


  • Sem problemas, eu prefiro o uso de cartão microSD, uso o smartphone com senha PIN e o meu SD é criptografado, se caso o smartphone for roubado, o ladrão vai ter q dar um hard reset e assim apagaria todos os dados da memória interna, e quanto ao microSD, pelo fato de ser criptografado ele estaria mais protegido. E também uso os recursos de armazenamento em nuvem, e backups


  • não tem como ficar sem. muito útil.
    o negócio é não colocar suas fotos peladas no cartão microSD! kk..


  • Já passei por essa sensação horrível de ter meu smartphone roubado e ficar desesperado com o acesso não autorizado aos meus dados pessoais!!!Na triste ocasião,no cartão sd tinha apenas Músicas e Vídeo clipes(nada que poderia me comprometer)...
    Na Memória interna, havia fotos e vídeos pessoais,dados dos apps,livros,PDFs,apks e contatos...
    Esses dados,caso precisasse recuperaria,pois faço backups periódicos desses dados aos servidores do Drive...
    Mas pra minha sorte,recuperei o smartphone...
    O segredo?Deixe seu aparelho sem bloqueio de tela... pois o bandido não vai precisar fazer hard reset e vender o aparelho assim mesmo...Assim vc ganha tempo,e pode monitorar seu aparelho...
    Usado apps de monitoramento e o modo usurário convidado...Meu cell ficou off por uns dias...mas depois alguém o conectou,apartir daí recebir fotos e a localização do aparelho...Fui a delegacia fiz o B.O e passei as fotos...Passado alguns dias,o aparelho permanência Online e mais fotos chegavam de pessoas diferentes...
    Como moro em uma cidade pequena e sabia que ele estava em algum lugar com alguém na cidade,comecei a procurar com as fotos em mãos...e um dia achei a pessoa que estava com o cell...Fui novamente a delegacia e acompanhado da polícia, fui buscar meu aparelho...A pessoa que estava com o cell disse havia adquirido o aparelho em feiras de troca...A polícia disse que ficaria ao meu critério prestar qualquer queixa contra essa pessoa...Simplesmente peguei meu cell e disse a polícia que poderia deixar pra lá....


  • Pra mim e um "up" a mais, se a pessoa não quiser usar, não use. Pra mim o sd e indispensável por vários motivos, não abro mão... bom...vamos ver quando o matador zenfone2 256GB chegar por aqui, talvez eu mude de ideia.

    Conta desativada


  • O pior além de perder o conteúdo que ficará exposto, é o fato de cartões de memória maiores ou de classe baixa serem muito lerdos. Nem os classe 10 conseguem alcançar a velocidade de leitura de uma memória flash hoje.

    O ideal é que vendam SEM espaço para microSD mas que poularizem versões cada vez maiores, fazendo com que a demanda baixe o valor do custo de produção, ainda mais com as novas técnicas que estão por vir com custo mais baixo e maiores armazenamentos e velocidade.


  • Agora com baterias que não podem ser retiradas poderia existir uma função da opção de desligar só funcionar com a tela desbloqueada, assim quem roubar ou achar teria que esperar chegar a algum lugar para poder ligar num PC e zerar o aparelho ou esperar a bateria descarregar, nesse tempo poderíamos usar os comandos de apagar a memória. O problema é que se o aparelho congelar ficaria difícil para nós reiniciarmos, então teria que existir uma opção para configurarmos uma sequência de toques nos botões físicos à nossa escolha para forçar a reinicialização. É uma idéia que poderia ser estudada.

    CarlosConta desativadaConta desativadaZuqq Zardo


    • Mas isso já existe! É só ter root e Xposed Framework com o módulo GravityBox.


    • Por essas e outras que eu amo meu S6!!! Bootloader e recovery bloqueados para modificações e hard reset, além de login configurado para somente minha conta, sendo que se mesmo se passarem uma ROM via Odin nas configurações iniciais são exigidos os dados de minha conta, impedindo o uso do aparelho por terceiros e não aceitando passar kernel, recovery ou ROM alternativa mesmo usando adb! Samsung wins!


      • Fala Luiz, beleza? Ainda está no grupo? Tripa Seca. Eu saí, para ser honesto, estava parecendo conversa de família, perdeu a questão tecnológica das conversas.
        Isso é verdade, neste lado a samsung fez uma boa coisa, pelo menos na questão segurança.


  • É por essas e outras que eu não gosto de cartão de memória. Se um aparelho celular com 32 gb não satisfaz o seu uso de memória vc está usando o aparelho errado pra essa atividade que está fazendo


    •   84
      Conta desativada 25/08/2015 Link para o comentário

      Errado? Existe um padrao de como se usa o celular agora? sabe que desses 32 a maioria vem só com 25 por ai disponivel sem dizer que dps que vc liga ele atualiza um monte de apps do google e besteiras a parte e ja cai pra pelo menos 23 gigas pro usuario , vai no spotify se vc tiver conta premium e poem pra sincroniza suas musicas em offline com qualidade extrema , faz só uma playlist simples com 200 musicas e veja ele comer mais 3 gigas dai cai pra 20 agora poem algum jogo que vc queira brincar fotos se for mulher tira muita foto faz um monte de albuns com fotos e videos e ai ja cai mais uns gigas ... Cara nao da ninguem usa o smart igual e outra os aparelhos sem SD com memoria que preste custo quase 300 reais a mais do que a versao com memoria menor é um absurdo


      • Bom... Vamos lá.
        Você pode apagar os apps que vc não quer, tanto da google como os apps das fabricantes.

        Se vc usar o spotify e ocupar os 3gb que vc falou sobra uns 24 gb.

        A google da armazenamento gratuito pra todo mundo. Posso colocar quantas fotos eu quiser em uma qualidade razoável. Mas vamos supor que eu gosto de fotos de qualidade exterma. Ai coloco na minha cota dos 15 gb.

        Isso sem contar as opções armazenamentos na nuvem, temps 50gb no mega. 15 do Google drive. E 10gb do dropbox eu acho.

        Na minha opinião que não sabe viver sem o cartão de memoria é pq não sabe organozar suas coisas dentro da memória do celular.


  • Tenho um cartão de 32GB que serve apenas pra guardar mp3 e apps de backup. Já meus dados importantes como fotos e arquivos ficam na memoria interna do smartphone que é bloqueado por senha PIN e estão todos na nuvem através do ES File Explorer.


  • Eu uso mais para algumas fotos, músicas e vídeos mas nada "secreto".


  • Já me acostumei com a vida sem cartão SD, acho que tem mas segurança relativo a isso


  • Meus documentos ficam salvos na Nuvem, mas fotos,vídeos e músicas no cartão de memória, pelos fatos de ter pouca memória interna e a Internet ser uma bosta de vez em quando, oq prejudica o uso das nuvens


  • Me adaptei a ficar sem o MicroSD, me sinto mais seguro assim!


  • Juro que quando li o título imaginei que seria abordado o impacto dos cartões Micro SD no desempenho do Smartphone.
    Hugo Barra deu uma breve explanação disso no evento de lançamento do Mi4i, mas não vemos muitos artigos publicados sobre o assunto. Fica a dica para uma análise dos especialistas da Androidpit.
    Quanto a questão de segurança dos dados, o artigo é bom.


  • Pretendo adquirir um Moto x Play e colocar um MicroSD classe 10 nele, mas apenas para músicas e vídeos (filmes, seriados etc). Os 32 GB de memória interna dele podem cuidar facilmente do resto. Sem mais.


  • parei de usar celulares cm micro sd a tempos prefiro comprar celulares cm memorias maiores, cartao sd eh inseguro demais entao quem tem nao guarda nada importante nele porq ninguem ta livre de roubo ou perda e cm ele o medo de seus dados nas maos de estranhos


  • Não sinto falta do SD, antigamente usava apenas para MP3 nada mais, hoje ouço streaming. Então para mim fica bem obsoleto um SD, fotos eu deixo na nuvem com backups sempre na nuvem não me preocupo com isso, tem um pin para desbloquear o meu aparelho e por face então nem me preocupo quer formatar ? Ok "perco" tudo que esta no aparelho mas tenho meus dados todos no Big G kkkk.
    instalei um app no sistema chama droid SMS antifurto deixei como app "nativo" não se realmente ficara quando dar um hard reset e se o Android 5.1 vai bloquear por senha porém sobre dados eu tenho o meu a salvo.


  • Tô tentando achar o lado ruim, pera aí.....


  • meu celular atualmente tem suporte para sd mas vira e mexe tenho arquivos e fotos corrompidos isso me deixa frustrado mas prefiro celulares com suporte ao sd


  • Na boa, costuma-se dizer no meio acadêmico: "não se usam as palavras muitas, várias, maioria, etc. sem citar pelo menos um exemplo".
    Por acaso esse post foi patrocinado pela Samsung? Tirando iPhone e Nexus (que nunca tiveram suporte a cartão), alguém pode me citar duas marcas de aparelho que está tirando o cartão de alguma linha?


  • Atualmente não uso cartão micro SD, pois meu aparelho não permite, até o momento não estou sentindo falta de usar o cartão. Mas quando eu usava em outro dispositivo tinha o cuidado de ver quais dados estavam contidos nele, passando muitas vezes alguns arquivos para o meu computador!


    • Quando tinha meu LGG2 tbm não sentia falta de cartão até ele dar problema e perder tudo. Agora com o G3, tento usar o mínimo possível a memória interna, quando quero trocar de Rom ou resetar, é só fazer backup no cartão. Ainda não me vejo sem cartão.


  • Desde o início do ano sou adepto ao uso de memória interna. acesso mto mais rápido aos dados, e nada de dados corrompidos


  • Quando era o IPhone todos criticavam. Mas a Samsung se rendeu a ideia e agora tem artigo como esse...vai entender o ser humano.
    O que era bom passa a ser ruim, e o ruim a ser bom.


  • Não gosto de cartão SD, prefiro armazenamento interno, entretanto, tenho menos de 1GB livre no meu G3, mesmo com fotos na nuvem (quase 10GB são de apps), então um SD é essencial.
    Próximo telefone terá, no mínimo, 64GB.


  • Ainda me doí lembrar do s4 que levaram junto do meu sd de 8 gb (na época havia pagado caro por ele), por sorte eu fazia e faço até hoje, backup direto na nuvem. Mas teria um aparelho sem SD facilmente, para dados importantes eu uso meu pendrive otg


  • Do jeito que andam números de roubos e assaltos, deixar dados importantes e ou sigilosos num celular ou tablet é falta de bom senso. Meus dados importantes que tenho levar para algum lugar ficam pendrive criptografado.


  • O meu moto x não pega, mas já tive e só levava coisas sem muita importância como músicas, algumas fotos, alguns vídeos, nada demais ou comprometedor.


  • Usei sim, na época que tinha um Galaxy SII, mas no único intuito de deixar as MP3 lá. Sempre achei um pé (...) ter que ficar selecionando quais arquivos mandar, ou usar apps pra fazer a transferência.

    Hoje, como meu uso é normal (sem muitos apps, fotos, vídeos ou músicas), os 13gb disponíveis (de 16) do Nexus 4 me são suficientes. Fora que há 3/4 anos os cartões de memória naquela época eram ligeiramente salgados, especialmente os de classe mais alta e maior capacidade de armazenamento.


  • Bom, meu SD classe 10 de 32gbs é criptografado, então, não vejo lado ruim em ter cartão de memoria. Muito pelo contrario, 16gbs de memoria interna hoje em dia dão nem pro cheiro.


    • Também acho mais interessante um cartão classe 10 de uma marca confiável. Mais fácil quando for trocar de celular, ou caso ocorra algum problema que precise de reset.


  • Editado


  • Novamente acho a materia boa para atualizar a galera que fica presa a essa tecnologia obsoleta!


  • Eu tenho um Nexus 5 de 16gb e não fico sofrendo por falta de espaço. Primeiro porque eu sou bastante rigoroso com meus backups manuais. Além deles, eu uso o google drive para backup de fotos e demais documentos. Músicas e vídeos só por streaming. Jogos eu tenho no meu tablet, no máximo 1 ou 2 no celular para distração, então, eu não tenho problemas com a falta de espaço, a não ser quando eu quero deixar um backup do sistema inteiro no aparelho que aí ocupa uns 6gb e fica sem condições, mas fora isso, não tenho problemas, claro que se eu tivesse 32 gb seria bem melhor, mas prefiro meus 16 gb do que usar cartão SD.

    Quando eu tinha um Galaxy S2 Lite eu usava cartão de memória e isso prejudicava um pouco o desempenho, desde então eu parei de sentir necessidade de cartões SD e acredito que a tendência é que eles percam espaço no mercado dos Smartphones.


  • Usar o cartão SD com moderação...disse tudo , normalmente uso somente para músicas , o restante guardo na nuvem.


  • Ótima matéria Camila!
    Ter o aparelho roubado é uma dor de cabeça e tanto.
    O ponto negativo está nas pessoas de mal caráter que roubam nossos aparelhos.
    Temos que nos proteger de todos os lados.


  • Comprar SD paralelo tbm não da! Comprei um de 64 gb da samsung, o cara me disse que era original. Meu z2 não aceita ele de jeito nenhum. Raiva


    • Cara, imagino que já tenha feito isso, mas, já tentou dar uma formatada no cartao pelo pc? Melhor ainda, se for pelo prompt de comando.
      Ja tive problema parecido, o cel não lia corretamente o cartao, tive de formatar usando o pc. Daí funcionou de boa.


  • Esse é um fator crucial pra mim, sem cartão, não compro o celular, simplesmente por que sou do tipo que gosta de fazer backup, seguro ninguém está, mas uma criptografia do cartão e um bloqueio de acesso já ajudam. Mesmo eu eu compre um celular com mais memória interna sempre vou ter o cartão como suporte, mas qualquer desastre que aconteça, por exemplo o cel cair na agua e morrer, já era todo o conteúdo. por isso pra mim e crucial.


  • Eu era um usuario da linha xperia da sony;
    eu tinha um cartão de 16geba ( made in xingling / sandisk ) comprado nos states ( PARISGUAY )
    e ai eu troquei de aparelho e sempre eu passava musicas/videos/fotos
    e de repente a porra do cartão deu pau :/
    Nunca entendi o que realmente aconteceu com ele, alem do mais, era um cartão com um certo tempo de uso;
    Mas agora eu queria entender uma coisa, se eu usar ele frenquentemente, passando dados dele para o pc e vice-versa, ele corre o risco de bichar ??? ele não é feito pra isso ?
    Meio estranho isso...


  • Por que o cartão SD tem sempre a capacidade o dobro de sua capacidade anterior ???


  • o cerberus pode apagar o cartão sd externo se no celular tiver instalado um programa chamado Oi file manager. eu tenho ele só por segurança, pois uso outro gerenciador de arquivo.


  • Eu uso o cartão para biblioteca de músicas, apenas. Fotos e dados ficam na memória principal do aparelho, justamente para evitar esses problemas.


  • fatos incontestáveis, porém também não dá pra contar só com os míseros 10GB disponíveis em meu Z2, torcendo para que a partir de agora a concorrência da Azus copie a memoria interna do Zenfone 2 Deluxe e se torne o minimo padrão, 128GB


  • Simples solução: que as fabricantes sigam o exemplo da Asus oferecendo altas capacidades de memória aliadas a um preço justo, aí sim o uso de cartões SD se faria totalmente desnecessário.


  • Só uma dica para a posteridade : Em " Uso do mesmo", o mesmo e proveniente de uma gíria policial e bem ofensiva a norma culta. Em um artigo, é ela quem deve imperar.


  •   32
    Conta desativada 24/08/2015 Link para o comentário

    Particularmente, 2 dos 3 smartphones que tive eram sem entrada pra SD e mesmo no de 8 GB de memória, nunca fez falta, no de 32 Gb então... Sou uma pessoa que tira poucas fotos, as que quero manter envio tudo pra nuvem via wi-fi, vídeos também não costumo gravar. Jogos eram o que mais consumia espaço, mas sempre apago os que não jogo mais, então creio que nunca usei mais do que 10 GB dos 24 disponíveis no Moto X 2014.


  • Cartão SD é bom para músicas e filmes que você quer acessar offline, não para guardar mídias que você mesmo produziu (da câmera por exemplo) ou outros dados sensíveis.


  • Não achei válido o argumento citado. Esse "lado ruim" não é exclusividade dos cartões de memória, qualquer dispositivo físico de armazenamento de dados em que não haja uma proteção segura por senha quando perdido ou roubado expõe o usuário ao mesmo prejuízo.

    Dados na memória interna de smartphone também estão sujeitos a cair em mão erradas ao se ter o dispositivo roubado, simplesmente não há garantia de que se conseguirá apagar tais dados remotamente. É quase certo que se terá o mesmo azar citado na matéria, de não mais se conseguir acesso remoto ao dispositivo. Hoje em dia os ladrões já sabem muito bem o que fazer assim que roubam um aparelho. Já tem ladrões até pedindo senha do iCloud...!!! “Sad But True“.


    • Concordo contigo Spike, a memória interna também está comprometida, mas como disse na matéria, ainda existe uma chance de você apagar ela remotamente. É claro que se a pessoa que roubou ou encontrou o seu celular está mal intensionada e tem conhecimento para recuperar esses dados, ela o fará.


    • memória interna sem um custom recovery instalado vc nao tem acesso aos dados, no caso de smartphones da Samsung com no caso se fosse perdido, só fazendo wipes ou instalando uma nova rom via odin, perderia todos os dados do smartphone e seus dados perdidos, agr com um custom recovery vc ja consegue acesso a todos os dados do smartphone necessário, até apagar o bloqueio de tela do smartphone, acho necessário senha ao entrar em modo recovery


  • Tem Dropbox médiafire Cloud, Mega e Drive muito melhor que usar SD


  • prefiro toda vida cel, sem SD
    e coisas importante mando pro google drive, e evernot....


  • So descartaria o uso de SD, num telefone +64gb, caso contrario, vou usando aos trancos e barrancos.


  • Prefiro um smart com mais capacidade de armazenamento do que utilizar cartões microSD.


  • Acho muito importante o SD, aparelho que venha sem SD tem que ter no minimo 64GB de espaço interno.

    Conta desativada


  • Se levarem meu SD , não perderei nada importante. Afinal quem é maluco de deixar coisas importantes num celular?


  • No mundo do cell, nada é seguro . 😏😏


  • não precisa nem ser roubado pra ter problemas de segurança com cartão sd, pessoas próximas mal intencionadas se tiverem acesso ao seu smartphone com facilidade já pode fazer uso do cartão sd e assim comprometendo sua privacidade, por essas e outras, opto por memória interna maior sem possibilidade de expansão, e se assim quiser, por ventura ter espaço extra pra backup cabo otg com um pen drive pra backup rápido, já ajuda muito ;)


  • Cara sortudo, ficou com as fotos da Camila.


  • Matéria boa. Camila, você sabe o motivo a qual os arquivos recebido, backups, imagens de perfil do Whatsapp não são armazenadas diretamente no microSD? Pelo o que me recordo... antigamente era tudo no SD. Quando movemos manualmente vídeo, áudio, música e imagens, os links se quebram, isso é chato :c


  • Não ligo pro sdcard desde que vendam aparelhos com no mínimo 64gb de memória, esse é um dos motivos de nunca ter tido um Nexus.