O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site.

8 min para ler 67 Compartilhado 52 Comentários

A jornada de um jogador: como aprendi a amar os jogos para Android

Tenho sido um jogador desde que me lembro, desde que carreguei fitas no Commodore 64 quando criança. Isso me levou a um caminho cada vez mais sofisticado, dos consoles Sega e Nintendo, até o Playstation e PCs de mesa cada vez mais avançados. Mas, até hoje, nunca tinha dado uma chance para os jogos mobile. No entanto, o que eu encontrei me surpreendeu.

Jogos mobile têm uma reputação ruim. Pelo menos entre os jogadores de computador ou console. Quando você está acostumado a passar horas numa experiência de imersão AAA e em uma tela grande, apertar os olhos numa tela pequena soa pouco atraente. Assim como clicar e deslizar o dedo na mesma tela para controlar o jogo ao invés de usar um teclado mais confortável.

A tecnologia mudou, e os smartphones modernos têm hardware melhores do que os das máquinas que rodavam meus jogos mais amados no passado. Com pilhas de smartphones no escritório editorial da AndroidPIT ao meu dispor, resolvi lidar com o que a tecnologia móvel tem a oferecer no que diz respeito aos videogames. Será que eu conseguiria aprender a amar os jogos para Android?

Você não precisa de gráficos AAA para se divertir

Um smartphone emblemático pode se orgulhar de especificações impressionantes, mas nunca vai competir com um PC de jogos high-end. Mas, honestamente, isso não é um problema. Bons jogos são cativantes mesmo quando não estão vestidos com gráficos brilhantes. Tenho que admitir que a estética cartoony de diversos jogos Android realmente não são do meu agrado. Mas o Android tem alguns jogos graficamente bonitos por aí, que me lembram de jogos em console. Por exemplo, Dead Trigger 2:

DEAD TRIGGER 2: ZOMBIE SHOOTER Install on Google Play

Na verdade, há diversos jogos Android com bons gráficos por aí, especialmente para smartphone high-end, mas grande parte da minha jornada de transição entre jogos de PC para mobile ainda envolve priorizar a jogabilidade que os gráficos. Embora isso também tenha me levado a perceber que uma jogabilidade satisfatória no mobile não é a mesma que no desktop.

Um bom jogo mobile precisa de regras diferentes

É óbvio, contexto é importante quando pensamos em jogos mobile versus jogos em PC. Para sentar e jogar por uma noite toda, claramente fico com o meu PC. Mas diversas vezes eu estou em movimento e tenho tempo para matar. E enquanto eu mato tempo, posso matar também alguns vilões digitais.

Desde pequenas viagens matinais até longas viagens, longe do meu desktop, há oportunidades para jogar, mas nem sempre é conveniente carregar um laptop. Porque é mais provável que eu esteja em público e, portanto, preciso estar atento ao meu entorno. Por isso, um bom jogo mobile é aquele com relativamente baixo risco, com poucas participações, caso eu precise afastar os olhos da tela.

Meu jogo preferido para o deslocamento matinal, Sky Force Reloaded, que me encantou com seu design habilidoso que otimiza o jogo para cada tipo de situação. É um envolvente atirador “bala do inferno”, um gênero clássico que normalmente exige atenção intensa aos detalhes e reação rápida como de um relâmpago.

Não é uma escolha óbvia para jogar em movimento, mas o jogo resolve isso indo automaticamente para uma super câmera lenta quando você tira o dedo da tela.

Isso, combinado com boas fases que não demoram muito para serem completadas, ajuda quando você tem que olhar para atravessar a rua ou quando alguém tromba em você no metrô.

Sky Force Reloaded Install on Google Play

A solução do Sky Force é engenhosa, dado que alguns gêneros de jogo se prestam mais a essas situações do que outros. Jogos de aventura e jogos de bases trocadas, em particular, se beneficiam de seu ritmo mais lento em movimento, então existe uma maior variedade desses tipos no Android, quando comparado com outros gêneros de jogos.

Escolha o jogo de aventura ou o jogo Arcade

Outro formato que me surpreendeu de quão fácil e viciante foi para jogar em movimento foram os vários títulos de Pixel Dungeon, jogos de calabouço com gráficos primitivos (mas ótima jogabilidade), que punem o fracasso com dureza, mas foram tão fáceis de pegar o ritmo e jogar novamente depois de cada morte de personagem que parei de me preocupar e aprendi a amar o reinício.

Pixel Dungeon Install on Google Play

Isso pode ser uma ótima viagem nostálgica

Para jogadores com uma certa idade, games retrô são uma ótima porta de entrada para o universo dos jogos Android. Como alguém com muitas lembranças do Sega Genesis, fiquei muito feliz em encontrar clássicos como Sonic the Hedgehog, Altered Beast e Golden Axe na Google Play Store.

Estes jogos mais antigos geralmente tinham apenas três botões de ação para controles, uma configuração simples que apenas se traduz em Android, mas eu tenho que admitir que os controles nesse Sega às vezes podem parecer estranhos. Não foram apenas jogos de console que foram reestruturados e lançados em versão mobile. Fiquei muito feliz em ver que meu RPG de computador baseado em Dungeons & Dragons favorito, Planescape: Torment, estava disponível no Android ao lado de Baldur's Gate e Icewind Dale.

Jogar esses games é divertido e aprecio o ressurgimento desses estilos de jogos da velha escola no Android, mas é claro que os melhores jogos por aí são os projetados e otimizados para a plataforma móvel, mesmo que eles emprestem algum aspecto ou mecânica retrô.

Planescape: Torment EE Install on Google Play

O negócio é o seguinte: há diversas iscas de baixa qualidade por aí, que prometem reproduzir jogos com os quais eu estou familiarizado, mas são basicamente armadilhas de design feio, com muito do conteúdo trancado por compras predatórias no aplicativo. Claro, se desenvolvedores vão colocar esforços para fazer novos jogos para mobile, eles precisarão ver alguma recompensa no seu trabalho. O que me leva para o próximo ponto.

Vale a pena pagar um pouco antecipadamente por boa qualidade

Existem muitos jogos gratuitos para Android, e eu gosto disso. Mas se você é um jogador procurando um jeito fácil de separar os melhores jogos, no que diz respeito à qualidade, disponíveis na Play Store, então uma boa regra é o que é gratuito e o que é pago. Antecipadamente.

A onipresença de "pagar para ganhar" e as micro-transações fazem parte do que dá aos jogos mobile uma reputação ruim, e acho insuportavelmente frustrante quando um jogo exige pagamentos repetidos para progredir ou obter uma vantagem sobre a concorrência. Num mar de ofertas gratuitas, pode ser um desligamento ver um jogo que exige pagamento antes de jogar, mas poderia ser pior do que ter uma chance em um aplicativo que tenha a confiança para saber o seu valor.

Os melhores jogos que eu encontrei para Android não são gratuitos, mas geralmente entregam muito conteúdo ótimo pelo preço de algumas cervejas, e não me incomodam com paywalls depois. Depois de me esforçar para executar games não oficiais dos meus amados jogos da velha escola no Android, decidi gastar um pouco de dinheiro em seus jogos modernos de "sucessores espirituais" que foram projetados e suportados para serem executados no Android.

Não fiquei desapontado. Meus jogos favoritos no meu celular foram pagos, mas eles não custaram mais que 5 a 10 dólares, no máximo. Thimbleweed Park, o mais recente jogo de aventura do designer da série Monkey Island, Ron Gilbert, combina perfeitamente a nostalgia com a conveniência moderna:

E depois de perder algumas horas tentando conseguir a versão gratuita e não oficial de Heroes of Might and Magic II para funcionar corretamente no meu celular (e lamentando que o estelar Heroes of Might and Magic III HD estava disponível apenas para tablets), dei uma chance e paguei 5 dólares pelo Royal Bounty HD, que prometeu jogabilidade inspirada na série clássica da minha juventude.

Não fiquei desapontado. Este jogo focado na campanha forneceu exatamente o tipo de experiência que eu estava procurando, com a triste exceção de mapas de escaramuças gerados aleatoriamente.

Provavelmente, o jogo que me deixou mais entusiasmado com o potencial de jogar em Android foi o Crashlands, que, por 4 dólares, dá uma tonelada de conteúdo e joga tão bem no Android que é um dos poucos games que jogo no celular que eu nunca liguei de tentar a versão para PC. Um jogo bem projetado com elementos de exploração, estratégia e RPG, até mesmo tem um editor de nível.

Continuar? Sim ou não

Agora que meus olhos estão abertos para o mundo dos jogos mobile, estou me divertindo com os novos jeitos de ser um nerd insuportável em público. Quando eu aposentei o meu antigo Game Boy anos atrás, pensei ter crescido e deixado jogos de mão para sempre em favor de mais opções de alta tecnologia.

Isso não quer dizer que eu ainda não gasto muito tempo jogando no meu PC, mas minha jornada de volta às alegrias dos jogos de mão em movimento foi surpreendentemente informativa e divertida, e eu vou fazer o meu melhor para compartilhar meus pensamentos e futuras descobertas enquanto continuo.

E vocês? Os jogos mobile eram tudo o que você achou que seria? Quais títulos você recomendaria?

 

67 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Vinicius Da Silveira há 1 semana

    No mundo do android, eu sinto falta de games onde você compra, joga zera e parte pra outro game, independente de conexão com a internet, propagandas, compras dentro do app entre outras merdas do tipo. Hoje em dia temos em grande maioria nas lojas mobile, jogos "gratuitos" infinitos, que ou você vira um viciado, ou você enjoa no primeiro dia. A maioria são jogos "caça niqueis" pra mim (Pay to win, freemium, free to play, chame do que quiser, são porcarias do mesmo jeito) O que é uma ironia, pois hoje temos celulares com poder gráfico mais potentes que consoles de sexta e sétima geração, mas raramente vemos jogos desse nível. Eu fiquei muito feliz quando a Rockstar apareceu com o GTA III, depois Vice City, San Andreas e etc. Apareceu jogos como odd word stranger's wrath, eisenhorn xenos, enfim. Mas a maioria esmagadora continua sendo esses jogos infantis, caça niqueis, full online, sem conteúdo, sem motivo, enfim. Só porcaria. To esperando o GTA IV que dizem que será lançado ano que vem, e o GRID Autosport que ta sendo portado pra mobile também.

52 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações