O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site.

3 min para ler 16 Compartilhado 21 Comentários

Google sob investigação da União Europeia: como isso afeta o Android?

O Google foi acusado pela União Europeia de distorcer os resultados de buscas visando favorecer seu serviço de compras proprietário, o Google Shopping. Uma investigação antitruste também foi direcionada para o sistema Android, para garantir que outras empresas do setor possam competir em pé de igualdade com o gigante das buscas.

AndroidPIT Nexus 6 security malware
Compras do Google Shopping estão sob investigação da União Européia. / © ANDROIDPIT

Em um comunicado emitido para a imprensa, uma porta-voz da Comissão da Competição, Margrethe Vestager, informa que o Google recebeu uma intimação com algumas objeções e terá o prazo de 10 semanas para respondê-las ou exigir uma audiência. Sobre a inclusão do Android nas investigações, Margrethe comentou:

"Quero garantir que os mercados nessa área possam florescer sem restrições anticompetitivas impostas por qualquer companhia"

Caso a investigação conclua que a companhia está priorizando os resultados das buscas para favorecer o Google Shopping, a multa aplicada pelo orgão regulador da União Européia será de 10% do valor total das vendas obtidas pela empresa no último ano. Esse percentual para o Google representaria aproximadamente 6 bilhões de dólares no período correspondente. O Big G ainda não se pronunciou oficialmente, mas de acordo com o site Re/code a companhia passou um comunicado interno para seus funcionários lamentando o episódio e classificando-o como "muito decepcionante".

Como isso afeta o Android?

O Android já foi submetido a inquérito diversas vezes por concorrência desleal no passado, devido à pré-instalação de serviços como Mapas, YouTube e Chrome em dispositivos embarcados com o sistema da empresa.

De acordo com a Comissão Européia "A investigação analisará a possibilidade de que o Google tem feito acordos anticoncorrenciais ou abusou da sua posição dominante (81,5% de market share) no campo de sistemas, aplicativos e serviços embarcados em dispositivos Android".

O inquérito terá como base três pontos:

  1. Se o Google tem dificultado ilegalmente o desenvolvimento de aplicativos e o acesso a mercados e serviços rivais, por obrigar os fabricantes de smartphones a pré-instalar aplicativos e serviços exclusivamente com o sistema operacional Android.
  2. Se o Google tem impedido as fabricantes de criar versões modificadas do Android, dificultando o acesso ao desenvolvimento em mercados de atuação dos sistemas concorrentes.
  3. Se o Google está dificultando ilegalmente o acesso a serviços e aplicativos beneficiando seus próprios serviços através dos dispositivos Android e suas próprias APIs.

Em sua defesa o Google entra com o argumento de fornecer aos usuários um produto com inovações, experiência agradável e serviços úteis. Nas palavras de Hiroshi Lockheimer, Vice Presidente do Android:

"A suíte de aplicativos do Google ajuda as fabricantes a competir com a Apple, Microsoft e outros sistemas que embarcam serviços semelhantes"

Lockheimer acredita que outros sistemas possuem vários aplicativos pré-instalados, alguns com quantidade superior ao Android, como é o caso do iOS. A curto prazo não é possível imaginar como o  Android pode ser afetado com o resultado das novas ações. O sistema possui seu código-fonte aberto, sendo entregue em versões e embarcado por aplicativos diferentes por cada fabricante.

E aí, você acha útil a pré-instalação de todos os aplicativos embarcados no seu Android?

16 Compartilhado

21 Comentários

Escreva um comentário:

  •   5

    as outras empresas fazem bem pior com o seu sistema de Código Fechado, e como se a Microsoft e a Apple não embarcasse os seus app.


  • ok, os aconteceria se no Android tirasse o Google servisse,play store,APP mãos,google music,hangouts,google +,Gmail?Google Contatos?Google Fotos?..
    Para mim não seria mais Android,pq Android faz parte do circulo de sincronização dos app da google.


  • Essa questão de monopólio é muito séria, falamos que a "Google está certa" , temos que tomar ciência que concorrência desleal podem causar demissões em massa. Concordo com a UE!


  • Considero este procedimento da UE como pura demagogia , mas sou plenamente favorável a ser possível desinstalar qualquer app pré instalado tanto da Google mas principalmente os crapware das OEMs , né Samsung.....and others


  • Bom, a minha opinião:

    O Android é da Google. Não faz sentido ela ser obrigada a retirar seus serviços pré embarcados, é ali que esta a identidade dela, e principalmente o lucro. Não faz sentido uma vez que todas as outras empresas que possuem sistemas operacionais o fazem, já que é lá onde esta a sincronia e integração dos seus sistemas.

    Ai a UE vem com essa história de concorrência desleal por não deixar as empresas modificarem o Android e obrigar elas a usar seus serviços... mano, uma empresa faz um sistema baseado em todos os seus serviços. A Microsoft, Apple, Blackberry não fazem sistemas pra vir com os serviços da Samsung, LG, Sony... eles lucram mais com seus serviços do que com o sistema em si. Só porque o Android tem código aberto? poha, se a Samsung, LG, Sony e cia querem por os serviços delas exclusivamente, façam seu próprio sistema!

    Agora, onde acho que a UE esta correta: quem curte mobile, alem do Android, sabe que a google dificulta bastante pra outros SO's. A Apple esta bem estabelecida, a falta dos serviços da google não a tiraria do mercado, logo ela prefere dar suporte e ganhar com ela também. Agora outros sistemas menores, que não representam grande ameaça ela simplesmente prejudica, causando concorrência desleal. Os serviços da Google hoje são muito importantes para os usuários, tento gmail,google search,maps,youtube em posições tão privilegiadas que são fatores da equação na hora da decisão por comprar um aparelho. Uma vez que a google não lança seus serviços pros sistemas concorrentes, e nem permite que os mesmos os façam ele está criando monopólio com concorrência desleal.

    Um caso bem visível é o da Microsoft e o windows phone. A google não lançou nenhum dos seus apps para o sistema da Microsoft. Já fazem 3 anos e não há nenhum deles lá. A dois anos atrás, a Microsoft tomou a iniciativa de criar um APP oficial para o youtube na plataforma, feito por ela, assim como ela já faz com o facebook. O APP esta perfeito, melhor ate que o da google, só que não exibia propagandas e dava pra baixar os vídeos. A google reclamou, com razão e a MS colocou as propagandas e retirou a função download, só que ai a ladainha começou. A google exigiu que a Microsoft fizesse o APP em HTML5, só que nem o APP para Android era em HTML5. A Microsoft relutou,relutou, mas fez. Porém a Google não o liberou, e não deu mais justificativa. Resultado: até hoje o WP não tem os apps da google e nem ela permite que ninguém os faça, só clientes, que nem esse ficam livres, sendo que a google atualizou a API do YouTube recentemente dificultando a crianção de apps de terceiros baseados.

    Ou seja, ate hoje tem gente que não compra outros sistemas por precisar dos seus serviços e só os ter no iOS ou no Android.


  • o Android é ótimo......essa FDP quer ferrar tudo.


  • Não sei por que processar por isso, pois no Android temos o root para tirar os apps, nos outros sistemas não! Deveriam multar a Apple...
    E sobre o Google Shopping, ele é da Google, e se a pessoa pesquisou no Google ela tem o direito de deixar com maior foco o Google Shopping


  • Nunca me senti prejudicado com as políticas praticadas pelo Google, muito pelo contrário e depois o assunto aí se refere à UE. questão de business mesmo. Um assunto muito distante para nós, onde reina muita pirataria ainda.


  • A UE tá com falta do que fazez, só pode, o Android é da Google ela coloca o quiser e só compra aparelhos com Android quem quer pois ninguém é obrigado. E se fosse condenar a Google por isso deveria condenar também a Apple e a Microsoft onde os sistemas são muito mais fechados.


  • A UE que é dinheiro fácil! Todo mundo quebrado e ficam inventando coisas!


  • Além dos aplicativos Google, muitas fabricantes e operadoras obrigam o usuário a utilizar os seus próprios serviços.
    O consumidor tinha que ter mais liberdade de instalar/desinstalar aquilo que mais lhe convém.
    No meu telefone tenho muitos aplicativos que nunca usei e nunca vou usar, que só ficam ocupando espaço e coletando meus dados de uso. Se remover perco a garantia.


  • ué, se os serviços oferecidos pela Google, são de propriedade dela, igualmente como o Android, por que ela não teria direito de incluir esses serviços no mesmo? E o que acontece com os serviços disponibilizados pela Apple e pela Microsoft, como fica?


    • o Android é open source


      • sim,mas quem desenvolve o Android é a Google e a CM...Ou seja,ela tem direito sim de colocar qualquer aplicativo que ela queira,vamos dr um exemplo,o que aconteceria se a google fosse condenada por ter colocado o aplicativo Play Storebno Android,o Android ia quase falir.


  • Eu acho legal alguns aplicativos... Mas bem que ela poderia dar uma opção de tirar alguns apps, como por exemplo, o Google Fit, o E-Mail, e o Gmail, visto que tem um melhor (na minha opinião), o Inbox by Gmail.

    E isso é um dos motivos pras pessoas "apelarem" pro root.


  • Acho que a UE não tem mais o que fazer, todos os sistemas fazem isso, se o google for condenado, a Apple e Microsoft tbm tem que ser, e pior, porque eles usam um sistema fechado e não permitem de jeito nenhum após de terceiros.


    • A Microsoft já foi condenada por causa do Internet Explorer. Essa é uma visão da UE sobre o monopólio em todas as empresas.

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações