O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
3 min para ler 240 Compartilhado 192 Comentários

Desafio lançado: Google vai atualizar a linha Pixel por três anos

Em um mundo atual onde marcas abandonam sem update aparelhos que acabaram de ser lançados, a Google lançou um desafio: anunciou que irá manter os novos Pixel 2 e Pixel 2 XL atualizados por mais três anos, até 2020.

A informação está disponível na página oficial dos aparelhos no site da Google. Nas especificações técnicas dos smartphones Pixel 2, a Google informa que "as atualizações de software e segurança do Pixel são oferecidas por três anos".

google pixel 2 vs pixel 2 xl
Pixel 2 e Pixel 2 XL serão atualizados por mais três anos / © AndroidPIT

Normalmente, a Google costuma oferecer dois anos de updates de sistema para seus aparelhos próprios, como os primeiros Pixel e a linha Nexus. Já as atualizações de segurança são fornecidas pelos atuais três anos, e devem continuar assim também.

E até 2020 a Google também oferecerá upload ilimitado de fotos em alta qualidade para seu serviço Google Photos aos proprietários dos novos Pixel 2. Ou seja, qualquer foto que o usuário desejar, seja tirada com um Pixel 2 ou não, será subida sem compressão para o serviço. O mesmo vale para vídeos.

Após esse ano, apenas as fotos e vídeos capturadas com os aparelhos Pixel 2 terão esse benefício. Outras fotos serão redimensionadas para os tradicionais 16 megapixel, e os vídeos para Full HD, como já acontece hoje com qualquer pessoa que queira usufruir do armazenamento ilimitado gratuito.

Tendência será seguida?

A atitude da Google é louvável, e esperamos que seja até estendida por mais anos futuramente. O que fica de maior questionamento é saber se essa novidade será seguida por outros fabricantes, que obviamente possuem linhas maiores de aparelhos.

Praticamente todas as empresas que utilizam o sistema móvel Android em seus smartphones têm como maior reclamação por parte dos usuários o abandono de suporte aos aparelhos que lançam, às vezes menos de um ano depois de terem sua comercialização iniciada.

A não atualização de seus produtos muitas vezes está ligada ao excesso de aparelhos lançados em pouco espaço de tempo, bem também como à obsolescência programada (escrevi mais sobre isso em um artigo esses dias). Manter aparelhos atualizados dá trabalho e depende de hardware durável (física e comercialmente).

É preciso haver um equilíbrio entre querer que os consumidores troquem seus aparelhos por novos o quanto antes e o suporte oferecido aos clientes que desejam ficar com seus smartphones por mais tempo, e eu acredito que a adoção de uma janela de três anos para updates seria um bom começo para isso. Se já abarcasse aparelhos topo de linha e intermediários premium, muitos usuários se sentiriam menos lesados.

AndroidPIT Apple iphone 8 0277
A Apple possui janela de atualização muito maior, ainda / © AndroidPIT

Apple ainda bate fácil essa marca

Logicamente, é bom lembrar que mesmo com três bons anos de updates, a Google ainda não consegue bater a Apple em longevidade de aparelhos. Agora em 2017, a empresa da maçã anunciou a sua nova versão de sistema operacional móvel, o iOS 11, e esse abrangeu uma boa quantidade de dispositivos da marca.

O mais antigo a receber  iOS 11 é o iPhone 5S, lançado em 2013. Isso equivale a cinco anos de updates contínuos por parte da Apple, e é também por isso que vemos muitos usuários com smartphones mais antigos da marca. Será que a Google ou outra fabricante conseguirá atingir essa mesma marca longeva?

Logicamente, com uma linha que possui praticamente apenas aparelhos topo de linha e uma fabricação exclusiva isso fica muito mais fácil, mas as fabricantes que usam Android precisam pensar em uma solução parecida.

E você? Acha que outras empresas que usam Android vão seguir essa tendência?

Fonte: The Verge

240 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Diniz há 2 semanas

    A resposta já foi dada pela própria Stella. Flagships e Intermediários Plus, deveriam ter uma atenção maior das fabricantes/montadoras.
    Exs: Samsung: Linhas Note, S e A (7 e 5). LG: Linhas V G e Q (8). Motorola: Linhas Z e X.
    Agora querer que TODOS devices lançados tenham longevidade nas atualizações é utopia e inviável.

  • Stella Dauer
    • Equipe
    há 1 semana

    Então migo... não. É até 2020. Então temos 2018, 2019 e 2020. São três anos.

  • Léia M. há 2 semanas

    Deveria ser assim com "todos" os aparelhos independe da fabricante.
    Todos os intermediários Premium e os tops de linha deveriam ser atualizados por esse período de três anos.
    Acho satisfatório já que hoje em dia quem gosta de tecnologia que é também quem se preocupa com atualizações não chega a ficar mais que três anos com o mesmo aparelho.

  • Lewis há 1 semana

    Não sei se é vantajoso alguns aparelhos receberem atualização por anos.. De vc pegar exemplos da Apple os aparelhos recebem várias atualizações mas viram uma carroça depois da segunda ou terceira atualização...(experiência própria),.. Será que todos smartphones aguentariam tantas atualizações?!? Sei não hein

  • Vasco Gondim há 2 semanas

    Acho que você está enganado, qual a garantia que a Samsung deu que atualizará o S6 para o Oreo? O S6 veio com Lollipop e recebeu o 6.0 e 7.0, o android de fábrica não conta como atualização, vai morrer aí. Já foi muito em se tratando da Samsung!

192 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi