Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

2 min para ler 112 Comentários

Oficial: Huawei volta a vender smartphones no Brasil em agosto, começando pela linha P20

A Huawei é a terceira maior fabricante de smartphones do mundo e, em um passado não muito distante, a chinesa vendia alguns smartphones no Brasil. Após um hiato que durou mais de quatro anos, a fabricante anunciou oficialmente seu retorno trazendo a série P20.

O Huawei P20 Pro é o primeiro smartphone do mundo a contar com três câmeras traseiras, e também algumas variantes. A promessa da Huawei é de começar a vendê-lo por aqui entre os meses de agosto e setembro com preço competitivo, segundo a fabricante. 

O retorno foi bastante estudado pela marca, conforme revela Adam Xiao Ersong, Chefe de Device Business Development: “Quando viemos para cá da primeira vez não éramos fortes o suficiente, e não tivemos boa experiência. Agora, entendemos que é a hora certa para trazermos os aparelhos premium.”

A empresa que fará a distribuição dos produtos Huawei por aqui será a Positivo, visto que os mesmos serão importados neste primeiro momento. O objetivo da Huawei é expandir essa parceria e, futuramente, começar a montar os produtos no país. A Positivo é responsável por toda logística, pós-venda e assistência técnica.

AndroidPIT huawei p20 display 2cbu
Huawei P20 / © AndroidPIT

Conhecido como o atual "rei das câmeras", o P20 Pro será uma estreia bastante aguardada por inúmeros fãs da marca, e também por aqueles que importam produtos da China. Nós temos o review completo desse aparelho, confira:

26 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • Léo Walk há 2 meses

    Pelo amor de Deus, Positivo, não caguem tudo...🙏

  • Marcelo Neri há 2 meses

    Vamos ver os preços e se irão trazer a linha de intermediários da Honor também, que seria uma ótima opção para o mercado brasileiro.

  • Sidney há 2 meses

    Imposto de importação, imposto sobre as vendas, seguro de transporte, frete de transporte, perdas por ineficiência brasileira, lucro do distribuidor (Positivo) e lucro do lojista. Provavelmente vai custar mais caro que a linha Note da Samsung. Além disso, quem vai fazer a assistência técnica é a Positivo. Nem precisa explicar. Melhor pedir para alguém trazer de fora.

  • Thiago Lee há 2 meses

    Huawei é um celular caro até para a china, aqui no Brasil vai vir a facada :P

  •   85
    Conta desativada há 2 meses

    Vamos ve como sera , eu nao ficou muito animado pq imagino q vira com preços ala apple ou sony

112 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • queria muito esse celular , mais no preço que vai vir , por mim apodrece na vitrine!!


  • De que adianta vir se o preço não será viável?
    A única vantagem pode ser garantida local


    • Tente importar um desses, não tenha garantia e agora com o novo sistema de tributação pague 700-1100 reais de Taxa e ainda espere 90 dias para receber.

      CAV


  • Por mim pode ficar por lá mesmo.
    Traz só o nexus


  • Não me animo pois não tenho coragem e nem necessidade de adquirir um aparelho de +3,5k, ficaria animado se fosse a Xiaomi trazendo os intermediários e tops de linha pois trazem um melhor custo-benefício!


  • Vai chegar custando uns 5k, preço de um iPhone x, mesmo o p20 pro sendo melhor em tudo, o que vcs acha que o brasileiro prefere comprar? Um que tem a melhor câmera do mercado ou um celular "básico" que tem uma maçã atrás onde o maior potencial é likes com "foto no espelho"?


  • Ter a Huawei no Brasil vai ser bastante interessante, mesmo sendo através da Positivo, embora não seja uma empresa de renome, no entanto, se a mesma ficar encarregada de cuidar da assistência técnica, é preciso que tenha peças de qualidade e suporte técnico a altura, se não iria acabar com o prestígio da própria Huawei.

    O ruim disso tudo, é que esses aparelhos da linha P20, são muito caros, deverão vir com os mesmos preços da Samsung ou até Apple. Seria muito melhor se tivéssemos uma empresa que vendesse os seus produtos a um preço mais justo, como acontece em outros mercados, mas o lucro Brasil e o brasileiro acostumado a pagar o preço que for, impede isso, em todo caso, seja bem vinda Huawei, e que mais empresas venham.


  • Ta ai uma marca que eu almejo muito em testar seus smartphones.
    Que venha para o Brasil.


  •   14
    Conta desativada há 2 meses Link para o comentário

    Se vier para cá os smartphones vão sair muito caros! Os tops vem por mais de 4000 reais!


  • Só é uma pena que provavelmente vai chegar custando mais de 4000,00.


  • Ae, alguém vai dar trabalho pra Samsung futuramente...


  • A Huawei corre o risco de passar o mesmo perrengue que a Lenovo passou com a CCE... Se bobear até pior já que a assistência da positivo pode queimar a marca Huawei. É uma faca de 2 legumes 🤣 🤣 🤣 só o tempo dirá se vai dar certo


  • Creio q será o smart Android mais caro!
    A nível de preço, acho q vai bater de frente com o Iphone X... Entre 4.0 e 4.5 Temers!


  • Eu espero que o imposto não avacalhe com os preços,pois o produto é de qualidade.


  • Alguém tem informações da Xiaomi? Tenho grande interesse na volta dela para a terra tupiniquim. kkkkkkkkkkkkk


    • A Xiaomi pelo que reza a lenda, tinha problemas com a receita federal, alegou impostos muito altos e etc. Decidiu deixar o Brasil, acredito que talvez volte, mas isso deve demorar um tempo. O Hugo Barra veio como um grande visionário, prometendo muita coisa, mas acabou iludindo muita gente, embora a empresa tenha uma boa qualidade. Quem sabe futuramente eles se organizem melhor, respeitem o brasileiro e voltem, para ficar.

      A Samsung veio, criou raízes, manda e desmanda no mercado mobile, é preciso acreditar no projeto, criar algo interessante nesse mercado nacional. Precisamos de concorrência, de empresas visionárias.

      Três vetores julgo como importantíssimos para a receita do sucesso:

      Qualidade, preço e pós venda. Empresa tem que ser competitiva no mercado, saber analisar o mercado e colocar os seus produtos para o público.


      • Top. Acho que a diferença dela pra Sammy é que a Sammy tem outros braços no Brasil. Além de fabricar seus próprios componentes.


    • Até então nunca mais volta :)

Mostrar todos os comentários

Recommended articles