O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
6 min para ler 4 Compartilhado 2 Comentários

Kobo Arc 10 HD: empresa canadense lançará tablets no Brasil

A companhia canadense Kobo lançou pela primeira vez seus tablets na IFA de Berlim visando à ampliação do seu mercado. O Arc 7, Arc 7 HD e o Arc 10 HD apresentam especificações respeitáveis, e entram pra valer no competitivo mundo dos tablets Android. Além disso, seu launcher cria uma interface de usuário que traz primeiro o conteúdo para leitura e depois os aplicativos., juntamente a novas funções de software e opções de personalização de homescreen. No lançamento dos aparelhos, tive a chance de entrevistar Sameer Hasan, o diretor de Gerenciamento de Produtos para os ereaders da Kobo, além de testar o novo Kobo Arc 10.

atalho
© AndroidPIT

Design e acabamento

Projetado em Toronto, no Canadá, o Kobo Arc 10 HD é feito de uma caixa de plástico opaco preto, com uma grande moldura circundando a tela, indo na contramão da tendência de tablets com o máximo de superfície para a tela na parte frontal. Imagino que isso tenha sido feito para fornecer uma experiência otimizada de leitura: dessa forma você não cobre palavras com os dedos. Hasan disse que a Kobo se concentra mais no software do que no design, melhorando a experiência do usuário. Quando virei o dispositivo, notei um relevo  pouco comum, que Hasan chamou de “vanguarda”. Definitivamente é um design que nunca vi em nenhum outro tablet, e encontrei um espaço irregular entre a parte frontal e traseira. Todo o dispositivo me deu a impressão de ser bem robusto, e um tanto pesado, com 627 gramas (o Nexus 10 pesa 603g; o Galaxy Note 10.1, 600g). Um tablet para leitura devia ser o mais leve possível, para não cansar os braços após um longo período.

atalho
A Kobo deixou o design de lado e se concentrou na experiência do usuário. / © AndroidPIT

Especificações técnicas

Apesar de o Kobo Arc 10 HD não ultrapassar nenhum tablet no que diz respeito às especificações técnicas, ele também não fica muito atrás. Minha primeira questão surgiu quando vi a bateria: com apenas 6.550 mAh, ela é um tanto baixa com relação aos 9.000mAh do Nexus 10 e aos 7.000 mAh do Galaxy Note 10.1. Além disso, ele oferece apenas 16 GB de memória interna sem possibilidade de expansão com microSD (isso não deve representar problema, contudo, quando se lê um livro online). Não me dei o trabalho de testar a câmera frontal de 1,3 MP. Por outro lado, ele vem embalado por um processador Quad-core Nvidia Tegra 4 com 1,8 GHz, que garantiu uma experiência de uso bastante fluida. O Arc 10 HD tem brilho intenso devido ao seu display com 300ppi e 1080p para reprodução de vídeo, e aqui ele não fica a dever nada ao Nexus 10, sendo inclusive melhor do que o Note 10.1 (1280 x 800 WXGA LCD). O Arc 10 HD tem altos e baixos no que diz respeito às suas specs, mas seu ponto forte ainda está por vir.

Especificações técnicas em comparação

  Kobo Arc 10 HD Google Nexus 10 Samsung Galaxy Note 10.1
Tela 2.560 x 1.600 pixels HD+, 300 ppi, 1.080p vídeo 2.560 x 1.600, 300 ppi WQXGA True RGB REal Stripe PLS, Gorilla Glass 2 WXGA 1.200 x 800 LCD
Processador Nvidia Tegra 4 Quad-core, 1.8 GHz Mali TS04 Quad-core GPU, A15 Dual-core CPU 1.4 GHz Exynos Quad-core
Memória interna 16 GB / 2 GB RAM 16 GB/ 32 GB ; 2 GB RAM 16/32/64 GB /2 GB RAM
Sistema operacional Android 4.2.2 Jelly Bean Android 4.2 Jelly Bean Android 4.0
Bateria 6.550 mAh 9,000 mAh 7,000 mAh
Conectividade Wi-Fi, Bluetooth 4.0, Miracast, micro USB micro HDMI WiFi, Bluetooth, NFC (Android Beam), micro USB, micro HDMI HSPA+, EDGE/GPRS, Bluetooth 4.0, USB 2.0, Wi-Fi, Kies
AndroidPIT kobo arc 10 hd 4
A parte traseira de ''vanguarda'' do Kobo Arc 10 HD. © AndroidPIT

Software

Aqui está, na minha opinião, o forte da Kobo. Rodando com Android 4.2.2 Jelly Bean, o Kobo tem uma interface de stock Android, mas inseriu um lançador próprio, o Kobo Launcher. Você tem os mesmos três botões para o menu, a volta e os apps recém-abertos, como num Nexus, localizados no canto inferior esquerdo. O canto direito traz os ícones para a galeria de apps, a busca no aparelho e a busca de voz. Arrastando o canto superior direito para baixo, as configurações rápidas do Android aparecem, com um extra: um novo modo de leitura. Ele é parecido com o modo de voo, em que a Wi-Fi é desligada, as notificações são bloqueadas e a tela reduzirá seu brilho, tudo para criar uma experência de leitura não-intrusiva. Isso também ajuda a economizar a bateria, segundo a fabricante.

atalho
Os botões de stock Android da Kobo. / © AndroidPIT

Homepage da Kobo

O Kobo Launcher integrou uma homescreen que inclui três páginas diferentes: a principal é chamada “Kobo HomePage”, e mostra leituras recentes, recomendações personalizadas e coleções, bem como aplicativos de fábrica (Kobo Pocket, Google Play, YouTube, Mapas e redes sociais). Deslizando com o dedo para a esquerda leva você para o relógio do stock Android, e deslizando para a direita você cai na sua própria “Collections page”, seções customizadas cobrindo tópicos da sua escolha. Aqui você poderá criar diferentes páginas de conteúdo, por exemplo sobre culinária, que inclui livros, vídeos de YouTube, artigos de revista e mais, sem necessidade de abrir apps distintos.

atalho
"Coleções" é uma das homescreens que você encontrará no lançador da Kobo. / © AndroidPIT

Novas funções de leitura foram incluídas como controle de leitura por toques, em que um toque rápido na tela leva o leitor para a próxima parte do texto, que será aumentada. Você não precisará mais ficar rolando o texto e ativando o zoom, como num documento de PDF. O dispositivo também se lembra onde você deixou a leitura. Outra função são as palavras destacadas ou grifadas dentro de um texto que abrem outras janelas com informações específicas sobre aquele tópico. Isso inclui informações básicas, livros relacionados, referências, tudo numa experiência de hipertexto otimizada.

atalho
Você pode criar páginas com tópicos específicos que reúnam livros, vídeos e artigos de revistas, entre outros. / © AndroidPIT

Lançamento, disponibilidade e preço

Pudemos confirmar que os dispositivos da Kobo estarão disponíveis no Brasil a partir do dia 16 de outubro. Os preços nacionais ainda não foram revelados. Nos EUA, o Kobo Arc 10 HD será vendido por 400 dólares, o Kobo Arc 7 HD por 200 dólares (16 GB) e 250 dólares (62 GB) e, por último, o Kobo Arc 7 custará 150 dólares.

atalho
© AndroidPIT

Conclusão

A Kobo produziu tablets com um perfil claro, e enfatizou a área em que tem mais experiência, a de leitura e livros eletrônicos. Sua interface otimizada para o conteúdo, os apps em segundo plano e a experiência de leitura enfatizada contribuem para que os tablets encontrem seu público no país, principalmente entre aqueles que priorizam a leitura e os que não querem gastar muito dinheiro para o seu primeiro tablet.

E aí? Você compraria um tablet da Kobo?

4 Compartilhado

2 Comentários

Escreva um comentário:

  •   16

    O principal argumento dos fabricantes de eReader é que experiência de leitura na tela e-ink é muito mais confotável que na tela LCD do tablet, e concordo pois tenho o Kindle Paperwhite. Agora a Kobo, que fabrica ótimos leitores digitais, lança um tablet que prioriza a leitura, mas vem com com todas as desvantagens dos tablets nessa área: tela LCD brilhante, redes sociais e aplicativos que desviam a atenção do leitor, grande, pesado e com autonomia da bateria bem menor que a de um eReader, que dura semanas. Para ler e-book no tablet já contamos com os apps Kindle e Play Livros, e o da própira Kobo. E para piorar, esse tablet vem com 16 GB de memória interna (disponiveis devem ser uns 10GB) e sem microSD. Acho que o Arc HD é uma mistura mal feita de tablet com leitor digital, juntou o pior dos dois, mas aguardo um review.


  •   60

    bem interessante, mas como é o manuseio desse launcher? por foto a interface parece estranha, querendo lembrar a interface do windows phone, mas como é a experiência de manuseio?

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi