Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Review do Moto E 2015: Saiba onde estão as melhores ofertas para o dispositivo

Review do Moto E 2015: Saiba onde estão as melhores ofertas para o dispositivo

O Moto E de segunda geração foi lançado durante o primeiro trimestre de 2015. Após muitos vazamentos, a Motorola relevou seu novo dispositivo de gama baixa que chegou com preço de intermediário. Atualizamos nosso review do Moto E 2015 incluíndo novas ofertas para o dispositivo no tópico "Onde Comprar", ao final do artigo.

Avaliação

Prós

  • Acabamento
  • Câmera
  • 4G

Contras

  • Tela

Motorola Moto E (2015) – Data de lançamento e preço

O Moto E 2015 foi lançado em fevereiro de 2015 custando R$ 649,00 nas seguintes versões: 8GB por R$ 699,00 e 4G de 16GB, DTV, Colors por R$ 729,00. O aparelho é comercializado nas através das principais lojas do varejo físico, online e nos quiosques da Motorola.

Ao final deste artigo, reunimos as melhores ofertas para o Moto E 2015. Saiba onde adquirir o dispositivo gastando pouco no tópico "Onde comprar", ao final do review.

Motorola Moto E (2015) – Desenho & Qualidade de Construção

Esperava menos! Quando tirei o dispositivo da caixa pela primeira vez, tive as melhores impressões possíveis. Mesmo utilizando acabamento em plástico, o Moto E não possui remendos ou design datado como é o caso do Moto Maxx. a parte traseira é composta em sua maioria por plástico emborrachado, com o aro ao redor removível com listras aderentes em todo o seu contorno.

A moldura aderente ao redor é removível, já que as tradicionais capas coloridas foram substituídas por bumpers, os quais eu recebi nas cores roxo e esmeralda. Com o atual design a Motorola conseguiu manter o minimalismo do dispositivo, agregando um ar esportivo e abandonando a identidade introduzida pelo Moto G em 2013.

Moto e 2015 lateral
O modelo conta com slot para dual chip. / © ANDROIDPIT

A parte frontal é revestida por vidro, e recebeu melhorias em relações aos atuais modelos da linha Moto. As bordas da parte superior e inferior foram reduzidas, sendo a superior um pouco saliente para acomodar o speaker.

Entendo que os alto-falantes protuberantes sejam um diferencial dos dispositivos, embora na minha opinião eles deixem a parte frontal menos atrativa. No canto superior direito o Moto E 2015 dá espaço a novidade introduzida nesta geração, a câmera frontal VGA passa quase despercebida recoberta pelo vidro escuro.

moto e 2015 entrada fones ouvido
Revestimento lateral possui linhas anatômicas. / © ANDROIDPIT

O dispositivo é relativamente fino, com ótima ergonomia e peso. São 145 gramas para bolso nenhum colocar defeito. A Motorola adverte que o dispositivo é resistente a respingos de água, não a submersões, se limitando às situações mais corriqueiras.

moto e 2015 bands
As tradicionais capas se transformaram em bumpers. / © ANDROIDPIT

Motorola Moto E (2015) – Tela

Como esperado, telas de dispositivos de entrada não são um primor, sendo o Moto E 2015 um exemplo disso. Em suas 4,5 polegadas com resolução de 540 x 960 pixels e 245 ppi, as cores são medianas assim como o contraste e nitidez.  A tela não é ruim, e totalmente aceitável para o conjunto de especificações oferecidas pelo dispositivo em sua faixa de preço.

motorola moto e botoes navegacao
A tela é boa, mas não é nenhum primor. / © ANDROIDPIT

A proteção conta riscos e arranhões menos profundos permanece presente. Revestida pela tecnologia da Corning, a tela do Moto E se manteve com o Gorilla Glass 3. O toque na superfície é relativamente fluido, a camada de toque é muito responsiva e não junta muitas marcas de digitais.

Motorola Moto E (2015) – Características Especiais

O grande diferencial entre os recursos presentes no dispositivo está no Moto Tela, presente em toda gama de dispositivos da Motorola lançados anteriormente. As notificações são exibidas através de ícones na tela bloqueada, sem a necessidade de desbloqueio ou ativação do display pelo usuário.

Motorola Moto E (2015) – Software

Já com o Lollipop 5.0 embarcado de fábrica, o sistema roda liso e sem engasgos. No total são 33 aplicativos, dos quais apenas 4 são da Motorola. A empresa fornece os já conhecidos Alerta, Ajuda, Migração e a loja para que o dispositivo se encaixe na lei do bem, a BR Apps.

A versão enviada para testes possui 16 GB, dos quais no estágio inicial 10,7 GB estão acessíveis ao usuário. Existe a variante com 8GB de armazenamento, embora em ambas as versões a memória interna possa ser expandida a até 64 GB por cartão SD.

A versão 4G do Moto E de segunda geração já pode ser atualizada para o Android 6.0 Marshmallow. A atualização foi liberada apenas para esta variante do Moto E.

moto e 2015 UI
O Moto E sai de fábrica com o Android Lollipop. / © ANDROIDPIT

Uma das novidades mais interessantes foi a integração de recursos do topo de linha Moto X ao Moto E 2015. O novo modelo possui agora um sensor de aceleração que permitiu a inclusão de opções como o "Câmera Instantânea", em que se gira o pulso duas vezes para ativar a câmera.

Além disso, como mencionado antes, o Moto Tela também foi integrado, e agora ao aproximar a mão do novo Moto E você já pode ver as horas e os ícones de novas notificações. Por fim, outra adição interessante, principalmente para os fãs de televisão no Android, é o sintonizador de TV digital, que permite que você veja seus programas favoritos em qualquer lugar.

Motorola Moto E (2015) – Performance

O modelo encaminhado para testes é embalado pelo processador Qualcomm Snapdragon 410, Cortex A53, quad-core 1.2 GHz e 1GB de RAM. Esta variante do processador está presente apenas no modelo LTE, sendo o Snapdragon 200 presente no modelo 3G. A GPU Adreno 306 (Adreno 302 no modelo 3G), é suficiente para rodar Asphalt 8 ou Crossy Road, com todas as sombras e detalhes de gráficos essenciais. Não pude notar nenhum aquecimento, mesmo em multitarefa com outros 7 aplicativos, incluindo Facebook e Spotify.

moto e 2015 camera band
A câmera traseira do Moto E 2015 foi otimizada. / © ANDROIDPIT

Motorola Moto E (2015) – Câmera

Esse foi um dos quesitos em que o Moto E recebeu boas otimizações. A câmera traseira manteve os 5 megapixels do predecessor, além dos modos panorama, HDR e a função de geolocalização, e ganhou a ótima opção de autofoco. A qualidade de gravação de vídeo também aumentou de 480 pixels a 30 quadros por segundo no Moto E primeira geração para 720 pixels a 30qps. Infelizmente, o Moto E 2015 não recebeu um flash de LED. O recurso de toque por exposição parece compensar a luz mais rapidamente, fazendo com que o momento entre foco e a captura sejam menos complicados.

IMG 20150228 134537335 HDR
Foto capturada em 16:9 com foco por exposição em luz natural e HDR. / © ANDROIDPIT

A fidelidade na reprodução de cores é bem interessante, e após o processamento da imagem pelo software da câmera elas continuam fiéis, mesmo com o uso do HDR. Por fim, foi integrada ao dispositivo uma necessária câmera frontal (VGA). A qualidade da imagem não é das melhores, mas ao menos o Moto E agora está habilitado para vídeo-chats.

IMG 20150228 134449954 HDR
Foto capturada em 16:9 sem foco por exposição e HDR. / © ANDROIDPIT

Motorola Moto E (2015) – Bateria

Com 2.390 mAh é possível chegar a 12 horas de uso moderado com 3G, restando cerca de 6% de carga. Este período é satisfatório para realizar muitas atividades. Com o 4G ativado a autonomia cai para 7 horas em uso moderado, e 5 para uso mais intenso. Com a variante de 16GB o usuário passará a instalar ainda mais aplicativos, o que naturalmente eleva o consumo de dados e bateria. A bateria não é acessível ao usuário na parte traseira do dispositivo.

Motorola Moto E (2015) – Especificações Técnicas

Dimensões: 129,9 x 66,8 x 12,3 mm
Peso: 145 g
Tamanho da bateria: 2390 mAh
Tamanho da tela: 4,5 polegadas
Tecnologia da tela: LCD
Tela: 960 x 540 pixels (245 ppi)
Câmera frontal 0,3 megapixels
Câmera traseira 5 megapixels
Flash: Não disponível
Versão do Android: 5.0.2 - Lollipop
Interface: Stock Android
RAM: 1024 MB
Memória interna: 8 GB
Memória removível: microSD
Chipset: Qualcomm Snapdragon 410
Número de núcleos: 4
Velocidade máx. 1,2 GHz
Conectividade HSPA, LTE, Bluetooth 4.0

Veredito Final

O modelo de entrada intitulado Colors possui 4G e 16GB para armazenamento pelo valor de R$ 664,00. A variante do Moto G com as mesmas especificações custa pelo menos R$ 150,00 a mais, sendo a tela e os speakers estéreos os diferenciais entre os dois. Particularmente sou fã de dispositivos com menos de 5 polegadas, e ao contrário da primeira geração do Moto E, o novo modelo é bonito e possui diferenciais que compensam sua compra. Olhando apenas as especificações o Moto E fornece um ótimo custo beneficio em relação a outros modelos, porém, os novos diferenciais fizeram com que o modelo pulasse da classe de entrada e se tornasse praticamente um intermediário. Pode-se concluir que o modelo divide a categoria com o Moto G, e pode facilmente tirar público do smartphone mais popular da Motorola.

Motorola Moto E (2015) – Onde comprar

Abaixo, reunimos as melhores ofertas disponíveis para o Moto E 2015 atualmente. Separamos os melhores preços considerando a forma de pagamento à vista e sem nenhum frete calculado no valor total. A disponibilidade do produto e a oferta podem variar de acordo com cada região.

Confira as melhores ofertas para o Moto E de segunda geração a seguir:

 

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

  • Lucas Giovane Wolf 28/02/2015

    Quase matou o Moto G???kkkk na minha opinião matou o Moto G kkkkk

  •   29
    Conta desativada 28/02/2015

    (Comparativo com o Moto E 2015 4G)

    Não matou Lucas, por quê o Moto G 2014 tem as seguintes vantagens:
    - Tela com melhor resolução, o que melhora suas definição de brilho, contraste e cores.
    - Câmera frontal melhor(melhor para pessoas que gostam de selfies).
    - Câmera traseira melhor.
    - Câmera traseira com Flash.
    - Speakers Stereo, ou seja melhor qualidade de áudio.

    Já o Moto E tem:
    - Melhor processador.
    - 4G.
    - Novas features para a categoria(Active display, girar o pulso para acesso de câmera)

    Ambos aparelhos tem um preço semelhante, então cabe ao consumidor escolher o que melhor lhe atende, se é uma melhor conexão, câmera, ou tela.
    Vejo eles equiparados em um conjunto total.

  •   29
    Conta desativada 28/02/2015

    Snapdragon 410 vs Snapdragon 400
    Comparativo no que tange a desempenho:

    Snapdragon 410 ARMv8-Cortex A53.
    Snapdragon 400 ARMv7-Krait 300.
    Snapdragon 410 pois possui uma tecnologia de construção mais nova.

    Snapdragon 410 32/64 bits.
    Snapdragon 400 32 bits.
    Snapdragon 410 por possuir suporte a 64 bits.

    Snapdragon 410 adreno 306 - 24,3 GFlops.
    Snapdragon 400 adreno 305 - 21,6 GFlops.
    Snapdragon 410, ele possui uma GPU levemente superior.

    Enfim o Snapdragon 410 é capaz de processar mais instruções por clock, possui melhor gerenciamento de consumo e de energia.
    Pelo fato dele conseguir ter um índice de processamento maior a escala fica 3x2 por clock, multi core 12x8, ou seja um ganho de desempenho de 25% em single-core,e um ganho de 50% em multi-core.
    A GPU teve um ganho de desempenho em 13%.

    Alia-se isso a um tela menor, e com dpi menor, temos uma taxa 17% a menos em request para renderização de tela.
    Bem isso são números apenas.

    Pronto, agora você pode analisar corretamente.
    ;D

  • Blind 28/02/2015

    O problema tá no preço, as caracteristicas tão muito boas, mas se for comparar a versão simples do Moto E 2015 que é 3G e usa snap 200 QUAD CORE (do ano passado era dual core), todas as caracteristicas do modelo 4G, custa 569 reais na loja oficial da motorola. Mas é um aparelho de entrada.

    Enquanto o Lumia 532 que acabou de sair custa 400 reais e tem o hardware basicamente igual! tendo apenas uma tela um pouco menor (4 polegadas) e resolução. De resto é igual e custa 400 reais!!! enquanto o Lumia 435 é igual o Moto E 2014 e custa 329 reais, e todos tem 1GB de RAm com 8Gb de ROM e vão ser atualizados pro Win10 (que será o ponta pé para os devs criarem apps finalmente com funções boas e prestaveis).

    Nisso sim a Microsoft ta manjando, aparelhos de entrada.

    Motorola Precisa fazer o mesmo!!!!! Mas amei ter colocado um snap 410 com LTE 64bits e cortex A53. Pena que já tem 1 ano esse SoC no mercado. Sendo usado só em novembro de 2014 pra cá.

159 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.