Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
A Motorola e a Asus estão finalmente brigando com a Samsung?
ASUS Zenfone 6 Hardware Opinião 4 min para ler 21 Comentários

A Motorola e a Asus estão finalmente brigando com a Samsung?

O mercado está passando por mudanças. Vendas de iPhone caindo, Sony sendo pressionada para parar a fabricação dos seus aparelhos. Esse ano de 2019 não será para os fracos, e no ano que vem, veremos quem deu os melhores passos e tomou as melhores decisões.

É interessante pegar acontecimentos no meio de tantos, selecionar e puxar algumas coisas que estão se passando e olhar com mais atenção. E, observando atentamente, será que a Motorola e a Asus finalmente resolveram entrar para a briga de verdade com ninguém menos que a Sammy?

Uma tradicional, outra mais nova

No caso da Motorola, há muitos anos que a primeira empresa a trazer ao mundo um celular não briga de igual para igual com grandes players do mercado. Desde que perdeu seu fôlego com a chegada dos primeiros iPhones, ela se manteve em linhas mais básicas, incluindo a época memorável em que esteve sob o guarda-chuva do Google e trouxe a linha Moto G

AndroidPIT moto x 1st gen moto x 2013 8750
Moto X de primeira geração: sensacional, mas não um topo de linha / © ANDROIDPIT

Nem mesmo os queridos Moto X, aparelhos mais parrudos, brigaram com os grandes. Posteriormente, já reinventada pela Lenovo, trouxeram a linha Moto Z. Muito finos, elegantes, telas indestrutíveis, Moto snaps para diversos usos, mas ainda assim com câmeras a serem muito melhoradas e processamento que não chegava perto de uma linha Galaxy S.

A Asus não é tradicional no ramo de smartphones como a Motorola, embora seja em outros componentes eletrônicos, e passa por uma história parecida. Enquanto seus primeiros Zenfone 5 e 2 eram de plástico, o acabamento veio melhorando com o passar do tempo, com metal e vidro.

zenfone5 back androidpit
O primeiro Zenfone 5 trouxe a Asus para o mercado de smartphones / © AndroidPIT

Seu último modelo, Zenfone 5, é uma bonita peça de design, com o modelo Zenfone 5Z sendo muito mais parrudo, com hardware para brigar com os maiores topos de linha. Ainda assim, faltaram toques finais para o equiparar a uma linha Galaxy S9, além de ser uma empresa que está brigando para entrar na lista das referências.

Não é o melhor momento da Samsung

Agora, porém, podemos estar presenciando uma série de fatores que tornam esse o timing ideal para que algo interessante aconteça. Não apenas a Motorola e a Asus estão mudando suas estratégias como a Sammy enfrenta um período frágil, em que viu 50% de seu lucro cair no último trimestre.

Apesar de ter identidade própria, a Samsung está mudando, e com o fim da linha Galaxy J, a inserção da linha Galaxy M e a renovação da linha Galaxy A, ela mostra que está sim se adaptando a regras que o crescimento de chinesas como Huawei, Vivo e Oppo trouxeram.

samsung galaxy s10e 02
Galaxy S10e é uma resposta a chinesas / © AndroidPIT

Outro exemplo de mudança, vindo do próprio consumidor em si é o lançamento do Galaxy S10e, que é quase uma revisitada dos modelos Lite da linha Galaxy S. Com aparelhos topo de linha muito caros e com os usuários ficando cada vez mais tempo com seus aparelhos, apresentar alternativas é uma obrigação para ela. O fato de o "iPhone baratinho" iPhone XR ser o mais vendido nos Estados Unidos mostra exatamente a mesma coisa.

Moto Z4 Force e Zenfone 6

Correndo por fora vemos, então, Motorola e Asus. Aproveitando o momento de mudanças e aproveitando que têm menos a perder do que a Samsung e outros grandes players, chega com lançamentos diferentes esse ano. Nos artigos abaixo você pode ver mais sobre o Moto Z4 Force e o Zenfone 6, mas aqui percebemos o seu valor para o momento e para o mercado.

z4motoleakwev
Não muito diferente de tudo, esse deve ser o Moto Z4 / © Evan Blass

Essa é a hora para essa mudança, e ambas as empresas estão trazendo aparelhos um ou até dois degraus acima do que costumam oferecer, e podem estar lançando aparelhos que, depois de algum tempo, podem ser finalmente chamados de topo de linha entre os grandes.

O Moto Z4 Force deve ter sensor abaixo da tela, resistência na tela, ser bem fino e ainda ter o suporte aos Moto Snaps. A Asus reformulou sua linha de aparelhos, não irá mais fabricar os mais simples, e já descartou o lançamento de um modelo Z, afirmando que o Zenfone 6 será o único, e será algo jamais visto.

Tanto Asus quanto Motorola mostram que, ao menos, têm boa observação, e que sabem lidar com o timing. Ao mesmo tempo em que a Samsung abaixa seu degrau trazendo um S10 mais barato, elas elevam seus níveis, trazendo aparelhos mais atraentes para a categoria premium do que jamais trouxeram. É uma briga que realmente devemos estar interessados em ver.

E você? Acha que a Motorola e a Asus devem trazer smartphones mais poderosos em todos os aspectos?

21 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Sei não viu, a Samsung tá dando uma renovada linda. As novas linhas A e M estão sensacionais, assim como os Galaxy S10 (apesar de eu gostar muito mais do design do S8, o S10 é o melhor). Vai ser difícil... Primeiro que Asus só tem assistência em SP, o que deixa os consumidores com pé atrás... e a interface ONE UI da Samsung é elegante, tem recursos interessantes e o desempenho é liso, o que deixa o Android quase puro da Motorola aparentar estar "faltando algo".
    Continua difícil cumprir com Sammy hehe. Mas vamos ver né!


  • A Asus e Motorola devem não só focar na Samsung, deve focar também nas chinesas, que estão passando por cima de tudo e todos, elas formam um rolo compressor.


  • A Motorola vai ter que nadar muito, já a asus, não tem nem assistência técnica, no momento ela briga com si própria para se manter viva...


  • Bem, acompanho essas marcas a muito tempo, ansioso pelo Motorola V8 , depois Nokia n97 posterior pelo Samsung S3 e digo, Motorola apenas quer se consolidar novamente, Asus tem um nome feito pelas suas placas no mercado de microcomputadores, logo a Samsung saiu vitoriosa de um embate contra a LG pelos clientes da ex-falecida Nokia, mesmo que essa última ainda tenha que crescer e atingir novamente o mercado móbile, agora a Samsung e Apple viera perder muito espaço para as chineses em 2 dos 4 mercados mais importantes, sendo estes o chinês e o indiano, e Samsung se vê também perdendo espaço no mercado europeu, hoje o consumidor está mais esperto, sabe o que quer, mas também as guias pelo preço baixo, logo fico feliz da Samsung perder espaço, vai fazer ela perder a pose de modelo e rever suas estratégias, afinal S10 com exynos aqui no Brasil só pode ser piada, enfim, fico triste pela Sony mobile não ter dado mais certo, com falta de comodato, os custos de seus aparelhos dificilmente sofriam alterações nas lojas físicas, mas paciência.


  • A matéria pode ser interessante, mas dificilmente eu voltaria pra Samsung ou Motorola devido ao desrespeito ao consumidor tanto por parte de vendedores, mídia e afins e no que diz em relação a abandono em relação a hardware e software (em especial a Moto que já citei diversas vezes ), embora tenha o Moto E2 que guardo com carinho e que daqui um tempo vou aposentá-lo definitivamente....no futuro daqui uns 4 ou 5 anos certamente será a Asus ou outra fabricante fora do eixo Lg-Moto-sung, vai depender do conjunto configuração, preço e afins foi uma coisa que aprendi a duras penas, não adianta ter um aparelho bonito, caro se daqui a um curto espaço de tempo vai ser abandonado,defasado e afins....Off.: Só uma pena que o ponto fraco da Sony é justamente a linha mobile, pois adoro os aparelhos da linha Playstation e que conheço desde 94, e só adquiri o PS1 em 98, e que já virou tradição, hoje tenho os PS3 e PS4 Slim, ao passo que troquei de várias marcas de celulares e smartphones ao longo do tempo, desde Sony, Samsung, Motorola e
    Asus...Off.: Não me deixo influenciar por matérias e afins, prefiro a velha busca, pesquisa e análise antes de escolher uma determinada marca de smartphone, notebooks e afins....


  • Eu não sei se a Asus teria chance de incomodar a Samsung, pelo menos aqui no Brasil acho que a Motorola tem mais força que a Asus, e não me refiro a "celular top" ou "melhor celular" me refiro a marca mesmo.


    • Asus tem maiores condições. É só ver o Zenfone 5 e 5Z, não tem um motorola que empatou.
      Fui em uma loja, e peguei Z3 Play e Zen 5, lado a lado. Zen 5 tem tela melhor e mais agradável. Acabamento nas laterais melhor. O volume também era bem melhor. E as câmeras tbm tiveram um pouco melhor resultado,e muito mais opções de funções no app. Ambos tinham o mesmo preço, mesmas configurações.
      Zenfone 5 é um melhor produto, mais bem acabado que o motorola.

      Então, pelo que vi, quem tem maior competência que chegar na Samsung é a Asus
      Motorola deixa a desejar. Ela tem a cara da eterna intermediário brasileiro.


  • A dor de cabeça para a Samsung são as chinesas como Huawei , OPPO , Xiaomi , no mercado tupiniquim a Samsung poderá ainda dormir tranquila , seu reinado continua incólume , mesmo praticando posicionamento de preços elevados , não vejo a Motorola e muito menos Asus incomodando a Samsung a curto ou médio prazo


  • A Stella faz ótimas matérias. Gostaria de saber como andam as vendas do iPhone e S10 aqui.
    Concordo que é uma boa hora pra Motorola e Asus. O Zf6 tá prometendo. A Motorola tem o One Vision na manga. Mas eu gostaria da volta do moto X rodando Android One.


  • A Motorola tem que baixar o preço de seus aparelhos da linha Moto G, pra poder competir com a Samsung e seus novos aparelhos intermediários, e a Asus nem se fala, tem que comer muito arroz e feijão pra competir com a Samsung, esses Zenfones que temos hoje no mercado tão bem fraquinho pra competir com a Samsung e Motorola aqui no Brasil,tive a chance de usar o Zenfone 5 selfie e não gostei nem um pouco,sem falar que nunca atualizou ainda ta no Android 7.1 muito desatualizado.


    • Eu também não gostei do Max Pro M1, a bateria é ótima de 5000mAh, mas por não possuir carregamento rápido e usar a porta microusb, demora 3h pra carregar 100%. Terrível esperar esse tempo.


  • Excelente matéria! Eu curto demais a Motorola e dificilmente largarei a marca novamente. Tenho o Moto Z3 Play Ônix e se tudo correr bem, pulo a geração de 2019 e avalio qual será família que seguirá forte para 2020: a Família One ou Família Z. Hello Moto!!!


  • Em escala global as duas marcas estão bem distantes da Samsung (a briga com a coreana é com Apple, Huawei e outras chibesas).

    Em questão nacional, elas ainda estão longe, mas não numa escala tão grande como numa esfera internacional. O negócio é que as duas fabricantes (Motorola e ASUS) precisarão se mexer, isso porque a Samsung lançou um conjunto de celulares chamativos (linha S10) e ainda tem a presença da Huawei (P30 e P30 Pro, e a vindoura Mate 30) e a Xiaomi. Logo, neste cenário, ou elas, Motorola e ASUS, se metem a lançar flagship's interessantes ou então se verão fadadas ao ostracismo.


  • E pensar de que quando eu saí do Iphone para me aventurar no Android eu fiquei na dúvida entre um S5, um G3 ou um X2. Fui de X2 e foi um dos melhores aparelhos que eu já tive. Vendo hoje a Motorola e a LG só dá pra pensar em como perderam potencial. Triste fato, quem sabe um Motorola Pixel "By Google" não seria hoje o melhor concorrente para Samsung e Huawei.


  • Talvez em solo nacional, a Motorola ainda possa pensar (e acredito que ficará só no "pensar" mesmo) em incomodar um pouco a Sammy... mas em caráter global, existe uma distância absurda. Em relação a ASUS, ela primeiro tem que pensar em tentar brigar com a Motorola (coisa que até agora não o fez de forma eficiente) antes de pensar em incomodar alguém que está a uma distância quase inalcançável. Lembrando que, como foi comentado abaixo, o brasileiro ainda escolhe um aparelho pela marca, justamente por isso Samsung e Motorola são as duas marcas que mais faturam em solo tupiniquim, enquanto a ASUS continua muito abaixo do esperado.


  • que saudades da linha x.


  • No momento não acho que Motorola e ASUS sejam competidores diretos da Samsung. Não no segmento de tops de linha e/ou premium mas em intermediários eles tem potencial.
    Ambas são boas fabricantes mas precisam acertar alguns aspectos ainda. Pra mim a Motorola precisa de um redesign nos aparelhos e voltar a entregar atualizações como antes.


  • Concordo com o Artur: excelente matéria da Stella.
    O brasileiro não compra recursos, características. Compra MARCA e PREÇO.
    Há pessoas que mostram porquê gostam de uma marca e não de outra.
    Mas a maioria escolhe o aparelho por pura simpatia, como se escolhe a cor da blusa que vestirá hoje.
    Eu queria comprar um LG G7 para ter dual VoLTE.
    O G7+ da Motorola também tem o recurso, e custa a metade. Comprei ele.

Mostrar todos os comentários