Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Review 12 min para ler 151 Comentários

Review do Moto G6 Plus: a Motorola definitivamente evoluiu a linha G

Depois de mais de um mês de testes, trazemos para vocês o review completo do Moto G6 Plus, o melhor dos intermediários da Motorola. De lá pra cá, seu preço já caiu em 10%, e ele passou a ser uma escolha mais interessante para os que procuram mais desempenho por menor valor. Vamos ver como ele se saiu e se vale a pena para você.

Avaliação

Prós

  • Tela grande
  • Bom desempenho
  • Slots não são híbridos
  • Sensor biométrico multifuncional

Contras

  • Bordas não são extamente pequenas
  • Moto Voz precisa ser bem aprimorado
  • A qualidade do som não é das melhores

Moto G6 Plus – Data de lançamento e preço

O Moto G6 Plus foi lançado em conjunto com o Moto G6 e o Moto G6 Plus, durante um evento realizado pela Motorola, em São Paulo. Os preços e as cores são as seguintes:

  • Moto G6: R$ 1.299 (Indigo, Prata, Dourado Rosé, Preto)
  • Moto G6 Play: R$ 1.099 (Dourado, Indigo)
  • Moto G6 Plus: R$ 1.599 (Indigo)

As vendas começaram no site da Motorola desde o dia 19 de abril e posteriormente chegaram ao varejo físico e online.

Muito mais elegante

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6902
A mais bela traseira de um Moto G / © AndroidPIT by Irina Efremova

O círculo protuberante na traseira, que compõe o visual de praticamente todos os aparelhos da marca nos últimos anos, ainda está presente, mas o Moto G6 Plus não se parece mais com a linha intermediária G. Ele e os outros ficaram mais parecidos com o Moto X4, muito por causa do acabamento traseiro em vidro e o efeito aveludado do brilho que ele traz. A cor do que eu peguei para testes é o azul Indigo (por enquanto só tem essa), um tom bem escuro e elegante.

Ninguém imaginava que um dia o adjetivo elegante seria usado na linha Moto G, mas esse é o caso aqui. O círculo do qual poucos gostam continua bem alto, a traseira traz os efeitos visuais do Moto X4, os cantos são bem arredondados e a pegada é ótima nas laterais, e a traseira reta que não acompanha a ergonomia não incomodou muito. A tecnologia repelente de líquidos está presente, mas ele não é à prova d'água.

A traseira também tem o microfone extra, na parte de baixo, e a câmera dupla parece uma carinha junto ao flash. Acima ficam o berço para os cartões e um microfone, enquanto o lado direito abriga os finos botões de volume e energia. Abaixo ficam a conexão de áudio e a USB-C, e a frente tem um monte de coisas: câmera, saída de som, flash, tela, logotipo da empresa, o sensor biométrico, mais achatadinho e um terceiro microfone.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6969
Laterais em plástico, além de uma conexão USB C e a manutenção da conexão de áudio / © AndroidPIT by Irina Efremova

Ele é bem grandão, mas seus 8 milímetros deixam ele fininho e as 167 gramas ajudam a ser leve e fácil de usar no geral. A única coisa que preocupa são as laterais, que imitam metal cintilante mas são feitas em plástico. A Motorola afirma que isso absorve melhor quedas, mas parece mais frágil.

A maior tela da linha G

Se você procura uma tela grande com um bom desempenho, mas sem pagar tanto, pode acabar gostando do G6 Plus. Com 5.9 polegadas que tomam 75% da frente do aparelho, ela traz definição Full HD+ de 1080 x 2160 pixels e 409 ppi de densidade.

É uma tela 18:9, as primeiras que a Motorola lança, e que foram denominadas Max Vision. A tecnologia é IPS, uma vez que a empresa guarda o AMOLED para aparelhos mais caros, mas não vi nenhum problema aqui. Não traz aquelas cores intensas, mas se mostrou bem equilibrada e com bons ângulos de visão.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6942
O Moto G6 Plus traz uma tela de quase seis polegadas / © AndroidPIT by Irina Efremova

A proteção do vidro é Gorilla Glass 3, mas percebemos que não houve muito esforço da Motorola para retirar as bordas aqui. São certamente bordas mais finas, mas ainda muito grandes para a tendência atual. Mais uma vez, esse recurso deve ficar para os aparelhos mais caros.

O Moto App domina

Os dois maiores diferenciais dos aparelhos da Motorola (praticamente os únicos, aliás) são seu sensor biométrico e os apps especiais da Motorola. Essas duas funções turbinam o uso do sistema e trazem melhorias boas e simples para quem procura praticidades.

O sensor biométrico está menor, mas continua com as mesmas características especiais que apareceram nos últimos Moto. Além de destravar o aparelho com a digital, ele também guarda senhas, trava o aparelho novamente com um toque de qualquer dedo e ajuda na navegação.

Arrastar para a esquerda é o voltar, para a direita é a multitarefa. Isso elimina os botões da tela e você ganha espaço, mas pode desativar se não gostar. Se mantiver senso tocado, abre o Google Assistente.

Essa função está dentro do app Moto, que traz as outras funções características dos Motorolas. Você desliza o dedo pela tela para deixá-la menor, captura um screenshot com três dedos na tela, agita o aparelho para ligar a câmera, trocar a câmera ou ligar a lanterna, entre outros.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6939
O sensor biométrico multifunção ainda é um destaque do Moto G / © AndroidPIT by Irina Efremova

A Moto Tela ativa o filtro azul de noite, não desliga a tela enquanto você estiver olhando para ela e mostra notificações, com direito a ações rápidas, na tela desligada. São funções que já agradam os usuários da marca, mas que podem ser simples para quem gosta de muitas funções no aparelho.

Entre as novidades temos o Moto Voz, presente no G6 Plus em sua versão Beta. Como todas as marcas estão apresentando seus próprios assistentes digitais, a Motorola trouxe esse. E esperamos que ela melhore mesmo o app, pois ele se mostrou simples, com poucos comandos e funções, embora sempre ofereçe continuar a conversa. Ainda bem que o Assistente do Google está presente e substitui bem.

Por último e pela primeira vez, o melhor aparelho da linha G conta com TV Digital HD embutida. Para usar é preciso conectar a antena que vem na caixa, e com a tela de quase 6 polegadas isso pode ser um diferencial para os que não querem um aparelho de entrada só para ver TV.

20180419 130725
Moto App traz mais recursos / © AndroidPIT

Não é Android puro, mas é leve

Faz tempo que não é mais correto dizer que o sistema da Motorola é próximo do puro, mas ele continua relativamente leve e pouco intrusivo. Ainda é a interface que menos traz funções e personalizações, boa para quem quer investir em um laucher.

O G6 Plus já vem de fábrica com o Android Oreo 8.0.0, e a fabricante confirmou que ele será atualizado para o Android P, sem dar detalhes de data. Desde os aparelhos da marca que vinham com Nougat, a diferença de visual não é muito grande, e o que mais muda é a área de atalhos, com cada função bem espaçada e fundo branco.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6958
Moto G6 Plus traz o Android Oreo de fábrica / © AndroidPIT by Irina Efremova

De resto, as modificações da própria Motorola, com ícones arredondados, dock e gaveta de aplicativos transparentes e os apps especiais que são o que adicionam o tempero da empresa no aparelho. Na área de configurações e aplicativos, as coisas ficam quase iguais ao que já conhecemos da fabricante

O desempenho depende do app ligado

Talvez como que em uma tentativa de pegar o que de bom o Moto X4 teve (fora a proteção contra água, infelizmente), o conjunto de hardware do Moto G6 Plus é o mesmo da linha X, com chipset Qualcomm Snapdragon 630, 4 GB de RAM e GPU Adreno 508.

De espaço interno são 64 GB, dos quais 45 GB estão livres para o usuário. Há também slot para cartão microSD de até 256 GB. Ele não é híbrido e o berço é enorme para acomodar esse cartão e mais dois chips nano SIM. Nas conexões traz WiFi a/b/g/n/ac dual-band, Bluetooth 5.0 com A2DP, LE e EDR, NFC, GPS com A-GPS, GLONASS, GALILEO e BDS.

O jogo do momento para Android é o PUBG, e não poderia deixar de testá-lo. Com os gráficos sugeridos para o mínimo eu não tive quaisquer problemas de desempenho, e o jogo transcorreu sem lags ou travamentos. Ao mesmo tempo, ele não esquentou quade nada durante esse uso mais pesado.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6913
A traseira do Moto G6 Plus lembra muito a do Moto X4 / © AndroidPIT by Irina Efremova

No uso geral ele funciona bem, dependendo dos apps que você liga. No teste de multitarefa liguei vários apps e ele voltava a todos sem ter de religar nenhum. Porém, quando liguei apps como o Chrome ou o PUBG, ele religou diversos dos apps mais simples, mas não esses dois, mostrando que reservava sua memória para esses apps mais pesados.

O Dolby não faz milagres

Outros dos destaques anunciados pela Motorola na linha G6 é o suporte ao Dolby Audio, com direito a um app exclusivo para controlar esse recurso. Porém, com apenas uma saída de som, dividida com a saída para as chamadas, é preciso dizer que não há milagres.

É um som alto, e muitas pessoas vão gostar por causa disso, mas ele estoura nos agudos. É claro que você pode ajustar isso no app da Dolby, que inclusive está na área de atalhos, mas é preciso conhecer mais de som para ajustar corretamente e tirar músicas melhores. Há perfis pré definidos, mas são poucos.

O Dolby funciona para outras mídias também, e dá para dizer que funciona muito bem para jogos, onde os agudos funcionam bem. Pra filmes irá precisar de alguns ajustes. No geral, é melhor usar fones de ouvido. Os que vêm na caixa são intra auriculares e têm cabo flat, o som é bem equilibrado, mas são um pouco baixos. Os fones também servem como antena para o rádio FM.

Câmera acima do esperado

A cada novo aparelho, a Motorola adiciona recursos à câmera, mostrando que quer agradar o consumidor mais instantâneo, aquele que quer puxar o smartphone do bolso e fazer uma foto legal, do que aquele que preza pela alta qualidade e definição da imagem.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6953
Câmera melhor do que o esperado / © AndroidPIT by Irina Efremova

Ainda assim, o conjunto é bom, com a traseira acomodando uma câmera dupla de 12 MP e 5 MP, com aberturas de f/1.7 e f/2.2 respectivamente. Na frente, uma câmera de 8 MP de abertura f/2.2. O modo manual se mantém e a velocidade do obturador vai de 1/6000 a 1/3 de segundo. Traz as tecnologias dual pixel dual, foco automático com detecção de fase, flash de LED duplo e HDR automático. A câmera traseira faz vídeos em 4K a 30 fps ou Full HD a 60 fps, enquanto a frontal faz vídeos em Full HD a 30 fps.

Os recursos especiais são vários. Além do modo retrato, conta com recorte de imagem na foto, cor em destaque, efeitos animados (filtros no estilo Instagram), câmera lenta e time lapse. O interessante é que a câmera frontal também tem esses dois últimos, além do recurso selfie em grupo, que faz um panorama para pegar mais amigos.

O modo retrato é bom, mas come algumas partes mais difíceis como pontas de óculos e cabelo. A qualidade das fotos é bem interessante para o modelo e a marca. Mesmo em situações difíceis de luz granulou menos do que o esperado, fez imagens com detalhes muito bons e as cores caem mais para o quente, o que me agrada.

IMG 20180526 153613364 PORTRAIT
Bons detalhes chamaram a atenção / © AndroidPIT por Stella Dauer

Tirei muitas fotos ligeiramente fora de foco ou tremidas, sinal de que a câmera não é muito rápida nessas funções. Mas uma foto em que você para cinco segundos para capturar já fica bem superior. Imagens em situações de contraste tiveram resultados mistos. Gostei da qualidade dos retratos que fez com a câmera traseira e o zoom também agradou.

A câmera frontal traz cores mais frias, e embora tenha menos detalhes, mas também achei as selfies bem dignas. Para vídeos, faz stories legais, mas com uma qualidade apenas boa. Há o uso IA par ao reconhecimento de objetos, e os resultados foram bem bacanas em diversas ocasiões, onde chegou até a encontrar em uma loja o mesmo modelo de tênis que eu estava usando.

Bateria mais do que suficiente para o seu uso diário

Para tentar segurar a barra da tela maior, o G6 Plus vem com bateria de 3.200 mAh, duzentos a mais do que o Moto X4 e o Moto G5S Plus. Entretanto, a tela cobra seu preço, ainda mais com a Moto Tela em um display que não é AMOLED.

AndroidPIT motorola moto g6 plus 6963
Câmera frontal, flash e sensores / © AndroidPIT by Irina Efremova

Obtive 7 horas e 20 minutos de tela em meu teste de uso diário, e em uso mais intenso chegou a 7 horas também. O tempo de uso diário foi de 14 horas e meia, mais do que suficiente para um dia de trabalho com transporte e um pouco de uso em casa antes da recarga, que levou 1 hora e meia no seu total.

Ele vem com carregador TurboPower de 15W na caixa (além de uma case em TPU transparente para proteger o aparelho), e 15 minutos de carga garantem mais de três horas de uso moderado.

Moto G6 Plus – Especificações Técnicas

Dimensões: 160 x 75 x 8 mm
Peso: 165 g
Tamanho da bateria: 3200 mAh
Tamanho da tela: 5,93 polegadas
Tecnologia da tela: LCD
Tela: 2160 x 1080 pixels (409 ppi)
Câmera frontal 16 megapixels
Câmera traseira 12 megapixels
Flash: LED
Versão do Android: 8.0 - Oreo
RAM: 3 GB
4 GB
6 GB
Memória interna: 32 GB
64 GB
Memória removível: microSD
Chipset: Qualcomm Snapdragon 630
Número de núcleos: 8
Velocidade máx. 2,2 GHz
Conectividade HSPA, LTE, NFC, Dual-SIM , Bluetooth 5.0

Veredito Final

O Moto G6 Plus não é nenhuma super revolução da Motorola, mas mostrou as evoluções esperadas para a linha. Há muito tempo as empresas mais populares como ASUS e Motorola deixaram de fazer smartphones de plástico em suas linhas mais famosas e estão subindo a qualidade e o preço de seus aparelhos.

Em desempenho, o G6 Plus é parecido com G5S Plus, mas traz câmeras melhores, tela melhor e design mais elegante. O preço já está caindo e ele parece ser uma ótima opção para quem não quer um aparelho mais antigo como o Z2 Play, mas que precisa de desempenho. Em alguns aspectos pode não ser uma opção melhor do que o Galaxy A8, mas é um dos melhores lançamentos em intermediários do ano, com certeza.

Na linha Moto G a IA ainda engatinha, mas devemos ter novidades com o Z3. o Moto Voz, ainda em Beta, é um rascunho do que sabemos que pode ser feito, a exemplo do próprio Google Assistente. O áudio foi mesmo o que mais me chateou, mas outros contras não foram o suficiente para que eu desabonasse ele como um todo.

O que você achou do Moto G6 Plus?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Marcelo Neri há 7 meses

    Parte frontal bacana, ficaria melhor sem o espremido Motorola acima do sensor biométrico e traseira horrível.
    Configurações de hardware ok, tirando a bola fora da versão com a RAM internacional.
    A Motorola não vive falando da importância do Brasil e blá blá blá?
    Então cadê a igualdade com o modelo internacional?
    Ou somos importantes apenas pra tirar a empresa do buraco?

  • Rogério Dias há 7 meses

    Verdade. A inscrição acima do leitor biométrico é uma aberração de design.

  • Marcelo Neri há 7 meses

    Vale a pena fazer o upgrade para o S7 ou S7 Edge Vinícius.
    Por esse preço da Motorola tô fora!

  • AC&MM há 7 meses

    Só o Logotipo da Motorola na traseira já era suficiente. Pra quê essa papagaiada de colocar o nome em cima do leitor biométrico?! No demais, parece um bom aparelho.

  • Marcelo Neri há 7 meses

    É melhor tentar vender pra particular Vinícius, pois vão jogar o preço do seu aparelho lá embaixo, pra lucrarem mais na revenda.
    Em sites de compra vão te pagar apenas a metade do valor, se chegar a isso!

151 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Gostei muito desse aparelho, porém vi algumas pessoas reclamando de problemas relacionados a conexão wi-fi. Será mesmo verdade que a motorola deixou mesmo a desejar com um erro tão grosseiro assim?


  • Pesquisei bastante antes de comprar um celular novo e, sinceramente, eu não compraria outro senão o G6 Plus. Com alguns meses de uso, até então o aparelho não decepcionou em nada, bem pelo contrário, ao passo que vários tops de linha da Samsung e LG apresentam travamentos e outras reclamações. Ainda mais agora caindo de preço, o custo benefício é muito alto.


  • Estou em dúvida se adquiro o moto g6 plus ou o galaxy j7 pro!! me ajudem, por favor!! No caso, se eu for comprar o telefone será no black friday. Preciso de um telefone que se mantenha atualizado, que tenha uma boa câmera, bastante memoria interna e que custe no máximo 1500 reais. Esse smartphone terá que me atender até os próximos 4/5 anos! (só para vocês terem noção, comprei meu Galaxy Win Duos em 2013 e estou com ele até hoje.. kkkk… mas ele não me atende mais!! preciso de trocar de telefone urgente!)


    • O J7 Pro é excelente, mas sou do #TeamMotorola. E o G6 Plus tem todas as especificações que deseja. Se comparado com o Z2 (top de linha), seu desempenho supera, além de estar mais atualizado (:


  • a Motorola sempre muito coerente com seus smartphones, eu particularmente gosto de tudo qye a Motorola produz no Brasil.


  • É um bom aparelho, é só ter calma e comprar daqui mais uns meses que o preço cai


    •   14
      Conta desativada há 5 meses Link para o comentário

      Verdade, melhor esperar alguns meses para comprar!


  • A linha G6 é uma boa linha, o que prejudica ela são os preços praticados.


  • a borda do celular ficou meio que desproporcional para o design... achei estranho


  • Parece uma boa opção para quem não usa o multitarefa constantemente, pois vários reviews comprovam o desempenho lamentável do aparelho ao alternar alguns aplicativos abertos - os 4GB de RAM são insuficientes devido a otimização precária do software da Lenovo.


  • Evolução? Recursos que Motorolas de 2014 já possuiam. Potencia inferior aos tops de 2014... O pior de tudo é o custo desse aparelho, que vale muito mais a pena pegar um S7 edge de 64gb, porque custa até mais barato.


    • Falar que a potência é inferior a tops de 2014 já é exagero, né, meu amigo. Esse celular pontua mais em benchmarks como o Antutu do que qualquer top de linha de 2014.


  • Meu futuro aparelho! Só me falta-me a grana... hauhauahuahuahuahuah


  • "O que você achou do Moto G6 Plus?" - Ficou legal, mas foi apenas uma atualização da linha.


  • Realmente ficou bom por ser da linha G.


  • "De espaço interno são 64 GB, dos quais 45 GB estão livres para o usuário", espera aí... são 19GB ocupados pelo sistema? Curioso que o pessoal reclamou do Moto X4. Tudo bem que esse vem com 64GB de armazenamento interno, mas convenhamos que veio comendo mais espaço que o X4 que, depois de instalado o Android Oreo, diminui o espaço interno ocupado pelo sistema bastante.


    • ele fica com o sistema instalado 2x, uma em uso e outra para quando for atualizar, é rápido e seguro


      •   14
        Conta desativada há 5 meses Link para o comentário

        Isso, a culpa do consumo exagerado do armazenamento do Moto X4 é a partição A/B da Google, mas com o Oreo diminui esse consumo!

Mostrar todos os comentários

Artigos recomendados