Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
Hands-on do Multilaser MS80X: o smartphone que conquista
Hardware Multilaser 5 min para ler 41 Comentários

Hands-on do Multilaser MS80X: o smartphone que conquista

Em meados de novembro, e obviamente pensando na Black Friday, a Multilaser lançou três novos smartphones intermediários, sendo o MS80X a melhor aposta da empresa nesse segmento. Recebi um exemplar para testes deste dispositivo e gostaria de comentar sobre as primeiras (e positivas) impressões que tive dele a seguir.

O MS80X é um dispositivo imponente, tem quase o mesmo tamanho do Pixel 3 XL e, inclusive, compartilha de características presentes neste modelo da Google, como o entalhe no topo da tela e bordas frontais otimizadas. O corpo é feito em alumínio brilhante na parte de trás, conferindo um aspecto de vidro com bordas 2D, e o logo da Multilaser está impresso na parte inferior traseira, quase imperceptível.

É um acabamento simples, menos refinado que um Motorola, por exemplo, porém semelhante ao de um Xiaomi de entrada ou modelo similar, como os Galaxy J mais básicos. Não se trata de um revestimento feio, pelo contrário, o modelo é bem acabado e tem boas linhas nas laterais, retas e anatômicas, o que torna o encaixe nas mãos agradável. O sensor biométrico está na parte central da traseira, e temos ainda LED de notificação na frente, porta USB mini e entrada para fone de ouvido. Tudo nos conformes.

IMG 6162
Acabamento traseiro do MS80X  / © AndroidPIT

Em termos de hardware, podemos dizer que encontramos uma combinação que pode agradar quem busca por uma opção para usar com redes sociais (segue a gente lá no @androidpit.br, valeu), e-mails, guardar arquivos, baixar conteúdo de streaming offline e jogar títulos mais leves. O processador é antigo, o saudoso Snapdragon 450, enquanto a RAM é mais generosa, de 4 GB, complementados pelo armazenamento grande de 64 GB.

A Samsung lançou alguns modelos ano passado seguindo essa mesma lógica, equipando-os com processador econômico e mais antigo e compensando com mais memória e espaço interno, como o Galaxy J8, que, inclusive, custa R$ 300 a mais que o MS80X. Você acaba tendo um resultado satisfatório, principalmente rodando um sistema menos exigente que o Android Pie, o Oreo, no caso. 

Multilaser MS80X - Especificações técnicas

  • Tela: 6,2" LCD FHD+, aspecto 19:9;
  • Processador: Snapdragon 450 octa-core de 1,8 GHz;
  • Memória RAM: 4 GB;
  • Armazenamento: 64 GB, microSD até 128 GB;
  • Câmera principal: 12 MP (sensor Sony IMX486) + 5 MP;
  • Câmera frontal: 16 MP;
  • Bateria: 3.500 mAh;
  • Sistema operacional Android 8.1 Oreo.
IMG E6164
Multilaser MS80X rodando o Instagram do @androidpit.br / © AndroidPIT

A performance do MS80X não decepciona pois, basicamente, você tem a mesma capacidade de processamento de outros modelos na mesma faixa de preço, como o Moto G6, por exemplo, ou o já mencionado Galaxy J8. Notei que ele demora um pouco para se conectar no Wi-Fi e parear em acessórios Bluetooth, mas depois que conecta tudo funciona sem instabilidade. A bateria aguenta ao menos um dia inteiro, devido a tela grande, pois com esse processador seria possível atingir uma autonomia maior com um display menor.

Gostaria de falar sobre a tela do MS80X, que surpreende pelo brilho intenso, contraste e cores equilibradas e vivas. O painel LCD tem boa qualidade e apresenta nível de nitidez excelente, sendo o ponto forte do modelo. Confesso que esperava menos, mas a experiência que a tela do MS80X entrega me agradou e ficou acima das minhas expectativas. 

IMG 6160
Tela Full HD de 6,2 polegadas / © AndroidPIT

A câmera traseira é dupla e entrega boas imagens em condições de iluminação adequada. As fotos abaixo foram tiradas em 12 MP, que é a capacidade máxima, mas há uma leve compactação do nosso servidor, então sugiro que você clique aqui para vê-las em alta qualidade. O software da Multilaser é ágil, traz uma interface simples, bem arranjada e com recursos essenciais. 

O conjunto da câmera, hardware e software foi outro ponto que me deixou bastante satisfeito. Como vocês podem notar, o pós-processamento não é agressivo, a saturação é equilibrada e o nível de detalhes é satisfatório para a proposta do dispositivo. Ainda sobre o software, mas não se tratando da câmera em si, a Multilaser não altera a interface do Android drasticamente.

IMG 20190131 164458204
 © AndroidPIT
IMG 20190131 164431009
© AndroidPIT

Mas, Bruno, como um smartphone da Multilaser pode ser tão bom assim como você está dizendo? Obviamente, você recebeu alguma coisa para fazer esse hands-on, né? Nada disso, pelo contrário, ainda tem a cereja do bolo. A Multilaser envia na caixa um carregador, película lisa, capa de silicone e, pasmem, uma película de vidro. Sim, película de v-i-d-r-o. O ponto negativo nos acessórios é: não vem com fone de ouvido.

IMG 6166
Acessórios do MS80X / © AndroidPIT

Multilaser MS80X é bom?

É claro que para um dispositivo que entrega processador Snapdragon 450, não tem USB-C ou carregador turbo, pagar os R$ 1.000 que a Multilaser pede (R$ 949,06 à vista) pode não ser uma decisão fácil, visto que existe todo um tabu em torno das marcas nacionais. Mas o MS80X realmente entrega o que um modelo intermediário tem que entregar, sem muitos pontos negativos.

Também não podemos achar que smartphones bons são apenas os topos de linha e o resto "a gente importa da China", até porque essa não é a realidade de muita gente. Você pode até considerar um outro modelo com Snapdragon 630, por exemplo, mas se ele tiver a mesma quantidade de RAM e de armazenamento do MS80X, provavelmente você acabará recebendo a mesma performance. Logo, vai dar "tudo na mesma".

IMG 6161
Este é o MS80X / © AndoridPIT

Além disso, dificilmente os usuários que buscam um modelo abaixo dos mil reais querem algo para processamento pesado, como aplicações que usam Realidade Aumentada, ou até mesmo gráficos intensos. Alguns artigos que foram publicados no site, como este sobre o novo visual do Gmail, foram feitos por mim com o MS80X, além de outros testes de apps e jogos. Tudo rodou sem problemas (e olha que tem um Galaxy S9 aqui ao meu lado pra isso).

Se você ficou interessado no MS80X, e gostaria de ver um review completo dele aqui no site, deixe um comentário aí embaixo. 

O que você achou da aposta da Multilaser?

Facebook Twitter 204 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

41 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Como valorizar uma marca nacional que em pleno 2018/19 lança um aparelho com Snapdragon 450?

    CAV


  • Lembrei-me agora: o J8, apesar de ser mais caro em R$ 300,00 já possui o Dual-VoLTE.


  • Você não vai achar capa quando essa ficar amarelada, nem película. E se o celular apresentar algum defeito, só conseguirá ser ressarcido com uma ação no Juizado Especial Cível. Já passei por esse pesadelo com a Multilaser. Ganhei bônus após o processo e comprei diversos produtos. Cerca de 70% deles apresentaram defeitos (não, eu não estou brincando nem exagerando). O processo precisou ser reaberto. Multilaser... NUNCA mais. A empresa teria que me provar antes que seus produtos têm durabilidade. Por falta de opção no mercado eu arriscaria com os tablets da empresa. Sempre com garantia estendida. De resto... tô fora. Multilaser eu só indico pra INIMIGOS.

    Não sou um hater. Fiz propaganda da Multilaser no passado, apoiei a marca, etc., mas foi frustrante. Infelizmente, a MULTILASER É UMA PIADA DE MAU GOSTO.


  • é um aparelho com bom desempenho e barato, só gostaria que a tela fosse menor 6" no máximo, não que o aparelho seja enorme mas prefiro aparelhos que tenham 150mm ou menos... mas quem sabe como aparentemente o SD632 vai ser o novo queridinho entre os intermediários não duvido que em algum próximo lançamento da Multilaser use o SD632...


  • É bom ver um produto comercializado por uma empresa nacional dar certo.


  • Eu tenho um,o celular é ótimo, não deve nada para os concorrentes.


  • Já comprei muitas coisas da Multilaser e me arrependo. Comprei 4 mouses aqui para a empresa, os quatro deram problema, fora outras coisas que comprei e não são tão boas. No caso de um celular eu ficaria muito com o pé atrás. Porém acho importante que ela cresça justamente por ser uma empresa nacional, mas em termos de qualidade é algo que precisa mudar e muito. Fazer um bom nome é uma das primeiras coisa que se deve ter para bater de frente com outras marcas, espero que ela mude isso.


  • Sim! Merece um Review sim! Se ele tem tantos acertos, merecem ser detalhados. Eu preciso de um segundo aparelho e to gostando dessa possibilidade. E até para indicar a quem não quer gastar tanto...


  • De fato o aparelho é bonito, possivelmente aquele tal de 'white label', mas não deixa de ser interessante. Tendo em vista que aqui no Brasil vc escolhe um Galaxy da vida ou a saturada linha moto... é legal ver uma marca nacional tentando entrar no mercado com um aparelho bem semelhante com o que a gente ver hoje em dia.
    Se fosse um processador da série 6xx seria mais interessante ainda.

    E uma observação; mandaram tudo na caixa menos o fone de ouvido KKKKKKK


  • Hands-on do Multilaser MS80X: o smartphone que conquista 🤔
    É legal, mas não vamos exagerar.


  • Uma ótima opção para quem quer ter um bom smartphone sem pagar muito.


  • mto bom hein! mercado nacional ta carente de coisa boa!!


  • Mandou muito bem com processador snapdragon, agora, Multilaser, é complicado. Já comprei um par de fones de ouvido tipo in ear, e com menos de uma hora, se desmontou por completo. Fui na loja para trocar por outro. Pensando que tinha resolvido, visto que tinha comprado para utilizar numa viagem de busão, com mais de 10 horas de duração. Só, que na primeira hora, o fone se desmanchou de novo e fiquei sem poder ouvir música. Outra vez foi um teclado, o antigo tinha apresentado problemas, então, comprei um novo da mesma marca Multilaser, que quando coloquei no computador, não foi reconhecido. Fui na loja trocar e percebe-se que estava danificado. Troq6 por outro da mesma marca que apresentou a mesma falha. Fica complicado comprar o produto.

Mostrar todos os comentários