Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

2 min para ler 49 Comentários

MWC: O que esperar de novidades em Android

O Mobile World Congress, um dos eventos de tecnologia mais esperados do ano, inicia sua edição 2018 na próxima segunda-feira, 26 de fevereiro. E o que podemos esperar de novidades quando assunto é Android? Android Go e Android One com certeza serão destaques.

A Google anunciou que, já no MWC, será possível ver o primeiro conjunto de smartphones usando o Android Oreo em sua versão Go. Prometeu, ainda, que eles devem estar disponíveis para compra logo após a feira.

O Android Oreo em sua versão Go é uma versão otimizada do Android Oreo convencional, criada para celulares mais simples. O objetivo é fazer o sistema rodar de forma mais leve naqueles dispositivos que tem apenas 1GB de RAM ou menos. Dessa forma, a tecnologia Android se torna mais acessível a diversas camadas da população, afinal os celulares mais simples são, muitas vezes, a porta de entrada ou o único meio de tecnologia para muitas pessoas.

A experiência com a versão Go do Android promete ser, apesar das limitações dos celulares, bastante completa. Os smartphones incluirão em sua lista de aplicativos aqueles que também foram projetados para funcionar bem ocupando menos memória, como o Google Go e o Youtube Go.

Outra novidade que pode ser esperada no MWC é o Android One. Essa tecnologia promete entregar três itens principais: acesso mais rápido às atualizações do Android por dois anos, atualizações de segurança regulares por três anos e uma interface mais simples e intuitiva, trazendo os melhores serviços da Google.

Com essas duas novidades, Android Go e Android One, a Google pretende comemorar de forma especial os 10 anos da tecnologia Android. Os últimos anos foram, inclusive, de muito crescimento: hoje, o sistema operacional já está presente em mais de 2 bilhões de dispositivos. Como será que o Android nos surpreenderá a longo prazo?

Os comentários favoritos dos leitores

  •   48
    Conta desativada há 8 meses

    O Android One é o que era pra ser o Android Oreo....

    Quanto ao Android Go, não sei se esse mercado é tão promissor já que celulares com 512mb e 1Ram são cada vez mais raros....

  • Jairo rios há 8 meses

    Mais empresas comercializando gadgets com o Android One seria interessante .

  • Henrique Ariel há 8 meses

    Na índia e países mto inferiores ao nosso, vários aparelhos são lançados com 1gb de ram ou 768mb. Lá a galera paga algo tipo 50$ no aparelho e como tem muita gente, acaba popularizando, acho super valido um sistema assim, pena não ser na época do galaxy Y, assim mta gente não falaria mal do android/samsung por causa daquela época.

  •   62
    Conta desativada há 8 meses

    Se cada empresa fabricar seu próprio sistema, automaticamente eles iriam perder o contrato com o Google.

    Para as fabricantes em especial, não atualizar acaba '' forçando '' o cliente a trocar de aparelho sempre, e o Google nesse ponto também faz vistas grossas, por isso a fragmentação se mantém alta.

    Apenas os intermediários e topos de linha recebem normalmente duas atualizações, dependendo do fabricante.

  •   55
    Conta desativada há 8 meses

    Não sei o que virá por aí, mais espero mais e mais melhorias no sistema, bem como maior duração de atualizações para os aparelhos, afinal de contas os usuários merecem isto. Tomara que venham boas novidades.

49 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Acho que a Google esta regredindo ao alimentar a industria de aparelhos de entrada com especificações bem ruins em pleno 2018. Acho que seria interessante se ela firmasse parcerias para o Android One, que nas versões atuais são aparelhos intermediários com bom preço e Android puro.

    CAV


    • Agora que ela mudou a proposta do Android One e conseguiu a parceria da Xiaomi, da Motorola e da Nokia, a coisa deve começar a fluir mais.
      Porque ficar contando só com a General Mobile e a Micromax não estava levando as coisas muito longe.


  • vamos aguardar


  • Enquanto isso o Go nas custom ROMs tem se mostrado inútil. Moto G1 com o Go Edition ficou bugado demais. Moto G3 ficou só as mudanças estéticas do Go. Sendo sincero? Android Go tem um caminho longo, e bastante longo.


    •   85
      Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

      eu achei um pessimo sistema tao capado q parece q um symbian tem mais coisa q ele e muito mais leve tbm


  • As fichas e as expectativas são as melhores possíveis, para esse super mega evento. Quanto ao Android, espero uma melhor renderização na memória RAM, para reduzir o consumo e consequentemente, aumentar a autonomia da bateria.


  • Eu espero que algum dia eu possa receber as atualizações de segurança desse mês NESSE mês


  • Espero que o Android melhore a distribuição das atualizações!


  •   62
    Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

    Seria excelente se o Google pudesse colocar no Android 8 ainda, que o próprio sistema se adaptasse ao hardware de cada dispositivo. Ou seja, aparelhos com até 2 GB de RAM, iriam consumir bem menos memória por exemplo, nesse ponto, teria gás de sobra para outras funções sem nenhuma lentidão.


  •   11
    Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

    Acho que essa é a hora de as fabricantes começarem a desenvolver seus próprios SOs. Está ridículo isso: 1% dos aparelhos foram atualizados para o Oreo. Mas o problema não é só da Goggle, mas tb das fabricantes, pois não atualizam de propósito.


    •   48
      Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

      Dificilmente alguma empresa consiga derrubar a hegemonia da Google. A Samsung já tentou com o Tizen, a Firefox tb já tentou um OS e fracassou, não é tão fácil como parece. O único que com investimento pesado eu acho que seria bom era o Windows, mas não teve a atenção que deveria ter tido. As empresas até querem atualizar, mas essa fragmentação do sistema impede que seja feita com rapidez


      •   11
        Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

        Pois é. O pior de tudo é que o Android vem do Linux, por incrível que possa parecer, mas o Linux em PC come poeira do Windows. Não sei não, viu! parece que há uma máfia das grandes aí. Os Windows phones venderam e venderam muito, tanto é que até hoje vejo gente usando, de repente os planos da Microsoft mudaram.


    •   62
      Conta desativada há 8 meses Link para o comentário

      Se cada empresa fabricar seu próprio sistema, automaticamente eles iriam perder o contrato com o Google.

      Para as fabricantes em especial, não atualizar acaba '' forçando '' o cliente a trocar de aparelho sempre, e o Google nesse ponto também faz vistas grossas, por isso a fragmentação se mantém alta.

      Apenas os intermediários e topos de linha recebem normalmente duas atualizações, dependendo do fabricante.

Mostrar todos os comentários

Artigos recomendados