Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Por que o Google Assistente não pode ser instalado em tablets?

Por que o Google Assistente não pode ser instalado em tablets?

O Google Assistente já está disponível para um número maior de smartphones. Porém, o principal problema continua sendo o fato de que o assistente virtual ainda não pode ser usado em português. Aliás, as limitações em relação ao Google assistente não param de crescer e, desde a semana passada, sabemos que o serviço também não estará disponível para tablets. Por quê?

Na teoria, tablets oferecem suporte para o assistente

Existem vários tipos de tablets, alguns são destinados a otimizar as tarefas de trabalho e outros para o total entretenimento. Estes dispositivos costumam ser mais populares com telas de 10 polegadas ou maiores.

O Google Assistente executa diversas funções, desde gerenciar a agenda do usuário ao controle de serviços como o Netflix ou o Google Fotos. Para funcionar bem, o assistente virtual da Google precisa saber o máximo possível sobre você, seus hábitos, preferências e outros.

Para funcionar, o assistente virtual precisa saber o máximo possível sobre você

Dependendo do uso que você faz de um tablet, tal dispositivo pode fornecer uma grande quantidade de informações sobre os seus hábitos. Assim, parece ser perfeitamente adequado para uso em casa, especialmente se estiver ligado a algum outro tipo sistema, como o de áudio. Além disso, você pode manter suas contas sincronizadas e ter acesso às informações de trabalho, por exemplo.

AndroidPIT google assistant 5
O Google Assistente foi concebido para ajudar os usuários / © AndroidPIT

Na prática, oferecer suporte não é suficiente

O Google Assistente precisa saber tudo sobre você para poder ajudá-lo. No seu smartphone, certamente precisará acessar a a agenda de contatos (nem todos os seus contatos telefônicos estão no seu tablet), bem como saber sobre o seu histórico de locomoção acessando o GPS. Isto é muito menos comum em um tablet, pois não precisa ser apenas 4G, mas também deve estar com você o tempo todo.

Sendo um negócio, a Google quer que você use o máximo possível dos seus produtos. Assim, o smartphone é um gadget (muito) mais popular do que um tablet, por isso é bem mais adequado para a estratégia da gigante das buscas. Naturalmente, a Google poderia apostar em ambos os sentidos, oferecendo o seu serviço tanto para tablets quanto para smartphones, mas isso não vai acontecer.

No final da semana passada, a equipe do Android Police recebeu a confirmação de uma fonte de dentro da Google, de que o assistente virtual não estará disponível para tablets. Logo, acredito que, com base no aprendizado do assistente (machine learning), neste momento, toda a área de contexto dos usuários virá do smartphone, bem como do Google Home. Se teremos mudanças futuras, bom, só o tempo irá dizer, mas este é o momento do Google Home, logo, penso que os tablets serão deixados de lado em mais essa tarefa do cotidiano.

Vale lembrar que a equipe que desenvolve o Google Assistente não se manifestou oficialmente sobre o tema.

Por fim, o Google quer oferecer seus serviços para o maior número de pessoas possíveis e torná-los os mais eficientes possível. Logo, os tablets não têm vez aqui.

Você já usa o Assistente do Google no seu smartphone? Se estivesse disponível no Brasil, você compraria o Google Home?

Artigos recomendados

Os comentários favoritos dos leitores

  • Anderson Maciel 21/03/2017

    Se você tem conta no Gmail, então a tua privacidade já era há muito tempo.

  • Igor Arusa 21/03/2017

    Larga de Paranoia..
    SE quer privacidade então saia da internet..

  • Rodrigo Paiva 21/03/2017

    Essa justificativa para o Assistant não funcionar em tablet não é verdadeira. As informações que o sistema necessita para aprimorar a experiência (contatos, histórico do GPS, etc) são vinculados à conta Google do usuário. Não importa de qual equipamento ele esteja acessando, o Google consegue acessar essas informações. Não seria por causa disso que o Assistant não funcionaria em tablet. A real justificativa deve ser outra.

  • André Cruz de Aguiar 21/03/2017

    O Google Assistente não funciona em tablets por falha de projeto. Qualquer outra justificativa é papo furado.

  •   41
    Conta desativada 21/03/2017

    O engraçado é que daqui a pouco o Assistant vai estar configurado em um iPad, mesmo com a Siri como assistente nativo...

37 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.