Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

4 min para ler 132 Comentários

Você ainda precisa de topo de linha ou um intermediário é suficiente?

Essa é uma pergunta que mais pessoas deveriam se fazer: eu realmente preciso do último topo de linha ou um aparelho intermediário é suficiente? Até porque a resposta é fácil: sim. Pode até soar um pouco injusto da minha parte defender os intermediários sendo que eu mesma faço mais testes de aparelhos premium do que de medianos, mas a verdade é que eu mesma não teria coragem de gastar muitos salários mínimos em um produto que pode quebrar ou ser roubado ou furtado ou mesmo perdido facilmente. Eu sempre digo que se fosse comprar um topo de linha, faria seguro, e repito isso aqui. É um investimento muito alto para não protegê-lo.

Mas para além da situação socioeconômica do nosso país e do autoconhecimento de saber que, sim, sou uma pessoa desastrada que perde, esquece e derruba smartphones, verdade seja dita: há intermediários realmente bons no mercado atualmente. Além disso, e muita gente da comunidade do AndroidPIT também já percebeu, os topos de linha do ano passado são os médios deste ano. Se você não tem necessidade de ter o último modelo da última semana, a estratégia de esperar pelo lançamento da edição do ano ano é a mais indicada, especialmente porque te dá a chance de ter um premium pelo preço de um intermediário.

A Apple sempre fez isso, como ressaltou a Stella em um artigo recente sobre essa necessidade das fabricantes de terem mais opções na prateleira, e agora outras grandes passaram a fazer também, às vezes até com os intermediários do ano anterior. Vá ao site da Motorola e você encontrará não apenas os últimos Moto G de quinta geração, mas também os da quarta geração à venda.

Nem sempre dá certo, porém, uma vez que essa estratégia depende do aparelho ter sido bem sucedido no mercado, ou seja, ter tido um sucesso de público (vocês, usuários) e de crítica (nós, que testamos os aparelhos). A LG, exemplo, não conseguiu fazer isso tão bem com a linha G porque o G5 foi um verdadeiro fracasso, já a Samsung vem fazendo isso desde o Galaxy S6 no ano de lançamento do S7, pelo menos.

AndroidPIT lg g5 friends 0370
G5 não virou opção de intermediário em 2017/ © AndroidPIT

Mas para além da estratégia de mercado, podemos falar dos hardware, e de como a evolução dos processadores vem beneficiando os intermediários premium os somente intermediários. Isso porque os processadores sofrem um efeito cascata que é positivo: a cada inovação anunciada na versão mais poderosa, todas as outras maiores ou mais importantes são, em grande ou pequena medida, levadas para as linhas subsequentes.

Ou seja, pegando a Qualcomm como exemplo, significa dizer que a linha 600 deste ano, considerada a intermediária, trará recursos da linha 600 do ano passado, mas também da linha 800, a topo de linha. Até porque não faria o menor sentido a fabricante de chipset jogar todas as inovações fora, não é mesmo? O melhor é sempre passar adiante e isso vem acontecendo há algum tempo.

moto g4 moto g5 plus comparativo sete
Motorola está vendendo a quarta e a quinta geração em 2017 / © AndroidPIT

Outra prova de que a evolução dos premium tem como consequência a melhora dos intermediários está nos conjuntos de memórias. Há alguns anos, não muito, uma smartphone premium tinha 3 GB de RAM e 32GB de memória de armazenamento. Hoje, conseguimos encontrar essa configuração em aparelhos entre R$ 1.000 e R$ 2.000 facilmente. E aqui não se trata apenas de uma régua que sobe e leva todo mundo junto, mas também de componentes que ficam mais baratos conforme se popularizam.

Hoje, um aparelho intermediário tem normalmente 2 GB ou 3 GB de RAM e armazenamento de 32GB e essas são especificações bastante satisfatórias para grande parte das pessoas. É legal ter um smartphone com 6GB de RAM e 128GB de memória de armazenamento. Não tenho dúvidas, mas será que ele é realmente necessário? Minha opinião é de que o custo aliado ao benefício é sempre o mais indicado.

E vocês, o que acham dessa comparação premium x intermediário?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Léo Walk 18/09/2017

    99% dos usuários de smartphones só querem um aparelho que não trave e não apresente a famosa mensagem de memoria cheia. Dito isso, os atuais devices intermediários que possuem de 2 a 3GB de RAM e armazenamento interno de 32GB são mais que suficientes pra população!!! Os 1% são justamente a galera hardcore que quer desempenho acima da média pra jogos e nisso preferem os top de linha...rsrsrsrs...

  • Luís Fernando B. 18/09/2017

    A maioria dos usuários só precisam do smartphone para tarefas básicas, como redes sociais vídeos, músicas e algumas fotos. Considerando esse perfil de uso, os atuais intermediários atendem com folga esse público e por um bom tempo.

  • Laércio Henrique Da Silva 18/09/2017

    Pra que comprar um top de linha?A maioria das pessoas só usa pra tirar foto e postas nas redes sociais, e mal sabem usar o whatssap.

  • marcelo m. 18/09/2017

    pra mim só preciso de autonomia, o resto vem de brinde.

    email, rede social, notícias. só uso p isso.

    do que adianta um super celular que morre no meio do dia?

  • Alex Estamati 18/09/2017

    Eu passei 4 anos com um Nexus 4, de 2012 a 2016, e ele me atendia muito bem com seus 16gb internos e 2gb de ram. Hoje estou usando um Zenfone 3 de 64gb/4gb e pretendo ficar com ele por 4 anos pelo menos, uso ele para taferas corriqueiras do cotidiano e alguns jogos. Nenhum travamento nem lag

132 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Eu tô cheio de jogo no celular mas sinceramente, vivo mais nas redes sociais do que Jogando, mas se eu quiser desempenho, tenho em mãos. Zenfone 3


  • Eu prefiro gastar muito em um top de linha a cada 3~4 anos do que um pouco menos em um intermediário a cada 1,5~2 anos pois, para mim, você gasta o mesmo que gastaria em um top de linha mas o smartphone acaba ficando ruim num intervalo de tempo muito menor. Comprei meu Nexus 5 quase no lançamento aqui no Brasil e só agora no meio do ano eu troquei, peguei um HTC U11, próximo smartphone agora, caso não aconteça algum imprevisto com esse, só em 2020, enquanto isso, minha irmã pegou um G3 ano passado e esse ano já está procurando outro para trocar.


  • Eu preciso é que as fabricantes respeitem o consumidor. Se prometem algo, tem que entregar. (atualizações)


  • O G5 não virou opção de intermediário, porque já era intermediário no lançamento!!!

    Conta desativada


  • O problema de se comprar um intermediário Premium ou intermediário são os Lags. Atualmente eu uso um S8 e enfrento problemas com lags. Recentemente eu passei pelo redmi 4, moto z e Zuk z2. Dentre todos esses o S8 ainda é o melhor. O problema que eu vejo de comprar um top do ano anterior é a questão das atualizações. Gosto de ter o último Android disponível, e aparelhos Androids não são famosos pelas atualizações. Comprar um aparelho do ano anterior é certeza ficar desatualizado.


  • um intermediário atende bem , o resto é questão de status

    Conta desativada


    • Eu não enxergo gastar dinheiro com top de linha como "status", mas como economia a longo prazo. Penso que é melhor gastar um pouco mais em um top de linha e trocá-lo a cada 3~4 anos do que ficar trocando o intermediário a cada 1~2 anos, no fim das contas, o gasto é o mesmo que teria em um top de linha.


  • Estou feliz com meu note 5!


  • Comprei um aparelho e acabei de descobrir que ele está sendo reenviado ao vendedor...sugestões de aparelhos de até 700 reais made in china? pensei em motorola M ou um xiaomi.


  • Estou satisfeito com meu importado, poder de fogo de top de linha, com preço de entrada no Brasil!!!


  • Para mim que uso o celular para jogos, estou feliz com meu S7 Edge, principalmente com jogos online como o Sword of Chaos - Furia Fatal, vejo diversas pessoas reclamando por causa de lag, principalmente em GvG que ficam 40 players online dentro de um cenário.
    Mas para quem usa o celular para facebook, whats app e usa camera para tirar fotos do que comeu ou de quanto malhou na academia, não vejo a necessidade de gastar de 2 a 3k em um celular, principalmente em um iPhone com a afirmação de que "iPhone não trava", se um celular travar somente por acessar o facebook e whats app o dia todo, só por Deus né.


  • Saí dos Tops de Linha e fui para a categoria intermediária premium, e não me arrependo! Por um preço bem menor, encontro um ótimo conjunto.


  • Feliz aqui com meu Moto G3 atualizadíssimo e com meu Xperia C5 Ultra desbancando muitas câmeras de Smartphones atuais!
    Ou seja não preciso de um topo de linha no momento!


  • LG G5 dá BUR IN!!!

    Conta desativada


  • abandonei os topo de linha e estou feliz com meu zenfone selfie. me atende. não preciso de mais do que isso.

    pelo menos não derrete o processador como meu LG G3 ....


  • Materia boa, mas isso e muito subjetivo.

    Quando compro um celular (e nao faço isso com frequencia) tento juntar tudo que preciso e escolher algo que dure pelo menos uns 3 ou 4 anos - tem sido assim com o Moto Maxx <3 - .
    Mas eu gosto de jogos pesados, entao preciso de boa ram e bom processador. Assisto mta coisa, NetFlix e baixo filmes e deixo na memoria entao uma tela bonita e com boa resolução. e Uma bateria legal pra aguentar no minimo 5 ou 6 horas disso.

    Um intermediário, novo ou de outro ano pra mim? Não mesmo, valeu. Quero rankear no Modern Combat 5 sem lags.

    A questao de comprar um topo de linha e do gosto e apenas isso. tem gente que é 'analfabeto tecnológico' e pilota um iPhone 7, um S8+ so por que quer ter um celular do ano, e ai eu concordo: essas pessoas se virariam bem com um A5 ou J7... MotoG4 ou 5.

    Minha mãe mesmo, usa um Moto X-2 e um Moto G teria resolvido.


    • não é subjetivo. a matéria fala de usuário médio, o que você prontamente mostrou que não é. se compra celular pra jogar jogos pesados não é o alvo da matéria. pra você faz sentido o top de linha. e interpretação de texto, claro.

      Conta desativada


    • A questão é: você usa intermediários. No fim faz como eu, compra um top para usar por anos e ele acaba virando intermediário.


  • Android puro hoje, Android puro amanhã, Android puro sempre, o meu moto x 2014 roda liso em 2017.


  • O xiaomi mi A1 é meu novo " crush", uma pena ele não ter vindo com snapdragon 660, mesmo assim irei comprar um, com o Android one espero que ele se mantenha atualizado é rodando liso por 2 anos, tenho um moto x2014, comprei-o no final de 2015 fazendo de um flagship o intermediário no ano posterior ao lançamento como o dito acima.


  • Bom na verdade para a maioria das pessoas um intermediario atende muito bem sim, é verdade.
    Mas na minha humilde opinião muitas das vezes e melhor comprar um TOP de linha passado do que um intermediário atual..

    Por exemplo: temos muitos intermediários que hoje chegam a quase 2000 reais... Então pra mim eu prefiro adquirir um galaxy s7 por exemplo...
    Que foi um TOP em 2016.... E ainda continua fantástico.... E certamente atenderá por muito mais anos do que se fosse comprar um intermediário ( isso depende do intermediário e t também de quem for o usuario)

    Prefiro um S7 do que um intermediário atual


    • É que tem mais coisas que contam, além do que escreveram na matéria, como qualidade de cores e brilho da tela, qualidade de áudio, de câmera, além de uma ou outra função extra dos tops que facilita a vida.


  • Precisar de um topo de linha eu não preciso, o intermediário pra mim já é satisfatório. Agora que dá uma vontade de ter um topo de linha, ah isso dá! Glamour correndo nas veias eu tenho o que me falta é o dinheiro!


  • Há algum tempo penso em aposentar meu moto X Style, e Vejo o pessoal aqui comentar sobre os "importados chineses"... Vi algumas análises do Xiaomi mi6, e Oneplus 5 me impressionei com ambos e fiquei com mais dúvidas que antes.

    Qual empresa vale a pena investir a longo prazo (4...5 anos), Xiaomi ou oneplus?
    Qual vocês indicariam e porque? Agradeço a todas as respostas, vlw.


    • Man, minha opinião é em qualquer uma das duas. Ambas possuem aparelhos top, com durabilidade na média de 3 a 4 anos. A Oneplus, se preocupa muito com os clientes e a Xiaomi se preocupa muito em derrubar a Apple. Ambas empresas tem um único proposito, mostrar que é possível fabricar um aparelho top, com o melhor de tecnologia no mercado a preço aceitável. Veja Samsung e Apple, o top de ambas passam o valor de R$ 3500 com a mais recente tecnologia. Tanto Oneplus quanto Xiaomi, você compra os top, com a mesma tecnologia empregada nos Samsungs e Apples por R$ 2000 (com impostos). A única coisa que vai de gosto é certificação IP68, e garantia internacional.


  • Eu prefiro os tops de linha mesmo, intermediários sempre vão ter um contra, por exemplo, capricham na tela mas pecam no armazenamento ou na RAM, afinal eles tem que custar menos e o corte de algum componente é o meio pra se chegar nisso. Por exemplo, smartphone sem NFC não serve pra mim...

    Infelizmente os preços de tops de linha são muito altos aqui no Brasil, então pra amenizar isso decidi importar também, comecei com o Nubia Z11 que era o top do ano passado da respectiva fabricante e agora estou com o Xiaomi Mi Mix. Ambos custaram menos de 2000 reais com impostos inclusos...
    Claro, não vou fazer propaganda de smartphone importado e nem chamar quem compra aparelho com preço abusivo de otário. Mas fica a dica de considerar a importação, pode ser uma opção pra quem demora a trocar de smartphone já que muitos vão o oferecer configurações generosas por um preço legal.

    Conta desativadaLeandro


  • principal questão pra mim é que os tops seja deste ano ou do ano passado tem duração de bateria não muito boa. Passo o dia todo na rua, e detesto ter que recarregar, então optei pelo Galaxy A9 com sua monstra bateria de 5000 mah. Faz 13 horas de tela suave. Na minha opinião não adianta nada ter um superprocessamento se a bateria arrega na metade do dia


  •   86
    Conta desativada 19/09/2017 Link para o comentário

    há muito tempo tinha deixado de comprar smartphones tops de linha aqui devido ao valor absurdo cobrado, voltei recentemente quando comecei a importar e vi o quanto perdia dinheiro comprando smartphone meia boca por R$1000 aqui, e com a mesma grana recentemente peguei um Mi5s plus já com o valor do imposto. Meu terceiro Xiaomi esse ano, pq além de ser bons de comprar, são ótimos para revender também kkkkk


  • Eu sinceramente não tenho coragem de pagar uma grana violenta num objeto que pode ser levado facilmente num assalto qualquer. Eu moro no RJ, e rapaz...


  • O que todo e qualquer usuário (popular) deseja é uma bateria que aguente um dia inteiro de uso médio/intenso com aquilo que mais usamos (vídeos, redes sociais, troca de mensagens, fotos, ligações e esporádicos momentos de jogatina).

    Abrir um app em tempo satisfatório, tamanho de tela (5/5.5) com corpo diminuto.

    Por fim, uma câmera média/boa tanto frontal quanto traseira.



    Mas a grande vdd seja dita: queremos otimização do sistema e q o mesmo seja sempre atualizado c as novas funções a la Apple (sei q nem tudo são flores). Pois isso faria com toda a certeza, boa parte n ter que comprar um novo Smart as pressas


  •   85
    Conta desativada 19/09/2017 Link para o comentário

    E o mesmo que pergunta " voce ainda precisa de um pc gamer ou um mediano com onbord ja ta bom? " Cara é obvio q todos nos precisamos de um top a longo prazo vc vai ve q foi a melhor escolha Enquanto um Galaxy A5 q eu adoro ou ate mesmo moto Z play dura facil uns 3 anos o S8 vai durar por pelo menos 5 sem engasgar com nada entao é obvio q top de linha ainda tem uma vantagem boa


    • Penso assim também, ganha uns 2 anos de atualização mas ainda vai demorar travar..

      Conta desativadaLeandro


      •   85
        Conta desativada 19/09/2017 Link para o comentário

        Exatamente , " a mas o android vai ficar desatualizado" meu amigo aparelhos samsung tem tanta coisa q é capaz de so no android Z o android puro receber tal recursos


  • depende do uso mesmo...

    Conta desativadaConta desativadaConta desativada


  • Os próprios nomes condiz tudo!!
    Oneplus 3T
    Mi 5s Plus
    Mi Max 2
    São as minhas belezuras, desempenho são quase igual para todos.


  • O que comprei e estou utilizando era um high end do ano passado, mas que para meu uso está excelente, não tenho do que reclamar.


  • Satisfeito com meu A5 2017.


  • Na verdade é uma história um tanto complicada.
    Hoje aparelhos com 3/4Gb de Ram e 32/64Gb de Rom, na prática seriam ótimos aparelhos por uma média de 3 a 4 anos. Por exemplo, tenho Moto X 2014, que fez 3 anos de uso. Aparelho top, não trava, roda tudo, jogos, filmes 1080p na maior tranquilidade.
    O triste é que os fabricantes todos hoje, trabalham com o defeito programado. Meu Moto X 2014, já viciou a bateria, que tive que trocar por uma paralela (não vendem original de reposição) e trocar o conector USB. Resultado, um aparelho TOP, com funcionamento parcial.

    Conta desativada


  • Estou com um S7, acho que ele ainda vai me suprir por bastante tempo, só troco se acontecer uma tragédia com ele rsrs

    LeandroDanielConta desativadaConta desativada


  •   101
    Conta desativada 18/09/2017 Link para o comentário

    Um intermediário com boas especificações e barato já serve.


  • os intermediários hoje estão com configurações realmente muito boas que nao vão deixar ninguém a pé..... usei o moto z play por 6 meses e não me decepcionei de forma alguma.... nunca travou e a otimização da bateria era top.... mas este ano troquei por um S8+ e nao me arrependo.....


  • Para mim Topo de linha sempre, principalmente devido às actualizações. Tenho o XZ e estou pensando em me mudar para o XZ Premium Chrome Dual, ou esperar pelo aparelho borderless que sairá em meados de 2018.

    Conta desativada


  • Tô com o LG G2 16GB a +- 1,5 anos. Pensei em comprar um Galaxy S7. Não vou. Fiquei com dó de gastar 1400+ reais que não tenho e desfazer do G2.

    O que mudaria mais é a tela, as câmeras, impressão digital, software... Acho que só.

    A tela não deve ser muito melhor, só pq é Amoled e 2k. A do G2 é boa.

    Android resolvo na custom caso precise.

    G2 não trava e não tem lag. Em jogos ainda tem um ótimo desempenho e gráficos. Não fica muito atrás do s7 nos aplicativos.


    Então acho que nem compensa. Mas da vontade kkk.

    Conta desativadaConta desativada


    •   86
      Conta desativada 19/09/2017 Link para o comentário

      Eita, bom saber que o G2 com o snap 800 ainda dá conta com folga no dia a dia. Tive um em 2014, e era um baita smartphone na época, o último que prestou na verdade, pq depois disso foi só ladeira abaixo para os tops da LG...

      Conta desativadaConta desativadaOráculo


      • Estava num s5 com snap 801 com custo rom e kernel e travava mais que tudo. Bichim arregou, no carregamento da placa com mal contatos, bateria durava 4 horas no máximo e aí tive de pegar um g4 plus por 500 reais e tô na luta esperando meu note 8, vendi meu s7 por 1500 e segue juntando a grana do note 8


    • Dos aparelhos que eu tive, é o meu segundo preferido, só atrás do S7 haha
      Gostava demais dele, até que me roubaram. Mas assim, não tem nem comparação com o S7, em nenhum aspecto, até pq ele tá já mais velhinho. A tela é outra história, a reprodução de cores, o brilho, mas a do G2 é boa mesmo.


  • Motorola voltou atrás e vai atualizar o moto G4 plus pro Android Oreo

    Conta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativada


  • Nem me fale dessa fabricante (Motorola by Lenovo) porque quero distância. Principalmente depois dos últimos acontecidos kkk. Mas para mim, acho que só um intermediário, porque nunca vi um ser humano gostar tanto de apps como eu.


  • Moto Z2 Play me satisfaz, mesmo não sendo um flagship.

    Conta desativada


  • intermediarios e ate mesmo entrada desde que atenda as minha necessidade.

    Conta desativada


  • Tem smartphones de entrada bons tbm. cabe. a cada um com seus gostos e bolsos.

    Conta desativadaleandro


  • Troquei recentemente meu LG G3 (Top de 2014) por um Samsung Galaxy A9 (Intermediário premium de 2016). A diferença de gerações é muito evidente e está me satisfazendo plenamente. Tirando a cãmera do LG G3 que ainda acho melhor que a do Galaxy A9, o resto dá de lavada. Se tivesse dinheiro sobrando... quem sabe. Ou esperar os preços dos Tops da geração anterior baixarem.

    Conta desativadaConta desativada


  • Sou um usuário básico. Uso o celular somente para fazer e receber chamadas, enviar e receber emails, enviar e receber whatsapp e ler jornais e revistas pelo chrome. Nada de filmes e nada de jogos. Uso desde o início do ano o Galaxy A9 e ele me atende muitíssimo bem. E custou apenas 1.450 reais.

    Conta desativada


  • Tem bastante aparelho intermediário bacana, mas todos peca em câmera! Não que seja ruim, mas, como hj temos "intermediários" de mais de 2mil reais, esses "intermediarios" deveria, no mínimo, ter câmeras similares as dos tops do ano anterior.


  • Ah sei la... concordo que é um preço alto porem pra quem ja adiou a compra desde o S7, (que hoje eu não compraria mais, não por ser um smart que não vale a pena e sim devido a atualizações que ele não vai receber), vale comprar um melhor. Mesmo porque o meu ja esta dando falência múltipla de componentes. To aguentando esse aqui até dezembro/janeiro pra trocar. Realmente estou de olho no Note 8 e só desistiria dele em razão da bateria. Aí iria ao S8+. Esperando reviews e testes de bateria. Não sou rico não galera, mas prefiro gastar um pouco mais porque eu troco de aparelho a cada 30 meses. Pra ter ideia este aqui ja ta comigo a quase 36.


    •   101
      Conta desativada 18/09/2017 Link para o comentário

      NC
      Já comprei uns 3 tops, mas hoje só posso comprar intermediários rsrs


    • Também estou nessa labuta, mas não iria de s8+/S8 os testes de bateria mostram que o note 8 tem 1hr a mais de utilização que o s8+ pela melhor integração de software e nisso tem o bônus da S pen único que tem um diferencial dos Android comuns e dos Hiphones além de virar um PC também.. Seja por meio da Dexx ou só via cabo kcm o Sammy switch vai ser meu próximo smartphone /PC básico


  • o grande problema dos intermediários é a obsolência programada dos fabricantes e o abandono para atualização, uso dois aparelhos hoje, um deles tem 3 anos e foi um topo de linha da sua época e já não existe mais atualização, mas ainda tem seu rendimento satisfatório tenho certeza que se fosse um intermediário de 2014 já não estaria mais operacional.


  • Off-topic:

    G4+ vai ser atualizado para o Android O pela Motorola segundo o AndroidPolice
    Link: http://www.androidpolice.com/2017/09/18/motorola-honors-android-8-0-oreo-update-promise-moto-g4-plus/


  • Fui de Oneplus.
    Melhor coisa que já fiz até hoje.
    Top de linha pelo preço de intermediário.
    Sem mais.
    😊


  • No meu caso eu quero um top de linha, mais por conta do investimento a longo prazo. Um OP5 quando comparado ao Moto Z2 Play, o investimento que vai ser melhor é o OP5, e a longo prazo vai valer muito mais.


  • Pra que comprar um top de linha?A maioria das pessoas só usa pra tirar foto e postas nas redes sociais, e mal sabem usar o whatssap.


    • Esse fator Vária de acordo com a condição e o gosto de cada usuário Laércio.

      Léia M.Conta desativadaConta desativada


    • Mas Laércio o pior o calcanhar de aquiles dos intermediários é a qualidade da câmera que é muito inferior que deixa muito borrada o que não acontece com as top de linha eu sempre fui usuário de top de linha da Samsung e agora uso a frontal do Moto G eu acho um lixo intermediários de qualquer marca não compensa para tirar foto porque a qualidade é super inferior já tive A7 2017 e também não é essas coisas. Resumindo quem quer um câmera fotográfica no smartphone tem de ir de top mesmo infelizmente


  • Prefiro um high end com preço acessível como o Mi6 ou one plus 5 do que intermediários , aí vai de cada um

    Conta desativadaDaniel


  • Vivo tranquilamente com meu Moto G1

    Conta desativada


    •   86
      Conta desativada 19/09/2017 Link para o comentário

      Que ainda funciona muito bem, tem um aqui em casa e é absurdo o quanto esse aparelho foi bem projetado..

      Conta desativada


  • Creio que a questão principal seja: topo de linha do ano anterior ou intermediário do ano corrente? Os intermediários atuais dão muito bem conta do recado, com preços bem mais baixos do que os topos de linha. No meu caso, estou com um Samsung Galaxy S7 há dois meses. Saiu bem barato pelo plano, e dá um banho nos intermediários atuais, na minha opinião.


  • Comprar um top só se for um ano depois. Hoje eu até compraria um s7, há ótimos preços dele no varejo. Em 2015 comprei um Moto Maxx de 2014. Estamos em 2017 e o aparelho me supre perfeitamente. Não tem a melhor das câmeras mas a autonomia me faz ficar com ele até não funcionar mais.


  • Sempre comprei intermediários e não pretendo compra um top de linha, ainda mais agora que eles custam mais de 3 mil reais.


  • Topo de linha, tenho um OnePlus 3t e minha namorada um Motorola Moto G4 Plus, a diferença em desempenho é muito grande, sinceramente pra mim ainda não dá pra pegar um mid end, ainda mais se levar em consideração o fator preço, meu 3t só foi 350 reais mais caro que o G4 Plus...


  • Hoje em dia, tenho dado preferência à intermediários Premium, que não são tão caros quanto os tops de linha e possuem um conjunto de diferenciais, funcionalidades e vantagens. Escolhi o Moto Z Play pela bateria, o Android pouco modificado, os comandos de voz e movimento, a presença do plug P2 e o seu conjunto de hardware que dá conta do meu uso. É claro que antes de comprar, pesquiso bastante sobre o que vou comprar e sempre estou de olho em promoções para conseguir o melhor preço.


  • Intermediário no Brasil e jogar dinheiro fora, a vida útil do aparelho fica muito limitada devido ao seu desempenho que depois de 1 ano sofre, o esquema é pegar um top de linha do ano passado com um 8895 ou 820 ou 821 é ficar de boa por mais tempo.


  • Top de linha hoje, pra mim, seria só pra dizer que tenho o celular mais recente do mercado.

    Conta desativadaConta desativadaConta desativada


  • pra mim só preciso de autonomia, o resto vem de brinde.

    email, rede social, notícias. só uso p isso.

    do que adianta um super celular que morre no meio do dia?

    Conta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaHugo Pereira


  • Para mim um intermediário sempre foi o suficiente, tive o Razr D3, depois um Moto G 2014 e há quase dois anos possuo um Redmi 2 Pro que só pretendo trocar quando estragar, provavelmente por um Redmi Note.


  • 99% dos usuários de smartphones só querem um aparelho que não trave e não apresente a famosa mensagem de memoria cheia. Dito isso, os atuais devices intermediários que possuem de 2 a 3GB de RAM e armazenamento interno de 32GB são mais que suficientes pra população!!! Os 1% são justamente a galera hardcore que quer desempenho acima da média pra jogos e nisso preferem os top de linha...rsrsrsrs...


  • Eu passei 4 anos com um Nexus 4, de 2012 a 2016, e ele me atendia muito bem com seus 16gb internos e 2gb de ram. Hoje estou usando um Zenfone 3 de 64gb/4gb e pretendo ficar com ele por 4 anos pelo menos, uso ele para taferas corriqueiras do cotidiano e alguns jogos. Nenhum travamento nem lag


  • Para mim não vale a pena adquirir smartphone intermediário, pq sempre procuro tirar o máximo proveito dos aparelhos, compensa muito mais adquirir um produto top do ano anterior (que é o que eu tenho feito) pois é um produto de qualidade premium com poucas diferenças do modelo atual e ainda tem um bom conjunto de hardware e software, além é claro de um bom poder de revenda.


  • Se tratando de mercado brasileiro, entre pagar caro por um intermediário e um top de linha, é melhor pagar caro por um top de linha atual ou do ano passado e fazer uma aquisição a longo prazo, pra quem mora lá fora e pode comprar aparelhos intermediários a preço de banana já é outra história.


  • A maioria dos usuários só precisam do smartphone para tarefas básicas, como redes sociais vídeos, músicas e algumas fotos. Considerando esse perfil de uso, os atuais intermediários atendem com folga esse público e por um bom tempo.

    Conta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaConta desativadaLéo WalkConta desativadamarcelo m.Conta desativada


  • Intermediário pra mim já é o suficiente. Não preciso de muito poder de fogo pra jogar só Clash of Clans kkkk


  • Dica: comprem um top de linha do ano passado, pois ele terá uma boa CÂMERA, TELA, ÁUDIO, PREÇO, além da qualidade inquestionável.
    E como fica o sistema operacional do aparelho? Ué, caso tu queiras estar sempre com a última versão do Android, instale o LineageOS.


  • Eu acho que os altos preços de lançamento de uma nova linha são para vender a linha passada em estoque e tem intermédiario (mesmo que tenha o alcunho de medio/premium) brigando com preço de top.

    Conta desativada