Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

2 min para ler 37 Comentários

Família não para de crescer: Galaxy J6 Prime deve ser o próximo intermediário da Samsung

Estava demorando para isso acontecer. Mas como já esperávamos, vem aí uma variante do recém lançado Galaxy J6. Como vocês podem acompanhar, no primeiro semestre do ano a Samsung lançou os mais novos smartphones da família Galaxy J. Na ocasião foram apresentados o J4 e J6, modelos inéditos para essa linha.

Entretanto, agora surge um novo smartphone com o nome de J6 Prime que recebeu certificação Wi-Fi da empresa Aliance. Segundo o documento, o dispositivo aparece com o codinome SM-J610F e vem de fábrica com o Android 8.1 Oreo e vai suportar Wi-Fi 802.11 b/g/n nas frequências 22.4GHz e 5GHz. 

O documento ainda aponta que o dispositivo deve chegar equipado com processador Snapdragon 450, display com proporção 18:9 (famoso display infinito), que virou tendência nos smartphones atuais e câmera dupla frontal. Memória RAM e bateria não foram revelados, entretanto devemos ter 2 ou 3 GB de RAM, seguindo o que estamos acostumados a ver na linha J. A Samsung por sua vez, não se pronunciou sobre o assunto.

Galaxy J6 Prime Wi Fi Certification
Certificação Wi-Fi / © mysmartprice.com

Como eu disse no início do texto, já era de se esperar uma variante do Galaxy J6 e que não deve parar por aí. Logo a empresa sul-coreana deve aparecer com J6 Pro, J6 Metal e J6 Prime 2 - e por ai vai, rs. A verdade é que cada vez mais vamos ver a linha Galaxy J crescer, pois a Samsung vende muito esses dispositivos por aqui.

E você, acha que tinha necessidade desse monte de variante da linha Galaxy J?

37 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • o J2 prime foi uma forma da Samsung esconder os problemas da primeira geração gran prime


  • eu já desisti de tentar entender os modelos e nomenclaturas da samsung.


  • Tenho Galaxy J2 Prime. mais um.

    CAV


    • Esse aí não conta, porque "Galaxy J2 Prime" foi apenas uma "máscara" que a Samsung usou em vários países para vender o Galaxy Grand Prime+.


  • Antigamente era contra essa politica de intermináveis modelos que algumas marcas colocam no mercado. Porém repensei sobre e a verdade é que para a grande maioria dos consumidores, nada ou pouco entendem sobre os produtos que compram. Então, comercialmente essa politica é correta.
    Particularmente, isso não "me pega", pois dou atenção apenas para os devices topo de linha e alguns "intermediários avançados".
    E para ser bem sincero, nem me prestei a ler a matéria. Li apenas o título e vim para os comentários... rss


  • E haja linha J, já me perdi com tantos. Será que é porque a linha S não está muito bem?

    CAV


    •   35
      Conta desativada há 1 mês Link para o comentário

      Como o nome sugere, é uma verdadeira galáxia de modelos. kkk


    • É preciso entender que Galaxy J já foi pensada para se conseguir uma quantidade elevada de vendas justamente por conta do público ou faixa de preço a qual essa série de aparelhos é destinada.
      1 Galaxy J possivelmente dá menos lucro que 1 Galaxy S, por isso que Galaxy J precisa vender bem.
      Não que Galaxy S não venda. Mas pela faixa de preço a qual ele é destinado, é claro que venderá menos unidades (entenda-se milhares ou mesmo milhões a menos).


  • Para com isso Samsung, a linha J está bem servida com o J5 e J7


    •   35
      Conta desativada há 1 mês Link para o comentário

      Isso é pra vender e essa técnica tem dado certo. Veja que muitos, como já disseram, gostam de lançamentos e novidades do mercado, então pra esses um J5 ou J7 Pro não tem graça. Daí a Samsung sacia a sede desses com essa verdadeira Galáxia de aparelhos.

      O nome Galaxy não foi colocado a toa. kkkkkk


      • Eu tenho minhas dúvidas se a Samsung realmente pensou nisso quando decidiu que o seu primeiro smartphone com Android (o GT-I7500) ia se chamar "Galaxy" (que era apenas um nome genérico, tal como vários que ela usou para batizar vários outros celulares e smartphones) já pensando dessa forma.


  • Credo! Mais um?!!!

    CAV


    • Talvez você esteja vendo sob um ponto de vista com boas chances de ser equivocado.
      Veja que o Galaxy J6 que atualmente está no mercado é o SM-J600.
      Esse suposto Galaxy J6 Prime (que vários sites falam que pode ser lançado como Galaxy J6 Plus) é SM-J610, e ainda tem um SM-J615 que também foi homologado.
      O 1 no lugar da casa decimal 0 é um forte indício de que estamos falando de uma nova geração, e não de uma nova edição do atual Galaxy J6, que a gente nem tem certeza se será apresentada ainda em 2018.
      Bom, pelo menos era essa a lógica que ela vinha trabalhando desde 2015.

      Se bem que o Galaxy J2 Pro é SM-J250, enquanto o recém-lançado Galaxy J2 Core é SM-J260, e apesar do número do modelo indicar que é uma nova geração, foi apresentado no mesmo ano que o primeiro, e é bem mais fraco que o primeiro, então...

      É esperar pra ver!


  • Não, obrigado! Prefiro qualquer um da Asus, pois têm o melhor custo-benefício.


  • O segredo da Samsung é continuar lançando aparelhos, assim ela se mantém em evidência, as pessoas gostam do cheirinho de novo, como vende bem, por que mudar a estratégia?

    Outro dia fui no shopping, uma senhora queria comprar um telefone, mas tinha que ser novo, ou seja recém lançado, se ele é bom ou não, se vai atender as necessidades, ai é outra história. Para esse público, está ai, mais um na praça.


  • Com certeza quase absoluta, este modelo não receberá o Pie.


  • J1 a J8 já existem todos? Só faltam os J9 e J10?

Mostrar todos os comentários

Artigos recomendados