Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Review 11 min para ler 188 Comentários

Review do Samsung Galaxy S9+: Herdando todos os genes da família

O que acontece com a série S e a Note é semelhante ao que acontece entre irmãos, em que o do meio sempre sofre mais. O primogênito é aquele que já desfrutou da devoção inigualável dos pais. O caçula, por sua vez, é aquele que sempre é recebido com o maior alvoroço. Enquanto isso, o filho do meio segue sempre competindo por atenção. Assim é o Galaxy S9+, que desde sempre ocupa a posição de filho sanduíche. A Samsung, entretanto, resolveu finalmente dar ao Galaxy S9 + traços de personalidade necessários para competir contra Galaxy S9 e Galaxy Note 8.

 

Avaliação

Prós

  • Tela maravilhosa
  • Excelente desempenho
  • Câmera dupla
  • Abertura variável na câmera principal
  • Recarga rápida
  • 6 GB de RAM

Contras

  • Duração da bateria
  • Ainda está no Android 8.0
  • Scanner de Íris e Desbloqueio Facial

Samsung Galaxy S9+ – Data de lançamento e preço

O S9 chegou ao Brasil por R$ 4.899 com 128 GB nas cores preto, ultravioleta e cinza titânio.

Parecido com o anterior

Do ponto de vista estético, o Samsung Galaxy S9+ claramente não difere muito de seu predecessor, e quando você o vê pela frente, é quase impossível distinguí-lo do Galaxy S8+. Como sempre, os dispositivos apresentam dois painéis de vidro curvado Gorilla Glass 5 nas bordas, bem como uma estrutura de metal e uma construção sólida.

Com 158,1 milímetros de altura, é um pouco menor que o modelo do ano passado. É imperceptivelmente mais largo e mais grosso com uma largura de 73,8 milímetros e 8,5 milímetros profundidade (ganhando 0,4 milímetros em ambas as dimensões). O peso também aumentou de 16g para 189g no total: com o dispositivo na mão, você realmente não perceberá essas alterações, mas perceberá como a forma da estrutura metálica mudou.

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 1041
O botão da Bixby ainda está bem abaixo do controle de volume  / © AndroidPIT

A armação de metal do smartphone é menos arredondada e a transição do vidro para o alumínio é mais suave quando você segura o telefone. Eu pessoalmente preferi o acabamento do S8+; o Galaxy S9+ é um pouco mais quadrado e lembra mais o Note 8, então o S9+ parece uma mistura estranha dos dois principais aparelhos de alto nível que o precederam em 2017.

O leitor de impressões digitais foi movido e agora está localizado embaixo das duas câmeras traseiras. O posicionamento é melhor do que o modelo principal do ano passado, mas ainda permanece estranho: é muito baixo para ser alcançado naturalmente e a forma achatada não facilita o uso.

O modelo do ano passado tendia a deixar a câmera suja porque o usuário sempre tinha que passar por cima dela, e o modelo desse ano faz a mesma coisa, embora em um lugar diferente. A velocidade do leitor de impressões digitais ainda não é competitiva com a da Huawei e nem sempre reconhece gestos. Como antes, os dispositivos vêm com certificação IP68 para resistir a água e poeira.

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 1055
Uma capa facilita a distinção entre o leitor de impressões digitais e a câmera / © AndroidPIT

Samsung é inigualável

A tela do Galaxy S9+ é a melhor do mundo dos smartphones. Ponto.

Isso é o que a Display Mate relatou após testar completamente o painel, e podemos confirmar que isso é verdade. Como você já deve saber, a Samsung também produz painéis OLED para o iPhone X e certamente não deixaria o smartphone de seu maior concorrente superá-los nesse aspecto. O S9+ (e seu irmão mais novo) roubou o topo do ranking do iPhone X com um painel Super AMOLED de 6,2” com resolução de 1440 x 2960 e suporte a HDR10.

AndroidPIT Samsung Galaxy S9 0725
O novo topo de linha da Samsung está chegando sem entalhe  / © AndroidPIT

O novo topo de linha da Samsung está chegando sem entalhe / © AndroidPIT

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 0782a
Mantenha a hora, a data e as notificações em um piscar de olhos com a tela sempre exibida / © AndroidPIT by Irina Efremova

O scanner de íris e o desbloqueio por rosto combinam forças

A função de desbloqueio de scanner de íris e reconhecimento de rosto já estava disponível nos flagships do ano passado. Começando com o Galaxy S9 e S9+, eles podem ser usados simultaneamente graças à função Intelligent Scan.

A função varre as íris do usuário e o reconhecimento facial clássico (não semelhante ao 3D do iPhone X) garante uma velocidade de desbloqueio mais rápida e melhor confiabilidade. Isso significa que seu smartphone dependerá principalmente do reconhecimento facial, caso você não possa digitalizar imediatamente sua íris. Você não pode usar o reconhecimento facial no escuro e, portanto, precisará confiar no scanner da íris.

Essa combinação é perceptível pois a velocidade de desbloqueio diminui após o pôr do sol. Você também precisa posicionar o smartphone com mais precisão no escuro para permitir que o scanner veja seus olhos.

A Samsung sempre melhora a ritmo de caracol

O Galaxy S9+ vem com o Android 8.0 Oreo e patches de segurança a partir de fevereiro de 2018. Lamento ver que a marca não consegue acompanhar as novas versões do Android e ainda não sabemos se os dispositivos serão atualizados no futuro para o Android 8.1 ou, alternativamente, se ele pula diretamente para o Android P.

Em uma nota positiva, assim que você iniciar seu smartphone, você receberá uma atualização dos patches de segurança a partir de 1º de março de 2018 (desde que esteja usando um dispositivo com o SoC Exynos).

s9 software
Se você já tem um S8+, as diferenças no software parecerão mínimas  / © AndroidPIT

O software, como de costume, foi customizado pela empresa coreana com o Samsung Experience Versão 9.0 que já vimos no Galaxy S8 e S8+ atualizado para o Oreo. Não há muitas diferenças e o peso do software diminuiu ao longo dos anos, mantendo apenas alguns aplicativos duplicados em comparação aos serviços do Google. Mas, em comparação com as ações do Android, as diferenças são óbvias.

Houve melhorias em comparação com os modelos anteriores e, às vezes, o toque extra que a empresa oferece aos seus smartphones é exatamente o que faz a diferença entre um dispositivo chato e um agradável.

"Uau" no papel, "Meh" em pessoa

O carro-chefe da Samsung deve ter desempenho incomparável no momento. A versão internacional do Galaxy S9+ está equipada com um processador SoC Exynos 9810 produzido pela Samsung, bem como uma CPU de oito núcleos (4x Moongoose M3 a 2,7 GHz e 4x Cortex-A55 a 1,8 GHz) e uma GPU Mali-G72 MP18. A versão dos EUA vem com Qualcomm Snapdragon 845 (4x Kyro 385 Gold a 2,7 GHz, 4x Kyro 385 Silver a 1,7 GHz e um Adreno 630 GPU).

Ambas as variantes têm 6 GB de RAM DDR4X e 64 ou 256 GB de memória interna. No Reino Unido, a variante de 256 GB foi substituída por uma versão de 128 GB e é ligeiramente mais barata. Você também pode expandir a memória do dispositivo com um microSD de até 400 GB se sacrificar o slot do segundo SIM.

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 1036
SIM e MicroSD ou dois cartões SIM. A escolha é sua  / © AndroidPIT

A versão que testamos é a com SoC da Samsung, mas o desempenho dos dois modelos é comparável. No uso diário, posso garantir que você não sentirá diferença em comparação ao Galaxy S8+, além de em alguns pequenos momentos. O que mais me impressionou, no entanto, é que não parece que esta nova geração de smartphones tenha realmente melhorado muito desde o último.

Eu notei isso especialmente em relação ao dispositivo que eu tinha antes do S9+, o Google Pixel 2 XL. Em muitas das operações diárias mais simples (como percorrer o cronograma social ou alternar entre os vários aplicativos abertos), o S9+ parecia menos responsivo do que o do Google, que tem hardware da geração passada. Não estou dizendo que o S9+ tenha quaisquer incertezas óbvias ou problemas de qualquer tipo, mas o smartphone do Google funciona mais suavemente com os dedos, provavelmente graças ao software mais simples e otimizado.

Aumente o volume e comece a dançar

Como meu colega Luis explicou em sua análise do Samsung Galaxy S9, a aquisição da Harman Kardon pela empresa sul-coreana foi frutífera. Não só o carro-chefe da Samsung agora tem alto-falantes estéreo com volume poderoso e excelente qualidade, mas também vem com os mesmos fones de ouvido da AKG que foram fornecidos no ano passado com o Galaxy S8 e S8 +.

AndroidPIT Samsung Galaxy S9 1038
O fone de ouvido fica onde está. A Samsung vão vai ceder quanto a isso / © AndroidPIT

Além disso, o Galaxy S9 + possui certificação Dolby Atmos. Ele também possui Bluetooth 5.0, que permite uma melhor conexão com os acessórios (incluindo fones de ouvido) e também permite a conexão simultânea de dois alto-falantes controláveis separadamente ou fones de ouvido Bluetooth.

Tudo o que você precisa fazer é aumentar o volume e começar a dançar!

O Plus recebe uma segunda câmera

Uma das principais diferenças em relação ao Galaxy S9 é a presença de dois sensores fotográficos na traseira. Ambas as câmeras são de 12 megapixels e são opticamente estabilizadas. A câmera principal possui PDAF híbrido e autofoco a laser, tecnologia de pixel duplo e abertura variável entre f/ 2.4 e f/1.5.

A câmera secundária possui lentes telescópicas com zoom duas vezes maior do que a câmera principal. É também a mesma câmera encontrada no Galaxy Note 8, que permite o uso do modo Live Focus, que via software pode simular um efeito bokeh muito bom.

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 0911
O S9+ possui uma segunda câmera traseira que o S9 não possui / © AndroidPIT

Tal como acontece com o pequeno Galaxy S9, a função super slow motion da câmera principal é particularmente impressionante. De uma perspectiva técnica, a Sony forneceu a base para isso, já que apenas a empresa japonesa atualmente possui memória buffer DRAM embutida no sensor. Infelizmente, o Galaxy S9+ só pode gravar até 960 quadros por segundo em resolução HD graças a essa memória.

AndroidPIT Samsung Galaxy S9 0938
A câmera frontal e o scanner de íris estão localizados na parte superior do smartphone / © AndroidPIT

O software é um pouco diferente do da Sony porque é capaz de detectar movimento na cena e pode operar em super câmera lenta sem o usuário precisar agir. Desta forma, é mais difícil perder o momento preciso para desacelerar. Na minha experiência, esse modo foi particularmente interessante quando funcionou, mas precisa de muita luz para resultados agradáveis ​​e nem sempre captura o momento certo.

A câmera frontal é de 8 megapixels, f/1.7 e possui foco automático. Você pode usar a câmera frontal para criar o chamado emoji AR, mas discutiremos isso mais adiante em um artigo dedicado a essa função.

As fotos tiradas pelo dispositivo são de alta qualidade, tanto que o DxO Mark (site especializado no teste de sensores fotográficos) nomeou a S9+ a melhor câmera de smartphone, logo acima do Google Pixel 2, no momento do lancamento. Na minha experiência pessoal, de fato, as fotos tiradas não são muito melhores que as do Pixel e, em alguns casos, são até menos agradáveis. O algoritmo HDR+ do Google e o processamento de software são muito mais satisfatórios do que o software mais elaborado para o S9+.

Samsung Galaxy S9+ – Especificações Técnicas

Dimensões: 158,1 x 73,8 x 8,5 mm
Peso: 189 g
Tamanho da bateria: 3500 mAh
Tamanho da tela: 6,2 polegadas
Tecnologia da tela: AMOLED
Tela: 2960 x 1440 pixels (531 ppi)
Câmera frontal 8 megapixels
Câmera traseira 12 megapixels
Flash: LED
Versão do Android: 8.0 - Oreo
RAM: 6 GB
Memória interna: 64 GB
256 GB
Memória removível: microSD
Chipset: Qualcomm Snapdragon 845
Samsung Exynos 9810
Número de núcleos: 8
Velocidade máx. 2,7 GHz
Conectividade HSPA, LTE, NFC, Bluetooth 5.0

Veredito Final

O S9+ é o novo valentão do pedaço: é grande, forte e rápido. Mas o ano de 2018 ainda está na metade, então os rivais da empresa coreana certamente não permitirão que ele domine o mercado. O lançamento do Huawei P20 é a prova disso e o Xperia XZ2 tem cartas na manga para tentar derrubar o Galaxy S9+.

Por outro lado, a Samsung está jogando no lado seguro e produzindo um dispositivo que já é elogiado por críticos e usuários. É um dispositivo que certamente satisfará as necessidades de todos, desde clientes empresariais até fãs leais.

AndroidPIT samsung galaxy s9 plus 1066
A capa de tecido oficial para o S9 + é elegante e agradável de tocar / © AndroidPIT

O Galaxy S9+ é um dispositivo bonito e elegante, mas não tem o efeito wow que acompanhou o S8. O design não traz novidades, mas continua sendo um dispositivo que pode competir e superar a concorrência em todos os aspectos. O consumo de multimídia é um prazer graças à melhor exibição de todos os tempos e ao áudio bem equipado. Os jogos são executados (quase) sem problemas devido ao hardware mais potente já visto em um smartphone.

A bateria de 3.300 mAh permite que você chegue até o final do dia, mas não é chocante, pois os resultados não são muito diferentes do modelo do ano passado. Felizmente, o carregamento é extremamente rápido e o carregamento sem fio ainda está disponível. A Samsung também está se mantendo competitiva com acessórios que parecem estar fora do futuro: o DeX Pad permite que você use seu smartphone como um PC e o Gear VR permite que você se entretenha com a realidade virtual.

Se você quer o smartphone mais poderoso atualmente no mercado, com a melhor exibição e a melhor câmera, não há alternativa. Se você procura um smartphone com excelente relação qualidade/preço, software mais puro ou bateria de longa duração, considere procurar em outro lugar, pois o Galaxy S9+ herda todas as falhas de seu predecessor e melhora apenas os pontos em que já estava se destacando.

193 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • AC&MM há 2 meses

    Esse eu gostei. Já incluí na minha lista de compras pra 2035.

  •   101
    Conta desativada há 5 meses

    Um ótimo aparelho!
    Mas com este preço está fora da minha realidade financeira!

  • Agnaldo há 5 meses

    Eu não gostei da ideia de diferenciar os 2, pois assim o oposto ocorre: o S9 padrão vai ser ofuscado pelo maior.

    Ja que são aparelhos da mesma linha deveria ser iguais,a diferença deveria ser em relação ao tamanho da tela , tem gente que prefere maior outros um pouco menor.

    Pra quem deseja mais recursos em breve teremos o Note 9.

  • Ralf Alencar há 5 meses

    É um excelente aparelho, mas não vale o upgrade para quem tem o 6 em diante.

  • Jairo rios há 2 meses

    Bom e completo review , resumindo embora não tenha impactado como o seu antecessor , é um excelente gadget , parabéns Samsung

188 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

Recommended articles