Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

3 min para ler 11 Comentários

Samsung quer design novo com sensores e biometria sob a tela a partir de 2019

O Galaxy S10 será lançado no início do próximo ano, o que não é nenhuma novidade. Porém, pouca coisa vazou sobre o dispositivo nos últimos meses, além de tecnologias que podem ser adicionadas à versão maior e mais potente. Na China, no entanto, a Samsung apresentou algumas tecnologias que estão sendo desenvolvidas para serem usadas em seus modelos a partir de 2019.

A empresa sul-coreana apresentou na China, no Shenzhen Marriot Hotel, algumas novidades que estão em desenvolvimento em diferentes setores da empresa, mas todos voltados para área mobile. Segundo a fabricante, as novidades demostradas são parte de um projeto que a empresa deve seguir para turbinar futuros aparelhos, incluindo as séries Galaxy S e Galaxy A.

O UPS (Under Panel Sensor), por exemplo, é a aposta da fabricante para expandir a tela de seus smartphones e fugir do notch, o entalhe que demarca a região dos sensores e da câmera frontal. A ideia aqui é esconder o hardware debaixo do display, sendo o UPS a tecnologia capaz de escondê-los sem prejudicar componentes e a experiência de uso. Por se tratar de algo novo no mercado é esperado que os primeiros modelos "100%" tela cheguem em meados de 2020 (ou já em 2019, vai saber).

samsungdisplay2019
Samsung exibindo novidades na China / © Samsung

Essa tecnologia, o UPS, é algo que implicará diretamente no visual dos produtos, visto que a Samsung precisará evoluir o conceito de Tela Infinita. Com relação ao design, a empresa diz que seus produtos continuarão seguindo um conceito visual único e exclusivo. O FoD (Fingerprint on Display), por sua vez, levará o sensor biométrico para baixo da tela, tornando o visual mais consistente. A previsão é que ele esteja presente já no Galaxy S10. O FoD é um tipo de biometria sob a tela do tipo ultrassônica, e não infravermelho, que é mais rápida e segura.

Outras tecnologias anunciadas pela empresa para 2019 é o SoD (Sound on Display) e o HoD (Haptic on Display), este último é o menos interessante. O Haptic é uma espécie de 3D Touch, da Apple, que traz uma sensibilidade maior ao display para que o software possa executar ações diferenciadas para cada tipo de pressão. É claro que essa tecnologia pode servir para tornar o reconhecimento biométrico sob a tela mais rápido. Por fim, o SoD é a possibilidade da tela reproduzir sons e vibrações em conjunto com os alto-falantes do smartphone, algo que já foi usado pela Xiaomi.

A Samsung confirmou que essas novidades estarão presentes nos smartphones da empresa a partir de 2019, mas sem confirmar quando ou em quais modelos.

 E aí, será que a Samsung vai nos surpreender ano que vem?

Os comentários favoritos dos leitores

11 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

Artigos recomendados