O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site.

6 Compartilhado 29 Comentários

Review do Sharp Aquos Crystal: o melhor custo/benefício do Android?

Ao olharmos o material promocional do Sharp Aquos Crystal, podemos pensar que se trata de um dispositivo premium: o design sem moldura lhe confere um visual nobre e único. Contudo, o Aquos Crystal não é um smartphone high-end, longe disso. Mesmo assim, o dispositivo tem uma excelente relação custo/benefício. Veja por que no nosso review do Sharp Aquos Crystal.

Avaliação

Prós

  • Custo/benefício
  • Design sem moldura
  • Boa duração da bateria
  • Belo display HD
  • Câmera traseira satisfatória
  • Controles de gestos intuitivos

Contras

  • Design da parte traseira
  • Bateria fixa
  • Sem NFC

Sharp Aquos Crystal – Desenho & Qualidade de Construção

O Aquos crystal é um dispositivo bonito e único, com seu design sem moldura ao redor do display. Com exceção do painel inferior, toda a parte frontal do dispositivo é tela, algo pouco visto no universo dos smartphones. Seu design é bem anguloso e sem curvas. Sua parte frontal prateada lhe confere um ar de aparelho para negócios, e seu peso o torna bastante ergonômico. A câmera frontal se encontra na parte inferior do painel, juntamente ao sensor de proximidade e o LED de notificações.

androidpit sharp aquos crystal 1
O design sem moldura do Sharp Aquos Crystal é um dos seus pontos fortes. / © ANDROIDPIT

Os botões de volume podem ser encontrados na lateral esquerda, e a entrada para micro USB está na parte de baixo. Por não apresentar moldura, não encontraremos o alto-falante no alto do painel. Com efeito, o som é produzido com a vibração de todo o dispositivo. Mesmo sem alto-falante, a qualidade do som durante ligações é muito boa. O microfone do Aquos Crystal não é particularmente potente, o que pode ser um problema para quem recebe suas ligações.

O botão de energia está localizado na lateral superior direita do dispositivo. Trata-se de uma posição um tanto inconveniente para usuários destros, mas algumas funções de software farão com que você não precisa usá-lo muito (trataremos delas mais abaixo).

Olhando para a frente e para as laterais do dispositivo, pensamos que o Aquos Crystal seja um carro-chefe, mas as coisas mudam quando examinamos a sua parte traseira.

androidpit sharp aquos crystal 8
A parte traseira do Aquos Crystal não é tão bonita quanto sua parte frontal. / © ANDROIDPIT

A traseira de plástico com furinhos não combina com o restante do dispositivo, apesar de possibilitar uma ótima pegada. Sua superfície branca e opaca parece um tanto estranha. A forma da parte traseira também decepciona um pouco. Se a Sharp tivesse mantido o dispositivo tão fino quanto seus cantos, ele seria uma verdadeira jóia de design. Mas o plástico quebra completamente o visual premium e sofisticado. Não que ela seja de todo horrível, mas o contraste com o restante do aparelho é forte.

A câmera traseira e o flash ficam na parte superior central , e um alto-falante único está localizado na traseira do aparelho. A qualidade da reprodução de som é bem satisfatória.

androidpit sharp aquos crystal 12
A parte traseira de plástico do Aquos Crystal. / © ANDROIDPIT

Preço e data de lançamento

O Sharp Aquos Crystal infelizmente ainda não está disponível no Brasil. Nos Estados Unidos, ele é incrivelmente barato: apenas 130 dólares tendo caído 20 dólares desde o seu lançamento, em 10 de Outubro de 2014.

Sharp Aquos Crystal – Tela

O display do Aquos Crystal é bonito e eficiente. Sua resolução é de 1280 x 720 pixels, com a densidade de aproximadamente 294 pixels. A tela não pode ser comparada à de um carro-chefe atual, mas apresenta uma ótima visibilidade. A imagem fica clara e quente, fazendo jus à tradição de boas telas nas TVs Sharp.

Por outro lado, o contraste não é o ideal, com os textos parecendo um tanto apagados, com os brancos tendendo levemente ao rosa. De maneira geral, a Sharp integrou uma tela muito boa a este dispositivo de baixo preço. 

androidpit sharp aquos crystal 6
A Sharp otimizou a tela do Aquos Crystal, mas é uma pena que a parte inferior ocupe tanto espaço. / © ANDROIDPIT

Sharp Aquos Crystal – Software

Rodando com o Android KitKat 4.4.2 (o Android 5.0 Lollipop ainda precisa ser confirmado para o aparelho), o Aquos Crystal vem com alguns aplicativos Boost de fábrica como o Boost Music, o Boost Wallet e o Boost Zone. Todos esses aplicativos da marca “Boost” podem ser desinstalados, uma excelente iniciativa da Sharp.

O Aquos Crystal conta com gestos bastante intuitivos, e outros nem tanto. Deslizando o dedo para ativar a tela é uma interessante alternativa ao “knock on”, e funciona todas as vezes sem problemas. A função de desligar quando depositado na mesa também é especialmente útil para as horas de trabalho.

Como mencionado anteriormente, o botão de energia está estranhamente posicionado para os destros, portanto eu queria usar a função “Shake OFF” (que desliga a tela com uma sacudidela), mas ela não se mostrou muito eficiente. Quase arremessei o dispositivo tentando desativar a tela com essa opção.

androidpit sharp aquos crystal 13
O botão de energia não é muito prático para destros. / © ANDROIDPIT

Um controle de gestos que tem muito potencial é aquele que faz capturas de tela. Semelhante ao da Samsung, você deve passar a mão sobre a tela para fazer um screenshot, mas ela nem sempre funciona nessa versão, o que torna o método tradicional mais prático. Além disso, ela também pode ser ativada por acidente ao se tentar baixar a barra de notificações.

A função “Stay ON” ao segurar o dispositivo é uma ótima ideia: o dispositivo fica constantemente ligado enquanto você o estiver segurando. Da mesma forma, contudo, ele nem sempre funciona. Talvez um update de software ou a próxima versão do dispositivo aperfeiçoem essas boas ideias.

Áudio

O Aquos Crystal possui um alto-falante na parte inferior do dispositivo, que foi otimizado graças ao software de áudio harmon/cardon. Você escutará a diferença apenas em algumas situações (e apenas usando fones de ouvido), mas trata-se de um extra muito bem-vindo.

androidpit sharp aquos crystal 2
A entrada de 3.5 mm para os fones de ouvido fica no alto do Aquos Cystal. / © ANDROIDPIT

Sharp Aquos Crystal – Performance

O Sharp Aquos Crystal vem embalado pelo Snapdragon 400 de quatro núcleos a 1,2 Ghz com 1,5 GB de RAM. Durante o meu teste, não tive atrasos ou engasgos com o aparelho (apesar de ser o mesmo processador encontrado no Samsung Gear Live e no LG G Watch).

O dispositivo, claro, não roda os jogos mais pesados sem alguns soluços (até mesmo instalá-los pode demorar mais do que o normal). Mas esse não é mesmo o intuito do aparelho. Para o uso cotidiano e para multi-tarefas moderadas, ele se mostra ideal.

O Aquos Crystal vem com 8 GB de memória interna, mas apenas 4 GB estão disponíveis. Felizmente, ela pode ser expandida a até 128 GB com um cartão microSD.

androidpit sharp aquos crystal 11
O Aquos Crystal chega com apenas 4 GB de memória interna, mas é expansível para 128 GB. / © ANDROIDPIT

Sharp Aquos Crystal – Câmera

A câmera traseira do Aquos Crystal conta com 8 megapixels e, como a maioria dos componentes do dispositivo, é competente e satisfatória. As fotos são claras e nítidas em boas condições de iluminação, mas apresentam ruído em algumas ocasiões. Fotos borradas também são comuns com pouca luminosidade. Em termos gerais, trata-se de uma câmera semelhante à do Nexus 5 mas por bem menos da metade do preço carro-chefe veterano do Google.

androidpit sharp aquos crystal camera ball bucket
As cores são bem representadas, e em certas condições os instantâneos do Aquos Crystal têm uma aparência excepcional. / © ANDROIDPIT

A câmera também é lenta para focar, e tem problemas no equilíbrio de brancos, mas apesar disso ele cumpre bem sua tarefa, especialmente nos quesitos contraste e saturação de cores.

androidpit sharp aquos crystal camera night
As fotos noturnas com boa luminosidade ficam bem bonitas.  / © ANDROIDPIT

A câmera frontal é apenas aceitável. Ela está localizada abaixo da tela, e o Aquos Crystal lembra o usuário que se deve virar o dispositivo de cabeça para baixo para fazer uma selfie. Acho que a vantagem de se ter uma tela maior e sem moldura compensa esse inconveniente mínimo. Não há botão físico para o obturador, e é um pouco difícil segurar o dispositivo e clicar na tela sem tapar o sensor para fazer um selfie de grupo, mas esse ponto negativo é apenas um detalhe.

androidpit sharp aquos crystal selfie
A câmera frontal, com apenas 1,2 megapixels, é bem pobre. / © ANDROIDPIT
androidpit sharp aquos crystal camera floor bubbles
As bolhas de sabão contra o carpete saíram pouco definidas aqui. / © ANDROIDPIT
androidpit sharp aquos crystal camera android toy
A representação de cores da câmera traseira é boa. / © ANDROIDPIT
androidpit sharp aquos crystal camera office
Essa foto da nossa redação ficou com ruído. / © ANDROIDPIT

Sharp Aquos Crystal – Bateria

O processador do Aquos Crystal pode ser achado em smartwatches, e a tela tem relativamente poucos pixels. O resultado? A duração da bateria do Sharp Aquos Crystal (2.040 mAh) está acima da média dos smartphones atuais.

Durante o meu teste com uso intenso, a bateria durou mais de um dia, também em parte graças aos controles de gestos. Os prometidos dois dias de duração também podem ser alcançados, mas apenas navegando menos pela internet e mandando menos mensagens.

Por fim, a bateria não é removível, o que representa uma desvantagem para muitos usuários.

androidpit sharp aquos crystal 9
A bateria do Aquos Crystal não é removível. / © ANDROIDPIT

Sharp Aquos Crystal – Especificações Técnicas

Dimensões: 131 x 67 x 10 mm
Peso: 141 g
Tamanho da bateria: 2040 mAh
Tamanho da tela: 5 polegadas
Tecnologia da tela: LCD
Tela: 1280 x 720 pixels (362 ppi)
Câmera frontal 1,2 megapixels
Câmera traseira 8 megapixels
Flash: LED
Versão do Android: 4.4.2 - KitKat
Interface: Stock Android
RAM: 1,5 GB
Memória interna: 8 GB
Memória removível: microSD
Chipset: Qualcomm Snapdragon 400
Número de núcleos: 4
Velocidade máx. 1,2 GHz
Conectividade LTE, Bluetooth 4.0

Veredito Final

Considerando que se trata de um dispositivo de baixo custo (podemos nos esquecer disso pelo seu visual ou algumas funções), percebemos que o Aquos Crystal tem muito a oferecer.

O dispositivo conta com poucos competidores à altura na categoria dos dispositivos de entrada: o Moto E é o primeiro a vir à mente, mas sua performance é inferior ao do Aquos Crystal. 

Os pontos negativos são poucos: a falta de NFC e de bateria removível não são faltas graves, e o design da parte traseira não deve incomodar tanto.

O único problema real do Sharp Aquos Crystal é que ele engana pelo seu design nobre na parte traseira. Este não é um novo carro-chefe impressionante, e sim um smartphone para orçamentos baixos que ganhou lugar garantido nas listas de melhores dispositivos de entrada do Android.

6 Compartilhado

29 Comentários

Escreva um comentário:
Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações