Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
O sonho dos smartphones dobráveis morreu na praia?
Samsung Galaxy Fold Hardware Opinião 3 min para ler 11 Comentários

O sonho dos smartphones dobráveis morreu na praia?

Quer aceitemos ou não, o Galaxy Fold é o símbolo dessa nova geração de smartphones dobráveis, que teoricamente eram o empurrão que faltava para uma nova revolução no mercado mobile, que anda muito estagnado. Porém, justamente o totem dessa revolução resolveu tropeçar na escada do sucesso, e deixou todos um pouco desconfiados do que realmente é o futuro.

Seriam os dobráveis realmente a próxima etapa? Empresas como a Samsung e a Huawei tentam nos convencer que sim, mas ainda não conseguiram mostrar como. Embora não tenha apresentado qualquer defeito em seu dobrável, a Huawei simplesmente não botou o seu projeto à prova, não o lançou e não é possível testá-lo. Protegido em uma redoma, só temos o que é falado pela fonte.

Geralmente, coisas novas demoram um pouco para se provarem úteis. Quem imaginaria, apenas 50 anos atrás, que carregar seu telefone por aí seria não apenas possível, como essencial? Quantas pessoas renegaram celulares quando eles foram lançados? E quantos até hoje se recusam a ter um gadget com tela de toque no bolso?

AndroidPIT huawei mate x folded
Huawei Mate X: não sabemos se é um sucesso porque simplesmente ainda não é vendido / © AndroidPIT

Um smartphone dobrável é uma bela peça de design, deixa muito curioso qualquer amante de tecnologia. Embora poucos se atrevam a gastar o preço pedido por esses aparelhos, ninguém que goste um mínimo de tecnologia recusaria um tempo com um Galaxy Fold ou um Mate X para apreciar e entender como funciona algo tão diferente.

Porém, ainda não ficou totalmente clara a utilidade de uma tela dobrável. Embora as pessoas gostem de telas cada vez maiores, os tablets não estão indo muito bem e um dobrável não mostra de cara qual é a diferença essencial que carrega para justificar uma compra tão cara.

samsung galaxy fold ifixit 03
Problemas de construção selaram a curta carreira do Fold / © iFixit

E como se não bastasse o questionamento da sua existência, o modelo pioneiro chega dando problemas, mostra que precisa voltar para a prancheta para rever alguns problemas. Quem lança primeiro ganha muitos pontos no jogo do mercado, mas assume riscos muito maiores. A Samsung resolveu se arriscar para sair na frente da Huawei, e se geralmente isso costuma dar certo, dessa vez não deu.

A imagem da Samsung não foi muito arranhada, pois ela segue firme com outros aparelhos que mostram sua qualidade. Quem sai mais machucado são os dobráveis, que mostraram sua ainda grande fragilidade e sua pouca utilidade. Para algo ganhar mercado, é preciso ser desejado de alguma forma. A Apple já soube fazer isso, será que poderia fazer com dobráveis? Por enquanto, nem ela parece disposta a tentar.

Você acha que ainda teremos dobráveis no mercado?

11 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Concordo totalmente com o comentário abaixo. Se ele virasse um tablet de 9", já estaria ótimo.


  • Até hoje não sei qual a finalidade de um celular dobrável. Se fosse para desdobrar um celular de até 6,5" para ele se tornar um tablet de pelo menos 15", acharia interessante, mas desdobrar um celular para ele virar um celular um pouco mais largo não tem nada de interessante e aproveitável.


  • Quando eu vi a tela dobrável do Fold, aquela marca no meio da tela já me incomodou só de olhar. De cara eu já imaginei que isso ia dar problema, imagina quanta gente ia ficar abrindo e fechando aquilo só por alegria. Por hora, acho que precisa melhorar mais pra funcionar.


  • Segundo o Sammobile há possibilidade de um relançamento do Fold em junho...
    Quanto ao Mate X... Triste a situação...


  • Parece que a Samsung quis lançar um protótipo, ainda falta melhorar muita para justificar o preço cobrado. Quem sabe daqui uns 3 anos...


  • Sim, mas ainda deve demorar um pouco mais.


  • Acredito que a Samsung irá relançar o seu Fold com as melhorias necessárias para ser aceito pelo mercado em breve , apenas lamento que novamente a Samsung errou feio em seu departamento de qualidade em liberar um gadget com digamos ........vícios de fabricação facilmente solucionaveis , sentirá no bolso isto


  • Ainda acho que estamos longe de uma tecnologia que permite um aparelho dobrável ser útil, já que para dobrar podemos ter de abrir mão de coisas básicas já conquistadas, como peso menor, espessura menor, etc.


  • Stella, minha linda, ACHO eu que sem querer a Huawei "deu uma adentro".
    Já pensou se tivesse corrido, feito linha de montagem para fabricar o dobrável e agora o aparelho encalhar por causa do Trump?


    • É João só tem um detalhe, pelo que já tínhamos lido aqui no site, a Huawei já tinha protótipos do modelo Huawei Mate X em fase de testes. E com essa decisão de embargo dos E.U.A tudo foi para o vinagre, pois agora a Huawei terá de reprojetar o software do seu modelo dobrável, e isso vai atrasar ainda mais o início dos testes das primeiras unidades de pré-produção.


      • Pelo menos não "montou o circo" para produzir um equipamento caro e que vai encalhar nas prateleiras. Depois de resolver as pendengas (sistema operacional ? Loja de aplicativos ? Aceito no mercado ?), se os aparelhos normais vingarem, aí sim, produzir os dobráveis que são muito mais caros.