Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

2 min para ler 20 Comentários

Tomb Raider chega ao Android

Tomb Raider chegou ao Android! A versão original do jogo, de 1996, fez ontem sua estreia na Play Store. De acordo com os desenvolvedores, a versão mobile é uma cópia fiel à lançada há quase vinte anos para DOS, SegaSaturn e PlayStation. Agora é possível controlar Lara Croft no seu Android.

tombraider
É o original! / © ANDROIDPIT

Além dos capítulos originais de 1996, a versão à venda na Play Store conta com os dois capítulos extras do relançamento de 1998. Os gráficos são os mesmos da época, então não espere efeitos 3D e animações de última geração. As únicas mudanças em relação ao Tomb Raider original são os controles, o aspecto de tela e a integração com a Play Games e o Facebook.

tomb raider menu
O menu é o meso do original, à exceção dos ícones à direita. / © ANDROIDPIT

Os controles estão obviamente na tela, e apesar de uma certa dificuldade inicial, são relativamente fáceis de usar; depois de alguns minutos já se aprende a posição de cada "botão" e não é mais necessário olhar para executar cada ação. A jogabilidade é OK, mas minha mão esquerda - que controla o movimento - estava doendo em poucos minutos de jogo. 

tomb raider screenshot
Os gráficos são idênticos, mas os controles ... quanta diferença! / © ANDROIDPIT

Como fá do game, achei interessante e nostálgico a Square Enix lançar o jogo original, agora resta esperar se uma versão específica para mobile será lançada ou se o estúdio portará as outras edições da franquia também.

O jogo está à venda na Play Store por R$ 3,86, ocupa entre 350 e 500MB e requer Android 4.0 Jelly Bean ou superior. O Tomb Raider usa bastante bateria e fez a tela do meu LG G3 esquentar consideravelmente em 2 ou 3 minutos; entretanto, rodou liso, sem travamentos ou engasgos - talvez até melhor do que rodava no meu Pentium 133.

Os estúdios devem lançar os jogos originais portados ou criar versões específicas para mobile?

13 Compartilhado

Os comentários favoritos dos leitores

  • divanilton 3/abr/2015

    Eu acho que as criadoras de jogos mobile deviam capricha mais nos gráficos devido o alto poder de processamento dos celulares de hoje em dia pra que oito núcleos e 3gigas de RAM se nenhum jogo requer isto minha opinião

20 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

Recommended articles