Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

Atualizações do Android ficaram mais rápidas no Pie?

Atualizações do Android ficaram mais rápidas no Pie?

Com o Android Pie, o Google firmou um compromisso de trazer os updates de seu sistema mais rapidamente aos aparelhos, mesmo com os fabricantes incluídos no pacote. Será que funcionou?

O site Android Authority juntou informações de atualizações desde o Android Nougat 7.0 até o Android Pie 9.0 e os resultados são promissores. Ainda assim nem tudo está progredindo, e vamos explicar o porquê.

Sim, os updates estão mais rápidos

Os dados levantados pelo site junto a nove marcas mostram que realmente as coisas evoluíram de 2016 para cá. Como você pode ver no gráfico abaixo, o tempo de update dos topos de linha das fabricantes diminuiu. Se no Nougat a média de dias para que a atualização chegasse após o lançamento era de 192 dias, no Oreo tivemos uma queda para 170.

Captura de Tela 2019 01 21 as 12.54.32
O update ficou mais rápido / © Android Authority

Com o Pie, porém, passamos para "apenas" 118 dias, embora ainda estejam faltando os dados da LG e da HTC. Esse é um tempo médio 38% menor. Esperamos que no Android Q esse tempo médio diminua ainda mais. É legal notar que Samsung, Huawei e Xiaomi foram as que mais tornaram seu processo de atualização mais rápido.

Sony e OnePlus sempre foram rápidas, mas infelizmente Motorola e LG estão patinando, aumentando seu tempo com o passar dos anos. Justo a Motorola, que era conhecida pelos updates rápidos. A Nokia, que usa uma versão quase limpa do Android, também aumentou seu tempo.

Captura de Tela 2019 01 21 as 12.54.47
Algumas fabricantes cortaram o tempo pela metade / © Android Authority

Projeto Treble está fazendo diferença?

Sim, assim como o projeto Android One. Como prometido pelo Google, o Treble está contribuindo para updates mais rápidos, ainda mais com a obrigação de todos os smartphones lançados no ano passado virem com o projeto embarcado. É mais difícil para as fabricantes, mas vale a pena.

AndroidPIT sony xperia xz3 back2
A Sony sempre foi rápida em seus updates / © AndroidPIT

Outra ajuda está no Android One. Os aparelhos intermediários que estão aderindo ao programa, como o Xiaomi Mi A2, também recebem atualizações (!), e até mais rapidamente. O LG G7 One é outro exemplo, pois já tem o Pie enquanto o G7 ThinQ está começando a receber em alguns países.

Entrada esquecidos, intermediários se arrastam

Os dados, porém, foram feitos com base nos topos de linha, como a linha S da Samsung, Z da Motorola, Xperia X da Sony e G da LG. São menos aparelhos, mais caros e que ficam mais tempo nas notícias. Outras faixas de aparelho, como intermediários e de entrada, são mais difíceis de acompanhar.

Isso se complica ainda mais pelo fato de que, como sabemos, intermediários e abaixo ainda levam muito tempo para serem atualizados, quando o são. Se contassem nessa pesquisa, não haveria gráfico suficiente para contar a média de tempo dos fabricantes, que seria eterna, já que alguns aparelhos nunca passam do sistema que trazem embarcados consigo.

O que fazer para ajudar?

Na medida do possível, prefira aparelhos de fabricantes que lançam seus updates mais rapidamente. Melhor ainda, dê preferência para marcas que atualizam também aparelhos intermediários, e talvez até os de entrada. O consumo é a melhor forma de regular o mercado do jeito que nos parece melhor.

Seu smartphone já tem o Pie?

Artigos recomendados

19 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • Estou em em um relacionamento muito bom com a Samsung, todos os meses recebo atualização de seguranca, as vezes quase no final do mês, mas recebo, a uma semana mais ou menos, saiu o beta 1 para o S8, ontem saiu o segundo beta num intervalo de duas semanas praticamente, sinto que antes de março já estarei na versão final do Pie como prometido pela empresa, o Pie no S8 está impecável, no beta 1 era notável alguns pequenos erros na rom, no beta 2, tudo muito fluido, desbloqueio por iris está bizarro de tão rápido, e sim, a bateria está sensacional também! Fazendo de 6 a quase 7 horas de tela, coisa que no oreo fazia 5 beirando as 6 horas de tela, Patch de Janeiro aqui, próximo beta se tiver, ou versão estável
    provavelmente virá com Patch de Fevereiro.


  • Morri com um x force android 7.1 nunca mais Motorola , hoje em dia tenho um one plus 6t nada mais de problemas de atualização é tudo rápido

    CAV


  • Recebi ontem o patch de segurança de dezembro e faz um mês que o android Pie foi lançado no Pocophone F1. Mesmo o Mi A2 recebendo algumas atualizações mais rápido, o Pocophone não ta muito atrás, fico feliz com essa rapidez da Xiaomi.


  • Meu carro anda a 40 km/h, coloquei uma naftalina no tanque e agora anda a 45 km/h! Yheiiiuu ficou mais rápido! (fato).

    NO MAIS, estou com o S9 top de linha, da MAIOR vendedora de Androids do planeta e, mesmo assim, não recebi o Pie e já estão mostrando o Android Q. Logo... não.. o update continua uma m3!@ (ainda mais ao compararmos ao iPhone).


  • ontem recebi o patch de segurança de agosto no meu j2 prime. nem sempre vai ter atualização independentemente da versão do SO

    CAV


    • Mas Galaxy J2 é Galaxy J2, né (e no caso dele, nem J2 ele é direito, já que teoricamente ele nem um Galaxy J é)?!
      Mas foi uma pena ele não ter encerrado o ciclo dele com um patch mais atual (como o de Dezembro).


  • nem sempre


  • Ontem recebi o patch de segurança mais recente no meu Android. Viva o AndroidOne!


  • Já com a versão de janeiro no Mi A2.


  • Continuo aguardando a atualização (tanto do Patch de Segurança, que continua com a versão de Outubro de 2018) como do Android Pie para o Zenfone 5Z .


  • Acho que sempre a turma do intermediário pra baixo é que vai sofrer mais. "A tão valorizada linha de intermediários", que deve ser a maior quantidade de celulares vendida hoje, deveria receber no mesmo tempo que os topos de linha. Mas não é assim que acontece. Na minha opinião uma parte da solução disso é menos modelos de celulares, pois assim é mais fácil você moldar o software para o aparelho. Mas a Samsung, por exemplo, não é isso que interessa e sim vender a maior quantidade de celular que puder e dar atenção somente para os topos de linha.


  • A diferença que os updates na maça deixam o aparelho cada vez mais lento. No android, quando há o update, deixam o aparelho mais rápido!


  • Depois que meu z2play atualiza pro pie ajuntar dinheiro pra comprar o z4play


  • Cadê atualização s9 no Brasil


  • É o que se espera, que as atualizações sejam cada vez mais rápidas.


  • Atualização das versões do Android continua uma piada pronta , para os intermediários a saída é usar gadgets que rodam o Android One


  • Será que sou o único que não liga a mínima pra atualizações? Desde que vi a Apple "programar" o tempo de vida útil dos seus aparelhos por meio de atualizações, nada tira da minha cabeça que as fabricantes de Android em concomitância com a Google façam a mesma coisa. Vou continuar pensando assim até alguém me provar o contrário .

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.