Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
O app que você adora odiar está fazendo 10 anos
3 min para ler 11 Comentários

O app que você adora odiar está fazendo 10 anos

É difícil encontrar alguém que seja só amores com o WhatsApp. Ainda mais aqui no meio de tecnologia, o que muitos dos leitores que nos acompanham têm são reclamações sobre o app que trouxe mais pertinho de nós os GIFs de bom dia, tias distantes, gemidão e conversas sobre política. O Telegram é um refúgio conhecido dessas pessoas.

Porém, é impossível negar a revolução na comunicação que esse app trouxe. Hoje em dia o WhatsApp, que faz parte dos serviços do Facebook, já é o app mais baixado dentre as redes e serviços oferecidos por Mark Zuckerberg. Junto com o SMS e o ICQ, é possível dizer que eles fizeram história.

O app rejeitado pelas operadoras hoje é oferecido de forma gratuita por muitas delas. E, acredite ou não, esse app que é um dos mais recentes fez 10 anos de vida. Nessa década de existência, saiu de um mensageiro instantâneo usado apenas por jovens e early adopters para a comunicação entre famílias, amigos distantes, grupos do colégio e até para fechar negócios e atender clientes. 

Para comemorar, o WhatsApp fez um terno vídeo de agradecimento, mas também um infográfico lembrando os principais acontecimentos da plataforma (pena que não citam as vezes em que foi bloqueado por aqui, porque para o país foram grandes acontecimentos). Você confere o infográfico em inglês aqui, mas destacamos alguns pontos:

  • 24 de fevereiro de 2009: WhatsApp é lançado para Android e iOS;
  • Fevereiro de 2011: chats em grupo aparecem, você já pode ser inserido em um sem pedir;
  • Agosto de 2014: chegam as mensagens de voz, os icônicos "deixa eu te mandar um áudio aqui";
  • Outubro de 2014: Facebook adquire o WhatsApp e o que você escreve lá vira anúncio na rede social;
  • Novembro de 2014: a confirmação de leitura com os dois tracinhos é inserida, e sua paz acaba ✓✓;
  • Abril de 2016: mensagens encriptadas de ponta a ponta;
  • Fevereiro de 2017: você pode escolher seu status e colocar mensagens com letras de músicas ou religiosas;
  • Outubro de 2018: os stickers chegam depois de anos no Telegram, para você poder fazer piadas com imagens e montagens de adesivos juntos.
whatsapp infographic
Quantas datas importantes! / © WhatsApp blog

Brincadeiras à parte, é preciso admitir que o WhatsApp tem grande importância até mesmo para o uso dos smartphones como um todo. Adorado ou odiado, ele claramente facilitou a comunicação entre amigos, familiares e clientes, e isso já vale a pena. Obrigada WhatsApp!

E você, gostando ou não do app, ainda precisa utilizá-lo em diversas ocasiões. Por isso, não deixe de dar uma olhada nas matérias especiais que temos para facilitar sua vida:

E aí, o que você mais gosta no WhatsApp?

Facebook Twitter 47 Compartilhado

11 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.

  • uso porque é simples e fácil, todo mundo tem e serve para o propósito.


  • Ainda falta chamada de vídeo no Telegram. Quando isso acontecer, não haverá qualquer necessidade de WhatsApp. Uso o WhatsApp pelos motivos óbvios: todos usam. Acho que dá pra ficar sem Facebook numa boa (não tenho e nunca tive). Mas sem WhatsApp... é difícil. Ninguém usa Telegram.


  • Deteste esse aplicativo, mas infelizmente tenho que tê-lo por fins profissionais. O app passou por várias modificações e hoje tem vários recursos de outros apps de redes sociais que dispensa exemplos, o que me desagrada mais ainda. Enfim, por hora ainda é um mau necessário... 😑


  • Uso o whatsapp desde a época que o primeiro ano era gratis, dps falava que tinha que pagar um dolar pra usar... bons tempos. Hoje o Telegram é bem mais completo, pena que nem todo mundo use, pois se usasse, eu abandonaria o Whats numa boa.


  • Não tendo que ficar em grupos de familiares, dá pra usar o WhatsApp na boa.


  • O Whatsapp é como o "smartphone do SMS", assim como outros mensageiros, a ideia é o que? Enviar mensagens,certo?! O SMS faz isso, porém o Whats, Telegram, e outros, oferecem informações necessárias e um campo de comunicação mais amplo. Assim como o telefone deveria ser apenas para fazer ligações, mas hoje é usado para tudo e dificilmente para uma ligação. Acredito que temos apenas que agradecer pela revolução nas comunicações. Muitos adoram o Telegram, mas a maioria usa whats, e penso: para que denegrir o whats se quem interessa não usa o Telegram, e é quase certo que uma grande parcela dos usuários de Telegram também usam o whats..... enfim todos têm seus públicos.


  • Só uso por motivos profissionais. Nem mesmo com meu número pessoal.
    Não gosto da interface dele, das cores, da safadeza de achar que pode comer o armazenamento interno do meu smartphone e principalmente não gosto do fato dele pertencer ao Facebook.

    Pra uso pessoal tenho o Skype que seguiu do meu antigo Windows Live Messenger e o Telegram que substituiu o Hangouts.


  • Usarei o WhatsApp enquanto for independente, depois que Zuckerberg "mesclar" com o Facebook e Instagram, eu caio fora e uso o telegram.


  • USO WhatsApp e Telegram , sem stress, mas .........prefiro o último


  • Não uso desde 2015. Não me faz falta. Agora aquele russo... Esse uso em vários lugares ao mesmo tempo... multiplataforma, né!?


  • Gosto do Telegram, porém, a imensa maioria não sabe da existência deste aplicativo de mensagem instantânea, apenas do whats app.