Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.
Hands-on do Xiaomi Mi 9: o verdadeiro rei? (agora em vídeo)
Xiaomi Mi 9 Teste de dispositivos 5 min para ler 30 Comentários

Hands-on do Xiaomi Mi 9: o verdadeiro rei? (agora em vídeo)

O Xiaomi Mi 9 apareceu na China antes de ser revelado ao público europeu. A fabricante chinesa decidiu usar o MWC para falar sobre sua estratégia e anunciar não só o Mi MIX 3 5G, mas também a chegada do brilhante Mi 9. Vamos dar uma olhada no que ele oferece e a qual preço!

Corpo brilhante, resultado do Huawei P20 Pro

A guerra entre fabricantes de smartphones está sendo travada com sensores fotográficos, telas cada vez mais sem bordas e designs inovadores. A Xiaomi está na linha de frente, liberando seu mais recente guerreiro, o Mi 9.

O corpo externo de cor azul, feito com tecnologia especial de gravação a laser e uma dupla camada de nanopartículas, cria reflexos agradáveis. As outras cores, lavanda clara e escura, também são agradáveis à luz.

AndroidPIT xiaomi mi 9 back
O corpo é elegante, mas atrai manchas de impressões digitais / © AndroidPIT

Ligeiramente curvado nos lados, o Mi 9 é bem prático, assim como decididamente elegante. Mas tenho que admitir que eu também tenho um fraco por curvas. A parte de trás é uma reminiscência do Huawei P20 Pro, especialmente quando se trata da disposição das câmeras.

Não há fone de ouvido (mas ele já tinha desaparecido no Mi 6, mesmo), mas há uma porta USB Type-C. O leitor de impressões digitais fica abaixo da tela AMOLED de 6,39 polegadas com resolução Full HD+ em um formato 19,5:9. A tela também é protegida por Gorilla Glass 6.

Observe a proporção tela-corpo de 90,7% e a redução da moldura inferior em comparação ao Mi 8. Caso você não tenha notado, no Mi 9, a Xiaomi optou por um entalhe de gota, um pouco mais discreto.

Leitor de impressões digitais no display

Já testamos o leitor de impressões digitais no visor do Huawei Mate 20 Pro e até um pouco no S10: interessante do ponto de vista estético, mas não tão rápido quanto o mais tradicional, localizado na parte inferior da tela ou no corpo. Infelizmente, não consegui experimentar o suficiente o Mi 9 durante o evento, mas a marca promete uma experiência fluida e desbloqueio do dispositivo em um piscar de olhos.

Desbloqueio por meio de reconhecimento de rosto ou o leitor de impressão digital na parte de trás permanecem meus dois métodos preferidos porque eles são rápidos e geralmente eficazes. Estou curioso para ver como o Mi 9 vai se sair.

O Mi 9 oferece duas grades para alto-falantes na borda inferior, mas apenas uma delas reproduz som. A Xiaomi também integrou um botão físico dedicado ao Google Assistente por padrão, mas ele pode ser personalizado ao seu gosto (obrigado!).

AndroidPIT xiaomi mi 9 camera
Câmera tripla saliente / © AndroidPIT

Câmera com sensor Sony triplo de 48MP

Na parte de trás, há um trio de câmeras integradas à IA que ficam bem protuberantes em relação ao corpo. O sensor central Sony IMX586 de 48 MP com abertura f/1.75 é o principal. Acima está a lente teleobjetiva de 12 MP com sensor Samsung S5K3M5 com abertura f/2.2 e zoom óptico de 2x, enquanto abaixo encontramos a Ultra Wide Sony IMX481 de 16MP e abertura f/2.2. A câmera frontal de 20 MP cuida das selfies, mas é na câmera traseira que a fabricante decidiu focar.

A câmera do Mi 9 já foi testada pela equipe do DxOMark, que lhe deu 107 pontos (112 para fotos, 99 para vídeos), tornando a Xiaomi a melhor fabricante chinesa em sua lista. Deixando os números de lado, de acordo com a equipe do DxOMark, a câmera principal do Mi 9 oferece fotos de qualidade em quase todas as condições, com boa representação de cores e balanço de branco preciso.

O efeito bokeh e o autofoco também parecem fazer um bom trabalho. Porém, de acordo com o DxOMark, a renderização das zonas escuras e claras em cenas de alto contraste pode ser melhorada.

Em termos de vídeo, além da câmera lenta a 960fps disponível, o Mi 9 consegue surpreender – a gravação padrão em 4K produz ótimos detalhes mesmo quando se fotografa em ambientes fechados. O sistema de estabilização de imagem também é ótimo. Resumindo, de acordo com o DxOMark, a Xiaomi fez um bom trabalho com a câmera do Mi 9 e nós teremos mais detalhes para você em breve, na resenha final do dispositivo.

AndroidPIT xiaomi mi 9 side
O Mi 9 integra o mais recente processador da Qualcomm e usa o Turbo Charge / © AndroidPIT

O desempenho não vai te preocupar

Como Donovan Sung, diretor de gerenciamento de produtos da empresa, já havia confirmado antes da apresentação do Mi 9 na China, o smartphone é equipado com o mais recente Snapdragon 855, o que deve garantir excelente desempenho juntamente com a GPU Adreno 640 e memória RAM LPDDR4x (6 GB ou 8 GB dependendo do modelo) e armazenamento UFS 2.1.

A bateria de 3.300mAh, com Turbo Charge, que também suporta carregamento sem fio Qi, tem a tarefa de manter o Mi 9 ativo por um dia inteiro. O Snapdragon 855 e o Modo Escuro de economia de energia devem ajudar nesse sentido.

O carregador sem fio Turbo Charge suporta carregamento de até 20W e oferece 100% de carga em 90 minutos. No entanto, não faz parte do pacote de compras. Mas claro, você também pode usar qualquer carregador sem fio Qi, mas receberá uma carga de 10W.

Xiaomi Mi 9 – Especificações Técnicas

Dimensões: 157,5 x 74,7 x 7,6 mm
Peso: 173 g
Tamanho da bateria: 3300 mAh
Tamanho da tela: 6,39 polegadas
Tecnologia da tela: AMOLED
Tela: 2340 x 1080 pixels (403 ppi)
Câmera frontal 20 megapixels
Câmera traseira 48 megapixels
Flash: LED
Versão do Android: 9 - Pie
Interface: MIUI
RAM: 8 GB
6 GB
Memória interna: 128 GB
64 GB
Memória removível: Não disponível
Chipset: Qualcomm Snapdragon 855
Número de núcleos: 8
Velocidade máx. 2,84 GHz
Conectividade HSPA, LTE, NFC, Dual-SIM , Bluetooth 5.0

Veredito preliminar

Na minha opinião a Xiaomi fez um ótimo trabalho com o Mi 9. Esteticamente agradável, tem todas as credenciais para se destacar nesse mercado de smartphones cada vez mais lotado. A câmera também parece boa e a bateria de 3.300mAh deve ser o suficiente para garantir um desempenho bom, embora não extraordinário.

O preço de 449 euros (aproximadamente R$ 1.900) ou 499 euros (cerca de R$ 2.120), dependendo da configuração, sem dúvida, permite que fique mais atraente do que o mais caro S10. A presença da marca na Estamos curioso para ver como o Mi 9 se sairá em um teste mais profundo, por isso fique de olho!

Você considera o Xiaomi Mi 9 uma boa compra?

Facebook Twitter 183 Compartilhado

30 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.
Mostrar todos os comentários