O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. OK
opinião 611 Compartilhados 160 Comentários

Isso me diz que o Windows Phone está condenado a desaparecer

Você lembra da entrada da Microsoft no mundo dos smartphones? Há cinco anos, a gigante norte-americana botou na cabeça que iria superar o Android e o iOS com a sua versão móvel do Windows, o Windows Phone. Agora corta para os dias atuais: a companhia está longe de atingir o seu objetivo. Na verdade, aconteceu o inverso: o Windows Phone é uma espécie em vias de extinção.

Qual é a situação?

Se nos anos 1990 a Microsoft estava em uma situação confortável, isso não pode ser dito hoje, principalmente do seu sistema operacional móvel. Há alguns meses, a empresa divulgou um relatório mostrando resultados perturbadores: uma queda de 57% nas vendas dos smartphones Lumia.

Outro relatório, desta vez de IDC, descobriu que apenas um pouco mais de 1% dos smartphones vendidos no último trimestre de 2015 traziam o Windows Phone.

A Microsoft resolveu investir forte no mercado mobile quando Android e iOS já dominavam o cenário

Em outras palavras, o Windows Phone é irrelevante no mercado mobile. E isso aconteceu porque a Microsoft entrou tarde demais para o mundo dos smartphones. E quando ela resolveu investir no setor para valer, ele já estava consolidado, com Android e iOS como os principais atores do filme. Não havia espaço para coadjuvantes

Por que não funcionou?

Como mencionado acima, a Microsoft entrou tarde demais no mercado de smartphones. A empresa apresentou um novo produto voltado para concorrentes mais desenvolvidos. A parceria com a Nokia lhes permitiu abrir as portas, mas não foi suficiente. 

NOKIA LUMIA
A Microsoft apostou na integração do seu sistema operacional em múltiplos dispositivos. Não funcionou/ © Microsoft

No entanto, eles tinham uma grande vantagem: a grande maioria dos PCs traz o Windows. Ter um Windows Phone seria aperfeiçoar a interoperabilidade entre dispositivos, como podemos ver, por exemplo, na Apple. Infelizmente - para a Microsoft - os usuários não acharam este conceito tão atraente assim. Ainda que ele fizesse sentido.

A integração foi complicada

O Windows Phone foi o último dos grandes a entrar no mercado. Portanto, ele não se beneficiou da vantagem que os seus concorrentes tinham de contar com a paciência do público quando apresentava problemas de estabilidade e integração. É claro que ele ficou muito melhor em seguida  - mas aí já era tarde.

Poucos aplicativos disponíveis

Este universo é um círculo vicioso no mundo mobile. Os usuários precisam de aplicativos e desenvolvedores de aplicativos precisam de usuários. No caso do Windows Phone, há poucos usuários (em comparação com os seus concorrentes, pelo menos), de modo que a maioria dos criadores de apps não acreditou que o mercado valia a pena. Eles preferiram voltar-se para o Android, líder do mercado, ou para iOS, onde os usuários são mais propensos a investir. 

gapps play store2
Um ecossistema ruim de apps sempre foi o maior ponto fraco do Windows Phone  / © Google

E é nesse ponto que encontramos o beijo da morte, que determina o fracasso de um sistema operacional: os usuários querem mais opções de aplicativos, e se eles não aparecem na loja, optam por recorrer a outro sistema. Foi o que aconteceu com o Windows Phone.

Má reputação

Sobre este ponto, acho um tanto quanto subjetivo. Durante a minha infância, tínhamos apenas o Windows pré-instalado em computadores e não havia outra alternativa possível, pelo menos para o público em geral. A Microsoft tinha um monopólio virtual e usava e abusava. E como acontece com empresas nessa posição, ela ganhou uma má reputação que fica difícil de se livrar.

win7 logo
O monopólio do Windows em décadas anteriores não ajudou a criar uma simpatia pela Microsoft / © Microsoft

E esse cenário pode ter contribuído para o Windows Phone encontrar dificuldades em atrair usuários. Dito isso, até acho que a maioria das pessoas não se importa com as velhas práticas da marca antes de optar ou não por um smartphone com a sua plataforma. Vide o Xbox, que faz sucesso no mundo dos videogames. Mas que a fama que a precedia não ajudou em nada, isso é fato. 

E o Windows 10 Mobile terá futuro?

Essa é uma das grandes incógnitas do mercado mobile. A Microsoft começou a fazer o upgrade para a nova versão do sistema há algumas semanas, mas tomou uma decisão elogiável e, ao mesmo tempo, polêmica. 

Elogiável porque a atualização para o Windows 10 Mobile vai alcançar todas as gamas de smartphones da plataforma: modelos de entrada, intermediários e topo de linha. Ou seja, trata-se de um update bem mais democrático se comparado ao Android, por exemplo.

WINDOWSPHONEDEVICES
A atualização para o Windows 10 Mobile ganha pontos por ser mais democrática / © ANDROIDPIT

E polêmica porque a atualização Windows 10 Mobile deixará de fora metade dos modelos que trazem o Windows Phone 8.1. Ou seja, mesmo que o aparelho conte com especificações robustas o suficiente para suportar o update, ele pode não ganha-la. Isso acontece devido ao feedback dos usuários em relação as builds que a Microsoft disponibilizou via Windows Insider e que foi essencial para selecionar quem ganharia o upgrade ou não. 

Em resumo:  a não ser que a nova versão do sistema traga diferenciais que convençam as pessoas a ficar no Windows 10 Mobile, é bom a Microsoft já se preparar para perder mais uma fatia da sua já pequena base de usuários. 

A não ser que o Windows 10 Mobile traga diferenciais realmente bons, a Microsoft perderá mais usuários

Enfim, de qualquer forma, o Windows Phone está condenado a desaparecer. É uma pena, porque não é um sistema operacional ruim. Haverá atualizações de segurança para ele até 2019, logo, quem ainda gosta do sistema não ficará abandonado. Mas talvez seja a hora dos adeptos da plataforma começarem a pensar em outras alternativas.  

E para você, quais foram as causas do fracasso do Windows Phone?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Luan Grillo há 8 meses

    Vamos la:
    Windows Phone realmente está condenado, já que o atual sistema da MS é o Windows 10, plataforma, que não é apenas destinada a aparelhos celulares e sim a todos os produtos da mesma. Isso engloba Xbox, Lumias, PC's, Tablets (diga-se de passagem, lavada nos tablets androids [Surface!] ) e Hoolens. O ano de 2016 para a MS será apenas para otimização de seu SO e adição de recursos, no entanto, não esperem ver crescimento em vendas de aparelhos da MS. Até por que o objetivo da MS está sendo concluído, seu SO já conta com 270 milhões de usuários isso em menos de 1 ano.
    Sim, acho a estratégia arriscada demais, porém, espero profundamente que dê certo. Uso Android e Windows 10 Mobile (também uso no PC e no Xbox) e estou super satisfeito com ambas plataformas.

    Aplicativos? Bom, só sinto falta de um APP na loja: SnapChat. Fora isso, temos Instagram oficial com todos os recursos que o mesmo app do IOS tem, temos WhatsApp sendo atualizado praticamente a cada duas semanas, temos messenger que cumpre bem seu papel mesmo faltando alguns recursos, temos praticamente todos os jogos de sucesso da play store, temos os melhores editores de fotos, os melhores mapas, e, por fim, temos a Cortana para interagir com todos os app :D

    Apenas minha opinião sobre o SO da MS. Gosto muito do android, mas essa matéria está sem fundamento visto quê tudo faz parye de uma estratégia confusa da MS. Abraços, AndroidPit!

  • Rogério Veríssimo de Aquino há 8 meses

    A reportagem identificou bem o ponto negativo. O loja de aplicativos do Windows é simplesmente ridícula. Eu era dono de um Lumia. Ótimo aparelho por sinal. Mas sai da linha Nokia exatamente por isto. Migrei para o Android e estou satisfeito até hoje. Não vejo no mundo de hoje espaço para os celulares da Microsoft.

160 Comentários

Escreva um comentário:
  • Windows 10 não vai desaparecer, pelo menos, não tão cedo.. basta olhar para o xbox e para os pcs. O Windows Mobile é apenas uma das telas do W10. A Microsoft vai continuar lançando aparelhos, tanto para uso corporativo como pessoal. Talvez nunca tenham relevância quanto aos mobiles, mas sempre haverá usuários e continuará.. apesar dos mantras de q vai acabar..

  • Vamos lá²
    Com base no artigo, é bem evidente que o redator nunca foi um usuário de Windows Phone, meu blog relacionado ao assunto está entre os três maiores do Brasil. Portanto, para quem quer obter mais detalhes sobre a "morte do Windows Phone" sugiro que leia este editorial: wp.me/p5CNnE-7ZP ou este wp.me/p5CNnE-7kY
    Além deste, há diversos outros EDITORIAIS relacionado ao assunto, basta buscar sobre o assunto na barra de busca do site.

  • A Microsoft novamente nesse assunto pegou o bonde andando, mas teve uma abordagem mais racional, voltada para o mercado, o problema é o mercado já estar "viciado" em Android e iPhone.

    Foi uma das pioneiras se agarrando no mercado aberto na época pelos Symbians mais avançados transformando o antigo SO para PDA Windows Mobile em um SO para smartphone, daí um dos problemas.

    Acho que o maior problema foi época, custo alto, desempenho e memória travados para a época, câmeras ainda engatinhando para competir com as compactas da época em qualidade, internet cara e lenta não compensando, as pessoas ainda não eram na maioria geeks também, nome Micro$oft já era queimado por outros motivos, Symbian dominava, fora os jogos nativos e JavaSE, não haviam serviços que atraíssem o uso. Meio que um resumo do que lembro da época e em paralelo ao que vemos hoje, usuários que gastam (nem sempre é um investimento) em aparelhos para navegar, fotos, jogos e Whatsapp, Facebook e outros serviços online.

    Dentre as opções em anos: Windows Mobile 2003, Windows Mobile 5.0, Windows Mobile 6.0, 6.5.x, e junto deles ainda variações com "for Pocket PC", smartphone, classic, professional, ou seja, complicado isso.

    Eu tenho um iPaq 1945 da HP funcional (pois é, até o "i" a Apple copiou), tenho um Samsung Ominia 2 (Windows Mobile 6.5.3 - custom ROM) também funcional, e um Nokia N76 (Symbian S60) funcional também.

    • Vou acrescentar à parte, lembro quando eu tinha meu N76 e um amigo meu chegou com o novíssimo ultra-moderno iPhone 1 da Apple, tinha pena dele sobre o que fazer com o aparelho, escassa oferta de software, câmera fraca, bluetooth para ser usado numa ilha Apple (só entre aparelhos Apple - até hoje), e a única "vantagem" ser touch screen.

  • Eu ainda acho que ele tem que aparecer de fato para desaparecer.
    Até então é só um promessa de mais de 5 anos.

  • Aqui em casa apesar de usarmos Android, eu não acho bom o fim de um sistema concorrente. Devemos lembrar que o monopólio do Android só tem feito mal para ele, pois a Google se acomodou muito. Porém acho estranho um site voltado para a comunidade do Android falar tantos pontos negativos do sistema da Microsoft e afirmar, pois isso foi uma afirmação que o sistema irá acabar, acho que o editor que fez esta matéria não anda lendo o mundo da tecnologia, onde todo dia tem mais notícias, informações e desfechos. Mas concordo em uma coisa, pelo o que li, o Windows Phone realmente morreu, pois a empresa criou um sistema unificado, integrado, usando o mesmo Kernel, que se chama Windows 10, este sistema irá usado em diversos aparelhos desde Desktop até mesmo aparelhos móbile. Segundo o que colhi de informação, o presidente da Microsoft explicou o motivo de não ter mencionado nada para o Windows 10 Móbile, ele afirmou que não falou nada, por que o Windows 10 é apenas um sistema, os recursos e novidades mencionados por na Build 2016 é para todos os Windows 10, pois é um único sistema. Então afirmar que um sistema irá sumir por suposição é um erro grave de um site voltado para usuários do Android. Acho que o editor deveria ter procurado sites sobre o sistema da Microsoft feito uma pesquisa imensa, antes de tecer pensamentos vazios e sem fundamentos algum. Pois monopólio não faz bem a ninguém, prova disso é o monopólio do computador o qual é da própria Microsoft.

    Acredito eu que o sistema móbile da Microsoft tem tudo para crescer, pelo o que li, a Microsoft diminui a quantidade de Lumia lançado para poder dar lugar a outras fabricantes, e pelo visto vem atraindo, vi um Smartphone da HP com leitor de íris, e que roda programas x86 em nuvem, usando o Windows 10 Móbile. Pelo o que andei lendo, todo dia sai um aplicativo ou jogo novo universal, ou os aplicativos já existentes se tornam universais. E pesquisei sobre o modo Continnum, que segundo a Build 2016 receberá mais melhorias e recursos, e olhei no Youtube, é um recurso fantástico, a Motorola já fez algo parecido no passado, mas não é tão avançado com o que a Microsoft vem apresentando, os aplicativos universais, jogos universais achei interessante, pois isso ajuda demais os desenvolvedores. Lendo um review sobre o Windows 10 Móbile vi ele com recursos bons, e não deixa tanto a desejar, acho que ele tem mais recursos que os Motorola daqui casa com seu Android quase Puro, até mesmo poder responder mensagens ou coisas pela Central de Notificação já tem, e nós usuários Android só receberemos no Android N, isso se nossos aparelhos receber atualizações. Então evitem fazer matérias sobre sistema alheio, já que não domina o assunto, isso é apenas uma crítica construtiva.

    Vi também algo genial, eles estão desenvolvendo uma ferramenta para converter programas x86 em aplicativos universais, segundo eles o Windows Desktop possui 8 milhões de programas, eles chamam de projeto Centennial, e andei lendo que eles também tem projeto de converter aplicativos do IOS para o Windows 10 Móbile e já deu fruto como o jogo Candy Crash, Instagram entre outros, então não acho que isso é coisa de um sistema sem futuro, pois afirmar que o Windows 10 Móbile não tem futuro é um erro. As vendas diminuiram no Brasil por falta de aparelhos, dizem que a Microsoft vendeu a fábrica.

  • Já tive WP e hoje tenho iOS e Android.
    A Microsoft tem uma bela carta na manga: Surface Phone com W10 Full (não o Windows Phone). Como o Windows 10 já tem milhares de Apps que predomina 95% dos computadores mundiais, terá sucesso. Pois o futuro é computador de bolso. Com a vantagem de usar também em uma TV de 40" com mouse e teclado se tornar um computador. Isso é possível e é o futuro.
    O iPhone está a um patamar acima de todos em todos os sentidos.
    A vantagem do Android é a liberdade que as empresas têm para fazer suas modificações e oferecer funcionalidades incríveis que o iOS não tem. Porém, sofre com atualização e estabilidade. Já o Android do Nexus (puro) tem atualização certa; porém, perde feio para o iOS.
    O Windows Phone caiu por causa da própria empresa Microsoft. Pois a mesma dava mais atenção ao sistema concorrente do que ao seu próprio sistema móbile. Tenho um Xbox One e vejo a diferença de tratamento. É outro mundo!
    Se a Microsoft não tivesse liberado nenhum de seus aplicativos exclusivos para a Apple e Android, eu e 90% não teríamos abandonado o WP. Eu poderia até ter um iOS é um WP como sempre tive; mas, depois de perceber que a própria Microsoft não estava nem aí para sua própria plataforma móbile, eu troquei por um Android. E, hoje, eu uso iOS como principal (sempre) e Android como secundário.

    • Verdade, estava lendo sobre este Continnum e vi uns vídeos de um Lumia 950 XL em funcionamento, achei fantástico, não temos isso no Android, mesmo que a Google queira criar algo similar, irá demorar muito, pois os aplicativos universais que vão se expandir e acionar recursos adicionais quando estiver sendo usando o Continnum e andei lendo mais coisas para me inteirar sobre o assunto, já que o nosso digníssimo site falou mal e não buscou fontes. Segundo o que li a Microsoft pretende investir mais e mais no Continnum e dará ele mais funcionalidades, e irá criar telas sem S.O somente para conectar o Continnum, e deixará ele também integrado a Notebook entre outros dispositivos, você saiu de casa, poderá usar ele numa TV por exemplo que possua Windows, ou num monitor solto.

  • Acho que isso é reflexo da decepção das pessoas com o sistema que é limitado apps e diversidade de aparelhos. Do outro lado o Android voa com um design moderno já estabelecido, um imensa gama de aparelhos e um mercado cada vez mais competitivo com intermediários de hardware robusto sem ter que gastar mil reais. Além de tudo, hoje updates não são muito urgentes, cada nova versão traz mudanças mais superficiais.

  • Espero que não morra, tenho um galaxy note 3 e estou meio que insatisfeito, as vezes da umas travadas na hora de destravar a tela, as vezes trava tudo e neem nada faz destravar ¬.¬ .. migrei para o android por causa dos aplicativos, mas ainda uso soh os que usava o windows kk as cameras dos lumias, pelamor de deus *.* nao falo que sinto saudade, pois ainda tenho meu lumia 730 e o uso constantemente ... Espero que com a chegada do windows 10 mobile a Microsoft consiga trazer os aplicativos do IOS e deixa-los universal ... pois tudo que tenho no meu windows 10 mobile (estou no insider) eh totalmente sincronizado com meu PC com Windows 10 tbm, onedriver e etc.. meu android bagunça todas as fotos, o Lumia separava direitinho no onedriver, carregamento de camera, carregamento do whatsapp e etc, o android ja nao, ele carrega TODAS as fotos no carregamento da camera..
    enfim, gostei do android sim, mas ainda sim, prefiro o sistema da Microsoft (mesmo com esse atraso..)

  • Tenho um lumia 1520 que guardo como relíquia. Está sem chip de operadora guardado na caixa. De vez em quando eu o tiro da caixa e uso um pouco para navegar na net ou tirar umas fotos. A tela e a câmera são ótimas. Ele está wp 8.1. Mas pro dia a dia uso g3 e g4 por causa do Android.

  • A Microsoft queria fazer um sistema que funcionasse nos PCs e nos smartphones mas só conseguiu fazer 2 porcarias ao mesmo tempo! E tem mais: se não tomarem cuidado, muito breve serão atropelados pelo Chrome !!

  • Tomara que o Windows 10 mobile de certo, porque quanto mais concorrência melhores serão e mais baratos os produtos para nós consumidores.

  • Windows morto ele nao está mais bater de frente com o Android acho dificil o Android está ano luz de distancia os apps e o proprio sistema faz toda diferenca

  • Windows 10 Mobile não vai dar em nada, assim como Win Phone.... Bem feito pra Microsoft (que conseguiu "acabar" com a reputação da Nokia), bem feito pra Nokia (que se vendeu erroneamente, ao inves de apostar no android -- o que faria com que a empresa ainda fosse a numero 1 no mercado movel)...

  • Windows Phone morreu, nasce Windows 10 Mobile, um sistema definitivo que agora tem recebido melhorias contínuas, vejamos o que tempo dirá.

  • Cara, isso de dizer que o Windows Móvel está indo a falência, vai morrer seria uma coisa meio sem noção. O objetivo da Microsoft em alcançar o público móvel com Windows 10 Mobile é o mesmo da Google em alcançar o público desktop com seu ChromeBook.

    E além do mais, isso é um site de notícias coligada ao Android, para criar esse tipo de assunto, deve ser um site especializado nas três plataformas. Se for olhar pela quantidade de apps do Android 50% é lixo, não estou falando que os app da Windows Store sejam todos bons, claro que tem muitos apps desqualificados.

  • Sem dúvida, Nokia tem os melhores aparelhos, aí a parceria com a Microsoft acabou porque a mesma comprou a parte mobile da empresa, claro que isto não é o fator principal para a decadência do SO da Microsoft para celulares. Tive um Lumia 720 e me arrependi quando o troquei por Moto E primeira geração, mas já passou. A Microsoft quer entrar no mundo mobile do seu jeito, não do jeito que deve ser. Aplicativos que muitos já estão acostumados a usar e não tem para o seu aparelho. A aparência do whatsapp é muito feia também, mas isto é de menos. Acredito que se a Microsoft tivesse mesmo o interesse de fazer frente ao Android e IOS ela investiria, estaria investindo desde o início do lançamento do SO. Mas não é isto o que tem acontecido. Vamos esperar para ver.

  • Bem, como sou cego, tenho que falar sobre a minha visão, comprei um Lumia, a uns 2 anos a traz, e para minha surpresa? Não tem narrator no idioma em português, diferente do google, que eu posso comprar sintetizadores de voses como a Luciana Felipe ou a márcia da acapela, ou até mesmo atualizar a vós que vem com o google, ele não me oferecia nenhuma dessas funções, será que ele lê as páginas da web bem como o voiceouver ou o google talkback? Na verdade não sei, estava pensando em investir em um para ver como está após a atualização dos dispositivos com o win 10, mais depois da atualização beta do google talkback, fêz com que eu desistisse do teste etc.

  • android isso, android aquilo...blá blá blá...gente reclamando que o site deve falar só em android e esquecer IOS e W10M, sim, este é um site sobre android mas não esqueçam que há poucos anos não existiam android ou IOS e o mercado era dominado por javas e symbians e blackberry, mas o tempo passou e elas perderam o trono, algo que pode e provavelmente acontecerá com o android e o ios. Entender o que errado nos casos desses SO's é o que pode dar mais tempo de vida para os sistemas dominantes de hoje. Até por que o todo poderoso iphone quando foi lançado levava uma surra do N95 e onde fomos parar?

Mostrar todos os comentários

O AndroidPIT utiliza cookies para garantir que você tenha a melhor experiência no nosso site. Mais informações

Entendi