Nós usamos cookies em nossos sites. Informações sobre cookies e sobre como você pode se opor ao uso de cookies a qualquer momento, ou encerrar seu uso, podem ser encontradas em Política de Privacidade.

9 min para ler 12 Comentários

15 novidades do Android Q que você precisa conhecer

O Google I/O, evento da empresa para desenvolvedores, acontece em maio e é nessa ocasião que veremos, oficialmente, a nova versão do Android, que por enquanto é chamada apenas de Android Q ou Android 10. Porém, novidades estão vazando, e apresentamos tudo o que está aparecendo aqui, para você.

Android Q chega com o Google I/O 2019

Muitas novidades a respeito dessa nova versão já estão saindo. E se o visual não está sendo tão mexido, por dentro não param de anunciar melhorias técnicas com funções e aprimoramentos pedidos pelos usuários há algum tempo. Será que agora vai? Lembrando que o anúncio do Android Q acontecerá durante o Google I/O 2019, em maio.

Se você acha que o Android 10 está diante, pois ainda está aguardando pelo Android Pie, não se preocupe. Abaixo você confere nosso artigo especial sobre o Android 9:

1. Tema noturno em apps de terceiros

O tema escuro do sistema poderá ser aplicado manualmente ou automaticamente, com base no horário, ou seja, ele deve funcionar durante a noite. O usuário poderá também definir o horário, caso ele prefira que o mesmo funcione mais cedo ou mais tarde, como também em período integral.

Diversos aplicativos do Google já contam com um tema escuro, como é o caso do YouTube e do Google Notícias. Acontece que nem todos os apps de terceiros contam com essa opção, o que deve mudar com a chegada do Android 10, visto que alguns aplicativos que rodam na versão prévia do próximo sistema já contam com suporte nativo, como é o caso do Instagram, do Tumblr, do Groupon, do WHtasApp, Snapchat e SideDocks:

dm b
Groupon, Instagram e Tumblr / © XDA
Android Qside WhatsApp Dark Theme side
WhatsApp, SideDocks e Snapchat  © XDA

2. Reconhecimento facial nativo

O site XDA-Developers descobriu no meio das linhas de código desse update referências ao reconhecimento facial no framework, SystemUI e APKs de configurações. Essas informações não estão no Android AOSP atual e nem no Android Pie, então espera-se que seja uma novidade na próxima versão. Com isso, seria possível até realizar pagamentos com o rosto, de acordo com o código.

3. Personalização de fontes, ícones e cores

Dentro do código, também foram encontradas informações sobre "overlays", camadas que podem ser dispostas sobre um aplicativo ou sobre o sistema. Atualmente, o Google usa um sistema da Sony para isso, e a Sony já submeteu a segunda versão do recurso.

Dessa forma, foram encontradas três categorias de overlays no Android Q: fonte (Arvolato e Rubik), formato do ícone (Retângulo Arredondado, Quadrado, Squircle e Lágrima) e cor de destaque (Preto, Verde e Roxo) Já é possível mudar o formato dos ícones no Pixel Launcher, mas além de serem apenas uma máscara por cima dos ícones no launcher, as outras opções não eram possíveis sem root.

android q 03
Persoanlizando cores / © XDA-Developers

4. Downgrade de aplicativos

Embora não haja nenhum recurso visível no sistema acessado pelo XDA, eles encontraram no código menções a permissões de nome como "package_rollback_agent". Isso pode sugerir que aplicativos pré instalados no aparelho possam gerenciar o downgrade de versões de aplicativo. Isso seria útil para voltarmos a uma versão sem problemas, quando necessário. 

5. Atalho para emergências

Quando apertamos o botão de energia por algum tempo, surge a opção de desligarmos ou reiniciarmos o aparelho. Algumas fabricantes inserem mais opções, como captura ou gravação de tela. Parece que o Android Q deve inserir uma nova opção nesse menu, a de Emergência.

Tocar nesse botão provavelmente deve levar a uma ligação direta para a polícia ou outro serviço de emergências. Também pode enviar a localização para contatos pré selecionados.

emergency android q
Botão de emergência no Android Q / © 9to5 Google

6. Acesso a localização em segundo plano

Essa foi uma permissão retirada do Android há algum tempo, provavelmente para melhorar a duração da bateria do smartphone. Uma nova permissão chamada "android.permission.access_background_location" foi encontrada no Android Q com a descrição "O aplicativo sempre terá acesso ao local, mesmo quando você não estiver usando o aplicativo".

Em resumo, os desenvolvedores de aplicativos poderão usar essa permissão para restaurar o comportamento de segundo plano anterior do Android.

7. Tema noturno no sistema inteiro

Já noticiamos a chegada dessa função algumas vezes no AndroidPIT, e agora ela está muito mais próxima da realidade. A versão de testes mostra que todo o sistema poderá ficar escuro, e não apenas a área de atalhos e alguns outros pedaços, como acontece no Android Pie. 

Nas configurações de tela, você pode escolher o menu "Set Dark mode", ou Configurar tema noturno, e deixá-lo sempre ativado, sempre desligado ou automático, de acordo com a hora do dia. Com isso, notificações, home, sistema, configurações e até o app Files ficam escuros.

android q 01
Tema escuro para todos os lados! / © XDA-Developers

Em uma opção escondida na área do Desenvolvedor, é possível forçar o modo noturno, provavelmente para habilitar essa função também em apps que não venham com o Modo noturno entre suas configurações, como já é o caso de quase 100% dos apps do Google.

8. Modo desktop nativo, tipo DeX

Essa função não está em demonstração ainda, e por isso não houve como comprová-la, mas os redatores do site encontraram uma opção de Desenvolvedor chamada "force desktop mode", ou Forçar Modo Desktop. Na descrição, está escrito "force experimental desktop mode on secondary displays", ou Força o modo desktop experimental em telas secundárias.

Essa função de cara nos lembra do DeX, sistema da Samsung que habilita um modo desktop em alguns aparelhos da marca, seja via base ou sem ela, como já acontece no Galaxy Note 9. Isso permite que o smartphone se transforme em um computador, sendo ligado a um monitor, mouse e teclado.

Screenshot 20180523 160754 Chrome Dev
Uma função igual ao DeX nativa no Android 10? / © AndroidPIT

9. Mais controle sobre permissões

O Android Pie nos trouxe um nível extra de acesso a permissões, e o Android Q promete trazer não apenas mais controle, mas também maior facilidade de controle. O maior destaque fica para o fato de que será possível permitir o uso de algum componente do sistema apenas quando o aplicativo estiver em uso.

Dessa forma, será possível, por exemplo, permitir que o Facebook só utilize a câmera quando você estiver utilizando esse app propriamente dito. Sobre a facilidade, a visualização de quais permissões estão sendo utilizadas por quais apps melhorou, e será possível até mesmo filtrar por permissão o número de apps em uso. 

android q 04
Novo controle de permissões no Android Q / © XDA-Developers

Além disso, é provável que haja um bloqueio ao clipboard do Android. Atualmente, apps não precisam pedir permissão para ler o seu clipboard, e isso pode comprometer seriamente a segurança do usuário. É esperado para o Android Q uma permissão para esse recurso. 

android q 05
Será possível permitir o uso de algo apenas enquanto o app estiver aberto / © XDA-Developers

10. Gravação de tela nativa e Always On display colorido

A área de Desenvolvedor foi onde foram encontradas mais funções, embora não seja possível ainda dizer quais serão realmente apresentadas ao público final. Uma delas é uma interface ainda não terminada para gravação de tela de forma nativa, ativada ao se pressionar o botão de captura de tela por mais tempo.

android q 06
Gravação de tela nativa seria ótimo / © XDA-Developers

Outra descoberta foi a Lock screen com wallpaper. Esse é o nome da função Always On Display nos Pixels, e na terceira geração é possível colocar um papel de parede nessa tela, gastando-se mais bateria, claro. Provavelmente, será uma opção aberta a todos. Mais coisas como um acesso ao SystemUI, a possibilidade de escolher os gráficos de um jogo e muito mais foi encontrado, mas nem tudo está funcionando.

android q 07
Desenvolvedores têm mais controle sobre os gráficos dos jogos / © XDA-Developers

11. Acessibilidade nas notificações

Nesse menu, foram encontradas duas novidades, a "Time to take action" (Tempo de realizar ação) e "Time to read" (tempo para ler). Enquanto a primeira permite escolher por quanto tempo mensagens que pedem que você realize uma ação mas que são visíveis temporariamente apareçam, a outra é para escolher quanto tempo você quer para ler e tomar ações em mensagens que desaparecem automaticamente.

A segunda pode estar se referindo às notificações temporárias que aparecem no topo da tela, introduzidas no Android 5.0 Lollipop.

android q 08
As imagens são apenas reservas, não falam sobre as funções / © XDA-Developers

12. Sensores desligados e SmartLock melhor

Uma opção na área de atalhos chamou a atenção. Ela diz apenas "Sensors off", ou sensores desligados, e provavelmente faz exatamente o que está escrito. Quando colocamos nossos smartphones em modo avião, nem tudo se desliga, como os sensores: acelerômetro, giroscópio, entre outros.

Essa opção provavelmente ajudará os que realmente querem economizar bateria ou simplesmente têm medo do que esse tipo de componente pode irradiar ou captar. Outra janela mostra a parte de bloqueio de tela e será possível estender o tempo em que o display fica aceso caso esteja com o SmartLock ativado e em um local confiável.

android q 09
Sensores desligados / © XDA-Developers

13. Multi-janela para mais de dois aplicativos

O modo multi-janela é bastante funcional, apesar de algumas fabricantes limitarem seu funcionamento. A mudança no Android 10 Q será o modo multi-resume, onde mais de dois aplicativos poderão funcionar simultaneamente. É esperado que empresas alterem o funcionamento dessa função de acordo com o hardware do produto, como o tamanho da tela, mas o Google garante que esse recurso chegará de alguma forma a aparelhos não-dobráveis. 

Captura de Tela 2018 11 12 as 12.52.45
Modo multi-resume / © XDA

14. Suporte a telas dobráveis

O Google anunciou na Samsung Developer Conference que o Android será compatível nativamente com este tipo de tecnologia em futuras versões. As empresas estão trabalhando juntas no desenvolvimento do ecossistema que dará vida ao projeto flexível.

Os esforços também se estendem aos desenvolvedores de todo o mundo, visto que aplicativos e jogos também precisam apresentar comportamento adaptado para este tipo de tela. A Google, por sua vez, diz que o sistema e seus aplicativos serão capazes de exibir informações e interfaces diferentes quando a tela estiver aberta ou dobrada.

E aí, o que achou das novidades do Android Q?

Os comentários favoritos dos leitores

  • Soterio Salles há 1 semana

    Alguns recursos não são bem novidades... Estão presentes na maioria das interfaces customizadas já tem um bom tempo inclusive, mas é claro que elas serem integradas a versão mais pura do Android é bom.

12 Comentários

Escreva um comentário:
Todas as mudanças foram salvas. Não há rascunhos salvos no seu aparelho.